Desporto

Dirigentes Desportivos e Futuros Especialistas do Futebol da CPLP formam-se em Lisboa

Ex-jogadores, actuais dirigentes, agentes dos jogadores e, futuros dirigentes desportivos dos clubes de futebol da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, CPLP, frequentaram uma ”Formação Executiva, Gestão do Futebol Profissional Intensiva”, organizada pela empresa, QUEST.
Esta formação, foi ministrada por especialistas nas mais diversas áreas que abrangem hoje mais do que nunca, este que é, o maior fenómeno de massas desportivo do planeta.

Entre, os nove temas abordados e, divididos em nove módulos, destaca-se: Organização Internacional do Futebol; Futebol e Direito Inscrição e Transferências dos jogadores; Futebol e Economia; Direito dos Clubes e Sociedades Anónimas Desportivas, SADS; Futebol e Comunicação; Marketing do Futebol, Organização e Promoção do Futebol, entre outros.
Ricardo Balbeira responsável pela organização da referida formação, disse que, “Esta é uma oportunidade única para que os Dirigentes de Clubes de Futebol recebam do que melhor há a nível de formação de topo na Europa.”

Balbeira, disse por outro lado, que “num momento em que é exigido aos Clubes maior profissionalismo, receber formação é indispensável. A QUEST tem larga experiência na promoção de formação estratégica tendo formado muitos dos Gestores Desportivos de Topo na Europa.”

Este responsável da QUEST, assegurou ainda, que a empresa, na qual faz parte, assegura a todos os participantes uma experiência desportiva inesquecível pois as situações de aprendizagem não se esgotam na formação em si pois existem uma série de outras experiências importantes como são o contato com os mais modernos Clubes Europeus como são o Benfica e o Sporting.”

No entanto, exceto, à Timor Leste, participaram na mesma, representantes de todos os países da CPLP. Entre, os cerca de 30 participantes, destaca-se, o ex-seleccionador de Angola no Mundial de Alemanha 2006, Oliveira Gonçalves e Nuno E. Santo, ex-guarda redes do FC do Porto e da selecção Portuguesa, que por sinal, é natural de S. Tomé e Príncipe. Países, como Angola e Moçambique, mas sobretudo Angola, onde o futebol caminha para a pouco e pouco, rumo à profissionalização, são os que nesta altura, podem tirar o melhor proveito das formações desse género.

Jasí Ramos, ex-jornalista desportivo da Rádio Nacional de S. Tomé e Príncipe, atualmente, estudante de Ciências da Comunicação e Cultura, representou à parte santomense.

Por outro lado, a formação, incluiu visitas oficiais aos Estádios da Luz e, Alvalade XXI, à convite dos presidentes dos dois maiores clubes lisboetas, designadamente: Luís Filipe Vieira e Godinho Lopes. Contemplaram ainda, visionamento de dois jogos de futebol, designadamente: Benfica vs V. Setúbal, referente à 15а jornada da primeira liga, onde os encarnados golearam os setubalenses pelos expressos 4-1. E, ainda o Sporting vs Moreirense, da fase 3 da BWIN CUP.

Importa frisar, que a cerimónia de abertura desta formação, estiveram presentes: o Vice-Presidente, Federação Portuguesa de Futebol, Humberto Coelho e, o secretário português da Juventude e Desporto, Dr. Alexandre Mestre, que presidiu a mesma.

Esta, ação de formação, decorreu de 9 à 20 do presente mês, nas instalações do Sana Hotel Metropolitan, na capital portuguesa.
Quem é a Quest?

A Quest, foi instituída em 2008 e, está sedeada no Porto. É, neste momento, líder de Mercado no âmbito da formação desportiva a nível estratégico. Promoveu dezenas de formações sempre com os melhores formadores de cada âmbito.

Nota: este artigo, foi escrito, à Luz do novo acordo ortográfico em vigor.
Jasi Ramos – Téla Nón /Lisboa

19-01-2012

    4 comentários

4 comentários

  1. leu

    24 de Janeiro de 2012 as 15:09

    ESSE CARA BENFIQUISTA SÓ GOSTA APARECER

  2. BRUNO DAS NEVES

    25 de Janeiro de 2012 as 9:14

    Porque dizes isso? por acaso es do soporting ou do futebol club porto? O Benfica sera sempre o maior!

  3. Hugo Menezes

    25 de Janeiro de 2012 as 11:40

    Ganda quadro na Diáspora. Belíssimo artigo. Meu caro colega e amigo depois temos de combinar para tomarmos umas jolas no Colombo em Chimarão… hehehehhee

  4. Super Dragão

    25 de Janeiro de 2012 as 20:03

    É lamentável esta noticia e esta foto.

    Como é possível pessoas com cachecois de um clube com cores vermelhas e que já passou á história (faz muito tempo)virem a tornar-se bons dirigentes desportivos e especialistas ?

    É óbvio que estas pessoas estavam de boa fé e foram enganadas. Só pode.

Deixe um comentário

Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo