Economia

Maria do Carmo Silveira nomeada governadora do Banco Central de São Tomé e Príncipe

Antiga Primeira-ministra do governo do MLSTP/PSD, Maria do Carmo Silveira, que no passado exerceu a função de governadora do Banco Central, foi nomeada pelo Conselho de ministros para ocupar a mesma função. Maria do Carmo Silveira, substitui assim Luís de Sousa.

    95 comentários

95 comentários

  1. Buter teatro esquecido

    3 de Março de 2011 as 7:28

    Senhor Patrice Trovoada, sinceramente, nomear gente como está senhora é continuar com a corrupção.
    Maria de Carmo Silveira, é a senhora que lançou o projecto, para remodelação do Banco Central no valor muito elevado (oito milhões de dólares), pelo que fui informado o construtor fantama levou uma parte do dinheiro, o projecto que deu grande prejuízo ao País.

    • competencia

      3 de Março de 2011 as 7:52

      Mas é a unica pessoa capaz de dar uma imagem ao BCSTP. Ela nunca deveria ter abandonado o cargo de governadora. Pessoa certa para olugar certo.

      • mmt

        3 de Março de 2011 as 10:00

        Ora Viva,

        O termo ‘única pessoa capaz de..’ já não é adequado nos dias de hoje. Pois, estamos numa era em que muitos também têm a(s) capacidade de cumprir com um dado objectivos e desafio.

        • De Boa Fé

          3 de Março de 2011 as 16:25

          Teoricamente falando. A prática fica muito distante da teoria. Sabem disso quem já experimentou a prática.

      • Buter teatro esquecido

        3 de Março de 2011 as 10:02

        Competência!!!!!!
        A senhora tem tanta competência até que o construtor levou dinheiro e não fez obras. Conheço muitos economistas santomenses que conhecem a macroeconomia, econometria e finanças muito melhor do que ela.

        • De Boa Fé

          3 de Março de 2011 as 16:27

          Pare de sujar pessoas que você desconhece. Não basta ser economista para governar o BC.

          • joão honesto

            4 de Março de 2011 as 11:50

            Nos estamos a caminhar a passos largos para o abismos pelo que vejo existe um grupo de gente nesta terra que são insubstituíveis como a minha amiga Maria do Carmo isso chega a ser uma vergonha num pais onde se diz que querem promover novos valores e explorar novas competências.
            Eu sou estudante de Economia nunca vi nada igual em parte nenhuma . em suma meu irmão Santolas isso quer dizer que se essa senhora morresse o banco Nacional fechava as portas porque ela de certo iria levar as sua competências consigo.
            Enfim eu ainda penso que devemos promover novas competências alem de quê essa senhora já parte do grupo viciado em corrupção
            Abraços a todos os santolas

        • Constancio

          5 de Março de 2011 as 21:52

          Será que o construtor levou o dinheiro ou ele continuou onde estava?

          Pessoas melhores existirão sempre mas será que estas mesmas pessoas fazem para serem escolhidas para o cargo? Será que elas tentam destacar-se no meio da multidão? Será que o nível de prática e teoria é melhor? Pois esta sra tem teoria mais do que necessária( para confirmar leia o seu CV) e muita prática pois já trabalha no banco há mais de 13 anos em vários escalões.

      • Zeferino

        3 de Março de 2011 as 12:23

        Mas minha gente qual competência que esta senhora tem? Desde quando esta senhora é assim tão competente? Nós temos de ser mais exigentes com os nossos governantes, independentemente da origem política, familiar ou religiosa de qualquer um deles. Mas o que é que esta senhora, como quadro do país, várias vezes ministra, directora, etc, já fez de importante ou relevante para o país a não ser ocupar várias vezes estas funções? A senhora em causa já fez algum estudo ou ensaio técnico ou científico de grande alcance que ajudou o país a enfrentar os seus problemas actuais? A senhora em causa já fez algo de fundo, com grande impacto técnico, que contribuiu, de forma relevante para modifcar a organização administratica, económica ou fiscal do país? A senhora em causa já escreveu alguma obra técnica de relevante importância que contribuiu para acrescentar valor ao nosso património intelectual?
        Se nunca fez nada disso porque razão é uma grande competente? Eu, sinceramente, respeito a opinião das pessoas mas acho-a uma pessoa vulgar como todas os outros economistas do país. O facto dela ocupar várias vezes funções de direcção ou governação no país não faz dela uma boa técnica ou competente na sua função. Só num país como nosso é que este gente é caracterizada como competente.
        Fui

        Zeferino

        • De Boa Fé

          3 de Março de 2011 as 16:30

          O competente deve ser o senhor, não é? Santomenses falam a toa, por isso é que o vosso país nunca mais sairá do burraco. Sempre a denegrir. Que gente?

          • Mina di Célivi

            3 de Março de 2011 as 19:27

            vosso?!
            Afinal quem és afinal “De boa Fé”???

