Desporto

Final escaldante e surpreendente do campeonato da primeira divisão em São Tomé

futebol.jpgO campeão de futebol na ilha de São Tomé, só foi conhecido na última jornada. A equipa dos militares, 6 de Setembro esteva a um passo do título a nível de São Tomé, mas caiu com três tiros da lanterna vermelha Andorinha. O Vitória do Riboque que estava na segunda posição na tabela classificativa bateu a UDRA por 3-2 e passou para o primeiro lugar. Na mesma jornada um grupo de 6 equipas bateram-se até ao último minuto para evitar a despromoção.

O Vitória de Riboque é o campeão de futebol a nível de São Tomé, no último fim-de-semana, derrotou a UDRA por 3-2, e beneficiou da derrota do 6 de Setembro diante do já despromovido Andorinha por 3 – 0. Antes da última jornada, o Vitória do Riboque tinha 52 pontos e o 6 de Setembro 53. A equipa militar não aguentou o combate final com o Andorinha.  A lanterna vermelha encandeou a equipa de 6 de Setembro, que viu assim fugir a possibilidade de ser campeã de futebol a nível de São Tomé.

O campeão de São Tomé em futebol, Vitória do Riboque, deverá disputar o título nacional com o campeão da ilha do Príncipe a equipa da Sundy. Um campeonato bastante competitivo. «Foi um bom campeonato, independentemente dos constrangimentos que tivemos sobretudo com a resolução dos casos judiciais, a nível do conselho de disciplina. Mas foi um campeonato muito competitivo», afirmou para o Téla Nón, o Presidente da Federação Nacional de Futebol, Manuel Dendê.

A surpresa marcou o campeonato nacional, até a última jornada. Um grupo de equipas lutou arduamente para evitar a despromoção. Tudo porque esta temporada serviu para reestruturar a primeira divisão. 4 equipadas tinham que ser despromovidas. BOMBOM , ALIANÇA NACIONAL DE PANTUFO, CRUZ BVERMELHA DE ALMEIRIM, E O ANDORINHA, desceram de divisão. «Só se conheceu o campeão da ilha de São Tomé, na última jornada, e também só se conheceu os 4 despromovidos na última jornada. Por isso digo que o futebol nacional está de parabéns», realçou Manuel Dendê.

Duas equipas sobem da segunda divisão, nomeadamente Ribeira Peixe e Neves para substituir os quatro despromovidos.

Segundo o Presidente da Federação Santomense de Futebol, há ainda muito trabalho pela frente. Nos próximos dias a federação começa a trabalhar na organização da grande finalíssima do campeonato nacional, que terá lugar na cidade de Santo António do Príncipe, numa data a indicar. A equipa de Sundy da Região Autónoma vai receber o Vitória do Riboque para se apurar o campeão nacional de futebol.

Um jogo se aguarda com grande expectativa uma vez que o vencedor do campeonato nacional estará imediatamente apurado para a para pré-eliminatória da liga dos campeões africanos de futebol.

Numa altura em que o desporto nacional, tem ficado a margem dos grandes eventos internacionais por causa da falta de recursos para pagar as viagens aéreas, a Federação de Futebol, alerta desde já as autoridades competentes de que a participação do campeão nacional de futebol na pré-eliminatória da liga dos campeões africanos implica, está dependente de apoio financeiro para garantir as viagens para os palcos africanos de futebol.

Terminado o campeonato a nível da ilha de São Tomé a classificação final é a seguinte :

Victória Riboque – 55 Pontos

6 de Setembro – 53 Pontos

Oque- del- rei – 46 Pontos

Prai Cruz – 44 Pontos

Santana – 39 Pontos

Caixão Grande – 38 Pontos

UDRA – 36 Pontos

UDESCAI – 32 Pontos

Monte  Café  – 29 Pontos

Guadalupe – 28 Pontos

Bombom – 28 Pontos

Aliança Nacional 24 – Pontos

Cruz Vermelha  – 24 Pontos

Andorinha – 13 Pontos

Abel Veiga

Recentemente

Topo