Desporto

Ciclismo são-tomense aposta nas competições africanas

A Federação São-tomense de Ciclismo numa nota de imprensa oficializou a composição da delegação que vai representar SãoTomé e Príncipe nos próximos campeonatos africanos da modalidade.

A  delegação são-tomense será composta por 3 ciclistas e um dirigente. Edjmer Amado Vaz de Sousa de 24 anos de idade, marceneiro, natural do Distrito de Lobata e residente em Oque d’el Rei, campeão nacional em carga nas modalidades em linha e contra relógio, participou em 2007 em algumas competições internacionais em Africa do Sul e frequentou o estagio de treino no Centro Continental de Ciclismo da Africa do Sul em 2007 e em 2009.
Amilton do Espírito Santo Monteverde, de 24 anos de idade, electricista, natural de Maianço, Distrito de Lobata e residente no Bairro Quilombo, segundo classificado no campeonato nacional 2009 contra relógio e terceiro classificado na prova em linha. Desde final de Setembro de 2009 participa no estagio de treino no Centro Continental de Ciclismo da Africa do Sul. Para Amilton trata-se da primeira competição internacional.

Serafim Fernandes de Oliveira, de 29 anos de idade, natural do Distrito de Cantagalo e actualmente residente em Luanda, onde pratica o ciclismo no Clube Dos Santos. Participou em 2007 no campeonato africano nos Camarões, participa regularmente nas provas do calendário angolano de ciclismo e em 2009 participou com o seu Clube na Volta aos Camarões (fev 09) e no Grande Premio Chantal Biya (Out 09).

Os três ciclistas serão acompanhados pelo presidente da Federação, Sr. Tiziano Pisoni, que representou recentemente a federação nacional no Congresso Mundial da União Internacional de Ciclismo que teve lugar em Mendrisio – Suiça o 25 de Setembro passado.

Dois dos ciclistas seleccionados encontram-se actualmente no estágio de treino no Centro Continental de Ciclismo na Africa do Sul, desde onde se deslocarão a partir de 1 de Novembro para Namíbia, para juntarem-se ao resto da delegação são-tomense.

Classificação UCI Africa – Setembro 2009

São Tomé e Príncipe vai assim participar em todas as três provas em programa para o sector masculino, não tendo infelizmente nenhuma representante no sector feminino.

A primeira prova em programa è a contra relógio por equipa num percurso de 40 km a realizar na quarta feira 4 de Novembro. Sexta Feira 6 de Novembro será a vez da contra relógio individual num percurso de 30 km e por ultimo a prova em linha programada para Domingo 8 de Novembro num percurso de 148 km.

Até hoje a federação namibiana de ciclismo confirmou a participação de 19 Países, sendo eles Argélia, Benin, Costa do Marfim, Egipto, Ghana, Lesoto, Líbia, Malawi, Ilhas Maurícias, Marrocos, Namíbia, Ruanda, São Tomé e Príncipe, Seicheles, Serra Leoa, Africa do Sul, Uganda, Zâmbia, Zimbabué. No entanto aguarda-se ainda a confirmação de outros Países tais como Gabão, Angola, Camarões, Senegal, Mali, Republica Centro Africana e Quénia.

Em 2009, a federação São-tomense de Ciclismo, com 15 pontos, partilhou com as Ilhas Maurícias o 13º lugar na classificação africana da União Internacional de Ciclismo sobre 43 Federações africanas.

POR : VASCO ANTÃO / vasco145@msm.com – vascoantao@gmail.com

Jornalista com a carteira profissional de colaborador nº 895

    1 comentário

1 comentário

  1. ze cabra

    12 de Setembro de 2010 as 22:05

    com essas boas estradas que voces tem ai até da gosto em andar de bicicleta aqui no inferno tem boas estradas para andarem de carro de luxo

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo