ADI garante que o diálogo foi e será sempre o seu ponto forte

Manuel Diogo, membro da Direcção da ADI, que liderou a delegação do partido no encontro com o Presidente da República, garantiu diálogo como conduta política do partido no poder. O exercício de auscultação com o Presidente da República, foi bastante positivo.

Para a ADI, a promoção da estabilidade é fundamental para São Tomé e Príncipe caminhar rumo ao progresso. O partido que governa o país desde 2010, com base numa minoria parlamentar, acredita que tem condições para cumprir com o seu mandato.

Manuel Diogo, diz que não sente qualquer ameaça a estabilidade do Governo, apesar da minoria parlamentar. «Ameaça não. Escolhemos trabalhar para o bem do nosso país. A partir do momento em que conseguimos aplicar o nosso programa a favor da população, estamos tranquilos, porque é a população que faz a nossa força. Encontramos muita abertura por parte do Presidente da República o que nos dá muita força», frisou.

As críticas do PCD sobre alegada falta de diálogo por parte do Governo, foram imediatamente rejeitadas. «Estamos sempre abertos a tudo. Sempre fomos um partido aberto. A nível parlamentar temos oportunidade de conversar sobre os problemas do país», explicou para depois acrescentar que a prova de diálogo da ADI será mais uma vez demonstrada na apresentação do Orçamento Geral do Estado para 2012. «Iremos ao encontro de todos os partidos para encontrar contributos necessários, em termos de prioridades necessárias para podermos avançar», concluiu.

Abel Veiga

Deixe um comentario

*