00 239 - 9906263 contact@telanon.info

Get Adobe Flash player

Nigéria: até 7 mil mulheres sequestradas ou vítimas de escravidão sexual

PARCERIA – Téla Nón / Rádio ONU

País marcou esta quinta-feira o segundo ano após o rapto de 276 meninas pelas milícias Boko Haram; nigerianas cometeram cerca de  85% dos ataques suicidas que envolveram mulheres bombistas em 2014.

Mulheres nigerianas. Foto: Banco Mundial

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Entre 2 mil e 7 mil mulheres e meninas vivem sequestradas ou estão sujeitas à escravidão sexual na Nigéria. A estimativa foi revelada esta quinta-feira pelo representante do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, no país.

Jean Gough destaca o recrutamento e o casamento forçado, os estupros ou o uso das vítimas pelos raptores para transportarem bombas.

Chibok

O pronunciamento da agência consta de uma nota conjunta do Sistema da ONU na Nigéria a marcar o aniversário do rapto de 276 meninas por milícias do grupo Boko Haram. O episódio ocorreu no povoado de Chibok a 14 de abril de 2014.

A coordenadora humanitária para a Nigéria, Fatma Samoura, disse que “passados dois anos após o sequestro ainda não é conhecido o paradeiro do grupo e o de outros sequestrados”.

A nota sublinha que a situação é “bastante comum nas comunidades” que são afetadas pelo conflito do nordeste.

Lavagem Cerebral

Em 2014, cerca de  85% dos ataques suicidas levados a cabo por mulheres em todo o mundo ocorreram em território nigeriano. O Unicef destaca que várias portadoras das bombas sofreram lavagem cerebral ou foram coagidas.

Esta semana, a agência lançou um relatório que destaca que as meninas nigerianas representam 75% das crianças obrigadas a participar nos ataques suicidas do país.

*Apresentação: Denise Costa.

Leia Mais:

“Devolvam as nossas meninas, as nossas crianças”

Número de crianças usadas em ataques suicidas é 10 vezes maior

 

Notícias relacionadas

  1. img
    Mary Silva Responder

    É muito sofrimento, só Deus para ajudar, Tela Non que Deus possa abençoar o vosso trabalho que Deus me ajude a colocar essas vidas nas minhas orações… ao cabo a Bíblia está se cumprindo e o fim está a porta.

Deixe um comentario

*