Política

Presidente da República e o Governo promoveram 17 oficiais das forças armadas

No salão nobre do Palácio do Povo o presidente da República Fradique de Menezes promoveu 10 novos oficiais superiores das forças armadas. Um acto considerado como de reposição da justiça nas fileiras das forças armadas. Também no ministério da defesa a Ministra Elsa Pinto, promoveu 7 oficiais subalternos a patente de capitão.

Pelo que o Téla Nón apurou os oficiais subalternos, nomeadamente tenentes que foram promovidos a patente de capitão, aguardam há mais de 8 anos pela promoção. No grupo dos tenentes promovidos pela ministra da defesa nacional destacam-se Virgílio Pontes e Leopoldo Fernandes, ambos tomaram parte em 2008 na operação do exército que pôs fim a revolta do corpo de intervenção da polícia nacional, os chamados Ninjas.

No palácio do povo, o Presidente da República e Comandante Supremo das Forças Armadas, promoveu 10 novos oficiais superiores das forças armadas. Três majores nomeadamente Atanásio Silveira da Costa, Horácio castro da Trindade de Sousa, e Filipe Abreu Eusébio foram promovidos a patente de tenente-coronel, e com efeitos a partir de 6 de Setembro de 2009, segundo o decreto presidencial.

Por outro lado, Jordão Soares Baptista de Sousa, ajudante de campo do Presidente da República que foi graduado a patente de Major, foi hoje confirmado no posto com a promoção feita pelo Chefe de Estado.

O sector da guarda costeira em fase de construção, viu o primeiro-tenente Idalécio João, ascender a patente de Capitão Tenente.

Outros 4 capitães do exército no activo foram promovidos pelo Presidente da República, a patente de Major, nomeadamente Sebastião Quaresma Andreza, Tomé Guadalupe da Glória, Armindo Pinho da Fonseca e Silva, e José Maria Coelho da Silva Menezes. Os dois últimos também foram operacionais da operação anti-Ninja. O agora Major Armindo Pinho da Fonseca e Silva foi comandante da unidade militar que ocupou o antigo quartel dos Ninjas. Actualmente Armindo Silva, exerce as funções de assessor do Primeiro ministro Rafael Branco para questões de defesa e segurança.

Por último o Presidente da República, promoveu o capitão na reserva Hortêncio da Vera Cruz Amadeu a título excepcional ao posto de Major. «Estamos a cumprir com uma fase, sobretudo aqueles que já atingiram o limite no posto e que precisavam a luz da lei serem promovidos, em estrito cumprimento da norma», explicou a ministra da defesa nacional Elsa Pinto.

Na reforma da instituição militar o Governo aguarda aprovação pela Assembleia Nacional do decreto que cria mais duas patentes, Coronel e Brigadeiro. A actual promoção de oficiais superiores, não implica o aumento de despesas para os cofres do estado. «Porque os oficiais superiores que são hoje promovidos, quase a totalidade já vencem na sua patente. São majores que já estão a vencer como tenente coronéis, porque já são responsáveis de repartições ou desempenham cargos em que se exige a patente de tenente-coronel. Estamos a falar do inspector-geral das forças armadas que é major, mas que precisava de ser promovido porque já fez curso de oficial superior. Outro é chefe da repartição de finanças, e outro é Presidente do Tribunal Militar», sublinhou Elsa Pinto.

A promoção dos militares são-tomenses prossegue no Ministério da Defesa onde 7 oficiais subalternos vão subir a patente de Capitão. No quartel-general, o comandante do exército Idalécio Pachire, vai promover sargentos e praças.

Abel Veiga

    25 comentários

25 comentários

  1. carlinho Tiny

    25 de Maio de 2010 as 15:43

    espero que não haja problemas

    • Eduney

      25 de Maio de 2010 as 22:32

      Ó senhor Carlinho Tiny!
      ^Seja mais claro:
      Porquê que promoções no seio das Forças Armadas haverioam de criar problemas? E que tipo de Problemas? Você não leu no artigo que alguns até estavam a espera dessa promoção há 8 anos? Afinal, quando se faz justiça, cria-se problemas?
      Vamos ser sérios!!!

    • Eduney

      25 de Maio de 2010 as 22:35

      Ó senhor Carlinho Tiny!
      Seja mais claro:
      Porquê que promoções no seio das Forças Armadas haverioam de criar problemas? E que tipo de Problemas? Você não leu no artigo que alguns até estavam a espera dessa promoção há 8 anos? Afinal, quando se faz justiça, cria-se problemas?
      Vamos ser sérios!!!

  2. joca

    25 de Maio de 2010 as 17:30

    muitos parabens,telanon continui a,dar bons,exemplos na comonicaçao social em S.T.P,É DISTO que o povo quer.esta muito giro o vosso trabalho um abraço ABRAÇO SANSAN

    • Teixeira

      26 de Maio de 2010 as 10:27

      Parabens sim! e muito parabens. Acho que a melhoria do site, do jornal digital e a forma como as informações estão postadas constitui um grande avanço para a comunicação social SANTOMENSE.

