O número de candidatos a presidência da república subiu para 14

Helder Barros, que foi Ministro da Educação pelo partido ADI, no governo de coligação com o MLSTP/PSD ainda na década de 90, é o novo candidato às eleições presidenciais. Após recurso apresentado junto ao Supremo Tribunal de Justiça, o candidato que se manifestou na data limite para entrega dos documentos, conseguiu convencer os Juízes e a sua candidatura inicialmente rejeitada acabou por ser aceite.

  1. img
    Ramos Neto Responder

    Isto é uma brincadeira!!! Melhor que criassem uma equipa de futebol com esses candidatos todos. É inacreditável um país como o nosso tão pequeno, haja tantos candidatos! Porquê? Dêçu só cebê ê…

    • img
      jaka doxi Responder

      Meu caro Ramos Neto.
      Toda esta pouca vergonha tem um objectivo que é destruir o nosso país.
      E segundo as minhas fontes tudo isto que está a acontecer é para impedir que o povo vote num candidato limpo.
      Eles querem que os corruptos continuem a destruir a nossa terra.
      Mas uma coisa é certa:Kuá Tê tóca nguê suba ná cá sôbê labéfá.
      Fui

      • img
        Ramos Neto Responder

        Temos que estar atentos a essa epidemia de candidatos que a alastram o país. com certeza o povo saberá escolher um presidente certo, no momento certo…

    • img
      Butú Responder

      É verdade…seria bem se bem ter as duas candidatas como defesas opostas, ter Delvim Neves como gradaredes e seu conterrâneo Carlos Bené e os 10 restantes estariam a jogar 5 em cada time e pronto imaginem a animação que trariam para o seu povo que já não assiste futebol nacional a uns séculos pois respon~sáveis de desportos todos a uma andam sem atenção para não fazerem o k pode efectivamente animar o povo….Senhores candidatos, por favor marquem esse foot que todo mundo está ansioso…então até já Estado Nacional 12 de Julho.

  2. img
    kua li tasondu Responder

    SO visto houvindo ninguem acredita! uma equipa de futobol formada e com 3 suplentes.sao nessas horas nesses momentos k uma pessoas pergunta a si mesmo! DEUS EXISTE? sumu eee milior sum fo doke sum legamueeeeee.

  3. img
    MAKITA Responder

    Caros compatriotas, isso tudo esta a acontecer porque o pais esta completamente na miséria e a maior parte destes candidatos estam a procura de uns trocos. Somente uns trocos para tratarem das suas vidas .Tenho dito……………….

  4. img
    Emil Veloso Responder

    Wow. Espectáculo.
    Digam-me agora, aquilo não parece ter mel? Política é que está a dar e o povo sempre a afundar.
    Que vença o melhor ou melhor, quem pagar mais como tem-se visto.
    Espero que um dia isso tudo não passe de um mero momento mau.

  5. img
    Dlima Responder

    Simplesmente inacreditavel, é um absurdo… Vejo isso como um desrespeito ao cargo de PR e uma afronta a democracia. 14 candidatos num País com cerca de 160 mil habitantes so demonstra que os mesmos ñ estão preocupados com o bem estar da população, mas sim com eles próprios e com o poder.
    Numa breve leitura k faço sobre esta situação, acredito k haverá seguramente uma 2ª volta, e caso isso ñ se verificar espero k o vencedor ñ ouse em dizer k foi eleito pelo povo, dado k seria eleito por uma pequena parte da população. Ora vejamos, STP é um País maioritáriamnte jovem, dos cerca de 160 mil habitantes, grande parte dela são crianças e jovens adolecentes sem idade para votar, dakeles com idade para votar temos k ter em conta os k seguramente ñ estão inscritos nos cadernos eleitorais e dos k estão inscritos existem os descontentes, os insatisfeitos com a política e os políticos santomenses e k seguramente ñ irão votar (o chamado abstenção) e por fim considerar os votos brancos e nulos.
    Com esta análise podemos deduzir k ñ havendo uma 2ª volta o futuro presidente seria eleito, num cenário muito optimista, com um máximo de 10 mil votos, pois pode até ser menos, e isto nunca representa uma população de 160 mil habitantes.
    Espero k nós os santomenses votemos com consciência e k saibamos escolher um verdadeiro líder porque é disso k precisamos.
    Um bem haja à todos.

