Nigéria aprova nova lei para a indústria petrolífera

presidente-da-nigeria-goodlocx.jpg(foto – Reuters)A nova lei aprovada pelo senado nigeriano, entrou em vigor no dia 22 de Abril, e obriga a participação de empresas locais no desenvolvimento da indústria do petróleo e do gás. O Presidente Interino Goodluck Jonathan, pretende com o novo diploma legal, garantir maior participação das empresas locais na exploração do petróleo. A nova lei que propõe soluções para promover, a participação das empresas locais em todas as operações e transacções ligadas a exploração do petróleo e gás, indica as acções a serem implementadas para que as empresas nigerianas disponham de competência técnica e de recursos humanos para assegurar as operações na indústria petrolífera. A nova lei que atende em parte as aspirações do Movimento de Emancipação do Delta do Níger, grupo rebelde que reivindica melhor distribuição das receitas do petróleo, apresenta outra grande novidade. Trata-se da obrigação que doravante recai sobre as companhias petrolíferas estrangeiras de depositarem no mínimo 10% do seu rendimento anual em bancos nigerianos. Uma estratégia do governo de Goodluck Jonathan, para aumentar a liquidez e financiar a economia. Nigéria é o oitavo maior produtor de petróleo do mundo.

  1. img
    Pensador Responder

    por fim um pouco de consciencia

  2. img
    Gabriel Responder

    até que fim deram um pouco de importancia a minha raça!

  3. img
    Gabriel Responder

    nessa copa eu vou torçer pela africa do sul kkkkkkkkkkkkkk

  4. img
    Gabriel Responder

    é serio eu vou torçer

Deixe um comentario

*