Economia

Começa esta segunda-feira o fórum de investimentos entre São Tomé e Príncipe e a Nigéria

Pela sepaisagempraia.jpggunda vez consecutiva São Tomé e Príncipe e a Nigéria, unem forças para fomentar investimentos nos dois países. Mais de cem individualidades nigerianas ligadas ao sector empresarial deverão tomar parte no fórum de investimentos que inicia esta segunda – feira na capital são-tomense. Ligados pela exploração de petróleo na fronteira marítima comum, o sector privado dos dois países pretende criar mecanismos e defenir acções estratégicas, que permitem o melhor aproveitamento das oportunidades de negócios que a exploração do ouro negro vai gerar nos próximos tempos.

É a própria autoridade conjunta, órgão criado pelos dois países para gerir a exploração de petróleo na fronteira marítima comum, que está a promover o fórum dos investidores. Cimentar a cooperação entre operadores económicos dos dois países, a luz do negócio do ouro negro na zona é o principal objectivo. Uma forma de preparar o sector privado são-tomense no sentido de explorar as oportunidades de negócios que se desenvolvem à margem da exploração propriamente dita do petróleo.

O Presidente do Conselho de Administração da Autoridade Conjunta, o são-tomense, Jorge Santos, explicou que já em 2009 vão ser realizados 4 furos nos blocos petrolíferos da zona conjunta. Um processo que vai exigir a construção de infra-estruturas, e por outro lado vai necessitar de serviços de apoio. Daí a importância dos operadores económicos dos dois países, se dispertarem para o momento que se avizinha.

O impacto da exploração do petróleo no meio ambiente é outro tema que vai estar na mesa da reunião. «Nós pretendemos ser muitos regurosos em termos do meio ambiente para evitar precisamente o impacto que poderá causar». sublinhou Jorge Santos.

A parceria estratégica entre os sectores privados de São Tomé e Príncipe e da Nigéria, com vista a absorver as oportunidades de negócios na zona conjunta, ganhou maior fulgor em julho último a quando da realização do conselho ministerial conjunto entre os dois países.

Abel Veiga

Recentemente

Topo