Volta do Cacau – Macau está de fora e cabo-verdiana em dificuldades

Três ciclistas cabo-verdianos que expressaram-se no decorrer da semana, a vontade de tomarem parte na VI Edição da Volta do CACAU em Bicicleta, vêem este desejo condicionado por falta de patrocínio para comprarem os bilhetes de passagem.

Vlademir Monteiro Fonseca (ilha de São Nicolau), Kevin Renato Rodrigues (ilha de São Vicente), e João Alberto Lopes (ilha de Brava), ciclistas cabo-verdianos estão na luta contra tempo para aquisição de passagens para ingressarem nas fileiras da Volta do CACAU 2015, a decorrer no final do mês em curso.

Neste sentido, a Comissão Organizadora vem através de Tela Non desafiar os empresários nacionais e internacionais, na possibilidade de ajudarem os mesmos, na aquisição das passagens para a Volta 2015, que já tem confirmada a presença de três países, Angola, Portugal e STP, anfitrião.

Segundo a comissão, a soma em causa ronda os 1.500 (Mil e Quinhentos) Euros, valor que será recompensado pela entidade patronal da prova, prometendo dar o devido tratamento a entidade ou empresa que patrocinar as referidas passagens.

Por outro lado,  o Instituto do Desporto do Governo da Região Administrativa Especial de Macau, RAEM, lamentou informar que, a Associação do Ciclismo de Macau, ACM, não poderá participar este ano na VI Edição da Volta do Cacau, justificando com a incompatibilidade nas datas em que vai decorrer o evento.

Por razões que se prendem com as datas em que vai decorrer a Volta do Cacau 2015, e ainda o plano de preparação da ACM para os Jogos Nacionais da Juventude, Fuzhou, China 2015, não poderemos participar nesta prestigiada competição”.

Sabe-se que, nesta altura já estão confirmadas cinco formações, duas de São Tomé e Príncipe, duas de Angola e uma de Portugal.

Gil Vaz

 

 

 

Notícias relacionadas

Deixe um comentario

*