      O espaço para comentários é uma forma do expressão da democracia, da liberade de expressão e do exercício da cidadania.

      Este exemplo deveria ser seguido por outros.

  3. Felisberto Fonseca

    25 de Maio de 2010 as 21:06

    Num país pequeno sem instabilidade e problemas militares eu não percebo a razão desta senhora ministra correr com esperteza saloia aumentar as patentes militares em total incompatibilidade com a nossa realidade cultural, militar, social e política. Para quê minha gente?! Este país não melhores pessoas para serem ministros de defesa?? Para quê que o nosso país precisa de GENERAIS, CORONÉIS e outras porcarias deste tipo? Tirem esta mulher deste cargo, por favor. Mandem ela ir cascar banana para marido dela ou partir carroço na roça. O que é que esta senhora percebe de defesa?
    O senhor primeiro-ministro não deveria apostar na educação e na saúde? Temos um Hospital sem água para os doentes, no entanto esta senhora e o senhor primeiro-ministro resolve estar a aumentar as patentes dos militares para coronel e outras porcarias. Sinceramente…

    • moreno

      26 de Maio de 2010 as 13:15

      ESTOU PLENAMENTE DE ACORDO COM O COMENTARIO DO SENHOR FELISBERTO FONSECA

    • joferly

      26 de Maio de 2010 as 17:18

      Meu caro Felisberto.Entendo que o srº esteja preocupado com o nosso sistema de saúde. Também me preocupa.É óbvio que o governo deveria preocupar-se com a introdução de um sistema funcionável onde os cuidados elementares de saúde bem como a promoção nesse mesmo sistema dos meios complementares de diagnóstico. Mas meu compatriota, é importante que haja promoção dos nossos militares,. Não se esqueça que motivando-os todos nós estamos em segurança. Aponte um país (excepto a Suiça) onde não exista militares. Promovamos as competências e deixemos da política do ” bota abaixo”.

      • santola

        26 de Maio de 2010 as 18:27

        voces nao entenden nada,eles sao espertos,se ouver alguma revolta que ten que os proteger?que eles tenhen que ter sob controlo?quen tem medo compra cao,eles comprao militares.

  4. Neusa

    25 de Maio de 2010 as 21:33

    Estou satisfeita com o progresso do nosso pais e do trabalho deste jornal…

  5. GREGÓRIO VAZ CONCEIÇÃO

    26 de Maio de 2010 as 10:27

    Estes que vi já estão todos cansados.
    Aonde estarão a nova geração de oficiais?Ao meu vêr, estes foram sim, reformados

  6. Carlos

    26 de Maio de 2010 as 11:55

    Os meus Parabéns ao Jornal Telanón pela remodelação deste website.
    Aproveito para fazer algumas sugestões que julgo serem úteis: 1º – inclusão do Telanón nos seguintes websites (http://www.newspapers24.com e http://www.onlinenewspapers.com) de modo que, possa ser mais conhecido e mais lido pelos cibernautas a nível mundial (se possível tradução em pelo menos uma das língua INGLÊS, Espanhol ou Francês).
    2º – Estar visível ou seja disponível no website os vossos contactos. Que até então não está fácil descortinar.
    Espero ter contribuído.
    Carlos

    • Assunção

      26 de Maio de 2010 as 19:46

      Plenamente de acordo e sem mais.

  7. O ENIGMATICO

    26 de Maio de 2010 as 13:54

    De fato o tela non meresse o total aplauso,está no bom caminho e é este caminho que outros jornais deveriam tomar como ponto de partida para sua caminhada, pois é disso que o povo gostas, sentir total liberdade de se expor, sentir-se democratico num país onde se diz existir democracia quando na realidade não passa de ser uma repressão…
    É lamentavel a inexistencia de Cerebro nesses governantes de STP…Lamentavel porque não é possível uma pessoa com total ausencia de cerebro conduzir uma nação, a muito que ja se percebia a falta de competncia da Elsa Pinto, deveria ter se demitido…com tantas coisas mais importante pra se preocupar, como lamentou o senhor Felisberto Fonseca de que o Senhor Primeiro Ministro deveria ter se apostado na edicação e saúde, pois concordo, mas temos que tolerar porque prorio O Senhor primeiro Ministro é uma pessoa sem serebro…

  8. Chicodesperto

    26 de Maio de 2010 as 14:39

    Fui militar anos 1987 alguem sabe me dizer o que é feito do ou se estão no activo o tenente Orlando das Neves capitão Aguas capitão Nascimento, tenente Dancua, Tenente cravid tenenete Felisberto Segundo, tenente Fernando pereira Marçal Lima (cobo) primeiro-sargento Sérgio (o engajado )palavra que usávamos na altura para brincadeira porque o homem tudo fazia para agradar os seus superiores para chegar a aspitante mas nunca conseguia.
    Eu conheci esses soldados com essas patente penso que se estiverem em activo devem ser hoje major tenentes coronéis.
    Abraços