        • Albertino Silva Braganca de Sousa

          4 de Março de 2011 as 19:44

          fantástica abordagem a sua, dá que pensar.

      • SN-FS

        3 de Março de 2011 as 12:24

        Meu Caro,
        Estou Estupefacto, Mesmo unica Pessoa???

        O que é feito dos jovens formados que estão em são tomé a deriva????

        Es Tão Infantil…o teu comentario foi infeliz….

        • Tagarela

          3 de Março de 2011 as 12:59

          Que jovens formados que estão em STP à deriva já deram provas de capacidade técnica e experiência suficiente para desempenhar um cargo tão importante quanto governador de Banco?
          Os tais jovens que “estão em São Tomé a deriva” devem ser empregados em diversos sectores da vida económica do país, não só público, mas sobretudo privado,devem ganhar experiência sedimentando os conhecimentos adquiridos nas faculadades e dar provas que são, de facto, capazes para exercer aquela ou outras funções de destaque e proa na vida do país.
          Não quero com isso dizer que concordo que a nova Governadora seja a única pessoa capaz de exercer tal função, mas não partilho da ideia que os jovens formados estejam em condições de desempenhar tal função com louvor. Viva STP!!!

          • vitoria santiago

            3 de Março de 2011 as 14:25

            caro tagarela, considero o seu comentario muito bem argumentado. Não é por serem formados que os jovem estam em condições de ocuparem cargos de tal importancia.os jovem tem que ganhar experiencia no mercado de trabalho. são tome hoje em dia tem milhares de pessoas formadas mas somente aqueles que se destacarem nos seus cargos com uma demostração de transparência e competencia seram escolhidos como futures governantes do pais.

          • Albertino Silva Braganca de Sousa

            4 de Março de 2011 as 12:13

            como se pode dar provas, se nao se tiver as possibilidades de demonstra-las?

            vejo que de todos modos o seu comentário está imbuido de preconceito de que a idade é que faz a experiencia? se estás caquetica e a caminho de sessentona o problema é seu, mas experiencia nao se ganha apenas tendo muita idade, ademais, muitos bons economistas e personalidades hoje em dia admiradas e consagradas como bons politicos ou governantes, outrora acederam ao poder e cargos importantes, quand oainda eram jovenzitos.

          • Constancio

            5 de Março de 2011 as 21:58

            Nível de experiência é uma das condições necessárias para qualquer tipo de cargo importante como este, portanto os jovens claramente não serão escolhidos para tal pois não têm qualquer tipo de experiência ou a que têm não é suficiente.

            Exemplo: não vão querem que um jovem que mal chega de formação, como de Cuba, seja escolhido para ser director de coisa que seja.

            Portanto, concordo consigo.

    • Danildo Santo

      3 de Março de 2011 as 12:37

      Que coisa meus senhores ?!. A Dra. Carmo não devia perder mais o seu tempo em assumir a mesma função num pais em queda, sem norte, onde a justiça não funciona, onde pessoas são invejosas, acusadas gratuitamente de corrupta onde ser competente=ser populista. Essa sra deixou o cargo de governadora do Banco Central para ser Primeira Ministra e Ministra do Plano e Finanças do MLSTP/PSD, mas os malfeitores não dormem e não tem memória curta. Depois das eleições legislativas de 2006 e com o governo do MDFM/PCD chefiado pelo sr. eng. Tome Vera Cruz, a primeira coisa que fizeram foi inventar mentiras, demitir a Sra e partidarizar o banco central com incompetentes e garotos. Mas perguntem ao Dr. Gabriel Costa, advogado da. Dra Carmo o que é que se passou com o processo judicial da Sra contra o governo chefiado pelo sr. eng. Tome Vera Cruz? Se eu fosse a sra estaria longe de toda essa sugeira e malfeitores.

    • Piguimeu

      3 de Março de 2011 as 22:39

      Está senhora é socia de um Banco Comercial em STP, como é que poder ser responsavel do banco central que tem função de regulação das actividades bancaria, meus senhores aonde é que está a indipendencia desta senhora. Meu país está doente com tanta gente formada que semanamente desenbarca no aeroporto de STP aprocura de trabalho no seu proprio país…

    • a

      4 de Março de 2011 as 8:27

      Sr. Primeiro ministro Patrice Trovoada.
      Para quando a sua “vassoura” da mudanca chegara na nossa agencia nacional de petroleo aqui em Sao Tome e na nossa autoridade conjunta la na Nigeria?
      Povo precisa de resposta porque parece que essas duas instituicoes estao moribundas e estao a precisar de injeccao de sangue novo e competente para dinamiza-las.
      O pais tem alguns.

    • Danildo Santo

      4 de Março de 2011 as 8:35

      Para aqueles que não conhecem a Dra. Maria do Carmo, essa senhora tem dois diplomas de mestrado. Depois de deixar de ser Primeira Ministra, ela esteve em Estrasburgo, França, onde conclui com êxito o seu segundo mestrado na Escola Nacional de Administração (ENA). A Dra. Maria do Carmo entra no Banco Central por concurso público e não por favores politicos como acontece hoje. Portanto, em vez de passarem todo o tempo a manchar os outros, peçam a senhora o seu CV . Como antes dizia, se eu tivesse no lugar da senhora não aceitaria ser de novo Governadora do Banco Central, num país sem norte onde a competencia=populismo. Somos tão pobres em menatildade e atitude. Por isso STP tem o abismo e o desenvolvimento que bem merece.

      • Buter teatro esquecido

        4 de Março de 2011 as 9:41

        Com todo o respeito, Danildo Santo;
        A senhora pode ter cinquenta mestrados, mais se ela tem vicio de usar o dinheiro do Estado para outros fins, beneficio próprio, de certeza absoluta que a mesma não presta para para liderança, contudo pode trabalhar como uma professional.

        • Constancio

          5 de Março de 2011 as 21:04

          E alega isso com base em…? Vícios todos nós temos, mas cada um com os seus…
          O seu particularmente é de falar sobre coisas que não sabe, ou que ouviu em boca alheia…

          O simples caso de a senhora ter os conhecimentos técnicos mais que necessários já são vantagens, agora aonde estão as suas provas em relação ao seu “alegado vício”…Se for dizer que “eu ouvi”, “disseram que…” “parece que…”, excuse-se de responder pois é claro que faz parte da camada ignorante…

          • Buter teatro esquecido

            8 de Março de 2011 as 21:14

            Senhor Constacio;
            Por favor; se tens dúvida que está senhora usa dinheiro do Estado para outros fins, faz uma auditória a conta do Banco central e das direções de finanças.

        • truquim deçu

          24 de Agosto de 2011 as 8:53

          Carros compatriotas e amigos de luta meus primos , isso porque somos todos primos (STP)gostaria que fizecimos uma refleção em comum.
          O país é de todos nós,vamos com calma e precuremos reconhecer a capacidade de cada um e precuremos não fazer acusações sem ter prova imitando o que os deputados fazem no parlamento do nosso país . tenho certeza que os jovens que estão a ser formados terão oportunidades de ocupar cargos de relevancia ca no nosso país,é verdade que devemos em conjuto reflitirmos uma saida para este país, com certeza a Maria do Carmo n é o problema desde que trabalha com trasparencia . assim como qualquer um que la for, mas temos que unir, é verdade que esta democracia que entramos não nos encontrou preparados, só seviu para nos dividir e ai esta quem sai a perder somos nós zé povinho STP precisa de homem de ideias fora da ignorancia que reconhece a copitencia e não o intereces politicos como temos observado nestes 20 anos de dito democracia, basta ser primo de ministro e dar um fone ja tenho emprego de grande categoria, isso deve parar,aconcelho o povo de STP que precuremos de conhecer o nosso dever e direicto.
          Conto com vosco.

      • Zeferino

        4 de Março de 2011 as 10:46

        já agora: que mestrado? Sobre o quê??? Sobre administração bancária? Que contributos este mestrado tráz para a realidade Santomense em termos de organização, estudo comparado, etc, para a nossa banca? Tráz alguma novidade? Porquê que nunca se ouviu falar nesta novidade?
        Fui
        Zeferino

        • Constancio

          5 de Março de 2011 as 20:59

          Alguma vez tentou procurar saber?

          Só se encontra o que se procura…

          Respostas para perguntas como que contributos esse mestrado trará para a realidade santomense só podem ser dadas por pessoas que conhecem o curso. Portanto não fale com tamanha arrogância sobre factos que desconhece e em vez disso pesquise!

          Conhecimento é poder!

      • Albertino Silva Braganca de Sousa

        4 de Março de 2011 as 12:17

        és familiar dela para saberes tudo isso. mas a verdade é que elap ode até ser doctora catedrática como dizem que o Bené o é, mas na práctica tem um curriculum sujo em quanto a governacao, e ja todoso sabemos.

        pois sou Licenciado em Economia tambem, e se tivesse as mesmas oportunidades que ela tem, creio já teria 5 mestrados.

        nao ponhas cá o curriculum como sinónimo de boa vontade, competencia e qualidade visando o bem comum e social.

      • Fala sério

        4 de Março de 2011 as 16:35

        O meu amigo Danilo disse “Como antes dizia, se eu tivesse no lugar da senhora não aceitaria ser de novo Governadora do Banco Central”. Não aceitaria???? E as mordomias que o tacho confere?? Minha gente o BCSTP é um dos optimos Oasis da nossa República!!! Não tenham duvidas!

      • Constancio

        5 de Março de 2011 as 21:06

        Concordo plenamente consigo. Essa senhora é bastante competente, mas não deveria ter aceite o cargo. Sao tomé está em decadencia, e qualquer um que decidir tentar salvar este navio, claramente acabará por se afundar juntamente com ele.

      • jimu

        10 de Março de 2011 as 0:22

        Danilo tu tens mesmo que responder foste um daqueles que ajudou a ruinar o BC nos anos 80 por isso tens que responder ..farinha do mesmo tacho.

  2. Mauro Ferreira

    3 de Março de 2011 as 8:07

    Posso saber o que passou com o Sr: Luis de Sousa? Como é possivel numa altura em que o país depara com serios problemas, e mesmo assim subistitui pessoas, a onde vamos chegar com estas fasanhas, a Sr: Maria do Carmo era governadora saiu porque? e novamente entra a mesmo posto o Sr: Patrice Trovoada cuidado com o que faces, o povo põe, o povo tira,dai alguns meses vira as presidencias e será feita a nova governadora? Vamos ficar nesses empaces até quando meus Senhores?

  3. Lucas

    3 de Março de 2011 as 8:34

    A questão é: Qual a justificativa do governo para substituição do Governador do Banco Central?
    Esta explicação deve ser dada a sociedade Santomense.

    • Fernanda Alegre

      3 de Março de 2011 as 9:35

      Também acho,deve haver uma explicação nesse sentido..só nesse País é que essas cenas tristes acontecem.

      O POVO não sabe de nada que se passa, o governo faz o que quer, isso não pode continuar assim.

      Se dizem que o governo é a voz do povo então como se justifica, tal comportamento.

      Será que não existe mais ninguém capaz de ocupar este lugar?

      PORQUÊ ???????

      O QUE ACONTECEU PRECISAMOS DE UMA EXPLICAÇÃO CONVENIENTE.

    • Mimi

      3 de Março de 2011 as 10:23

      Nepotismo!

  4. MÉ SOLO

    3 de Março de 2011 as 8:45

    MAS UMA CAÇA AO BRUXO.

    È mais uma que se formou para ser, GOVERNADORA DO BANCO como existem outros que formaram para ser MINISTRO(A), DIRETOR(A),PRESIDENTE DA REPÚBLICA e não sabem fazer mais nada.
    Estou convencido que mais cedo ou mais tarde o Luís voltará ser GOVERNADOR DO BANCO.
    O que estará por de tras desta caçada, INCOPETÊNCIA,INJECÇÃO DE NOVA DINÂMICA OU QUESTÕES MERAMENTE POLITICAS. Se fôr para bem do país e do povo Santomense, merece o meu aplauso.

  5. João

    3 de Março de 2011 as 9:12

    Nem mais lucas. Subscrevo o teu spot, na esperança de que o Tela Non possa elucidar.
    João

  6. A da Silva

    3 de Março de 2011 as 9:26

    Quando teremos um BACEN independente?

  7. Adriano Málé Bobo

    3 de Março de 2011 as 9:28

    Sr. Dr. Patrice Trovoada cuidado com essa mechidas, o senhor está no caminho errado, sou do Adi, não estou satisfeito com a sua politica,
    obrigado,
    fui,

  8. Adriano Málé Bobo

    3 de Março de 2011 as 9:32

    Qual o motivo que levou o Governo a substiuir o Sr. Luis de Sousa, o povo de STP, precisa saber esta informação com urgência o Sr.Prº.Ministro Patrice Trovoada

  9. Madalena

    3 de Março de 2011 as 10:06

    É muito normal a mudança no BC, espera-se que venha introduzir politicas para regrar os Bancos Comerciais aí proliferados. Logo com banzé das caixas automaticas, loga sabia que o jovem Luiz estaria no olho da rua. Enquanto esteve no Ministerio dos Negocios estrangeiros, Fundo Canadiano de Iniciativas Locais, teve pouco desempenho para as comunidades.Ja faz anos, mais de vinte anos atras.

    • Albertino Silva Braganca de Sousa

      3 de Março de 2011 as 11:50

      o luis aindan ao está em stp há vinte anos pós regresso do curso. de que falas?

    • B

      3 de Março de 2011 as 12:33

      Ela e tambem Trovoada. O que querem? A competencia nao vale nada em STP. O que vale e “lobbie”.

      • jaka doxi

        3 de Março de 2011 as 19:28

        É Trovoada mas é da comissão politica do mlstp-psd.
        No sector da Banca o que conta é a competencia.
        Se a sua escolha foi por ser competente subscrevo.
        Fui

        • Osama bin Laden

          4 de Março de 2011 as 11:34

          Olha, dá no mesmo, eles distribuem em vários partidos, assim vão trocando favores de forma alternada. È mesma coisa só família, quem não tem apelido dos donos da terra, quem não faz parte da cúpula partidária não arranja emprego nem boa colocação em STP.
          Quando Patrice sair vai essa senhora para Governo, isto roda entre eles, foi para isso que nossos avós lutaram para independência de STP para esses senhores mandarem, abusarem e gozarem do povo…
          Viva independência

          • Constancio

            5 de Março de 2011 as 21:12

            (risos)

            A sua ignorância faz-me rir…Em São Tomé a maior parte das pessoas se conhece, porque o país é pequeno e por isso é muito fácil haverem ligações familiares. Contudo, o facto da Sr também ser Trovoada não implica que seja por isso que tenha sido escolhida para o cargo. Além do mais, se o sr é incompetente no facto de saber separar a vida pessoal da profissional, não conclua que todos também sejam.

    • Alice

      3 de Março de 2011 as 13:09

      Madalena o Luiz de que fazes referencia não se trata do Luis do BC. Pois este, nunca trabalhou no Ministério dos Negocios Estrangeiros, muito menos no Fundo Canadiano de Iniciativas Locais.

      Muito Obrigado

      • B

        4 de Março de 2011 as 8:12

        Sra Madalena o Luiz Sousa a que referes nao e Luis Sousa do B.C.
        O Luiz a que referes esta ausente do pais ha muitos anos. O Luis do B.C. nao exerceu as tais funcoes como a Sra Alice diz, sempre trabalhou no BC desde que chegou de Cuba.
        Beto

        • Albertino Silva Braganca de Sousa

          4 de Março de 2011 as 12:20

          isso lhe queria dizer, e isso nem tem ainda 14 anos, quanto mais 20.. ela devia informar-se melhor antes de escrever.

          deve ser da idade…..ihihihihihihih.

  10. Santaninha

    3 de Março de 2011 as 11:55

    O país neste isntante necessita de pessoas com competências. A era em que estamos, a qualidade de recurso humano é o mais essencial. No meu ver, acho que cargo está nas boas mãos. Embora o Sr Patríce Trovoada tenha sido muito criticado, motivop pela qual deve o mesmo continuar. Além de que muitas as vezes só passamos tempo a murmurrar os outros es

  11. lingapô

    3 de Março de 2011 as 11:57

    E também não esquecer que foi a Sra.que lançõu a famosa pedra do bloco operatório no Principe,e até hoje não vimos nada.O custo foi de 900.000usd.Perguntem ao Amandio Pinheiro

    • Constancio

      5 de Março de 2011 as 21:16

      Pergunto-lhe…Será que em Sao tomé há continuidade nos projectos? É bastante claro que logo que um governo é deposto, e sabendo que aquele em que a Sra Maria do Carmo fez parte foi um governo PROVISORIO (menos de um ano), o partido que forma o próximo governo sempre vem com projectos novos e faz questão de negligenciar os projectos do partido anterior. Portanto, não tem como vir a conhecer o tao esperado bloco operatório no Principe.

  12. Santaninha

    3 de Março de 2011 as 12:05

    Da mesma forma que um criminoso num instande poderá não mais cometer crimes, é do mesmo jeito que uma pessoa “santa” tb poderá cometer. Quem somos nós pra julgarmos as pessoas? Sei que muitos gostariam estar neste cargo que acaba de ser ocupado. Gostaria de dizer que o desenvolvimento de S.Tomé e Príncipe não está ligado a pequenas sombras (o passado. Stá mais do que na altura de trabalharmos sériamente, e juntos conduzirmos o navio rumo ao desenvolvimento. Este cargo não poderia estar em outras mão. Sei que este governo tem sido muito criticado por cargos que tem ocupado alguns dirigentes do novo corpo directivo do governo. Ao meu ver isto significa que deve-se continuar a trabalhar, mas não esuqeçamos de que nunca se consegue a todo mundo agradar. Bem sei que a Dr Maria do Carmo Silveira Tinha alguns projectos que na altura não podia cumprir, pois esta é a oportunidade de fazê-lo juntamente com as niovas políticas que esta desenvolverá para o desenvolvimento do país junto ao BC.

  13. Nôm Molé

    3 de Março de 2011 as 12:06

    Pk da demisão do Luiz? Pk k os nativos da ilha do Príncipe tb ñ podem ser Chefes? Pk k o príncipe vai continuar sempre para traz? Pk k tão bom k somos, somos sempre os ultimos? Até quando k se poderá dizer k somos S.tomé e Príncipe pk pelo k se vê é mais S.Tomé do que S.tomé e Príncipe.

    • Salvador da Pátria

      3 de Março de 2011 as 14:16

      Caro Nôm Molé!A primeira questão levantada por ti, faz todo o sentido.
      Mas, outras não fazem sentido,e apenas fomentam mau estar entre os sao-tomenses.
      Somos todos são-tomenses,independentemente ter nascido na região autónoma do Príncipe ou de ter nascido em S.Tomé.
      Deixa de politiquice, porque sabes perfeitamente, que sempre tivemos pessoas naturais da região autónoma de Príncipe bem posicionadas, no mundo da política,da economia, da cultura e do desporto, em S.Tomé e Príncipe.
      Nôm Molé, já viste algum são-tomense, natural da Ilha de S.Tomé à frente do destino da região autónoma do Príncipe?
      Vamos crescer e deixar de críticas destrutivas.
      Bem haja, caro amigo!