  6. img
    António Martins Gomes Responder

    Há certas realidades que me embrulham de tal modo que me levam a pensar se de facto estamos ou não por este mundo a viver momentos de “crise de democracia”! Por norma, e também porque em momentos de crise como os que atravessamos a escolha da pessoa que concorre à cargo como o de presidente da república deve ser de facto a melhor. Por outro lado, o escolhido deverá fazer o melhor para merecer o lugar para o qual concorreu. No caso em concreto, não sei e ninguém sabe com certeza, qual será a feição do futuro presidente da República de STP. O que sei é que antes nunca houve tantos concorrentes ao cargo de PR como o são agora. Por incrível que pareça, sobretudo, no continente africano, colocam-se pessoas em altos cargos públicos e em organismos também públicos que, para além de não saberem minimamente o que estão a fazer, ainda têm a “lata” de facilmente dizerem aos cidadãos “eu estou aqui para apoiar”. Apoiar quem? Pelo pouco que eu vivi nas nossas democracias, arrogância, nepotismo e falta de civismo foram coisas que não faltaram às pessoas que se encontravam do lado de dentro (do poder). Algumas destas regras (de fazermos de forma diferente), aprendem-se em formações. Outras aprendem-se na vida, no dia-a-dia. Mas uma coisa é certa – presidente de um país e principalmente em STP, como é o caso, as regras de bom civismo são de facto as mais fundamentais.

  7. img
    ali Responder

    só pode ser uma brincadeira, porquê tantos candidatos? isto só pode ser uma estratégia para arrancar dinheiro ao estado, talvez seja a única forma destes políticos continuarem a nos roubar.

  8. img
    Telá Responder

    O que tem de trágico, tem de cómico…
    Só mesmo em STP.
    Sem Palavras

  9. img
    António Martins Gomes Responder

    Aleluia, mais um candidato…eu quero ser presidente hahahahah…..uiuiuiuiuiu

  10. img
    Digno de Respeito Responder

    UMA AFRONTA!

    Muito sinceramente, esses indivíduos ou cidadãos ou ainda cocidadadãos, não respeito pela designação e do cargo que pretendem alcançar. Será que o mundo vai acabar tão já?!! Por mais vontade que tenham em ser eleitos PR de STP, não conseguem raciocinar corectamente que isto é espelho de um Pais que mrece respeito Nacional? Sinceramente 14 candidatos?!!! É sem dúvida uma afronta.
    A afronta será maior se sechegar a conclusão que a verba que vai suportar cada um dos candidatos provera do OGE ou de algum Fundo Especial das Finanças para o efeito. Se assim fôr, está visto a razão de tanta corrida. O mundo está em crise, o País está mal e enquanto o povo vive na miséria pessoal e social, preferem investir nos senhores candidatos que ainda dizem querem e vão ajudar o País, se forem eleitos! Sinceramente, pois acredito sim, é que após as eleições presidenciais haja alguns de bolsos cheios em direcção a travessia do Atlântico, aproveitando os respectivos melhores momentos. Talvez nem uns quantos que andam em campanha conhecerão a côr do “$”, USD, ou ainda €.
    Triste, é o silêncio dos mais sábios apreciando um cenário desses impávidos e serenos.

    Assim, vamos andando, por a ambição é tanta que não conseguem para e reflectir na triste figura que estão revelando para o Mundo. Será que o vitorioso dessas eleições, estará ciente do cargo que vai assumir perante os seu homólogo e parceiro internacional? Provávelmente, alguns desses possíveis homólogos estarão receiosos e reticentes pensando: hummm esse, aquele ou aquela terá que estudar muito para aprender as boas práticas e boas maneiras representativas da sociedade a que pertence.
    Tudo isso resume-se na falta de ética pessoal, social e política. Triste, triste, triste: Afronta!

