Na ceia de natal dos militares Fradique de Menezes pediu maior atenção das forças durante a quadra festiva e para os tempos difíceis que se avizinham

Publicado em 25 Dez 2008
Comentários; fechado

No meio da ceitropa-e-bandeira.jpga festiva, com mesa farta o Presidente da República manifestou-se preocupado com a crise mundial que deverá ter repercussões graves para um país frágil como São Tomé e Príncipe. O Chefe de Estado e Comandante Supremo das Forças Armadas quer que os seus comandados estejam atentos, neste período festivo mas não só.

Fradique de Menezes advertiu aos soldados das forças armadas, para estarem atentos, e obedecerem as ordens dos seus superiores hierárquicos, nesta altura de festa natalícia. «Vocês têm que estar muito atentos. Seguir muito atentamente aquilo que os vossos superiores hierárquicos têm a dizer durante todo este período que esta a começar e durante 2009», declarou, o comandante supremo das forças armadas.

Um alerta numa altura do ano em que por tradição as forças de defesa e de segurança ficam em estado de prevenção. A ver para o ano que se avizinha o Chefe de Estado manifesta-se preocupado com as repercussões da crise económica e financeira mundial sobre o arquipélago. «Porque não sabemos como é que esta crise mundial vai evoluir. Nós é que vamos apanhar o chicote de tudo isto que se passa lá fora», sublinhou.

Fradique de Menezes enalteceu o papel que os militares têm desempenhado na garantia da ordem e segurança pública em parceria com a polícia nacional.

Abel Veiga