III Edição do Prémio Despertar com Desporto

Rádio Jubilar de STP promoveu no pretérito domingo, no Centro Cultural Brasil- São Tomé e Príncipe, a III edição do Prémio Despertar com Desporto, um evento que visa premiar os melhores dos campeonatos nacionais de futebol 11.

Sabendo de antemão que o Desporto, mas sobre tudo o futebol, é um factor de coesão e unidade nacional, congregador, requerendo o envolvimento de todos, independentemente da sua classe ou filiação partidária, a Rádio Jubilar, através do seu programa desportivo Despertar com Desporto, institucionalizou em 2012, o Prémio Despertar Com Desporto, com propósito de distinguir aqueles que se destacaram durante a época, mas sobre tudo, os treinadores, jogadores, guarda-redes, e os árbitros.

publicoNesta vertente, com o fim dos campeonatos domésticos 2014 de futebol 11, a Rádio Jubilar, levou acabo no passado domingo a III edição do prémio, que aconteceu no Centro Cultural Brasil-São Tomé e Príncipe, perante os olhares bem atentos do Embaixador Brasileiro, José Carlos Leitão, Director dos Desportos, Angélico Santos, Representante do Comité Olímpico, António Menezes, os trinadores, jogadores, os árbitros, dirigentes desportivos, e os distintos convidados.

Actividade que foi antecedida por uma palestra proferida pelo seleccionador Nacional de Futebol 11, Gustav Clemente, ficou marcada pelas intervenções de alguns dirigentes, projecção de algumas fotos que marcaram a época 2014, e por último as nomeações, naquele que foi o clímax do evento.

No que refere as intervenções, o embaixador do Brasil, José Carlos, primeiro a subir ao placo, para dar boas vindas aos presentes, frisou que, foi com muito gosto e satisfação que a sua Embaixada abraçou esta causa, que foi organizada pelo do programa que da nome ao evento, Despertar com Desporto, tecendo de certa medida os rasgados elogios a comissão organizadora, sobre tudo pela forma com soube lidar com as dificuldades encontradas pelo caminho.

Sérgio Nunes, em representação da Rádio Jubilar, avançou que, a emissora católica tudo fará para continuar a promover e divulgar o desporto nacional, com destaque para o desporto rei.

Angélico Santos, Director dos Desportos, em representação do Governo, regozijou com a realização da cerimónia, avançando que evento deste género vai ajudar o seu Governo a mudar o rumo do desporto nacional.

“A política deste Ministério é de congregação e envolvência, pois temos o compromisso, com a ajuda de todos sem excepção, fazer mais e melhor para mudar o rumo do desporto nacional, contribuído assim, para mudar São Tomé e Príncipe, fazendo cada vez mais e melhor”.

Sabendo do simbolismo do evento, que é de extrema importância para a promoção do desporto nacional, mas com maior enfase para o futebol, contribuindo para o incentivo dos desportistas nacionais para melhorar a sua performance, principalmente os futebolistas, Angélico Santos, lançou o desafio aos presentes, de modo a beber dos ensinamentos da Rádio Jubilar, frisando que, com pouco podemos fazer grandes coisas.

preniadosNa parte final da sua intervenção, Angélico Santos, deixou o compromisso de apoiar o evento nas futuras edições.

“Temos estado acompanhar com atenção, a dedicação e a persistência de seus organizadores, pelo que vamos assumir o compromisso de apoiar regularmente a realização das próximas edições deste evento, inscrevendo-o no calendário de eventos desportivos anuais do sector, contribuído para o seu fortalecimento cada vez mais”

Despois deste capítulo, veio o momento mais aguardado da noite, onde foram distinguidos os melhores de 2014.

Na categoria do Prémio Despertar com Desporto, foram distinguidos os seguintes:

Treinador - António Rosário (Gimbôa) – da UDRA de Angolares da primeira divisão

Jogador- José Varela (Zé) – de Sporting de Praia Cruz da primeira divisão

Guarda-redes- Dungue Rosário da UDRA de Angolares da primeira divisão

Na categoria de Revelação:

Treinador- Yuri Eusébio- do Inter de Bombom da segunda divisão.

Guarda-redes- Inedilson- de Caixão Grande da primeira divisão

Jogador- Catu -de Aliança Nacional da primeira divisão.

Na categoria dos árbitros:

Árbitro- Denis Vangente

Assistente- Wilson Cheque

Por último a comissão aproveitou para agradecer a Embaixada do Brasil, Federação Santomense de Futebol, Direcção dos Desportos, bem como todos os amigos que contribuíram para o sucesso da III edição do Prémio Despertar com Desporto.

Gil Vaz

 

Notícias relacionadas

  1. img
    Futebol Santomense Responder

    Excelente trabalho do Gil Vaz, mais uma vez na divulgação do nosso futebol, continua e sucesso no teu trabalho

  2. img
    Príncipe Primiero Responder

    Fico muito satisfeito pela brilhante iniciativa de premiar os atletas pelos seus desempenho para um desporto mas forte e por outro lado fico triste pelas classificações pq se repararem o pais é São Tomé e Príncipe pq excluir os atletas do Príncipe uma vez que os nossos atletas estão ainda em competições nacionais como a taça de São Tomé e Príncipe e Campeão Nacional, e relembrar que as equipas do Príncipe estão e vantagem, e tenho a certeza que as duas taças viram para o nosso Santo António, mesmo vcs elogiarem os atletas de São Tomé como os melhores

  3. img
    Josias Umbelina dos Prazeres Responder

    Sem tirar mérito à iniciativa da Rádio Jubilar,gostaria de manifestar a minha preocupação (desacordo) com aquilo que se convencionou apelidar de “desporto nacional-futebol nacional”. Porque atendendo a realidade nacional, não entendo como puderam saber da situação do futebol na Região Autónoma do Príncipe para premiarem os melhores. Acho que deveriam considerá-los- “MELHORES A NÍVEL DE S.TOMÉ!
    DEVEMOS ACABAR UMA VEZ POR TODAS COM ESTA FORMA DE PENSAR E AGIR!
    Josias Umbelina dos Prazeres

  4. img
    despertar com desporto Responder

    Eu quero agradecer todas as pessoas que apoiaram a organização do evento, desde do singular até o plural.
    Mas eu

  5. img
    amigo Responder

    parabéns Gil e toda a sua equipa, porque sem eles não seria possível levar a cabo esta iniciativa.
    Espero que para o ano possas conseguir mais e mais apoio,
    Também espero que o Governo possa te dar mais atenção, porque eu vejo que você e a tua equipa gosta muito de futebol.
    Não se deixe influenciar por nada, porque o país precisa muito de vocês.
    Os que não gostam do vosso trabalho,é porque também não gosta do desporto e nem do país.
    Se cada um estivesse a fazer a sua parte o país poderia dar um passo para frente.
    Espero que para a 4ª edição possa entrar na nomeação alguns jogadores do Príncipe.
    Não tenho palavras para expressar a minha satisfação para com vocês.

  6. img
    São Tomé Responder

    Vamos deixar as rivalidades de lado, e vamos trabalhar em prol do nosso país.
    Não vamos pensar somente no dinheiro, vamos trabalhar, porque o dinheiro é resultado de trabalhar.
    Vamos fazer o nosso possível para o desenvolvimento do nosso desporto. pensa no amanha. o dinheiro e fama, não é eterna, mas a tua dignidade, humildade,é eterna.
    força Gil e seus colegas, vão encontrar muitos obstáculos pela frente, e pessoas que vão sentir raiva de vocês , pelo realizar do vosso trabalho.
    Lembre que ninguém vai ficar pedra, então não tenha medo desta ou aquela pessoa que vos ignora, ou vos ameaçam , façam o vosso trabalho. que Deus vai colar os seus anjos a vossa frente e a vossa traz, para livra-vos destes
    Eu não vos conheço, mas tenho ouvido que vocês têm feito um bom trabalho.

Deixe um comentario

*