  11. img
    Fuquilha Responder

    Se eu soubesse tb teria candidatado. Quem sabe podem abrir uma brecha pra mim….Hóóóóóóó, eu tb sou cidadão e tenho mais de 35 anos, so que ando de boleias de vez em quando porq ainda não ocupei qualquer cargo político. Mas tenho a miotia comigo.

    Meus eleitores, quardam o vosso voto para daqui a 5 anos. Fui….

  12. img
    Assuncao Responder

    Nao querem candidatar, te>m ‘e falta de sensatez.
    Com cumprimentos.

  13. img
    ECAS Responder

    Há uma questão no ar, será que se avaliou os requisitos de todos candidatos de acordo com a Lei, a nossa justiça é de todos os órgãos de soberania muito questionada e independentemente disso, é a necessidade da justiça como tal, é a necessidade de credibilizarmos as pessoas, instituições e o país, perante o momento presente.
    mais uma vez sou forçado a citar as palavras de um sábio:
    Se voce fizer o que sempre fez, vai o obter os resultados que sempre obteve e se fizeres diferente(se mudares)o resultado também será diferente!
    Sejamos construtivos! olhemos para nossa sociedade e as nossas necessidades, para esse povo e país cada dia é humilhado.

    Se queremos ter um futuro melhor, comecemos pelo presente!

    ECAS

  14. img
    zeca diabo Responder

    Nada me estranhava a vinda de mais um candidato, isto ja estava no meu prognostico…para bem do Povo acho que ja terminou a data para apresentacao de novos candidatos!!! Eu pergunto quantas Ideias e promessas poderao surgirem ao longo da campanha! Nao seria util a todos estes elustres potenciais candidatos reunirem ideias e oponies em prol de um ou dois candidatos de forma a evitarem empates tecnicos que possivelmente virao acontecer nestas eleicoes!!! Nao vejo nesta eleicoes candidatos com interesse de fazer algo pelo povo ou mesmo pelo STP.
    Vejo sim um numero significativo de candidatos com interesses comuns,de tirar dividentos proprios juntamenete com aqueles que lhes rodeiam!!!Pois se nao conseguem fazer consenco de forma a verem que e vergonhoso um Pais da dimensao da nossa Terra consegue suportar tantos candidatos a presidente da Republica! Isto e dar vazao a mais corruptos no nosso Pais…quem consegue fazer uma campanha limpa num ciclo eleitoral tao pequeno com tantos candidatos!!!
    Nesta eleicao vamos ter segunda e terceira volta para definir o Presidente!!! Haja dinheiro para tudo isto!

    Forca Povo STP…

  15. img
    FT Responder

    14 Candidatos… desrespeito a todos os Sãotomenses…
    14 Candidatos a procura de enriquecimento fácil…
    Os ditos Ricos da nossa sociedade cada vez mais degradada de valores…
    Rico é quem possui meios de produção.
    Rico é quem gera dinheiro» dá emprego. Endinheirado é quem
    simplesmente tem dinheiro. Ou que pensa que tem. Porque, na realidade,
    o dinheiro é que o tem a ele. A verdade é esta: são demasiado pobres
    os nossos “ricos” candidatos. Aquilo que têm, não detêm. Pior, aquilo que exibem
    como seu é propriedade de outros. É produto de roubo e de negociatas.
    Necessitariam de uma ordem social em que houvesse poucas razões para a
    criminalidade. Mas se eles enriqueceram foi graças a essa mesma
    desordem.
    O maior sonho dos nossos novos-ricos é, afinal, muito pequenito: um
    carro de luxo, umas efémeras cintilâncias.
    Mas a luxuosa viatura não pode sonhar muito, sacudida pelos buracos
    das nossas “estradas”. O Mercedes e o BMW os carros todo terreno luxuosos não podem fazer inteiro uso dos seus
    brilhos, ocupados que estão em se esquivar entre chapas muito convexos
    e estradas muito côncavas. A existência de estradas boas dependeria de
    outro tipo de riqueza, uma riqueza que servisse o País.Em S.Tomé compram-se carros para se adaptarem as estradas ao invés de fazerem-se estradas para se adaptarem a novas viaturas. E a riqueza
    dos nossos novos-ricos nasceu de um movimento contrário: do
    empobrecimento da cidade e da sociedade.
    As casas de luxo dos nossos falsos ricos são menos para serem
    habitadas do que para serem vistas.

    Fizeram-se para os olhos de quem passa. Mas ao exibirem-se, assim,
    cheias de folhos e chibantices, acabam atraindo alheias cobiças. O
    fausto das residências chama grades, vedações electrificadas e guardas
    privados. Mas por mais guardas que tenham à porta, os nossos
    pobres-ricos não afastam o receio das invejas e dos feitiços que essas
    invejas convocam.

    Coitados dos novos ricos que nesta altura ajoelham-se perante o povo com riso de hiena e lamentações de crocodilo. São como a cerveja tirada à pressão. São
    feitos num instante mas a maior parte é só espuma.
    O que resta de verdadeiro é mais o copo que o conteúdo. Podiam criar
    gado ou vegetais. Mas não. Em vez disso, os nossos endinheirados
    feitos sob pressão criam amantes. Mas as amantes (e/ou os amantes) têm
    um grave inconveniente: necessitam ser sustentados com dispendiosos
    mimos. O maior inconveniente é ainda a ausência de garantia do
    produto.

    A amante de um pode ser, amanhã, amante de outro. O coração do criador
    de amantes não tem sossego: quem traiu sabe que pode ser traído.

    Os nossos endinheirados-às-pressas não se sentem bem na sua própria pele.
    Sonham em ser Portugueses, Franceses, Angolanos, americanos. Aspiram ser outros, distantes
    da sua origem, da sua condição. E lá estão eles imitando os outros,
    assimilando os tiques dos verdadeiros ricos de lugares verdadeiramente
    ricos. Mas os nossos candidatos a homens de negócios não são capazes
    de resolver o mais simples dos dilemas: podem comprar aparências, mas
    não podem comprar o respeito e o afecto dos outros. Esses outros que
    os vêem passear-se nos mal-explicados luxos. Esses outros que
    reconhecem neles uma tradução de uma mentira. A nossa elite
    endinheirada agora convertida em candidatos não é uma elite: é uma falsificação, uma imitação
    apressada.

    A luta de libertação nacional guiou-se por um princípio moral: não se
    pretendia substituir uma elite exploradora por outra, mesmo sendo de
    uma outra raça. Não se queria uma simples mudança de turno nos
    opressores.

    Estamos hoje no limiar de uma decisão: quem faremos jogar no combate
    pelo desenvolvimento? Serão estes que nos vão representar nesse
    relvado chamado “a luta pelo progresso”? Os nossos novos ricos (que
    nem sabem explicar a proveniência dos seus dinheiros) já se tomam a si
    mesmos como suplentes, ansiosos pelo seu turno na pilhagem do país.

    São nacionais mas só na aparência.
    Porque estão prontos a serem moleques de outros, estrangeiros. Desde
    que lhes agitem com suficientes atractivos irão vendendo o pouco que
    nos resta.

    Servem-se do erário público como se fosse a sua panela pessoal.
    Envergonha-nos a sua arrogância, a sua falta de cultura, a sua falta de patriotismo, o seu
    desprezo pelo povo, a sua atitude elitista para com a pobreza. Como eu
    sonhava que São Tomé e Príncipe tivesse ricos de riqueza verdadeira e de
    proveniência limpa! Ricos que gostassem do seu povo e defendessem o
    seu país. Ricos que criassem riqueza. Que criassem emprego e
    desenvolvessem a economia.
    Que respeitassem as regras do jogo. Numa palavra, ricos que nos
    enriquecessem. Os índios norte-americanos que sobreviveram ao massacre
    da colonização operaram uma espécie de suicídio póstumo: entregaram-se
    à bebida até dissolverem a dignidade dos seus antepassados. No nosso
    caso, o dinheiro pode ser essa fatal bebida. Uma parte da nossa elite
    está pronta para realizar esse suicídio histórico. Que se matem
    sozinhos. Não nos arrastem a nós e ao país inteiro nesse afundamento.

    • img
      Picasso Responder

      está tudo mais que dito…

    • img
      Truqui Sun Dêçú Responder

      Srº. FT:- Parabéns pela lucidez apresentada no seu comentário. Realmente, 14 canditados à Presidência da República, dum país pobre, com cerca de 160 mil habitantes, dos quais pouco mais de metade estarão em condiçoes de votar, brada aos céus. O luxo das casas de alguns políticos, com piscina, numa ilha com tantas e boas praias, também dá que pensar. É fartar vilanagem. Pobre do povo de S.Tomé e Príncipe e daqueles, que ainda tentam fazer alguma coisa, pelo seu País. Que o futuro seja melhor, porque os Santomenses bem merecem. Votem bem e em plena consciência.

  16. img
    lino Responder

    simplesmente….mais uma vergonha a acrescentar a já vasta lista.
    o nosso país está amaldiçoado!! só pode ser.
    muita praga meus senhores.
    salve-se quem puder!!
    o barcaça anda a deriva.

  17. img
    flangi Responder

    Considerando as suas composições (seus juízes e a forma do concurso, do recrutamento e de não trabalho), a injustiças visíveis e os sentimentos do povo, os tribunais santomenses não passam de ANTROS DO PODER DA IGNORÂNCIA E CORRUPÇÃO

    EFECTIVAMENTE

    Quando sobrevoamos as belas paisagens imersas na imensidão do atlântico sentimos aos poucos, com o aproximar da terra firme, de que estamos à minutos, à segundos de chegarmos ao paraíso. Mal imaginamos que Paraíso da terra é o inferno dos homens e dos poderes por eles criados.

    As arbitrariedades dos poderes instituídos até fazem os Anjos chorarem no céu.

    A Ignorância das mais elementares regras que presidem a tomada de decisões quer administrativas quer judiciais, é tal que, mesmo os cidadãos menos instruídos percebem que o império da Lei já há muito deixou de existir.

    Já muitos dizem de forma até conformista: “Quá ê dá ê dá”!!!.

    A perfídia vigora a todos os níveis, nos corredores do poder, na “falsa elite” no descaminho da nação.

    Na injusta justiça todos assistem impávidos e sereno o progresso assustador e avassalador do Estado dos Juízes: abuso do poder, detenções e prisões arbitrárias e ilegais, irresponsabilidades, laxismo, mediocridade, corrupção etc, etc..

    No cenário como este, a sobrevivência dos corajosos está cada vez mais ameaçada.

    Precisamos urgentemente que se ponha fim ao Conselho Superior das ilegalidades e que o Supremo Tribunal de Justiça seja verdadeiramente a instância suprema da nossa organização judiciária que repare os erros gravosos dos Tribunais da primeira instância das injustiças.

    Oxalá consigamos ainda salvar a nação dessa podridão.

    À BEM DE TODOS
    O Manifesto da Indignação.

    NB. NOVA PUBLICAÇÃO DA MINHA OPINIÃO. ELA JÁ HAVIA SIDO PUBLICADA NO OUTRO JORNAL

  18. img
    leve-leve Responder

    Não concordo com muito de vós.
    Apenas houve uma falha de comunicação. Abriram vaga de emprego, por isso é natural que muita gente concorre.
    Mas sinceramente não vejo onde é que está o problema. Estamos a viver uma grande crise de liderança por isso é natural que as pessoas o encontrem.
    O povo santomense tem estado a dar prova de muita maturidade política, as últimas eleições foi disso exemplo.
    Enviaram de forma indirecta recado para o Dr. Patrice Trovoada, dizendo-lhe para Governar e esquecer as Presidenciais. O povo está a espera de resultado, mas para isso o homem tem ter tempo para mostrar obra.
    O mesmo vai passar com a figura do novo Presidente, todos vão passar na peneira da Urna e o povo vai escolher o que melhor lhe convêm.

