Política

Deputado criticou acção governativa e logo a seguir ficou desempregado

Adelino Pires Neto, deputado do partido MDFM, criticou a acção governativa na última sessão plenária. Apontou o sector da saúde, e destacou a falta de transparência na gestão do bem público. Disse que o país rejeitou o sistema “nhónó” e agora convive com o sistema “vábú”. O sistema “vábú” terá reagido desempregando o deputado.

O deputado, vulgarmente conhecido por Pires Neto, regressou a Assembleia Nacional como deputado no dia 15 de Agosto último. O deputado que tradicionalmente nas sessões plenárias, se exprime em crioulo fôrro, o que cobre as suas intervenções de metáforas denunciou a acentuada degradação do sistema nacional de saúde. Disse que a “saúde” terá abandonado os hospitais e postos médicos do país, para se concentrar no ministério.

Fez alusão directa a “saúde” que hoje contorna o rosto da Ministra Ângela Pinheiro, e pediu aos deputados para recordar a imagem física da Ministra da Saúde antes de ser membro do governo.

Pires Neto, recordou também o tempo em que se instalou no país, o sistema “nhónó”, que no crioulo fôrro pode significar, beliscar, tirar um pouco de alguma coisa, tem o mesmo significado ao ditado que diz que, “quem trabalha com o mel acaba sempre por lamber os dedos”.

O deputado do MDFM-PL, garantiu que a forma como o actual sistema tem realizado actos e contratos em São Tomé e Príncipe, é diferente do antigo sistema “nhónó”. Na visão de Pires Neto, o açambarcamento do bem público, agora é mais intenso, mais decidido, sem medo, por isso o deputado batizou com o nome “Vábú”. Termo do crioulo fôrro que pode significar, apossar-se de algo de forma violenta e volátil.

O sistema “Vábú”, baptizado pelo deputado, entrou imediatamente na gíria são-tomense. A intervenção de Pires Neto no parlamento, e o impacto que teve no seio de franjas da população, uma vez que o deputado em causa fala a linguagem do povo, mereceu atenção especial do Conselho Nacional do Partido no poder a ADI, que se reuniu no dia 18 de Agosto último.

O deputado falou no parlamento, como direito adquirido no sistema democrático, mas talvez terá esquecido, que é funcionário do poder, e mais ainda, que estamos em São Tomé e Príncipe. Esta semana Pires Neto, acabou por sentir na pele o calor do sistema “Vábú”. «O MDFM/Partido Liberal, torna público, através do presente Comunicado,de que por razões do seu pronunciamento na reunião Plenária da Assembleia Nacional tida lugar no dia 15 de Agosto findo, o Senhor Deputado Adelino Pires Neto, da sua Bancada Parlamentar, foi compulsivamente afastado das suas funções laborais de Coordenador dos Armazéns do Fundo de Estabilização, por ordem do Senhor Ministro do Plano e Desenvolvimento, Agostinho Fernandes», diz o comunicado do partido MDFM-PL.

O partido da oposição, que só tem um deputado no parlamento, acrescenta que a democracia está em perigo. Diz que o sistema actualmente instalado, e que o seu deputado baptizou com o nome Vábú, é ditatorial e fascista. «Esta atitude do Governo da ADI envergonha-nos à todos enquanto santomenses e é mais um sinal claro de que o País poderá estar perante um cenário de governação ditatorial, fascista, de desrespeito às regras democráticas, e de desrespeito ao principio do contraditório, pelo que urge que se ponha fim a este tipo de situações, justamente para o bem da estabilidade, palavra que estranhamente tem vindo a ser muito propalada, estes últimos tempos, de maneira vã, em exercício de mera retórica, por alguns dos altos responsáveis políticos e administrativos do País», frisa o comunicado do MDFM-PL.

O MDFM-PL, apresenta mais elementos que sustentam a sua tese segundo a qual o sistema democrático está em risco no país. O leitor pode ler o comunicado na íntegra e avaliar a posição do MDFM-PL, que mostra a tendência persecutória e de represálias, que tem crescido no país, sobretudo contra cidadãos, mas também contra profissionais de comunicação social, que falam ou relatam factos que o poder não gosta de ouvir. CLIQUE –MDFM – COMUNICADO 4 SETEMBRO 2012 ( caso Pires Neto)

Téla Nón

    60 comentários

60 comentários

  1. jovem de Deus

    6 de Setembro de 2012 as 2:26

    assim mesmo é para deixar governo trabalhar tranquilo

    • observador

      6 de Setembro de 2012 as 7:35

      ?????????? OU DEIXA PARTIDO ROUBAR TRANQUILO?

