Caça ao voto

Nas ruas e bairros de São Tomé e Príncipe, destacam-se as imagens de 4 partidos, nomeadamente ADI, PCD, MDFM-PL e o MLSTP/PSD. Este primeiro dia de campanha para as eleições autárquicas em São Tomé e regionais na ilha do Príncipe, mas também para as legislativas de 1 de Agosto, deixa claro a diferença do poder financeiro dos 4 partidos em causa, em relação a outras 7 forças políticas também concorrentes ao sufrágio legislativo.

O coração da cidade de São Tomé, ou seja, a zona que alberga o mercado municipal e a praça de táxis, está pintado de cartazes. PCD, ADI e o MDFM-PL destacam-se no primeiro dia de campanha na exibição de cartazes.

O MLSTP/PSD praticamente não mostrou qualquer cartaz de campanha. O secretário geral José Viegas, disse ao Téla Nón que este comportamento tem a ver com a estratégia do partido. «Nos próximos dias, garantimos que haverá mais cartazes do MLSTP/PSD nas ruas do que os outros partidos», assegurou José Viegas.

O MLSTP/PSD que desde Junho último, lançou a campanha “Ganhar o Futuro”, com a afixação de cartazes gigantes em todo o país, considera que a mensagem que vem sendo transmitida continua a ganhar terreno no seio da população. Daí a estratégia de deixar para mais tarde a afixação de novos cartazes.

O partido liderado por Rafael Branco, abre esta tarde a sua campanha com um comício na praça da independência.

O MDFM-PL do Presidente Fradique de Menezes, também marca presença em todos os bairros do país, com cartazes que prometem mais trabalho e anunciam o desenvolvimento. MDFM-PL, na campanha de caça aos votos, o MDFM_PL actua esta tarde na Vila da Ribeira Afonso. O músico Gapa é uma das vozes que está a acompanhar as movimentações políticas do MDFM-PL. Segundo Raul Cravid, secretário-geral do partido, este domingo o MDFM_PL concentra as suas atenções no distrito de Água Grande mais concretamente na zona de São Marçal, na continuidade do programa de apresentação ao público, do seu manifesto eleitoral e dos candidatos as eleições. Raul Cravid, explicou que o MDFM-PL vai abrir oficialmente a sua campanha com um comício na capital do distrito de Mé-Zochi.

Por sua vez o PCD que já espalhou cartazes pelo país inteiro, realiza este domingo uma conferência Nacional do partido no parque popular da cidade capital. Momento em que serão apresentados os candidatos as eleições e o programa eleitoral.

ADI de Patrice Trovoada, já ocupou a praça Geovani, onde vai ser realizado esta tarde o comício de abertura da campanha eleitoral.

Abel Veiga

Notícias relacionadas

  1. img
    Jorgek Responder

    gastam tanto dinheiro e o povo vivendo na miseria!

    ABAIXO “BANHO” E O SEUS PROMOTORES!

  2. img
    Zovirax Responder

    O povo de STP tem neste momento uma grande oportunidade para dar um cartão vermelho aos políticos e dirigentes corruptos, sangue sugas e bandidos que vivem a custa da sociedade santomense. Espero que o povo de STP possa estar acima desses senhores que só querem a desgraça e miséria de STP. Diz-se que na democracia é o povo quem ordena, esperemos que isso aconteça em STP. Oh povo de STP, diga não aos corruptos, diga não aos preguiçosos, diga não aos bandidos, diga não aos mafiosos, diga não a maldade, diga não ao banho, diga não falta de energia, diga não a falta de água potável, diga não miséria, diga não ao desemprego, diga não a todo que põe em causa o desenvolvimento e o bem-estar da nação STP. Este é o grande momento. Votem com liberdade e consciência! Votem no vosso futuro e no futuro dos vossos filhos. Bem haja STP!

  3. img
    LIMA Responder

    enquanto não resolvem o problema dos funcionários da TVS não haverá tempo de antena para ninguém força rapazes…..

    • img
      António Veiga Costa Responder

      Eu, particularmente, acho muitoestranha essa greve da TVsS.
      Sei das dificuldades pelas quais passam, acho justas as reinvindicações, mas me cheira mais a imposição, pois sei que os partidos politicos de oposição tinham material pesado para ser divulgado contra o MLSTP E PCD, durante as campanhas.

      Num sei não hein, abram os olhos…..

  4. img
    Paracetamol 500mg Responder

    Tudo isso não passa de Publicidade Enganosa…desses políticos.

  5. img
    Marques Responder

    mas a tvs n estara a perder dinheiro com esta greve?pensei k o tempo de antena dava alguma coisa…

  6. img
    alguem Responder

    Como é possível que em S. Tomé os “Grandes Partidos políticos” sujem tanto a cidade com os cartazes.
    É triste… Isso devia ser proibido. Porquê que não colam estes cartazes nas suas propriedades ou nas suas testas.

  7. img
    fernanda alegre Responder

    fogo k vergonha estou indignada, que politicos sao esses….espalhar cartazes numa cidade capital desta forma k até parece um infantario, mas uma vez estao a demostrar k nao tenhem cohecimento nenhum.

    País desordenado politicos desavergonhados juizes injustos k nem deveriam la estar….

    Ixo parece uma feira de cartazes com caras de gentes k n valem nada ainda estragam imagem do noxo país…
    kual desses palermas k viram ixo em algum país Só pudia ser mesmo STP entao n vale apena vçs viajarem armados em espertos mas sao todos palermas…sublinho sem medo nenhum.

  8. img
    fernanda alegre Responder

    SÓ AGORA QUE FRADIQUE MAS OS SEUS ACOMPANHANTES CONHECEM BAIRRO DE STP??

    ENKUANTO GOVERNAVAM NUNCA OS TINHAM VISTO
    MAS O QUE É IXO, MALVADOS…

    PRA MIM NENHUM DESSES POLITICOS ARMADOS EM TUBARÃO DEMONIO SERVE…TALVÉS A SOLUÇÃO É CRIAR UM partido COM GENTES SERIAS.. E COM ESPIRITO DE TRABALHO E AMOR
    FORÇA POVO SANTOMÉ N VOTEM A NINGUÉM
    AGORA E A VÇ VEZ….dinheiro é todo vosso mesmo….

  9. img
    gilker Nascimento Responder

    É bom que o povo pense antes de tomar alguma decisao,escolher alguém para governar o pais é muto sério!É com o voto que se determina os destinos do pais!Que Deus abençoe Sao Tome e Principe!

  10. img
    Assunção Responder

    E assim começa a festa das promessas. Ao povo de São Tomé só espero que ñ deixem de exercer o vosso direito de voto, votem sempre e ñ se deixem vender. Aos Srs da campanha k hoje percorrem o país de lés à lés , assim como se lembram do povo para votarem, depois de eleitos, ñ se esqueçam de frequentar estes mesmos “funca-funcás” que têm andado agora em falas mansas, e voltem ali de quando em vez para auscultar de perto os problemas da população. Sejam honrosos nos vossos compromissos.
    Com cumprimentos.

  11. img
    quequa Responder

    Mudam-se as moscas, mas a merda é a mesma…

  12. img
    awa mato Responder

    Este país parece q nunca aprende nada!

    ACHAM Q ESTA POLUIÇÂO DAS RUAS E EDIFICIOS COM CARTAZES È FORMA DE FAZER POLÌTICA?…Este povo parece amar a pobreza e a miséria…Conhecemos a desgraça dos políticos que temos…

  13. img
    Só visto!!!! Responder

    Pois é, que esperar de gente burra que so vê dinheiro a sua frente. A ética, a educação, boas maneiras e bem fazer ja era… Então falam tanto da cidade suja e criticam as passoas porque sujam, agora são os próprios dirigentes quem sujam com o aval de toda administração central do Estado, com cartazes com cara de gente feia e sem princípios. Acham que assim é que estão a dizer ao povo o que vão fazer nos proximos 4 anos? Bem, talvés sim…que vão sujar ainda mais a imagem do pais com a robalheira do proximo que vier.
    Perdemos todos os valores sociais, não temos refêrencias nenhumas, que será das crianças do nosso S.Tomé e Príncipe?
    Vergonha, vergonha, vergonha…é inacreditável…
    A luta continua, a vitória é certa!

  14. img
    PATRICIO E FODIDO Responder

    como nao sabemos ler e por outro lado somos surdos e por isso ki eles fazem tantos cartazes e pintam ou estragam as paredes toda. NAO e preciso tantos cartazes, hoje em dia faz-se campanha principalment com os medias (a televisao, a radio os jornais etc).Est pais esta camiando para tras, e vem outro a dizer “em breve vai ter muito mais cartazes do meu partido”

  15. img
    António Veiga Costa Responder

    Senhor Abel Veiga,

    sugiro ao seu veículo de comunicação, bem como aos demais, de encetarem uma campanha pós eleições no sentido de que os partidos políticos – assim que terminada a maldita campanha – se cotizem EM DINHEIRO – (para deixar bem claro, senão vão querer se cotizar em palavrólios) para que sejam pintados todos os prédios, muros e, principalmente o MERCADO PÚBLICO, vegonhosamente sujados por eles.

    Estudei muitos anos no Brasil e tragoessa experiência de lá: os partidos são proibidos por lei de sujarem os espaços públicos. Os espaços privados só com autorização do proprietário. Lá as multas são pesadas para os infratores, que têm suas fotos estampadas nos jornais. Dessa forma os eleitores tomam conhecimento dos maus políticos, dos políticos infratotes, pois se sãoinfratores nasmínimas ações, imagina nas grandes???

  16. img
    Edgar Faustino Responder

    Após leitura atenta dos cometários aqui apresentados constato que o mal é universal.Hoje a classe política não governa para o desenvolvimento sócio- económico do País.O seu objectivo primeiro é o enriquecimento pessoal a qualquer custo.Mas isso tem solução.Há uma forma de se mostrar à classe política o nosso descontentamento.Nas eleições vamos todos votar, mas vamos mesmo todos votar e quando tivermos o boletim de voto na mão anulemos esse boletim.Vamos ver o que dá.Nas nossas mãos, nessas alturas, temos a mais poderosa arma do povo O DIREITO AO VOTO.

Deixe um comentario

*