    Simplesmente para vos dizer que ainda acredito no meu povo e aceito de coração todas as suas escolhas. Tanto no passado, no presente e no futuro.
    Não tentem travar o curso da água rumo ao mar.

    • img
      bom gosto Responder

      Por acaso, meu caro, temos uma grande crise de liderança.A ganância tomou conta dos nossos políticos e jamais enxergam o q é razoável.O país está vulnerável e todos querem aproveitar.O povo terá que decidir de conformidade.

  19. img
    Helmader Responder

    Ora, aí está!
    Não conhecendo muito bem o Sr. Hélder Barros pessoalmente, nunca ouvi nada que me leve a duvidar do seu carácter, idóniedade, integridade (é verdade que só isso não basta).
    Também não me parece que o mesmo faça parte desse ninho de corruptos e cadastrados da nossa praça.
    Como tal, em minha opinião, é o único que a par do Costa Alegre mereceriam talvez o meu voto.
    Não seria mau se os outros candidatos, conscientemente, se juntassem em apoio destas duas candidaturas que me parecem não estarem comprometidas com tudo de mau na nossa terra desde independência.
    Não quero para meu país um P.R espalhafatoso, muito menos aqueles que devem muita coisa ao povo e à justiça.

  20. img
    jorge pereira Responder

    isso que é fúria do poder e sabor da curupção

  21. img
    luisó Responder

    toda a gente pode ser candidato.
    agora o STJ depois de fechadas as candidaturas deveria fazer um exame das pessoas para verificar por exemplo, a cidadania, se tem dividas e impostos pagos, se tem registo criminal ou se são arguidos em processos, se são pessoas idóneas sem nada a apontar, etc.
    se isto fosse feito se calhar só ficariam 2 ou 3, ou se calhar nenhum.
    então sem fazer isto poderemos ter com PR vigaristas sem pudor com processos crime ás costas, de enriquecimento duvidoso nos últimos anos, pessoas de mau porte, etc.
    é isto que querem pôr na PR de STP ?
    credo…

  22. img
    conde Responder

    nao sei onde vai parar isso.ja temos uma equipa de futebol, faltam mais um ou dois para completar o banco de suplentes.as pessoas creio que nao valoram a cadeira presidencial.ja agora podia ser um presidente para cada distrito e dai independencia a todos … triste triste

  23. img
    carlos ceitta Responder

    isto vai dar bum.Ate parce uma seleçao de fotebol de s tome mas o liberato tem q ser treinador porque eles mexem demais ate as bolas podem desaparecer.sao muitos ladroes dopovo

  24. img
    Bruno9915330www.com Responder

    Desejo ao Dr.Helder Barros força e coragem, aqueles que acham q vão vencer, estão enganados, porq neste campo hà uma bola a gira e ela é ridonda.`
    Só no dia 17 é que terremos o resultado.

  25. img
    leonel Responder

    Venho ressalvar que o 14º candidato nunca foi ministro da educação, mas sim das finanças, e um grande quadro com muita experiência e grande credibilidade internacional
    Bem haja

  26. img
    Morais Responder

    14 candidatos?? Senhores candidatos, todos vós com passados obscuros na vida politica São Tomé, mais uma vez voltam na “esperança” de continuar a “roer” o osso do poder,encher os bolsos, e atrasar o país mais 10 anos,no cargo mais alto do país….deixem a politica,acabem com esse ciclo vicioso, devolvam o país aos Santomenses que o querem desenvolver. Espero que a Abstenção atinja valores históricos para perceberem o descontentamento do povo.

  27. img
    alex gomes Responder

    isso é uma brincadeira, pork so agora discubriram que s.tomé ta mal? porquê que nao pusseram suas candidaturas a muito tempo? o mais engraçados é que todos têm a mesma filosofia de nos enganar. agora como estamos em campanha somos deuses para esses candidatos quando acabar a campanha ja nao somos deuses, de uma parte eles nao sao os culpados fico por aki

  28. img
    Estudante Responder

    Mas é inacreditavel para o mundo no pleno seculo xxi
    porém em santola é normal e mt vem visto é o que parece mas pronto “histórias”

Deixe um comentario

*