    • viver ke sta la, viver muito éé

      6 de Setembro de 2012 as 13:50

      disseste bem jovem de DEUS, MDFM ficou no poder nao fez nada, deixa os outros, santomense é uma raça muito terrivel, fica no poder nao faz nada, quando perde esta a criticar, preto nao muda, preto so pensa no poder, os ministros deveriam fazer isso com todos os deputados de MDFM, MLSTP,PCD, ja assim deixava governo tranquilo, criticou apnaha desemprego, tdos os dias criticar, falta de bomba la em santola

    • kanú

      6 de Setembro de 2012 as 15:41

      otário……..!!

      • viver ke sta la, viver muito éé

        7 de Setembro de 2012 as 15:16

        otario, uke??????? mas é verdade, otarios sao as pessoas ke andam a apoiar esse deputado… ele ganha uma bolada na assembleia, ganha granda bolada, nos seus trabalhos, foi demitido, criou uma desculpa pra dizer ke é porque ele crticou o governo, os filhos de pobres que nem tem um trabalho, nao critica nada,otario sao os que apoiam esse senhor.

    • Calibre 12

      7 de Setembro de 2012 as 8:50

      Esse tal de Jovem de Deus mais parece jovem do diabo do que o resto.
      Uma coisa é o sistema democratico que tem que ser respeitado com a sua estrutura e seu formado. Os deputados, de acordo com a constituição da república, não devem ser molestados pelas suas posições publicam,ente assumidas. Ora essa atitude do Governo da ADI é no minimo fascista. isto está a ser pior do que nos tempos da PIDE.
      Um deputado é um representante do Povo. Se o deputado tiver quer ser sanado, que seja feita a justiça através da justiça que é o outro grande pilar da democracia. Agora, o governo no seu douto criterio decidir passar um chefe de familia à condição de desempregado so pelo facto de ter uma posição sua na Assembleia nacional é no minimo ridiculo.
      Patrice Trovoada anda a brincar com fogo e os coitados dos seus ministros andam em fila indiana seguindo-lhe fielmente que nem carneiros.
      Como diz o comunicado do MDFM Agostinho Fernandes tem sido uma vergonha para a nação e para o conjunto de quadros santomenses.
      haja justiça.
      Que o Presidente da República saia da longa sonolencia.
      Que a Assembleia nacional se assuma como tal.
      Pior ainda é quando o Governo nomeia em substituição do deputado Pires neto um candongueiro- cambista da praça (mercado negro) que muito recentemente liderou uma manifestação pró-ADI, numa autentica manipulação da opinião publica. Pelo que se sabe esse mesmo candobngueiro nunca trabalhou na Administração central do Estado.
      O meu país é uma vergonha.

    • Bartolomeu Amado

      7 de Setembro de 2012 as 9:22

      Meus parabens ao MDFM pelo seu comunicado.
      Este tipo de situações exige de facto denuncias publicas.
      Entendo eu, que uma copia deste comunicado deveria ser entregue pessoalmente ao Presidente da República, ao Presidente da assembleia nacional, ao Presidente do Tribunal Constitucional e ao proprio primeiro ministro.
      Penalizar um deputado de forma tão leviana, tao anti-democratica, tão irresponsável é uma aberração de todos os tempos.
      Agora se entende porque que a familia trovoada é considerada como uma das mais más deste país.
      Senhor Patrice, tente assumir-se como santomense e tenta agir como homem que tem mmaturidade, como homem que coloca as questões do estado acima de querelas politicas.
      S.Tomé e Principe precisa ser salvo e o mais urgente possivel.
      Nunca o meu país esteve tão mal.

  2. Isidoro Porto

    6 de Setembro de 2012 as 3:13

    Este senhor nao e deputado? Nao ganha como deputado? Porque nao deixa o posto governamental para outros menos desfavorecidos? Como podera este senhor com este pronunciamento continuar a conviver com a sistema governamental que ele proprio considera de uma podridao?

    Cada partido que ganha as eleicoes deve governar com os que lhe transmite confianca lhe permite cumprir o seu projecto, pois nas eleicoes seguintes, sera unicamete o partido que sera julgado. Na proxima campanha eleitoral, ninguem mencionara o MDFM como culpado das falhas deste governo.

    Quantos salarios minimos ganha este sr. como deputado? Nenhum deputados, pelo numero de salarios minimos que ganham nao devia exercer mais nenhuma funcao. Mais nenhuma. Sao estes que nos departamentos governamentais criam bloqueios, criando condicoes propicias para sublevacao.

    Ha jovens formados desmpregados. Que o seu lugar seja disponibilizado a algum jovem formado nesta area.

    Nao basta distribuir o mal pelas aldeias. E PRECISO TAMBEM DISTRIBUIR O BEM PELAS NOSSAS ALDEIAS.

    Isidoro Porto
    06/SET/2012

  3. ADELINO DOS SANTOS

    6 de Setembro de 2012 as 6:32

    Em que ponto o País esta a chegar,só no País das bananas

  4. Santosku

    6 de Setembro de 2012 as 7:47

    É vergonhoso até ouvir que um deputado no direito das funções faz uma critica o que considera de anómalis é logo desempregado aonde vamos parar. Mesmo pedem par deixar o Governo governar. Os Partidos de Oposição não dormem por favor deixam este Governo cair, paciência.

  5. Kebla

    6 de Setembro de 2012 as 8:10

    Epá!..peguem em armas e acabou-se, pá….. com conversas, isso já não vai a lado nenhum…Lamento dizer isso, mas enfim, se a coisa não se estragar, jamais vai melhorar. Ao ponto que isto chegou!…

  6. Convetá quá

    6 de Setembro de 2012 as 8:47

    É preciso apurar se houve incompetência profissional ou simples perseguição política.
    Se o sr Pires Neto teve falhas no seu posto de trabalho, deve ser demitido. Qualquer outro trabalhador que falhar deve ser também demitido e não só os da oposição. Depois de tanta doença na justiça, não parece que o Ministro dessa pasta também devia ser demitido? O que estará essa figura a fazer pelo país. A deixar que o mal se mantenha para o bem dos ladrões engravatados?
    Se for perseguição política, temos que aceitar que por detrás do sorriso do PT há muito ódio contra STP. Chumbá-lo nas eleições não chega. Torna necessário fazê-lo parar antes que seja tarde.
    É preciso apurar os factos e decidir em prol de um bom futuro para a nação.
    Viva o Patrice (se for bom).
    Rua com o Patrice (se quiser arruinar a nossa terra).

  7. Santosku

    6 de Setembro de 2012 as 8:57

    Rectifico-me: anomalia e não anómalis, obrigado

  8. Vagi Ngola

    6 de Setembro de 2012 as 9:06

    Isto é normal em STomé. Todos os partidos que passaram no poder fizeram o mesmo. O ADI não trouxe novidade, só está a fazer o que os outros já fizeram. Portanto, não lamenta, se MDFM quando estava no poder fizesse sentir o sentido etimologico da palavra política, hoje não haveria esse abuso nem esta situação! Falta pouco aguenta como outros!

    • De Longe

      6 de Setembro de 2012 as 9:32

      Se estava mal deve-se continuar. Não prometram transparência aos eleitores?
      Estes não merecem respeito?

      • De Longe

        6 de Setembro de 2012 as 12:31

        Devia haver (?) na primeira frase

    • Tripetodonte

      6 de Setembro de 2012 as 9:46

      Este é o nosso grande mal, pensar desta forma. Ora sendo verdade ou não, só porque os anteriores governos fizeram então este também tem direito de fazer…eu pergunto: Até quando meus senhores?, mas até quando?, tomemos consciência, e vamos pensar para o bem da nação.
      Cumprimentos a todos…

  9. jacobino tobias canga

    6 de Setembro de 2012 as 9:45

    Sr Pires Neto, quem diz o que quer ouve o que nao quer.Quantos nao ficaram desempregado no governo MDFM/PCD por discordar por terem opinião contrária. Toma como ex. Eng. Carvalho da DOPU. Isto é política amigo, ou tás ou não tás. Não podes servir a Deus e ao diabo ao mesmo tempo. AN é pra gente sério e não um circo pra contar piadas. O povo não quer piadas.
    Ganhe juízo e vai fazer aquilo que sabes fazer melhor: vim pema. Fui

  10. Santosku

    6 de Setembro de 2012 as 11:19

    O sr. Jacobias tobias canga, sinceramente, se o sr. Pires Neto sabe tirar vinho da palma é bem vindo porque o senhor os fins semana faz o quê não é passar o tempo todo atrás do vinho da palma, sr. inferior. Independemente do que ele faz se foi desempregado por ter criticado anómalias num ou no outro sector é seu papel como cidadão e ainda como deputado, vai para escola.

    • Não Seja Feita a Vontade Dele

      6 de Setembro de 2012 as 13:22

      Não é novidade para ninguém este acto do ADI e do senhor Agostinho Fernandes que está convencido (não sei quem lhe disse isto) que é um bom técnico. Este senhor, para além de inconpetente não sabe o que é viver em democracia. É pena que assim seja, pois ele só é ministro de quelquer coisa porque vive e trabalha em S.Tomé. Em que outro sítio este senhor seria ministro com comportamentos desta natureza? Só em S.Tomé e no ADI. É pena que seja esta a mensagem que os jovens que têm tido a hipoótese de ir para governo estejam a transmitir ao povo que, um dia, chegará a conclusão que os jovens não devem merecer uma oportunidade porque para além de incompetentes e burros são anti-democráticos. Nunca esperei que o meu país chegasse a este ponto. Que vergonha, meu Deus…

      • E.Santos

        6 de Setembro de 2012 as 18:34

        Hahaha, bem se vê que querias ser do ADI e como o Ministro que não é apenas um bom técnico, é um bom profissional. Pelo menos isto,todos lhe reconhecem. E quando todos dizem a mesma coisa e só um discorda, então é preciso que este um reveja a sua posição, porque se calhar você é o burro, burro activo, mas burro na mesma.
        Podem até não ter uma razão sólida para demitir o senhor neste momento, ou podiam até ser mais estratégicos e demitir o senhor só daqui a 3 meses para não se relacionar uma coisa com outra. Mas se o fizeram não são burros de certeza, esta reação popular era previsível. Devem ter tido uma boa razão para o fazer e o fazer já. Investigue melhor e vem depois “dar boca gosto”.

  11. Oscar Medeiros

    6 de Setembro de 2012 as 12:23

    Mas tem mesmo que ser assim.

  12. Isidoro Porto

    6 de Setembro de 2012 as 12:27

    Este senhor não está desempregado. Este senhor APENAS perdeu um dos dois empregos que tinha enquanto outros jovens formados estão desempregados, pois continua a ser deputado, ganhando uma fortuna no contexto santomense.

    Muitos senhores têm 2, 3 ou 4 empregos e de SALÁRIOS CHORUDOS, no contexto de STP. Alguns, são simultaneamente Professores, Presidentes do Conselho de Administração, Membros de Conselhos Fiscais, Vogais de “grandes empresas”, empresários, etc, etc.

    Enquanto isso muitos jovens formados estão no desemprego.

    E querem Revisão Constitucional para mudarem algumas palavras, rever concordâncias gramaticais e semânticas e convertter PRESIDĖNCIA do PAIS num FEUDO dos oriundos de STP, excluindo a sapiência, o Know-How e bem fazer dos não-oriundos da 5a. geração.

    As únicas revisões que (ao meu ver) devem ser feitas nesta Constituição são:

    1. Proibir os deputados de exercerem outra função pública ou estatal remunerável.

    2. Os quadros do Estado que cometam acções que prejudiquem o erário público, jamais serão deputados, ou Presidentes da Republica, ou servidores do Estado a nenhum nível.

    3. Retirada imediata e sem apelação, da imunidade de um deputado quando solicitado a apresentar-se as instãncias judiciais, com o fim de exclarecer quaisquer actos que lesem o país.

    Apenas estas três alterações.

    Os maiores fornecedores de armas estão ai, algures. Basta solicitá-los, que eles as fornecerão e com muito prazer, mas não será de borla. Desta temos a certeza: NINGUĖM APAGARÁ A HISTÓRIA.

    Não basta dividir o mal pelas aldeias. TORNA-SE IMPRESCINDĺVEL DIVIDIR O BEM PELAS NOSSAS ALDEIAS.

    Isidoro Porto
    06/SET/2012,

    • Não Seja Feita a Vontade Dele

      6 de Setembro de 2012 as 15:33

      Senhor Izidoro! Não interessa que o indivíduo esteja ou não empregado. O problema é a atitude governamental que soa a perseguição, autoritarismo, posso, quero e mando e outras porcarias. É esta a mensagem que se deve passar para os nossos jovens? Quando um deputado, qualquer que ele seja, critica um governo, qualquer que ele seja, na Assembleia Nacional, deve ser exonerado por ter prestado este serviço ao país? O tal deputado não infrigiu nenhuma lei, não cometeu nenhuma ilegalidade, nem exagerou no seu papel de deputado. Fez simplesmente críticas ao governo como quelquer deputado deve fazer no acto ou processo de fiscalização governamental. Qual foi a resposta do governo? Exonerar o respectivo deputado do seu emprego. O senhor acha esta atitude razoável numa democracia? O problema não é o emprego ou desemprego. Isto são espumas do dia. O problema é o atentado ao nosso estado democrático que o ministro faz com tal atitude e passa uma mensagem errada aos nossos jovens e população menos instruída que em democracia pode-se fazer tudo em prol dos objectivos político-partidários.

  13. Aurelio Silva "Kauike"

    6 de Setembro de 2012 as 12:39

    Temos que organizar o país.O Pires Neto não tem abilitações literárias para ser coordenador.Convenhamos.
    Muito bem e um bem aja ao Governo.
    Podem contar comigo.

  14. E.Santos

    6 de Setembro de 2012 as 18:22

    Um deputado que se preze não consegue ter dois empregos. Se estiver de facto em trabalhar para a AN, tem muitos dossier para ler, projectos a propor, estudos, levantamento de situações da populaçam que carecem de ser tratadas…descultem, mas não dava tempo.
    Tendo dois empregos, algum deles estava a ser prejudicado, porque ele não consegue estar 100%, de corpo e alma nos dois lados. Acredito que a sua demissão possa ter sido uma mera coincidência. nhonó com vabú não é nada de dramático para se persiguir alguém. E digo mais, antigamente não era nhonó coisa alguma. Por que se fosse teriamos ficado com a maior parte, alguma realização que se visse de facto o resultado. E os Santomenses ficaram com nada. Quer dizer que foi mesmo vabú também…convenhamos.

  15. santosesantos

    6 de Setembro de 2012 as 22:07

    Pires Neto aquando do prédio da Trindade antes de ser distribuído ele fez o seguinte: VABU, e disse em voz alta e bom son daqui ninguem mi tira e nunca vou pagar um centimo, pk sou deputado da Nação.Alguém deu algum jeito para trabalhar e ja sabiam que ele não sabe nada a não ser tirar vinho da palma, estão a organizar o País ele tem que ficar aonde ele sabe trabalhar.

  16. coitado dele

    7 de Setembro de 2012 as 7:53

    Se ,se isso continuar como esta ,ADI perseguindo a oposição ,desempregando as pessoa por serem do lado oposto e falarem contra o governo,vou dizer
    Todos do ADI empregam sim ,mais nós que vamos ao desemprego vamos pegar na arma e por o fim a todos aqueles que estão a retalhar e perseguir funcionários da oposição.
    por favor levem asserio isto,pork esta sendo demais.
    Nem o regime de KADAFI funcionava assim
    ATENÇÃO
    ATENÇÃO
    ATENÇÃO
    ATENÇÃO
    ATENÇÃO
    DE MAIS É MOLESTA!!!!

  17. Povo STP

    7 de Setembro de 2012 as 7:56

    O pior, é que no lugar de Pires Neto (Vinhateiro), entrou um Candongueiro (vive no Pantufo, jovem candongueiro que liderou a ultima manifestação a favor do governo Vábú).
    Com tanto jovens licenciado desempregado no país, o governo desemprega um vinhateiro e no lugar, coloca um candongueiro… Isso é a transparência que o ADI (mudanças em relação ao passado) prometeu ao povo a quando das eleições!

    Pinto da Costa o garante da constituição da republica, perante isto não diz nada!

    Senhor Presidente levante e diz ou faça qualquer coisa, o povo agradece!
    O pior, é que no lugar de Pires Neto (Vinhateiro), entrou um Candongueiro (vive no Pantufo, jovem candongueiro que liderou a ultima manifestação a favor do governo Vábú).
    Com tanto jovens licenciado desempregado no país, o governo desemprega um vinhateiro e no lugar, coloca um candongueiro… Isso é a transparência que o ADI (mudanças em relação ao passado) prometeu ao povo a quando das eleições!

    Pinto da Costa o garante da constituição da republica, perante isto não diz nada!

    Senhor Presidente levante e diz ou faça qualquer coisa, o povo agradece!

  18. XYZ

    7 de Setembro de 2012 as 8:23

    Tudo isto e uma fantuchada. bla bla bla.

  19. Zozé Lové

    7 de Setembro de 2012 as 8:36

    Nem devo comentar isto… Que a vergonha é tão grande que cobre toda a ” Republica Democrática de S.Tomé e Principe” afinal onde estará a Democracia neste ato?

  20. aaaaa

    7 de Setembro de 2012 as 8:56

    Senhor Primeiro Ministrio PT, não se esqueça de que tudo que tem um principio tem um fim. SADDAM fez tudo que quis fazer na vida, tinha casas com pias douradas, carros de todo tipo morreu enforcado; BIN LADEN metia medo ao mundo inteiro morreu fuzilado; o seu amigo que mais tarde Sr. criticou chamou de ditador KADDAFI morreu da pior forma. Não se deve ser tão rancoroso, tão mau. Num encontro que tive com o Sr., o Sr tinha dito que o seu pai MT é que é rancoroso. O Sr é pior.O ADI não vai ficar no poder vida inteira. Quando o ADI sair de poder vamos ver. É pena que o Sr é gabonês e o Sr vai sair a correr de S.Tomé. Quem pagará são os seus comparças Afonso Varela, Agostinho Fernandes, Stock, o baixinho Elisio, Oscar Medeiros, Maximino Carlos, o padre Diabo Daio, etc. Os ADI dizem que o Pires Neto não tem formação para o lugar que ocupava. Será que Oscar Medeiros tem? Com tantos Jornalistas com formação superior em S. Tomé! Será que o senhor Patrice Trovoada tem formação? Alguém já viu diploma do Sr. Patrice Trovoada?

