Cabo submarino já chegou no vizinho Gabão

Grande festa foi organizada em Libreville, capital do Gabão, para assinalar a chegada do cabo submarino de fibra óptica que vai revolucionar o serviço das telecomunicações no país vizinho. Está previsto para o primeiro trimestre de 2012, a amarração do cabo submarino na ilha de São Tomé.

Leve-leve, como se diz em São Tomé e Príncipe, o cabo submarino está a contornar a África Ocidental. No passado dia 27 de Outubro, a capital gabonesa Libreville, celebrou a chegada do cabo submarino. A conexão da fibra óptica para Libreville vai ter lugar nos próximos dias, numa praia localizada na zona norte de Libreville.

O Governo do Presidente Aly Bongo, investiu 25 milhões de dólares, para arrastar o cabo submarino até o Gabão. A petrolífera Total Gabão e o Banco Mundial, são parceiros do Estado gabonês no grande projecto.

O cabo submarino que liga Europa à África, percorre 12 mil quilómetros ao longo do oceano Atlântico ligando vários países africanos a rede de alta velocidade das telecomunicações.

A ilha de São Tomé é um dos pontos de conexão. A Companhia São-tomense de Telecomunicações, já começou a preparar valas por orde os cabos de conexão deverão passar, para revolucionar a rede nacional de telecomunicações. Tudo indica que o cabo submarino deverá chegar ao país no primeiro trimestre de 2012.

A nível nacional o projecto é financiado pelo Banco Mundial, o Estado São-tomense e a Portugal Telecom, esta última por sinal parceira do Estado são-tomense na CST.

Pelo menos no Gabão as autoridades garantem que com a chegada do cabo submarino, o serviço Internet vai ser distribuído a todo o país e a preço acessível.

Para o Téla Nón e outros jornais digitais nacionais, a chegada do cabo submarino, poderá significar revolução a porta.

Abel Veiga

  1. img
    Afonso Pereira Responder

    Tomará em STP a CST tenha a decencia de baratear o preço da ne, porque hoje o que se paga e o serviço que se oferece nada mais é que pura extorção

  2. img
    lupuye Responder

    Nao sei porque e que STP meteu-se em negocios de comunicacao com Portugal. Nos estao explorando e trazendo para o nosso pais precos que sao proibitivos. A internet, o telefone sao utensilios uteis e necessarios para o desenvolvimento de um pais. Ate hoje a cst nao permite a entrada de outras empresas de telecomunicacao em Sao Tome e Principe e continuamos a aceitar isso. A concorrencia e muito necessaria para o desenvolvimento. Acho que ainda estao usando o nosso indicativo internacional para a pornografia fazendo com que os telefonemas de certos paises para STP nao sejam possiveis.
    Espero que com a entrada do cabo submarino os santomenses tenham um preco mais acessivel de maneira a que mais gente tenha acesso a infofrmacao.

    • img
      luis barradas Responder

      quem te disse que o cabo submarino vem de portugal e é português?
      tens alguma coisa contra portugal e os portugueses?
      gostaria de saber porquê?
      que eu saiba o cabo é estratégico, de parcerias e apoios mundiais, e visa a ligação da europa á áfrica com tecnologias modernas, ou então continuas a ver tv e a falar ao telefone e net por satélite com todos os imprevistos e atrasos e mais cara.
      as novas tecnologias estão aí com o cabo submarino.
      Se a CST domina o mercado STP então o governo deve abrir o mercado a outras empresas, nacionais ou estrangeiras, mas falta saber se o mercado STP tem lugar para mais, se calhar por isso o governo não abre concorrência…e se não fosse a parceria da PT, com o governo STP, tenho a certeza de que não haveria nada neste dominio em STP porque mais nenhuma companhia pegava em STP e o que é nacional em STP não presta ( emae, enaport, enasa, inac,enco,etc) ou não será?
      porque será que entregaram o aeroporto, o porto e a enco aos angolanos? preferes estes? cuidado para não voltares a ser colonizado, porque é isso que vos espera…
      depois não diz que não avisei em tempo!!!!

      • img
        Paracetamol 500mg Responder

        Barradas acho que ficaste emocionado quando fizeram referencia a PT.
        Dizes que se nao fosse a Pt a cst nao seria o que e’ hj. Acho que estas enganado, porque a pt e’ uma empresa que precisa desses paises, como sao tome para aumentar os seus lucros.
        se fores investigar, a Pt tem certa relevancia nos mercados pq e’ uma empresa presente nos mercados estrategicos, por exemplo angola, mocambique. Stp se tirares partido geografico, sem incluir o negocio dos indicativos, e’ um potencial mercado a nivel d servicos.
        Mau grado a Pt n faz investimentos serios no nosso pais, mas sim no brasil. se o accionist estado agisse como deve ser, a pt teria uma outra postura em stp.
        Falta o caso Stp airwys

        • img
          luis barradas Responder

          tudo bem, mas tens que admitir que o cabo pode revolucionar as comunicações em STP ou não?

          • img
            Paracetamol 500mg

            Claro que sim.
            Com este investimento de cabo submarino,vai revolucionar o modo de comunicar sim.
            Mas o problema é que a CST deficiente, nunca veio ao publico dizer, quais os efeitos desse investimento, se irá baixar os custos da Internet em stp, mesmo ao nível das telecomunicações.

            A cst nunca deu uma explicação ao povo, nem ao governo porquê que em certos países não se consegue ligar a stp?
            A PT por intermédio da Cst, tem criado problemas ao desenvolvimento do pais indirectamente, bloqueando os concorrentes.
            Mau grado esses dirigentes Santomenses nunca tomam posição relativamente a PT. O interesse santomense está em segundo lugar, nesta compainha.

            Outra critica que faço, é relativamente a stp airways, nunca vi uma cara santomense na comitiva executiva deste grupo, só portugueses. Quem assinou este acordo não protegeu os interesses da compainha santomense. Quero saber que accionista é essa de GIAS, que detem 17% da stp airwys.

          • img
            luis barradas

            o mais certo é que a CST tem de baixar o preço de tudo porque o custo também vai baixar. Para a autoridade das comunicações STp tem de verificar isso mesmo como reguladora.
            quanto á stpairwais que eu saiba a parte santomense é de 49% e a euroatlantic 51% e portanto quem tem a maior parte detém a administração mas é em todo o lado assim.
            isto também acontece pela falta de capacidade financeira do estado e depois se quer as coisas tem que se sujeitar, mas também é assim em todo o lado do mundo.
            é a realidade…

  3. img
    Anca Responder

    Revolução da telecomunicação, na rapidez e velocidade de transmissão de dados elevadíssima.

    Vamos ao conceito de fibra óptica.

    “Fibra Óptica”

    “A fibra óptica (português europeu) ou fibra ótica (português brasileiro) é um pedaço de vidro ou de materiais poliméricos com capacidade de transmitir luz.” “Tal filamento pode apresentar diâmetros variáveis, dependendo da aplicação, indo desde diâmetros ínfimos, da ordem de micrômetros (mais finos que um fio de cabelo) até vários milímetros.”

    “A fibra ótica foi inventada pelo físico indiano Narinder Singh Kapany.” “Dentre os diferentes métodos de fabricação de fibra ótica existentes, os mais conhecidos são MCVD, VAD e OVD.”

    “Funcionamento”

    “A transmissão da luz pela fibra segue um princípio único, independentemente do material usado ou da aplicação: é lançado um feixe de luz numa extremidade da fibra e, pelas características ópticas do meio (fibra), esse feixe percorre a fibra por meio de reflexões sucessivas.” “A fibra possui no mínimo duas camadas: o núcleo e o revestimento.” “No núcleo, ocorre a transmissão da luz propriamente dita.” “A transmissão da luz dentro da fibra é possível graças a uma diferença de índice de refração entre o revestimento e o núcleo, sendo que o núcleo possui sempre um índice de refração mais elevado, característica que aliada ao ângulo de incidência do feixe de luz, possibilita o fenômeno da reflexão total.”

    “As fibras ópticas são utilizadas como meio de transmissão de ondas eletromagnéticas, temos como exemplo a luz uma vez que é transparente e pode ser agrupada em cabos.” “Estas fibras são feitas de plástico e/ou de vidro.” “O vidro é mais utilizado porque absorve menos as ondas electromagnéticas.” “As ondas electromagnéticas mais utilizadas são as correspondentes à gama da luz.”

    “O meio de transmissão por fibra ótica é chamado de “guiado”, porque as ondas eletromagnéticas são “guiadas” na fibra, embora o meio transmita ondas omnidirecionais, contrariamente à transmissão “sem-fio”, cujo meio é chamado de “não-guiado”.” “Mesmo confinada a um meio físico, a luz transmitida pela fibra ótica proporciona o alcance de taxas de transmissão (velocidades) elevadíssimas, da ordem de dez elevado à nona potência a dez elevado à décima potência, de bits por segundo (cerca de 40Gbps), com baixa taxa de atenuação por quilômetro.” “Mas a velocidade de transmissão total possível ainda não foi alcançada pelas tecnologias existentes.” “Como a luz se propaga no interior de um meio físico, sofrendo ainda o fenômeno de reflexão, ela não consegue alcançar a velocidade de propagação no vácuo, que é de 300.000 km/segundo, sendo esta velocidade diminuída consideravelmente.”

    “Cabos fibra ótica atravessam oceanos.” “Usar cabos para conectar dois continentes separados pelo oceano é um projecto monumental.” “É preciso instalar um cabo com milhares de quilómetros de extensão sob o mar, atravessando fossas e montanhas submarinas.” “Nos anos 80, tornou-se disponível, o primeiro cabo fibra ótica intercontinental desse tipo, instalado em 1988, e tinha capacidade para 40.000 conversas telefônicas simultâneas, usando tecnologia digital.” “Desde então, a capacidade dos cabos aumentou.” “Alguns cabos que atravessam o oceano Atlântico têm capacidade para 200 milhões de circuitos telefônicos.”

    “Para transmitir dados pela fibra ótica, é necessário equipamentos especiais, que contém um componente fotoemissor, que pode ser um diodo emissor de luz (LED) ou um diodo laser.” “O fotoemissor converte sinais elétricos em pulsos de luz que representam os valores digitais binários (0 e 1).” “Tecnologias como WDM (CWDM e DWDM) fazem a multiplexação de várias comprimentos de onda em um único pulso de luz chegando a taxas de transmissão de 1,6 Terabits/s em um único par de fibras.”

    “Vantagens”

    “Em Virtude das suas características, as fibras óticas apresentam muitas vantagens sobre os sistemas eléctricos:”

    “Dimensões Reduzidas”
    “Capacidade para transportar grandes quantidades de informação ( Dezenas de milhares de conversações num par de Fibra);”
    “Atenuação muito baixa, que permite grandes espaçamentos entre repetidores, com distância entre repetidores superiores a algumas centenas de quilômetros.”
    “Imunidade às interferências eletromagnéticas;”
    “Matéria-prima muito abundante.”

    “Desvantagens”

    “Custo ainda elevado de compra e manutenção;”
    “Fragilidade das fibras óticas sem encapsulamento;”
    “Dificuldade de conexões das fibras óticas;”
    “Acopladores tipo T com perdas muito grandes;”
    “Impossibilidade de alimentação remota de repetidores;”
    “Falta de padronização dos componentes ópticos.”

    “Aplicações”

    “Uma característica importante que torna a fibra ótica indispensável em muitas aplicações é o facto de não ser suscetível à interferência eletromagnética, pela razão de que não transmite pulsos elétricos, como ocorre com outros meios de transmissão que empregam os fios metálicos, como o cobre.” “Podemos encontrar aplicações do uso de fibra ótica na medicina (endoscopias por exemplo) como também em telecomunicações (principalmente internet) em substituição aos fios de cobre.”

    “Tipos de fibras”

    “As fibras óticas podem ser basicamente de dois modos:”

    “Monomodo:”
    “Permite o uso de apenas um sinal de luz pela fibra.”
    “Dimensões menores que os outros tipos de fibras.”
    “Maior banda passante por ter menor dispersão.”
    “Geralmente é usado laser como fonte de geração de sinal.”
    “Multimodo:”
    “Permite o uso de fontes luminosas de baixa ocorrência tais como LEDs (mais baratas).”
    “Diâmetros grandes facilitam o acoplamento de fontes luminosas e requerem pouca precisão nos conectores.”
    “Muito usado para curtas distâncias pelo preço e facilidade de implementação pois a longa distância tem muita perda.”

    In Wikipédia

    O que poderá consistir numa revolução no pais(território/população), em termos de ganhos económicos, mediante investimento futuro, sem esquecer a parcela do país(território/população), Príncipe, para um desenvolvimento que se quer homogéneo e sustentável, em termos de tecnologias de informação e telecomunicação, da internet, da Tv por cabo, com benefícios a nível social e económico.

    Muito mais barato – muitos quilómetros de cabo óptico podem ser fabricados com menor custos que o equivalente de fio de cobre. Isso economiza o dinheiro de seu provedor (de TV a cabo ou Internet) e o seu também.

    Maior capacidade de transmissão – como as fibras ópticas são mais finas do que os fios de cobre, mais fibras do que fios de cobre podem ser colocadas juntas em um cabo de determinado diâmetro. Isso permite que mais linhas telefónicas passem pelo mesmo cabo ou que mais canais sejam transmitidos através do cabo para os aparelhos de TV a cabo.

    Menor degradação do sinal – a perda de sinal em uma fibra óptica é menor do que em um fio de cobre.

    Comunicação ao telefone ou recepção de TV mais nítidas e sem interferências.

    Menos consumo de energia

    Os sinais nas fibras ópticas degradam menos, podem ser usados transmissores de menor potência em vez dos transmissores eléctricos de alta voltagem necessários para os fios de cobre. Mais uma vez, isso economiza dinheiro para seu provedor e para o consumidor final.

    sinais digitais

    Fibras ópticas são teoricamente adequadas para a transmissão de informação digital, o que é especialmente útil nas redes de computadores, com os benefícios na informatização dos serviços, na medicina e comunicação.

    Com fibras ópticas, não há risco de incêndio.

    São leves
    Um cabo óptico pesa menos que um cabo de fios de cobre comparável. Os cabos de fibra óptica ocupam menos espaço no solo, com vantagens para expansão da rede de telecomunicação e TV cabo em STP.

    Flexibilidade

    Fibras ópticas são flexíveis e podem transmitir e receber luz, são usadas em câmaras digitais flexíveis para as seguintes finalidades

    Produção de imagens médicas – em broncoscópios, endoscópios, laparoscópios;

    Produção de imagens mecânicas na inspecção mecânica de soldas em tubos e motores (em aviões, foguetes, autocarros, carros),etc,etc.

    Serve para inspeccionar linhas de esgoto.

    Os cabos fibras ópticas são utilizadas em várias indústrias, com incidência na de telecomunicações e as redes de computadores. Por exemplo, se queremos telefonar para a Europa a partir dos STP (ou vice-versa), com os cabos de fibra óptica transatlânticos, a conexão é directa, sem ecos.

    Mas necessário se torna também investir na segurança, na monitorização e acompanhamento futuro da rede de fibras ópticas.

    Necessário se torna investimento em energias( modernização da rede eléctrica nacional), essencialmente investimento em energias renováveis, pois acarretam menos custos, e vantagem para a protecção do meio ambiente e para a natureza e gerações futuras, como benefícios para o país(território/população).

    Necessário se torna uma política séria coerente de desenvolvimento local, distrital e regional, à nível de planos de ordenamento de território, onde são definidas as políticas e planos pormenor de desenvolvimento local(PDL),planos de pormenor de desenvolvimento distrital(PDD), plano de pormenor de desenvolvimento regional(PDR), políticas de urbanização, planos de urbanismos.

    Expansão e acessibilidade da telecomunicação(internet e tv) e sinais de televisão digital, ao todo o país(território/população) de uma forma equitativa e homogénea.

    Visão de crescimento e desenvolvimento sustentável do país(território/população), à curto, médio e longo prazo, tendo em conta as gerações e salvaguardando os recursos disponíveis(recursos escassos e finitos).

    Mais unidade, mais disciplina, mais e melhor trabalho, para alcançar-mos o progresso sócio-político-económico e financeiro de forma sustentável e primorosa.

    Bem haja

    Pratiquemos o bem

    Pois o bem

    Fica-nos bem

    Na tarefa de construir-nos uma sociedade, um país(território/população) livre, justa, transparente, madura, crescida e desenvolvida, para o beneficio de todos.

    Pois todos devemos envolver nesta tarefa, não deve ser somente o dever, do PR, do Governo, ou das autoridades competentes, é também nossa, da sociedade civil organizada, do cidadão comum.

    Deus abençoe São Tomé e Principe

    • img
      Tlaba Só Ca dá Tê Responder

      Anca deve ser um velho bem fraco da mente que, serve unicamente para fazer copy past da wikipédia, vai tomar banho Anca. Deves ter a barriga e bunda bem grande.

      • img
        Hugo Menezes Responder

        Mandaste muita bem Tlaba Só Ca dá Tê…
        Aquilo que anca fez é o que muitos têm feitos na faculdade
        Copy/Paste
        hahahahahahhaahhaha… LOL

        • img
          Anca Responder

          Por isso é que o país está na miséria e pobreza, tanto intelectual, como espiritual, mental e material.

          Falta de conhecimento antes de abrir a boca para dar opinião sobre, assuntos que não sabem, nem entendem.

          Mais saber, para saber fazer melhor.

          Bem haja a todos

          Deus vos abençoe

      • img
        Anca Responder

        Sabes o que significa entre aspas “-” num artigo científico escrito por especialistas.

  4. img
    Arte Responder

    JUlgo o que o Estado saotomense tem que fazer é deixar a livre concorrencia ditar os preços e abrir o mercado aos novos operadores. Porque com a CST e PTelecom estaremos sempre linxados….
    Tudo que é velharia e restos mortais de telecomunicação é exportado para STP.
    O povo nao conseguirá dar nenhum passo com esta CST que temos. Parcerias !?’!

  5. img
    Taa-Sossegado Responder

    Coitada da Ilha do Príncipe,

    Sempre esquecida!

    • img
      Santos Ferrado Responder

      Parem com isso de coitada da ilha do Principe. Ate parace k kerem tdo a pe de igualdade, 50%.

      • img
        Ponta Mina Responder

        Que superioridade senhor Santos Ferrado!
        Superioridade em termos de incompetência, ignorância e corrupção que nos desgraçou durante os últimos quarenta anos?
        Superioridade em termos de iliteracia, vulgaridade, disparates e pobreza que nos transformou em cidadãos de 3ª categoria que esconde do mundo mediante a sua incapacidade organizacional?
        É esta a sua suposta superioridade?
        Se o senhor não fosse um ignorante compulsivo com ares de intelectual eu lhe aconselharia um receituário mais rico para atenuar os níveis da sua pobreza espiritual, intelectual e moral.
        Não me admira nada o seu atrevimento ou ousadia, pois, foi assim, com manifestação de arrogância, soberba e tiques de superioridade, suportados por vazios ao nível de organização, planeamento, know how e fragilidade exagerada, relacionada com conhecimentos técnicos e científicos, que o país foi definhado na pobreza nos últimos 40 anos enquanto o senhor e a sua entourage engordava por cima de sacos de vulgaridades intelectuais.
        Se é esta a sua superioridade eu agradeço-lhe a assunção do epíteto porque, como natural do Príncipe que vive nesta terra, prefiro compartilhar as dificuldades com os meus conterrâneos e não tenho inveja nenhuma da sua suposta superioridade. O senhor pode ficar com ela, ir enchendo a sua barriga com ela, porque ela há-de explodir nas suas mãos e, nesta altura, o senhor não saberá o que fazer com ela.
        Fique sabendo o senhor que o governo regional do Príncipe e a sua população farão tudo, quer o senhor e o seu governo central queiram, quer o senhor e o seu governo central não queiram, para minimizar este sintoma de marginalidade que querem eternizar na ilha do Príncipe. O senhor pode esperar pelas notícias relacionadas com tal propósito. E só espero, que o senhor, na sua suposta superioridade, vaidade, arrogância e, porque não, vacuidade oratória, quando tal acontecer, não encontre forças e energias para travar ou impedir a realização daquilo que a sua suposta superioridade lhe tem permitido fazer.
        O Príncipe vai encontrar mecanismos para dar a volta a esta situação e nenhuma tentativa para o seu esmagamento vai vingar, quer o senhor e a sua superioridade queiram ou não.
        Saudações de um inferior
        Ponta Mina

    • img
      M Trindade Responder

      Pois,

      Este é o preço da insularidade do País, meu caro.
      A ilha do Príncipe não será de todo afetada com a não inclusão do cado internacional. Para tal, seria necessário instalar em São Tomé uma antena com boas capacidades de envio/recessão de sinal.
      Naturalmente que a velocidade de envio e captação do pacotes seria muito mais baixa em relação à fibra ótica. No entanto o mesmo é muito superior ao sinal de satélite que atualmente existe em ambas as ilhas.
      Por exemplo, atualmente a novos dispositivos moveis de telecomunicação podem receber dados na ordem de 7.5 Mbit. Se não obtivermos uma velocidade a 50% do valor indicado, não seria mal de todo dado que na nossa velocidade atual, se não estarei equivocado, está na ordem 150Kbit.

      Pois outro lado, no nosso mercado das telecomunicações ainda não está liberalizado. Só poderemos ter crescimento e competitividade com a liberação dos vários sectores na sociedade.

      • img
        Sun Tiberio Responder

        Cada piada, “Preço da insularidade”, ST também não é insular, ou não sabes que significa tal palavra.
        Isso é preço de má fé de gente da ilha de ST, isso sim..

  6. img
    Helves Santola Responder

    Pois é… vamos rezar para que o preço dos serviços de internet seja o mais baixo possível para que toda a população tenha acesso….assim o retorno aos investidores serão muito maiores e isso ajudará o país a se manter mais actualizado…..

  7. img
    Uamato Responder

    Anca muito obrigado

    • img
      Anca Responder

      Um abraço, força e coragem, irmão.

  8. img
    lino Responder

    Ainda vmos ser bem sucedidos e ricos….uma terra próspera.
    Acreditem, amigos.
    Que seja para os nossos filhos.
    Deus não dorme.
    Esses gajos politicos só têm gozado com a gente.
    Vivem a grande e a francesa…e o povo que se f…
    Que se f….eles.!

Deixe um comentario

*