  9. ime é tortura

    26 de Maio de 2010 as 15:33

    A mente do nosso povo ainda esta mt retardada” é inacreditável”, o que tem a ver o aumento da patente com a falta de água no hospital central? a ministra da defesa é a responsável pela área de saúde?vc por acaso sabe o que se passa no seio do exército e o salário de cada patente em relação aos nossos funcionários públicos de certos sectores? os militares n são cidadãos como todos todos os restantes do povo pq n merecem a promoção?se as mulheres da sua familia limitam-se a descascar banana pra marido e partir caroço n necessáriamente todas têm que ser igualmente atrazadas, por último vê se pára de fazer comentários idiótas “gente burrrrrrra”

  10. Alex

    26 de Maio de 2010 as 17:03

    Antes de prosseguir no meu breve comentário,quero parabenisar os 3 Majores promovidos a tenente-coronel e de igual modo
    ao sr.Jordão. Apenas lamento o facto de isso não significar aumento salarial,mas pronto infelizmente esta é a nossa realidade,o importante é saber levar,porque eu como jovem que sou estou convicto que tempos melhores viram para os 160.000.000 Santomenses sensivelmente.E quanto ao site,valeu o tempo esperado pela a manutenção do mesmo. Congratulations

  11. Alex

    26 de Maio de 2010 as 17:07

    Aliás os 160.000 santomenses sensivelmente

  12. tagarela

    26 de Maio de 2010 as 18:24

    Olá! Felicite, em primeiro lugar o “tela non” pela repaginada no vosso site. Já era tempo.
    Nós Santomenses temos que começar a analisar as notícias com alguma frieza. Devo concordar, no essencial com “ime é tortura” e o “joferly”. A situação catrastófica do país não impõe que justiças sejam feitas e aqueles que merecm promoção a tenham. Cada Ministro deve se ocupar das questões que o seu sector demandam, e isso passa pelas promoções, independentemente de outros problemas. Viva ST!!!

  13. N.Capela

    26 de Maio de 2010 as 20:33

    Na euforia de comentar as noticias divulgadas pelo “TELA NON”esquecemos na veradade de valorizar e encorajar o “TELA NON”pelas melhorias significativas que teve em aprsentar esse jornal.Actualmente o “TELA NON”da gosto de ler e comentar, e nao esta (longe)dos mais famosos jornais digitais internacionais.Os meus parabens e um especial abraco ao meu carao colega e amigo Abel Tavares da Veiga.
    Concretamente a noticia em causa,como critico que sou,nao sei quais as razoes e os “meritos cometidos por esses senhores para merecerem a tamanha patente.So pelos factos acimas reportados na minha opiniao pessoal(sem conhecimento de conceito militar),por se so justificavam.Deveriam muitos desses srs sim serem reformados e dar lugar a jovens militares formados

  14. Povinho

    27 de Maio de 2010 as 3:10

    Indícios e “trampas” de manipulacao para ditadura entrar com agressao dura? Salarios decentes a todos os funcionarios do Estado; militar e civil SIM… Corruptos nao enganam a ninguem!

  15. tiago kiala

    27 de Maio de 2010 as 9:50

    espero q nao aja problemas………….

  16. JACARE

    27 de Maio de 2010 as 19:15

    pROMUCAO DOS OFICIAS E UM DEVER NO CEIO DO EXERCITO.PARABENIZO ESTA SITUAACAO,SO E DE LAMENTAR OS ANTIGOS NOSSOS SOLDADOS QUE FORA ESQUECIDO.LAMENTO QUE HAJA AINDA SAOTOMENSE QUE PENSA QUE AS MULHERES TEM QUE ESTAR TRAZ DO FOGAO A DESCARCAR MANANA.oMUNDO EVOLUIU,TEMOS QUE MUDAR DE MENTALIDADE,SO ASSIM PODEMOS MUDAR ESSE PAIS QUE SE ENCONTRA AFUNDANDO A PIQ .SEU PALERMA

  17. lôçôô, lôçôô

    28 de Maio de 2010 as 15:25

    Mais patentes pra quê, o nosso país sai de alguma guerra? Algum desses senhores foram heróis de alguma guerra em que STP esteve envolvido.
    Olha cuidado para não estarmos a criar barões da droga ou fogos de instabilidade politico/militar como na Guiné Bissau. Na minha opinião devia-mos acabar com forças armadas, e criar uma marinha com caris de vigilância da ZEE porque é no mar que esta as nossas riquezas.

    “Dá demónio cara d’ele”.

  18. sossegado

    7 de Junho de 2011 as 14:04

    tambem concordo com as palavras ditas pelo colega ai em cima nao ha guerra e todo dinheiro esta a ser gastado com esses homens k dizem serem militar so pk fazem o uso da farda ” da demonio cara d ele

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo