General Ramalho Eanes é o autor do prefácio do livro “Terra Firme”

O antigo presidente da república portuguesa, general Ramalho Eanes é o autor do prefácio do primeiro livro de Manuel Pinto da Costa, “Terra firme” que será lançado em Lisboa, dia 2 de Junho no Museu da Cidade, segundo revelou em primeira mão ao Téla Nón a editora Afrontamento, responsável pela edição da obra literária.

Ramalho Eanes foi o primeiro Presidente da República a ser eleito por sufrágio directo e universal em Portugal, cumpriu dois mandatos entre 1976 e 1986 e teve um papel importante na normalização das relações com os países africanos de expressão portuguesa e na acção externa a favor da causa Timorense.

No prefácio, a que o Téla Nón teve acesso em exclusivo, o antigo chefe de estado português escreve que “nesta obra Terra Firme, que bem poderia chamar-se Repensar São Tomé e Príncipe, Pinto da Costa faz como que uma radiografia da situação interna e internacional circundante, mundial mesmo, no que ela representa e significa, pedagogicamente até para São Tomé e Príncipe. Não se fica porém na radiografia; utiliza-a para proceder a um diagnóstico dos males de São Tomé. E avança depois, (…) para uma avaliação profilática, preliminar- a apresentação de soluções que, bem desenhadas, competentes e honestamente executadas, poderiam conduzir ao sucesso“.

Acrescenta depois o general sobre esta primeira obra de Pinto da Costa “com este sagaz e salutar modelo trata, na segunda parte do seu trabalho Terra Firme, de instabilidade e desenvolvimento, do problema da corrupção, de como restaurar a confiança, de como dialogar para a mudança, do ideal de unir para o desenvolvimento, aborda as eleições presidenciais, a importância geoestratégica do Golfo da Guiné e o papel de São Tomé e Príncipe, analisa questões relacionadas com petróleo e desenvolvimento, apresenta os desafios para a próxima década, e  termina com sugestões para a necessidade de vencer a pobreza“.

Ramalho Eanes sublinha ainda que “neste minucioso e realista processo de diagnóstico-terapia de São Tomé e Príncipe“, Pinto da Costa fala também “no papel do Presidente da República (…), pelo que significa e pode enquanto defensor da Constituição, de promotor das liberdades, e de mediação entre a Sociedade Civil e o Poder Político, entre os partidos políticos, entre o presente, (…) e o futuro, se todas as oportunidades, e muitas são, tiverem proveito, com zelo competente, com realismo, com estabilidade governativa, com interacção virtuosa entre a Sociedade Civil e os partidos políticos

Com uma acção política de diálogo e exigência, a um tempo prudente e ousada, liderada de maneira eticamente exemplar, realizada em sistemática interacção com partidos políticos e diferentes organizações da Sociedade civil (…) seria possível cumprir o voto de esperança: sentir e ouvir na sua mão de santomense, que aperta, as mãos dos outros santomenses, o som de uma só mão: o som da esperança num futuro de justa, partilhada e honesta felicidade” pode ler-se ainda no prefácio escrito pelo General Ramalho Eanes sobre este primeiro livro de Manuel Pinto da Costa que, segundo o Téla Nón revelou na semana passada, vai ser lançado pela editora “Afrontamento”

Possível seria assim“, conclui Eanes, citando Pinto da Costa “Vencemos a escravatura. Vencemos o colonialismo. Havemos de vencer a pobreza e conquistar o desenvolvimento sustentável. Havemos de estender a mão para cumprimentar e não para pedir. À nossa maneira, com a nossa cultura, os nossos costumes e a nossa identidade“.

Téla Nón

  1. img
    Santana Grande Responder

    Ramalho Eanes, foi grande presidente. Como inteligente e sábio com é devia recandidatar-se ao posto de Presidente da Republica Purtuguesa.
    Como não vai se recandidatar, é mesmo inteligente e Sábio.
    O seu homologo, este não mede as consequências.

    • img
      jaka doxi Responder

      Meu povo ja viram?
      É tudo velharia.

      • img
        Observador Responder

        @Jaka Doxi
        respeite os mais velhos para que possa ser respeitado na sua velhice. Faço votos que, quando tal acontecer, não seja trado como uma “velharia”.
        Ramalho Eanes foi um relevante militar de Abril e um referência da democracia portuguesa.
        É uma personalidade cuja integridade é respeitada em portugal e a nível internacional.
        Contra factos não há argumentos. Deixe-se de politiquices.

        • img
          Observador Responder

          trado=tratado

      • img
        Felismino Bolivar Responder

        Continuo a dizer,

        Nós precisamos do Sr. Pinto da Costa mas não como PR. Eu acho que precisamos mais dele no sentido de uma recorverção moral e alguém que possa trazer dignidade e moralidade ao povo são-tomense.

        Crie um Fundação. Dê bolsas aos jovens pobres das roças e aldeias de STP, crie um prémio para o melhor engenheiro, economista etc.

        Forme uma academia de Belas Artes. Veja o exemplo do próprio Ramalho Eanes e do Mário Soares. Se não quiser ir muito longe, siga o exemplo do João Carlos Silva.

        Contribua para promover STP e os são-tomenses. Mas esqueça a política.

        Há muito mais por fazer fora dela.

        Já agora, a propósito do livro. Concerteza que não faz referencia a nenhuma das boas acções que referi acima porque não tem…não as fez.

        Então comece hoje para poder escreve no próximo livro

        Grande Abraço

        FB

    • img
      E.Santos Responder

      Não, Ramalho Eanes fez o que tinha de fazer enquanto Presidente e os que o sucederam souberam partir do ponto onde ele parou e andar para frente. Pelo que o próprio não tem porque querer voltar.
      No nosso caso, partiram do ponto onde Pinto da Costa deixou e andaram para trás, razão porque, julgo eu, o homem já na idade de vos mandar pastar a todos com o vosso país, continua com a triste vontade de voltar para repor o que destruiram (tudo, inclusive a dignidade dos São-tomenses). Não me canso de repetir que a culpa disso tudo é do PCD. O PCD e companhia limitada são os grandes responsáveis por ainda hoje Pinto da Costa manter o desejo de voltar a ser Presidente e ter muitos apoiantes. O próprio Povo chegou a dizer “melhor ele mesmo”, depois de o ter tirado para dar lugar a PCD.
      Se tivessem sabido partir do ponto onde Pinto da Costa parou e governar com responsabilidade hoje podiamos não estar bem, mas não estarimos na pior como estamos. E olha que na altura eram quase todos jovens, gente nova com sangue novo vindos tenrinhos de formação no exterior. Mas não, só souberam foi pilhar o país.

  2. img
    Sun Fulano! Responder

    Isso nao faz do livro uma celebridade. pois o senhor Ramalho Eanes é um ser humano, mortal como qalquer outro, qe caga, come, bebe…e etc. portanto, nao vejo isso como noticia. quem puder ler o livro saberá disso vendo o prefácio.

    por favor nao escrevam ou coloquem noticias que nao sejam moticias, como fazem muitos jornais desse mundo actual. por exemplo o jornal portugués Abola, até noticia que a namorada de Cristiano Ronaldo ao sair da ilha Madeira, ” Irina shayk tapa a cara a sair de Madeira”, ” CR7 nao larga o filho”; como se as personalidades médiatecas desse mundo fossem extra-terrestres ou tivessem algo superior aos demais seres humanos.

    nao noticiem coisas dessas pro favor, Tela Non e Abel Veiga.

    • img
      Carlos Neves Responder

      Meu Deus, onde vamos parar. è dificil entender como um Sr. que nada vez ao longo deste tempo todo em prol do desenvolvimento deste pais, a não ser puxar o tapete aos seu proprios camaradas, nunca sequer crou postos de emprego para os Sãotomensses, aprece agora como salvador da Pátria, escrevendo livros que fazem a radigrafia de uma situação ja feita, tudo para ser Presidente. Não é demais. Eu não voto Pinto. Principalmente e acima de tudo, por ter a sua volta camaradas como Ataonio Quintas Espirito Santo…o Maquavélico de sempre, o panfletista… Amro Couto, desde que nasceu ainda anda a dormir não acordor…valha me Deus, onde vamos parar…Zé Manuel Noronha, maior devedor da Praça…enfim!

      • img
        Abel Pedro Responder

        As de perceber que o pinto é a melhor escolha deixem de similar ódio eu acredito que uma boa parte de compatriotas que fala mal do pinto não o conheceu apenas usa a democracia da pior forma. DEUS ilumina a cabeça dês distraídos, mesmo com a evidencia de ante dos olhos ñ vêem nada olha o pinto é a melhor escolha o tempo vai dar razão a se o homem ganhar estamos no bom ritmo e se o homem perder STP ta no abismo total. Pena que ADI e o trovoada não perceba que apostar no pinto é a melhor escolha. Um bem haja ao pinto e que essas criticas todas te faça um vencedor das eleições para o bem da nossa sociedade. Eu VOTO PINTO DA COSTA dia 17

      • img
        Carlos Vaz Responder

        As de perceber que o pinto é a melhor escolha deixem de similar ódio eu acredito que uma boa parte de compatriotas que fala mal do pinto não o conheceu apenas usa a democracia da pior forma. DEUS ilumina a cabeça dês distraídos, mesmo com a evidencia de ante dos olhos ñ vêem nada olha o pinto é a melhor escolha o tempo vai dar razão a se o homem ganhar estamos no bom ritmo e se o homem perder STP ta no abismo total. Pena que ADI e o trovoada não perceba que apostar no pinto é a melhor escolha. Um bem haja ao pinto e que essas criticas todas te faça um vencedor das eleições para o bem da nossa sociedade. Eu VOTO PINTO DA COSTA dia 17

  3. img
    macabeu Responder

    A unica coisa que podemos fazer é votar contra este homem…só assim, ele não chegará ao poder. poder este que ele sempre amejou, mas pronto… a ver vamos.
    devias é continuar a publicar livros e plantar algumas arvores. isso sim seria bom contributo.

    • img
      Pedro Responder

      As de perceber que o pinto é a melhor escolha deixem de similar ódio eu acredito que uma boa parte de compatriotas que fala mal do pinto não o conheceu apenas usa a democracia da pior forma. DEUS ilumina a cabeça dês distraídos, mesmo com a evidencia de ante dos olhos não vêem nada olha o pinto é a melhor escolha o tempo vai dar razão a se o homem ganhar estamos no bom ritmo e se o homem perder STP ta no abismo total. so com intereceiros que vão lapidar o nosso País, Pena que ADI e o trovoada não perceba que apostar no pinto é a melhor escolha. Um bem haja ao pinto e que essas criticas todas te faça um vencedor das eleições para o bem da nossa sociedade. eu voto Pinto da Costa pelo valor moral e etico que necessitamos urgente recuperar.

  4. img
    J. Maria Cardoso Responder

    Mais importante k ter ou ler o tão aguardado livro, espero nutrir-me de ingredientes k me possam aliviar as dúvidas k os outros não têm ao serem detentores dos prognósticos.
    Esperei por este reabrir de páginas e não me desespero na hora do reencontro com um livro k apesar de tudo, é apenas mais um livro para as prateleiras de S. Tomé e Príncipe.
    Um bem-haja!

  5. img
    Bejunto Aguiar Responder

    Que venham as criticas. Infelizmente essa parece ser a nomenclatura ecléctica dos nossos compatriotas. Já o disse antes e volto a dize-lo: Dado ao estado desastroso do nosso país e a situação lamentável em que chegamos, MPC é a melhor pessoa para liderar o país. A democracia foi um bem, mas muito mal interpretado pelos sao tomenses. Não estou a espera de milagres e sei perfeitamente que o Pinto não será uma panaceia. Mas será com certeza a figura mais indicada para trazer de volta os valores perdidos e diluídos no tempo. Disciplina, Trabalho e Amor ao próximo, Orgulho, Dignidade e Respeito pelos mais velhos e pelas autoridades. Dignificação do trabalho e das profissões independentemente de se ser candongueiro, camponês, palaie, pescador, varredor de rua…Trabalhar a terra é tão dignificante como ser-se deputado, médico ou juíz.

    O país como nação perdeu por completo o rumo e o seu lugar no mundo. Antigamente éramos pobres mas limpos. Éramos pobres mas dedicados, éramos pobres mas respeitosos, éramos pobres mas honrados. Hoje somos mais pobres ainda e vazios no espirito, vazio no sentimento, no amor para com os nossos. Apenas somos alimentados pela inveja, ambição desmedida, maldade e ódio.

    Amigos e compatriotas, nós somos muito pequenos em dimensão, mas vivemos no melhor pedaço de terra do mundo. Deveriamos ser os mais felizes do mundo. E acredito que ainda é possivel, se não for na nossa geração que seja nas dos nossos filhos ou netos.

    Bejunto

    • img
      Vaz Responder

      Concordo plenamente. Camaradas reflitam comigo, nao acredito que o pinto da costa seja a figura indica para ocupar o cargo de PR de STP e estou de acordo com a que maioria das criticas aqui levantada.Mas atenção, acredito ainda menos nos outros 9 supostos candidato. Infelizmente nao temos escolha, temos mesmo que eleger um deles dentro de algumas semanas. Por isso convém que pensemos muito bem antes de votar, será que vale a pena afastar a todo custo a realidade de ter Sr. P.Costa como PR e refugiamo-nos num outro sem maturidade e experiência nenhuma na matéria.
      Penso que, na situação em que se encontra o pais e o mundo não nos permite eleger um individuo e ficar a espera 3 a 4anos para que ele ganhe experiências

      • img
        obrigatorio Responder

        assim tais a ser burro nenhum homem jamais nasceu com experiências , é tu não ti consideras capas e achas com bagagem para o apoiar? quando ele lá foi que experiência teve nenhum mais fez o que vozes dizem foi a melhor governação de sempre ,então pomos alguém que nunca fez parte do governo , pinto não é e jamais será um imortal ,quando ele for país como alma sem seguidores , assim que almejam o futuro ? palacio cor de rosa não é quinto do pinto, pk ele não emita ramalho aines e fica por cima ,e tanto insiste em ser cauda?

    • img
      Leoter Viegas Responder

      Meu caro,

      Subscrevo integralmente a tua opinião.

    • img
      Paterson Responder

      Assim seja.
      Subscrevo integralmente.
      Quem nos dera se todos olhassemos dessa maneira.
      VIVA PINTO DA COSTA

  6. img
    GOMES GOMES Responder

    MAS MEU DEUS………………. SÓ EM EM STP………………………. NÃO DÁ PARA ENTENDER……………… ONDE ESTAMOS, O QUE QUEREMOS, QUEM SOMOS E PARA ONDE VAMOS? AGUARDO RESPOSTA….

  7. img
    GOMES GOMES Responder

    SÓ EM STP – RECTIFICO

  8. img
    Carlos Ceita Responder

    Caros meus amigos
    Não é o facto de senhor Eanes prefaciar o livro só por si se pode concluir que foi ou podia ser um bom presidente de Portugal. Mas isso não me tira o sono. Portugal não é a minha pátria. Cabe aos portugueses saberem quem foi e será melhor presidente para eles.
    É provável que Eanes seja alguém que simpatize com percurso politico Pinto da Costa. Duvido que Mário Soares que também foi um grande presidente português prefaciaria o livro por aquilo que sabe da trajectória do Pinto na presidência de São Tomé e Príncipe.
    Em todo caso felicito ao Dr Pinto da Costa por ter aceito ou não o desafio de aqueles que gostaria que ele expusesse o seu pensamento politico em livro ao dispor dos saotomenses. É caso para dizer mais vale tarde que nunca.
    Fica o desafio também outros protagonistas Da luta de libertação (Miguel Trovoada, Carlos Graça, Guadalupe de Ceita Leonel Mário D´alva Jose Fret lau Chong) para que escrevam sobre o passado presente e futuro de São Tome e Príncipe.
    Logo que o livro (Terra Firme) sair a banca vou correr como um leão para devora-lo.
    Bom fim de semana

    • img
      Kundu Mualá Vé Responder

      Luta de libertação uma pinóia.
      Uma cambada de cobardes que só o 25 de Abril abriu caminho para chegarem ao poder.
      Heróis de 5 krôas.

  9. img
    R. Carlos Responder

    Afinal o Tipo nem é criativo.

    • img
      to-ze Responder

      santa ignorancia,

  10. img
    Oldayr Castro Responder

    Povo Santomense é um povo sem memoria, Pinto da Costa fez tanto mal a santomé, e ker apareçer como salvador da patria,,, meu Deus… temos k penalisar esse homem,,, por todo mal k ele fez a santomé…. cartão vermelho a pinto da costa…

    • img
      Paterson Responder

      Inocente……..coitado.
      Mal aos Santomenses esta fazendo tu com as tuas ignorancias.

    • img
      E.Santos Responder

      Não basta dizer que Pinto da Costa fez mal. É preciso dizer onde e em quê especificamente ele fez mal, tendo em conta o cenário da altura,e o que poderia ter feito melhor ou de forma diferente.
      Como a mim pessoalmente ele nunca fez mal, e os que lhe seguiram fizeram muito mal (ao país e consequentemente a mim e a minha família), então não lhe consigo apontar culpas, antes, tolero-lhe os erros. Vão me desculpar mas só quem nasceu a seguir ao 25 de Abril para andar a desdenhar a luta pela libertação do país do colonialismo. Também já cresceram a ver o país com buraco, hospital sem médico e sem medicamento, roças privatizadas com cacau entregue a bichos, nunca ouviram falar em copra e coconote, obviamente que não têm termos de comparação.
      A maoria jovem, com sangue novo que já só conheceu a democracia corrupta e que anda a espreita de uma oportunidade, como dizem os próprios, para irem tirar a sua parte.

      • img
        obrigatorio Responder

        de uma forma burra apoias o pinto , ele nada fez pelo seu povo, nunca teve mestria para governar , se não em ditadura , na democracia muito menos não penses com pé mais com cabeça … abaixo pinto…

        • img
          E.Santos Responder

          Para chamar burro a alguém é basta poder abrir a boca. Preciso de muito mais do que isso para me sentir como tal. Quero argumentos, quero factos que comprovem que estávamos pior antes da democracia e agora estamos muito melhor (não falo da liberdade de expressão, falo sim de pobreza).
          Não estou em condições de avaliar a mestria que Pinto teve ou não em governar, mas o certo é que aguentou um país saído do colonialismo por 15 anos e manteve-o em condições de abitabilidade para os São-tomenses. A partir de 1991 o que vimos foi pilhagem do país e mais nada. O que sobrou da pilhagem está a vista, não precisa de comentários.
          Não defendo Pinto da Costa, nem vou votar nele, mas tolero-lhe os erros tendo em conta a conjuntura e os acontecimentos que vieram com a dita democracia, quer dizer, mais anarquia do que tudo.
          Você consegue imaginar o Aristides Pereira a querer ser presidente novamente? Não, pois não. Ele não tem esta necessidade.
          Digo-lhe eu, pense com cabeça e fundamente quando quizer dizer alguma coisa e que a gente o compreenda, o mínimo que seja, ao invez de estar só a repetir que Pinto fez mal. Factos meu caro amigo, senão quem lhe vai chamar burro sou eu.
          Daqui a pouco vai me estar a dizer para apoiar Delfin Neves…era só o que me faltava.

          • img
            Bejunto Aguiar

            E. Santos,

            Concordo consigo. De nada adianta gastar a saliva, melhor o dedo. Infelizmente ja estou habituado. Houve alguém aqui que disse que preferia o colonialismo do que o Pinto. Ja antes perguntei a certos leitores do Telanon para compararem a produção interna na altura, a exportação, o nivel da divida publica da altura, criminalidade, morte infantil, saude publica, hospitais e postos medicos, dever de cidadania, inflação… e por ai fora com os dados mais recentes. A diferença é triste e abismal e o pior é que recebemos mais ajuda externa, temos mais quadros e técnicos, vivemos supostamente numa democracia e economia de mercado, a conjuntura regional e mundial nos primeiros 15 anos da nossa independência eram muito pior do que é hoje.

  11. img
    Tito Cunha Responder

    Verdade ou mentira o que se diz por aqui em privado é que a São Lima deu uma mão a Pinto da Costa no livro. Dizem que esteve em Lisboa com as pessoas que estão a preparar o lançamento do livro. Os outros pré-candidatos estão a sentir-se ultrapassados pelo Pinto que pouco a pouco, passo a passo, está a demonstrar que a sua candidatura está a ser preparada devidamente no nosso país, em Angola e em Portugal com gente que percebe das campanhas eleitorais, coisa que os outros que querem ser PR não têm, nem sequer dinheiro para a campanha. Pinto vai ganhar estas eleições a brincar porque muitos outros pré-candidatos estão nisto apenas à procura de verbas para meter no bolso e vão acabar por desistir em favor do Pinto antes do dia 17 de Julho.

    • img
      obrigatorio Responder

      estarei neste sitio para escrever sobre queda do pinto , esse pais não pode ser só de velhos, dizem que criança de hoje será futuro de amanha , criança cresceu e volto , para cumprir a profecia ,aurélio martins como presidente de stp

  12. img
    Anca Responder

    Não vou aqui dizer;

    Nem viva,
    Nem abaixo,

    Uma lição se quisermos apreender

    Sabem qual o mal dos povos subdesenvolvidos e bem dos povos que nós gostamos de apelidar de evoluídos e desenvolvidos?

    É de facto uma diferença enorme no modo de ser e estar,partilhar,(partilha de saber e conhecimento,solidariedade,reconhecimento),rápidos a pensar,rápidos a construir e unir e lentos a destruir,diferentes do modo de ser e estar dos povos que nos gostamos de apelidar de menos evoluídos ou subdesenvolvidos e nós enquadramos nestes últimos.

    E porquê?

    Os povos ditos desenvolvidos ou evoluídos,assentam o desenvolvimento,na partilha do saber e conhecimento, para fazer avançar a sociedade,por isso quando um dos seus membros escreve algo para memória futura de todos,nem que seja um livro infantil,ou de poesia isso é muito valorizado e reconhecido por todos membros da sociedade,por isso é que têm grandes bibliotecas,livrarias, e Universidades de Renome e Prestigio Internacional, porque de facto são muitos longos anos a partilhar conhecimento e saber,para o bem e desenvolvimentos de todos,por têm a sociedade que têm,com todas as tecnologias mais evoluídas e sabem todos os processos de como foram construídas e como podem ser melhoradas para obter mais valia(mais dinheiro na hora de vender aos povos menos evoluídos),por isso produzem carros,motas,televisores,roupas, telemóveis,etc,etc… que os povos subdesenvolvidos somente consomem,sem saber com foi feito,(por isso quando um carro ou um televisor,etc… avaria no nosso em São Tomé e Príncipe ou fica parado ou tem que se importar peças).

    Tudo isso,porque queremos continuar a ser apelidados, de menos evoluídos e subdesenvolvidos,numa era onde outros povos que fazem parte deste mesmo planeta, em que também está inserido o nosso País,já têm a preocupação de conquistar e habitar outros planetas,nós ainda estamos a tentar resolver, problemas da fome,da falta de água, de energia, educação,formação,etc,etc…no fundo o problema da pobreza,não só material como espiritual e intelectual,pobreza de espírito.

  13. img
    Anca Responder

    Nós somos lentos em construir e unir esforços e rápidos em destruir.

    Criticamos todo e todos sem,fazer uma analise, sem ler sem saber,sem conhecimento de fundo.

    O que somos de facto, neste mundo que tipo de povo somos.

    Como humanos,e ser que somos todos, cada um na sua dimensão,somos uma ínfima partícula insignificante um sopro no tempo,em que o nosso tempo de vida equivale apenas a uns anos de vida 60,70,80 anos, nem chegamos a um século de vida,somente um ou dois conseguem alcançar está proeza dada por um superior que não sabemos,nem conhecemos.
    E andamos ai,a criticar todo e todos,a odiar tudo e todos,sem de facto construir e unir,em volta de bem comum.

    O desenvolvimento,leva anos,séculos a conseguir alcançar,e que ironia nós só vivemos 50,60,70 anos de vida, tem haver com a maneira como olharmos e criticarmos o problemas do subdesenvolvimento e de pobreza mental,que afecta,grande parte da nossa população.

    Os tempo e anos que perdemos a energia que desperdiçamos com querelas,e discórdia, são tempo e anos que deveríamos concentrar energias para criar sinergias a bem do nosso País,e quantos anos já perdemos e desperdiçamos.

    Pratiquemos o bem, pois o bem, fica bem e não desperdiçamos mais tempo,com querelas e intrigas,apreendamos a criticar contribuindo para valorização e riqueza espiritual de todos, para o bem do desenvolvimento de São Tomé e Príncipe.

    Podemos não gostar deste ou daquele,mas temos que respeitar e conviver com todos.

    Deus Abençoe São Tomé e Príncipe.

    Mudemos de comportamento e pensamento, para o bem de todos.

    Bem Haja.

  14. img
    Anca Responder

    Desculpem pelos erros,aqui cometidos com a ortografia.

    Desculpem e bem haja.

    • img
      obrigatorio Responder

      es o imperfeitos como todos os seres humanos é natural que o dês …..

  15. img
    Anca Responder

    Quando um membro da nossa sociedade escreve algo, independentemente de ser candidato a Presidente da República, de ter sido Ex Presidente da República, independentemente de gostarmos ou não da pessoa, é sempre algo que deveríamos valorizar.
    Para o bem da nossa memória colectiva futura,para nossa investigação futura,para mais conhecimento da nossa sociedade.
    Se nós não fomos capazes enquanto São Tomenses de perdoar e delinear com ponderação e humildade outro caminho rumo a desenvolvimento,uma vez que estamos numa outra era e num novo regime(democrático,liberdade de pensamentos e ideias)com novos valores, estamos a fazer o mesmo que aqueles senhores fizeram no regime(mono partidarismo político e ditadura, a não proliferação de ideias e pensamentos), e fizeram isso porque de facto não tinham conhecimento profundo daquilo que era Independência Total, por isso continuamos com leis da era colonial até bem pouco tempo em São Tomé e Príncipe e com a mão sempre a pedir dinheiro até hoje em vez de cumprimentar.

    Se não conseguirmos perceber isso(mudança de um regime implica mudança de comportamento e de valores, então estamos ainda a viver valores do regime passado) e dessa maneira não estamos a caminha rumo a desenvolvimento, não estamos a caminhar para uma sociedade evoluída.

    Só com mais conhecimento,com mais formação,com mais autores conseguiremos,com mais leitura e investigação, com mudança interior nossa, com uma visão diferente ampla e critica,poderemos vir a traçar novo caminho rumo ao desenvolvimento em São Tomé e Príncipe.

    É claro que não esquecemos o que aconteceu no regime único, mais ultrapassar esse tempo da História do nosso País é fundamental é essencial, para traçarmos outro caminho diferente,rumo ao desenvolvimento,
    para isso temos que mudar interiormente,temos que ser mais humildes e ponderados,temos que saber perdoar,pois quando não sabemos mais susceptíveis estamos a cometer erros,
    penso que não é isso que desejamos para o nosso País.
    Por isso

    Pratiquemos o bem, pois o bem, fica
    sempre bem
    Bem haja a todos

    Deus Abençoe São Tomé e Príncipe

  16. img
    Anca Responder

    Já repararam na dimensão do Universo?

    Façam esta experiência

    Num dia em que o céu esteja limpo e com estrelas,observem bem atentamente, a dimensão do Universo,a beleza do universo,por cima daquelas constelações de estrelas a muitas Galáxias,Planetas,alguns ainda não sabemos se contém vida tal como a conhecemos;
    e agora parem pensem na vossa dimensão como ser, o vosso tempo de vida aqui no planeta terra,quanto tempo dura.

    Como se sentiram?

    No entanto continuamos a agir como se fossemos únicos o maior,grandiosos, mais do que outros,nossos iguais,para o mal do todos.

    A quem andamos a mentir?

    A nós próprios,com a nossa soberba,vaidade e jactáncia(luxo,avareza).

    Quanto tempo vivemos e o que levamos quando partimos?

    Pois o Universo e a sua dimensão continuam,pois muitos já partiram e ele o Universo ainda se mantém.

    Mesmo sabendo disso continuamos a agir com avareza,com egoísmo em relação aos nossos semelhantes,com presunção,com ódio,com lascívia,deixando com fome nossas crianças, adultos e idosos,sem trabalho,sem escola,e sem formação, uma grande parte da nossa população vive na miséria.
    A dentre nós quem deixa esse mundo sem saber o que é observar o Universo e sua dimensão,(mesmo aqueles que muitas vezes têm responsabilidades governativas),porque pensam que são únicos e superiores aos seus semelhantes,quando no fundo só executam uma função,refiro tudo que fazem deveria ser visto como executar uma função, que deve ser exercida num determinado espaço de tempo,mas que como função outros seus semelhantes também a podem exercer num espaço de tempo diferente para bem de todos,sem necessidade de haver querelas e intrigas.

    Por isso como São Tomense, exorto-vos;

    Deixemos de ódio,de rancor,saibamos perdoar.

    Sejamos,humildes,ponderados,tenhamos a ombriedade de pedir desculpas e saber perdoar

    respeitemos a nossas diferenças como povo e como cidadãos,

    sejamos rápidos a construir e unir esforços para o bem de todos os São Tomenses

    Pratiquemos o bem,pois o bem, fica sempre bem

    Partilhemos, saber e conhecimento com todos, para alavanca-mos do subdesenvolvimento que nos aflige e rumarmos ao desenvolvimento e bem estar de todos os São Tomenses (Crianças;Jovens e Idosos).

    Deus Abençoe São Tomé e Príncipe.

  17. img
    boca calada Responder

    vem dôcé Pinto Costa , nós de Mé-zochi cu Cantagalo esta espera dôcé !!! nós nóm brinca muito.

  18. img
    Digno de Respeito Responder

    Não basta um bom prefácio para estarmos diante de uma grande obra….
    O que interessa mais e acima de tudo, é o conteúdo. Vamos lá vêr que novidade nos espreita. Terei todo prazer de comprar um exemplar. Assim, estarei em melhores condições de comentar ou falar sobre o livro. Aliás, o livro é sempre um bem (resta considerá-lo ou não) como a peça importante que nos sirva o dia-a-dia.

  19. img
    José Eduardo Dias Responder

    Uma candidatura destas até pode ser oportuna e necessária!
    O povo santomense e em especial a jovem geração deverão saber e serem esclarecidos sobre as violencias, as violações e as atrocidades durante o periodo de partido único.
    É uma oportunidade de ouro para que o candidato Pinto da Costa explique uma série de assuntos, situações e factos:
    Desde logo, será uma oportunidade para que o candidato Pinto da Costa explique e esclareça a traves do seu Best seler, difinitivamente a morte do saudoso Lereno da Mata e de muitos outros que misteriosamente morrerram nas másmoras da sinistra e de muito má memória cadeia, dirigida na altura pelo misterioso Amado Vaz.
    Que ele explique da maneira mais esclarecida e convincente as perseguições do Censo, cujas vitimas até hoje clamam justiça.
    Que ele explique muito bem ao povo e aos Trovoadas quem ordenou a detenção do Miguel Trovoada e provocou a sua ida forçada ao exilo.
    Enfim, é uma boa oportunidade de ele falar na primeira pessoa e o Povo perguntá-lo.
    Não sei mesmo se ele não terá finalmente assinado a sua sentença , e definitivamente traçou o seu rumo a calma tranquila e difinitiva

    Não acham?

  20. img
    obrigatorio Responder

    sem margem de duvida , mais ele não o fará ,apenas irá falar de uma forma para influenciar algumas cabeça e nada mais, seria importante que ele desmembrar alguns assuntos de fundo mais não ira fazer isso, apenas ira aprofundar o quer que o faça para avançar coisas de covarde nato , este livro não será best seller 165 mil habitantes quando sua maioria não tem poder compra ,e outra parte não tem habito de leitura, não t queremos mais pinto a tua era já foi , vive como um cidadão comum chega pinto descansa ….

  21. img
    Vicente Pereira Responder

    É de saudar que os principais dirigentes são-tomenses nos dêem a sua visão dos acontecimentos. Mas, para além de dizer o que está mal, o senhor Pinto da Costa pode também falar da sua culpa em muitos dosproblemas do país. Veremos se fala da desastrosa decisão da nacionalização das roças, do enriquecimento ilicito de grande parte dos politicos são-tomenses, da catstrófica situação energética do país. Contudo isto, já tenho saudades do colonialismo.

  22. img
    Pantufo Responder

    A juventude de hoje, não deve muito favor a geração de Pinto da Costa.
    Temos sim uma herança pesada, onde estão os ensinamentos? Qual é o nosso Futuro!!!
    Para quê estudar? Trabalhar? Não temos perspectivas de vida.
    Temos que apostar num sonhador. Não queremos estadista, queremos Presidente da REPUBLICA.

  23. img
    Petroleo Responder

    No tempo da guerra fria, precisava-se de um presidente estadista, hoje não se justifica. Queremos sim um presidente para o povo, junto do povo e amigo.

  24. img
    Pina Responder

    Pinto inventou muitos golpes de estado, criando trumas nas familias, hoje quer voltar a ser presidente. Pouca vergonha!!
    Reformado e bem pago.

  25. img
    delete Responder

    um ditador quando se derem oportunidade ele ira vingar , não podemos enduesar o pinto ,não solução para nôs meus caros irmãos de arma aposta na juventude , se futurista ,pinto não vivera para sempre deixa os jovens dar o ar da sua graça tenhem capacidade , força camarada aurelio martins o nosso presidente

  26. img
    Pina Responder

    Queria dizer Traumas.
    Golpes em cima de golpe a ver golpe.
    Bicha nas lojas, etc.
    Aie , brincadeira.
    Quem semeia vento, colhe tempestade.
    Ninguém serio escolheria um velho para presidente. Convenhamos!!
    Somos Loucos!!

  27. img
    Francisca de Maria Responder

    Pepe, um dos cantores da praça, dizem que sofre com dores de cabeça o murro que tomou do senhor Pinto.
    Ele bateu-me, disse o tal cantor!!
    Bem feito foi a casa dele…

Deixe um comentario

*