      • Eleutério

        4 de Março de 2011 as 10:49

        Senhor Salvador da Pátria

        Olhá que eu já vi. O MLSTP mandou para lá o Alcântara que ficou muitos anos como Ministro delegado no Príncipe. Vá se informar sobre isto.
        Fui

        Euletério Sousa

      • Fala sério

        4 de Março de 2011 as 16:42

        Se entramos nessa de regionalismos também hei de revendicar que um natural de Lemba seja eleito Procurador Geral da República, pois até agora nunca tivemos um. Ja agora, chegou o tempo de se ter um de Caué na Presidência da Repúlica e um Mezochiano no Governo Regional. Tenham dó!!!!!

        • Amem!!!!!!!

          5 de Março de 2011 as 15:47

          estas viajando cara…na Ilha do Príncipe quem manda somos nós e ponto final…..

  14. Edson Costa

    3 de Março de 2011 as 12:25

    Porquê que são sempre os mesmos individuos que ocupam as direcções administrativas do paìs? Acho lamentàvel esta oligarquia patente na função pùblica santomense!

  15. Politico da Elite Corrupta de STP

    3 de Março de 2011 as 12:29

    Luís fez para merecer essa demissão, deu muitos tiros nos pés, o país não pode mais sustentar e apoiar incompetência seja de quem for, seja Luís ou Luísa não importa….

    Já agora peço ao senhor 1º Ministro para demitir todos os ministros incompetentes, o mais urgente possível, tem que ser coerente dentro do próprio membro do Governo há 5 a 6 ministros que deixa muito a desejar rua com eles já.

  16. Madalena

    3 de Março de 2011 as 13:25

    Alice, Silveira trabalhou sim nos negocios estrangeiros.
    Fundo Canadiano de INIciativas Locais.
    Só a Localidade de Diogo Simões teve apoio. O que é feito desse Projecto???
    Memorias!!!

  17. justiça

    3 de Março de 2011 as 13:26

    Independentemente do que está previsto na lei, o Governo não deve ter qualquer tipo de tentação para governamentalizar o Banco Central.

    A escolha devia ter sido feita em consenso com os outros partidos e o Governo devia procurar uma personalidade independente, quer do poder político quer do poder económico, de preferência sem qualquer filiação política.

    Acrescento que um governador deve evidenciar autoridade e competência em matéria de política monetária deverá ser alguém com uma leitura moderna, completa e corajosa daquilo que devem, tendo em conta o contexto actual, ser os poderes de supervisão deste tipo de cargos.

    • Constancio

      5 de Março de 2011 as 21:28

      Será dificil entrarem no consenso na escolha de uma personalidade independente visto que os partidos são criados numa atmosfera de competitividade e não na vontade de desenvolver o país… Questiono-me imensas vezes o que difere um partido do outro na ideologia…Será que um é mais conservador que o outro? Um é comunista e outro republicano? Ou será que são só diferentes nas pessoas que os constituem e no seu nível de popularidade?

      Se todos defendem a mesma coisa, porque não reunirem-se e trabalharem em conjunto em vez de brincarem com milhares de vidas inocentes?

  18. Manif

    3 de Março de 2011 as 15:49

    Não vejo competência nesta nova governadora…. e o Sr. Primeiro Ministro deveria pedir a mesma que esclareça como ela se tornou accionista de um banco da nossa praça(Afriland..????
    Onde está transparência….

    • Fala sério

      4 de Março de 2011 as 16:50

      Acho que esta questão da Sra ser accionista de um Banco privado e ao mesmo tempo ser governadora do BCSTP parece ser grave. Questão tambem de se saber se não foi no exercício das funções de Governadora (da primeira vez que la esteve) que a Sra, num claro tráfico de influencias, impôs-se aos empresarios que quizeram abrir o Banco, como accionista; querem abrir um Banco? OK, mas eu tenho que ser accionista!. Eis uma questão que a associação dos economistas deveria comentar.

      • Constancio

        5 de Março de 2011 as 21:47

        Concordo…A questão é mesmo de tentar saber como as coisas são feitas e não de fazer presunções.

  19. Leonel Barros

    3 de Março de 2011 as 18:57

    Meus Parabéns pela nomeação mais uma vez a Governadora do BC.

  20. zeme almeida

    4 de Março de 2011 as 2:20

    Esta senhora chama-se Maria do Carmo Trovoada da Silveira.Pergunto,porque esta senhora anda esconder o seu nome verdadeiro?Sera que ela deixou de fazer parte da familia Trovoada e pertencer so a familia do seu marido de apelido{Silveira}.Porque?So faco este reparo,nao com intencao de por em causa a sua imagem.Meus parabens do seu regresso ao BC.Viva RDSTP.

    • Constancio

      5 de Março de 2011 as 21:41

      Será que não foi o jornal que decidiu não dar-se ao trabalho de escrever o seu nome completo?

      Maria do Carmo: epah epah, já que vão escrever sobre mim, não ponham o Trovoada, não quero que saibam que sou familiar do Sr.Patrice!
      Jornalista: Sim senhora…

      Porquê que não reclama quando escrevem Fradique de Menezes quando o seu nome completo é Fradique Melo Bandeira de Menezes? Será que ele não quer ser ligado a outros Melos e Bandeiras no governo e cargos publicos?

      Constatações relevantes, por favor!

  21. cobra preta

    4 de Março de 2011 as 6:43

    Na vida é necessario um pouco de sorte, o conhecimento literario, ajuda aqueles que têm a sorte.
    muitos chamados mas poucos escolhidos.
    A Exma senhora tem sorte na vida.
    Aproveito para lhe desejar longos anos e maior contributo naquele pais insolar.
    a Vossa não foi punido porque não houve provas de roubo, e só o juiz do tribunal pode condenar não os vazios em materia juridica. Aprendamos a arrumar a nossa casa, porque as palvras são de pratas, e o silencio é ouro.
    Desejo saude a todos, que laboram com o espirito de coesão para o desenvolvimento de São tome e Principe.

    • Albertino Silva Braganca de Sousa

      4 de Março de 2011 as 12:23

      quiseste palavrear e nao disseste nada. e se te perdoa teres escrito outras coisas com erros, mas quanto a palavra insular mereces correcao, pois a mesma escreve-se com u e nao com o: Insular.

      • Constancio

        5 de Março de 2011 as 21:45

        ” e se te perdoa teres escrito outras coisas com erros, mas quanto a palavra insular mereces correcao”…

        Ri-se o roto do rasgado. Só terá moral para julgar o outro quando for perfeito em tal matéria, pois a si falta-lhe coesão textual..Alguma vez ouviu falar disso?

        ermm…não.

  22. augusto Ferreira

    4 de Março de 2011 as 7:07

    Ex.mo senhor Primeiro Ministro e Ministro das finanças e cooperação internacional

    É hora de pormos cobro a bandidagem reinante em São Tomé e Príncipe.
    Se o povo são-tomense concorda convosco com a demissão do governador do banco central porque o mesmo é um grande incompetente que levou o banco a pior classificação de sempre e nunca trabalhou em sintonia com os outros administradores, chegando a ser pior com o inteligente mais grande desorganizado Arlindo Carvalho que ia pondo toda a gente no banco doida, também o povo não pode concordar com a nomeação de uma governadora que embora fosse humilde, bem apresentável nunca deu indicações de inovação e competência para lidar com uma das instituições mais importante e poderosa do país prejudicando o país em milhares de euros com o projecto das obras do banco. Será que em São Tomé ninguém é responsabilizado pelos seus actos?
    Será que porque só que o senhor Patrice Trovoada é amigo das meninas do banco que estão sempre em sua casa o mesmo tem que seguir os seus pedidos e colocar a Maria do Carmo?
    Pensem bem senhores dirigente no país que querem ter para o Futuro desse povo humilde que continuam a sofrer e vamos promover pessoas competentes e com poder de transformar e revolucionar as coisas no país.
    É muito importante termos pessoas sérias no banco para não voltarmos a desviar milhões de gga para pagar a emae, para enriquecer comerciantes de são tomé e príncipe ou para pagar estudos mal feitos enquanto o povo passa fome e os trabalhadores sérios continuam a receber um milhão de dobras.

    Vamos ter coragem para mudar o país e deixar de brincadeiras de amigos e amigas, primos e primas, irmãos e irmãs

    • B

      4 de Março de 2011 as 8:31

      Apoiado sr.Augusto Ferreira.

    • Albertino Silva Braganca de Sousa

      4 de Março de 2011 as 12:25

      Tremendo comentário o seu, bem dito!!

    • realista

      16 de Março de 2011 as 16:38

      eu tou 100/cento de acordo contigo vamos alugar um barco para trazer populacao de principe para encinar as camadas juvenil em s.tome como se faz uma manisfestacao em frente de cada minesterio onde achamos que que o referido ministro e corupto nao pode mais gozar do bem do povo santomense.

  23. Cocolola

    4 de Março de 2011 as 10:33

    Para mim teria maior urgencia, uma remodelação na Agencia Nacional dos Petroleos do que no Banco Central.
    Quanto mais tarde demorar esta mexida inevitavel na ANP, mais prejuizos serão dados ao País, assim o governo será cumplice.
    Março mês de Mulher, homens que se cuidem!!!!!

  24. Trafico de influencia

    4 de Março de 2011 as 10:36

    Para mim faz pouca diferença. Os Nomes das pessoas!
    Quando fôr para congelar os bens, aí sim!!
    Pente fino!!

  25. Trinta Mil Barris

    4 de Março de 2011 as 11:08

    O governo
    Devia sim remodelar o governo que não sabe onde pára os 30 Mil barris!!!

  26. Digno de Respeito

    4 de Março de 2011 as 14:11

    Não concordo nem discordo com a posição de cada um face a acção que revela em público (ou não). Mas, o DANILO SANTOS diz palavras mais indicadas.

    Realmente, mas do que copetências ou não está a ATITUDE de cada um de nós perante situações. Mais do que isso, é a DIGNIDADE.

    Contudo, só digo ao caro DANILO SANTOS que cada um é como é, logo, nada a fazer….. Bom trabalho para ti e a tua equipa.

  27. Obama

    4 de Março de 2011 as 20:49

    O meu comentario em relaçao a esta noticia é que uma vez mais fica demonstrado que esse governo já perdeu alguma credibilidade do povo que o elegeu e fica também demonstrado que afinal o senhor Patrice n está a apostar na mudança. Se calhar é melhor apostar na continuidade, com dirigentes incompetentes, corruptos, cheios de casos por esclarecer mas que nunca sao presentes a Justiça e ainda sao vistos como heróis.
    Isto tudo só acontece no nosso STP pois até mesmo o povo permite que essas coisas acontecem.
    Já é altura de começarmos a exigir mais dos nossos governantes. Se n estarmos satisfeitos com a situação, temos de nos revoltar. Revoltem povo enquanto é tempo, enquanto ainda houver esperanças.
    Um bem haja ao povo de STP.

  28. Sun mamonó de úbua floli

    4 de Março de 2011 as 21:39

    Sr. Primeiro ministro quando é que fases uma proposta juntamente com o ministro de negócios de estrangeiros e com o parecer do sua excelência o Sr. Presidente Fradique de Menezes de usarem uma vassoura de aço para varerem os funcionários da embaixada de São Tomé e Príncipe em Portugal. Desde o embaixador até o segurança.

  29. Amem!!!!!!!

    5 de Março de 2011 as 15:39

    O nepotismo é um problema serio em África…

  30. ovumabissu

    5 de Março de 2011 as 23:43

    Politiquices e outras questões marginais à parte, a única questão que deve ser esclarecida é se a Srª Governadora tem ou não participação accionista (nem que seja uma acção!) de um banco comercial.

    Se tem não pode ser governadora, membro da administração nem da alta direcção do banco central.

    São regras de bom senso. Não precisa estar na letra da lei.

  31. Mafioso

    7 de Março de 2011 as 11:04

    O Ditado
    ” Os cães ladram e a carvana passa” assumecada vez contorno em STP.
    Não nuda nada os nossos comentarios.
    Por Isso!!!!

  32. Adriano Málé Bobo

    9 de Março de 2011 as 9:40

    Carvana não, mas sim caravana
    obrigado

  33. NANDO VAZ (ROÇA AGOSTINHO NETO)

    11 de Março de 2011 as 15:48

    QUE DECEPÇÃO!.. SERÁ QUE JOVENS TÊM LUGAR NESTE NOSSO INOVADO GOVERNO?

  34. HFM Productions Lda

    13 de Março de 2011 as 20:37

    Haja paciência pra tanta desgraça num país tão pequeno como este. O nosso país merece ser governado pela Comunidade Internacional.
    Não percebo o porquê de envios dos jovens para exterior do país para se formarem… Tantos jovens recem-formados em diversas áreas específicas tinha que ser logo alguem que já sabemos que cometeu corupção pra ocupar o mesmo cargo… Vale-a-me Deus… S. Tomé e Príncipe…

  35. Madalena

    16 de Março de 2011 as 13:28

    Málé não Malé, okei
    Senhor Adriano.

    • Adriano Málé Bobo

      17 de Março de 2011 as 16:16

      Sr.Patrice Trovoada até quando é que o vento de mudança vai soprar na Agencia de Petroleo e Auroridade Conjunta

    • Adriano Malé Bobo

      17 de Março de 2011 as 16:27

      Obrigado Madalena, pela correção

  36. CABALO MOLÊ

    18 de Março de 2011 as 8:21

    Essa é nova estratégia para o mudelo da governação do patriçe para o rumo a corupção..”

  37. MAYQUEL ALMEIDA

    28 de Março de 2011 as 10:32

    Eu acredito no potencial e na experiência da DRA:MARIA DO CARMO porque ela é a unica que pode conduzir os distinos e dar boa imagem ao Banco Central nesse momento;força curagem para que a nossa economia daqui pra frente tenha pernas pra andar

  38. Olívio Bonfim

    14 de Junho de 2011 as 15:03

    Ela é uma pessoa competente! Mas essa nomeação tem mais a ver com questões familiares.Embora tendo laço afectivo com o mlstp-psd,para aqueles que não sabem,essa senhora é da família Trovoada!

  39. Cosme Morgan

    6 de Agosto de 2011 as 12:16

    todos vos nao estao preparados para debate.Pois todos vos nasceram sob osigno do chamado MLSTP ecomungam a mesma ideologia. Eestao outra vez a espera do patrao ou por outro o grande subtraidor da riqueza e maltratador do povo que e o Pinto da Costa.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo