Conceição Lima seleccionada para programa televisivo “ Impressões do Mundo”

Foi a grande novidade dada pelo embaixador do Brasil em São Tomé e Príncipe, José Carlos Leitão, no lançamento na última sexta – feira da nona edição do livro “ A Dolorosa Raiz do Micondo” de Conceição Lima.

São geral - 2A poetisa são-tomense, faz parte de um grupo de 3 personalidades africanas seleccionadas pelo programa da Televisão Brasileira “Impressões do Mundo”.  Segundo o embaixador do Brasil, trata-se de uma série do género entrevistas documentais, com episódios de 26 minutos de duração. «É mais um tema referente ao êxito da escritora. Pela TV-Brasil há um programa intitulado, Impressões – Brasil, e que tenta levar para o grande público os grandes autores do Brasil. O sucesso do programa levou os produtores a produzirem uma nova série chamada agora “Impressões do Mundo”, que começa a ser produzido em Janeiro de 2016. Para a nossa surpresa Conceição Lima foi seleccionada para ser entrevistada para o programa impressões do mundo programa da TV Brasil», anunciou o embaixador.

Repleto de público, o anfiteatro do Centro Cultural Brasil -São Tomé e Príncipe, registou a satisfação do diplomata brasileiro, pelo facto do programa televisivo em que Conceição Lima, vai ser protagonista de uma das suas séries, poder ser acompanhado também pelo público são-tomense via cabo.

O centro cultural-Brasil São Tomé e Príncipe que em 2012, lançou a obra “ O Útero da Casa” de São Lima deu luz na última sexta – feira a nona edição do livro “A Dolorosa Raiz do Micondo”, que faz parte do Programa Nacional de Bibliotecas Escolares do Brasil, com 32500 exemplares distribuídos pelo Ministério da Educação do Brasil.

são geral - 1A nona edição do livro é obra de uma editora nacional, a COPINET e patrocinada também por uma instituição nacional, o BISTP. «Comoveu-me muito a surpresa final, que foi ver dois poemas meus, A Lenda da Bruxa e A Mão do Poeta,  musicados por Guilherme de Carvalho e por Juvenal Rodrigues. A minha enorme gratidão vai também para a Reitora da Universidade Lusíada, Dra Fernanda Pontífice, que encontrou tempo, com tantas solicitações nesta época do ano lectivo, para apresentar uma leitura que me pareceu inovadora, do livro», declarou Conceição Lima.

O Presidente Interino da Assembleia Nacional Levy Nazaré, marcou presença na nova edição da “ Dolorosa Raiz do Micondo”. O embaixador de Angola Alfredo Mingas, esteve nas primeiras filas do anfiteatro, assim como a representação diplomática de Cabo Verde e da África do Sul.

A Governadora do Banco Central Maria do Carmo Trovoada e a Presidente da Câmara Distrital de Mé-Zochi Isabel Domingos, marcaram o poder do género na edição número 9 dos versos da poetisa que descreve “A Dolorosa Raíz  do Micondó”.

Abel Veiga

Notícias relacionadas

  1. img
    Txabi Responder

    Zorionak zuri!!

  2. img
    Dito Responder

    Somar e seguir, São! Em frente porque tens um nome respeitado além-fronteiras que dignifica a literatura e a cultura de São Tomé e Príncipe.

  3. img
    Buka Responder

    Nove edições em português e línguas estrangeiras. Portanto, o livro mais divulgado e traduzido da nossa literatura. PARABÉNS, S. TOMÉ E PRÍNCIPE.

  4. img
    Puita samangungu Responder

    E da Cultura quem foi? Ninguém. Esse governo gostaria de apagar a São da face da terra? Sabemos. Mas Deus é grande e não podem. Mas alguém da cultura devia ter ido, ao menos por consideração com a embaixada do brasil que tem acarinhado tanto a cultura santomense. Bulauê Chão-Chão é que é bom para eles.
    Felicitações ao Levy Nazaré e à Assembleia Nacional.

  5. img
    O PROFESSOR Responder

    FORÇA, DRA. SÃO LIMA. A luta continua e não há alternativa à vitória. Obrigado.

  6. img
    Bem de São Tomé e Príncipe Responder

    Congratulo consigo estimada jornalista. Assim dignifica o nosso país.Uma grande jornalista que infelizmente não faz parte da Tvs.

  7. img
    NOVA-DITADURA-ADI Responder

    Tudo tem feito o ADI para excluir os que não fazem parte do club, mas Deus é tão grande que não tem sido fácil para este partido de natureza ditatorial! São Lima vítima da exclusão do Governo jornalista santomense de reconhecimento internacional tem sido vítima de exclusão do governo de Patrice Trovoada! Onde está a cara destes governantes do tipo dos Varelas, Patrice e outros safados? A ausência deste neste caso, tem a ver com a vergonha que têm de encarar a jornalista que deveria ser melhor aproveitada para dar aulas ao pseudo-jornalista da TVS e RNSTP de Patrice! Parabéns São Lima! N vão conseguir apagar-te porque a tua inteligência vence a força maligna da ADI de Patrice e dos Varelas!

  8. img
    Titus Andronicus Responder

    Uma figura da literatura e da cultura do nosso país que ultrapassa as nossas fronteiras e eleva o nome de São Tomé e Príncipe. Os verdadeiros são-tomenses estão-te gratos, São Lima. E somos muitos. Os outros, os que procuram asfixiar-te, são meros passageiros. Que fiquem reduzidos à sua verdadeira dimensão. PARABÉNS.

  9. img
    Alfredo Gentil Responder

    A Cultura move montanhas e uma intelectual como a São não pode ser silenciada pelos malabaristas do ADI. É triste ver a decapitação e segregação dos ilustres jornalistas da República cito: São Lima, Teotónio Menezes, Guigui, José Bouças, Silvério Amorim, Albertino Fernandes entre outros, silenciados e proibidos de exercerem a sua profissão. O Homem manda com o tempo, Deus manda para a eternidade. Alguns jornalistas foram obrigados a fazerem of record para terem o mísero salário no final do mês. O ADI prefere divulgar o Bulauê Mão Chão-Chão (Minha vizinha é fofoqueira). Força São Lima.

  10. img
    Julio Neto Responder

    Tenho o dever e a obrigação maior de, face ao seu passado e ao presente, com esta alta distinção, parabenizar-lhe, nossa caríssima São de Deus Lima. Por seres de Deus… e verdadeira filha da terra, tudo acontece..! Um abraço fraterno e amigo. São Tomé e Príncipe agradece.

    Júlio Neto

  11. img
    Cóblo dôbô Responder

    Alfredo Gentil, faz o favor de tirar o Albertino Fernandes dessa lista. Primeiro ele não é jornalista, é locutor. Segundo, ele é assessor de Patrice Trovoada. Informe-se, por favor. Obrigado e digo a São Lima e seus colegas jornalistas veteranos marginalizados para terem força e coragem. O tempo é o melhor remédio para a vaidade tola e a arrogância.

  12. img
    Jerónimo Xavier de Sousa Pontes Responder

    Ninguém percebe esse nosso país! Como é possível alguém no seu juízo perfeito, sem quadros em vários domínios, marginalizar uma jornalista tipo SÂO? Se a verdade que ela veicula incomoda, então o incomodado que a processe? Será STP um País livre na verdadeira acepção da palavra? Mas como a classe vive de favores dos políticos, não se solidarizam, deixando-a às dentadas dos TIGRES! Não vêem que estamos a perder o respeito perante os nossos melhores! Tudo isso por culpa de uma oposição inexistente. O MLSTP que assuma a sua responsabilidade, fazendo uma forte oposição ao Governo. Mas cadê o MLSTP, SEM REI NEM ROCK?

  13. img
    Parnassus Responder

    Quando alguém nos tenta abater, a melhor resposta é esforçarmo-nos por nos elevarmos cada vez mais. Que o triunfo pertença sempre à inteligência, à criatividade e à dignidade perseverante e não à estulta arrogância que nem sequer respeita os mais elementares códigos da delicadeza e do savoir-faire diplomáticos. Força, São. Por ti, sim, e pela nossa cultura. YES, YOU CAN! YES, WE CAN!

  14. img
    Emiliano Responder

    Obrigado São Lima pela forma que tens contribuido para a edificação do nosso São Tomé e Príncipe .
    São a tua postura intelectual ultrapassou a fronteira e coloca-te acima desses hipocritas tais como Varela e sua camarilha liderado por Patrice Trovoada que te querem ofuscar.
    PARABÉNS SÃO LIMA- FORÇA AMIGA .

Deixe um comentario

*