  21. meymadra

    7 de Setembro de 2012 as 9:36

    Estou de acordo que não se deve misturar a Politica com a vida profissional.
    Mas gostaria que algumas das pessoas que aqui falam sem conhecerem a função pública de STP (pois estão la na Europa em frente do computador e não sofrem o bloqueio dos apoiantes do MLSTP, PCD) viessem para ca e trabalhassem so um mês.
    Não sou nem de um nem do outro, pois o meu partido é RDSTP, mas presenciei pessoas da oposição dizendo:
    – Si esse ministro pensa que vou fazer isso bem, ele esta enganado, ele não é do meu partido.
    – Si fizermos o que ele diz a população vai voltar a votar neles, melhor não fazermos nada
    – vocês devem revoltar, si eu fosse vocês chamaria a televisão para dizer que estão mal e que o governo não vos da atenção.
    Coisas dessas e muito mais, então, crêem que essa gente quer trabalhar? Quem não entende o que é democracia? Quem quer mesmo mudar STP?
    Espero que sejam mais prudentes ao omitirem as vossas opiniões.
    Bom dia.

    • XYZ

      7 de Setembro de 2012 as 17:10

      O meu caro amigo nao esta a falar verdade. O seu partido e sim do ADI. O governo trabalha sim sim com quem ele quiser. Porque e que nao dimitiu o Pires Neto antes dele ter proferido estas declaracoes na Assembleia? Convenhamos. A democracia tem regras. E eles dizem ser da mudanca. Que mudanca? Tiram o vianteiro e colocam um candongueiro pelo facto de ter participado na manifestacao em defesa do Patrice? Tudo que tem principio tem fim. As coisas nao vao so. E pena que depois do caldo entornar o Patrice entra aviao e vai-se embora e os varelas, Stocks , Elisios, Agostinhos,e os outros palermas e que vao mamar. Isso e a mais pura verdade. Haver vamos. O santomense de hoje ja nao e o de ontem.

    • E.Santos

      9 de Setembro de 2012 as 21:46

      De facto,você tem toda a razão. Eu também já tenho visto isto por aqui. Os São-tomenses são tão maus e tão mesquinhos que preferem ver todos na m….do que fazer um trabalho justo e em prol do país. Se querem ganhar as próximas eleições ganhem pelo bem dos são-tomenes, fazendo proposta em prol da população, apelando a melhoria e ao trabalho de todos. Usem a cabeça de forma inteligente e honesta e não queriram ganhar as elições pela desgraça do povo. Se o povo estiver na desgraça então sim, conseguem ganhar as eleições. Então deixam o povo morrer. Bando de mafiosos…e depois usam estes jornais para manipular a informação a vosso favor e enganar todos os santomenses, particularmente os da diáspora que inocentente caem logo na vossa lábia e fazem a opinião precipitada sem saber os fundamentos das situações. Meus caros, “coisa que desce neste país”, vocês precisam estar cá.
      A incentivar estes senhores é que o povo nunca mais vai sir da mizéria. Malvados pá.

  22. mama

    7 de Setembro de 2012 as 10:55

    Esta é sem dúvida a estratégia do Patrice Trovada, manter os seus opositores no cargo para depois fazer chantagens, e quando desobedecem, são postos nu olho da rua, o Patrice é um aventureiro politico, pelo que está nas tintas por tudo que acontece, ele até disse aos amigos que na campanha Presidencial o Pinto lhe pediu apoio e ele mandou ter com ele em casa e deu -lhe sessenta mil dólares, pelo que Pinto não pode meter com ele.

    • Perola

      7 de Setembro de 2012 as 12:55

      E mesmo ke deu, tem ke falar p se mostrar, cao de baixo nivel, vira lata…..

  23. tutu

    7 de Setembro de 2012 as 11:08

    Mateus 12:30 Quem não é comigo é contra mim; e quem comigo não ajunta, espalha.

    Falar mal do governo vc sendo director nao da

    ou cala ou deixa o taxo

  24. CT

    7 de Setembro de 2012 as 12:35

    Manifestação pública.Segunda – feira, as 9 horas praça da independência contra a precariedade governativa.

    • Perola

      7 de Setembro de 2012 as 13:03

      E mas precisa ser bem organizada,porque o vira lata vai mandar policiais, esse monstro do PM

  25. Fala verdade

    7 de Setembro de 2012 as 13:30

    Tudo tem um preço. MDFM deu ao ADI parte dos deputados que têm. MDFM pediu descaradamente que o povo votasse em ADI. Este é o preço! Um verdadeiro partido deve ser digno e assumir as suas responsabilidades.

  26. Ôssôbô

    7 de Setembro de 2012 as 13:32

    A conclusão que se chega é que em STP a Democracia ainda não é uma realidade.
    O deputado é livre para expor o seu ponto de vista, fazendo acusações desde que comprove.
    Porém tudo o que é dito na plenária da Assembleia, dever ser esclarecido na assembleia. O facto do Deputado ser expulso da sua actividade profissional, isto já é antidemocrático e dever ser visto e revisto para não ser mais um escândolo nacional.
    Fui!!!

  27. Anjo do Céu

    7 de Setembro de 2012 as 14:06

    Isto é um ensinamento do melhor para MDFM/PL e do seu Presidente Fradique de Menezes. Na altura da campanha eleitoral ele sempre fez fincapé de MDFM apoiar ADI de Patrice Trovoada e assim foi até final da campanha e hoje ADI e seu governo paga com ingratidão.Bem feito para aprender e que tudo isso desmoralizou os adeptos, militantes e apoiantes até a última consequencia que só teve um e único deputado.Força Pires Neto.Vianteiro também é uma profissão que muitos têm dificulidades em exercer.Mas não és coruptos como os outros que andam a roubar dinheiros do próprio povo para se enriquecer

  28. TVSA-Televisão Santomense Aberta

    7 de Setembro de 2012 as 14:46

    Caro MDFM/PL
    Caro Deputado Pires Neto,
    Nós também embora não tendo partido,aguardando bolsa ou outra saída para o nosso futuro,estamos atento aos acontecimentos no País.Soubemos que na última reunião antes do encerramento da sessão parlamentar para férias antes do processo de votação para o caso “Amândio Pinheiro” o ADI ofereceu um Cheque de 100 e tal milhões de Dobras para o que mesmo votasse a favor de Amândio.Isto tem que tornar Público.Outros orgao de soberania competente têm que tomar medidas.Corromperam por doença mais dois deputados de Lembá,internando-os falsamente para não comparecerem na Sessão-O país tem que saber isto.
    Afinal em que País estaos vivendo?
    Ahhhhhhhhhhhhhhhhh:
    “Das Bananas,como dizem”!!!!
    Até quando.?

  29. jacobino tobias canga

    7 de Setembro de 2012 as 17:15

    C T, vai tu, teu pai, tua mae e as tuas 3 mulheres, porque os teus filhos sabem que nao vales nada.

  30. Telavive

    7 de Setembro de 2012 as 17:30

    Os governos de maioria absoluta precisam-se com urgência em S. Tomé e Príncipe. Qualquer governo tem a legitimidade de trabalhar com dirigentes da administração pública que mais se adequa às suas políticas optativas. Qualquer governo nesta matéria faz substituições que lhe convém. E se o ADI tivesse maioria absoluta, obviamente não estava refém de nenhum deputado e estava soberano em despedir quem fosse e quando bem entendesse. Todos os governos fazem o que faz ADI. Não entendo tanta lágrima!

  31. gostoso

    7 de Setembro de 2012 as 19:10

    Isto de Pires Neto, é simples. Qualquer governo deve trabalhar com pessoas de confiança ao nível da direcção. Acho que a intervenção do PIRES NETO revelou alguma falta de confiança do mesmo em relação ao governo. Isto faz parte da regras, não deves estar a conviver com inimigo dentro da tua casa. Qualquer governo faria isto ; é so questão de tempo. Portanto meus Srs. aprendam a viver e conviver com política. Há muita gente neste forum do TELA NON que não entende da política. devem estudar e investigar um pouco mais.

  32. António Medeiros

    7 de Setembro de 2012 as 20:46

    O patrice trovoada em vez de estar a perseguir as pessoas com odio e vingança devia é pagar salaRIO A FUNÇÃO PUBLICA. O salario é suposto ser pago no dia 25 e hoje há sectores como educação, saúde e outros mais ainda não receberam. Graças a Enco que pagou sobre pressão 3 biliões de dobras está-se a tentar pagar alguns sectores.

  33. adalberto J

    8 de Setembro de 2012 as 10:17

    E o Banco Central diz não estar mais disposto a dar emprestado mais dinheiro ao governo e receber hipotecas para salários da função pública.O BISTP também avisou-este é o ultimo mês.

  34. Pereira

    10 de Setembro de 2012 as 8:12

    Muito arroz do Povo senhor deputado fez Vábû, agora vai esperar para ser chamado depois de deixar lugar de deputado suplente.

  35. Engenheiro( LISBOA)

    10 de Setembro de 2012 as 8:59

    Caros comentadores, venho mui tristemente informar-vos de que apartir de hoje deixo de tecer qualquer comentario nessa página até que alguns mal entendidos e néscios que têm usado esta página para formalizar os seus comentários se tornem racionais e sérios se sintam santomenses, adquiram maturidade cognitiva suficiente e tenham a capacidade de distinguir interesses de grupos do interesse nacional e se sintam com o dever de defender o interesse nacional independentemente do seu opção política,religiosa ou opções afinas.

    Muito sinceramente eu não compreendo ou melhor custa entender a razão por que esses indivíduos ao invés de comentar de forma construtiva o que está em causa, perdem o seu precioso tempo a criticar, maldizendo,ou pondo em causa este ou aquele indivíduo em particular por esse ou por aquele motivo.
    Considero de caricato esse tipo de comentários.
    Sejamos mais racionais e sérios, olhemos para o interesse nacional e não do grupos.
    Eu não estou no país, mas tenho observado com atenção a acção gorvenativa do actual elenco.
    Esse governo, cuja a maioria é gente “NOVA” tem que parar e reflectir os seus actos acima de tudo ser mais racional e dinâmico. Também não é verdade que actual governo nada está fazendo, mas não é menos verdade que devia e tem condições para fazer melhor e podia tê-lo feito se efectivamente tivessem a pensar no país e nas pessoas…
    Não vou mais perder o meu precioso tempo a ler asneiras que alguns dizem aqui,as rivalidades manifestas aqui entre indivíduos.
    Deus abençoa São.Tomé e Príncipe e tenham misericórdia de nós e particularmente dos ESTUDANTES QUE ABANDONARAM O SEU PAÍS A FIM SE FORMAREM E VIREM A SERVIR O PAÍS DA MANEIRA COMO MELHOR SABEM E QUE HOJE SE TORNARAM MENDIGOS EM PORTUGAL E EM OUTROS PAÍSES DO MUNDO E ATÉ JÁ BUSCAM O COMER NO LIXO DOS SUPERMERCADOS E NÃO SÓ, COISA NUNCA VISTA NEM VIVIDA EM SÃO.TOMÉ E PRÍNCIP,E NEM INDIVÍDUOS COM PROBLEMAS DE FORO NEUROLÓGICO GRAVES (DÓIDOS OU MALUCOS)FAZEM EM SÃO.TOMÉ E PRÍNCIPE.

  36. pantufas

    10 de Setembro de 2012 as 10:48

    O jornalista da Lubilar devia perguntar ao Sr.Pires Neto se o que ele fez c o prédio da Trindade não é VABU.
    Consultem a lista dos devedores,é o primeiro na lista:

  37. ADI Jovem

    10 de Setembro de 2012 as 13:02

    O Pinto da Costa não pode dizer nada.É melhor manter assim mesmo.Ele tem “Rabo de Palha”.Patrice deu ele 60.000,00 dólares para campanha.Não viu como ele nao levanta voz com nosso Lider.Ele fala,Patrice vem ao público com fósforo pra queimar palha.

    • Perola

      10 de Setembro de 2012 as 18:46

      Hum, cala boca, isto foi solidariedade em epoca de campanha, e nada impede de sr. tomar posicao, por acaso o Pinto deu andou a falar de bem ke fez aos outros nao, mas o cao de baixo nivel e assim igual a vira lata, nao vale nada….

  38. Jovens vendedores de plástico

    10 de Setembro de 2012 as 15:07

    Dr Pinto da Costa,
    É verdade isso?
    Recebeu 60.000,00 Dólares de Patrice?

  39. Santosku

    10 de Setembro de 2012 as 15:11

    Não acredito que o Pinto da Costa lhe pediu apoio tendo em conta que o Evaristo de Caravalho foi o candidato de Patrice Trovoada. Não misturam as coisas se o Pinto da Costa ainda não falou, aguardem. PC é sábio o comportamento do Gopverno é mas dos partidos de Oposição com assento parlamentar. Estes têm sido de facto fracos. É preciso ter em conta a Constituição que temos. PC aquando do seu empossamento disse frontalmente ao PT que respeitará a Constituição e a vontade popular.

  40. pontapecavalo@hotmail.com

    10 de Setembro de 2012 as 17:44

    vabu vabu vabu cheirou muito mal antes melhor seria ligui clôpô cu alima bê cuê ou entao bamo caba kuê.sinceramente esse governo nao tem principios eticos e morais pra reclamar e agir contra alguem de quem os aponta com os dedos as verdades..olha vejamos..substitui um burro por analfabruto de dificil compreençao mesmo com ensinamentos a violencia.deixa o governo trabalhar..fui fui fui…

  41. Normany Dias

    10 de Setembro de 2012 as 21:17

    Ao confirmar-se essa notícia é urgente um esclarecimento por parte do governo. Pareci-me que a situação é grave e não abona nada em favor do governo e do próprio 1º Ministro, e principalmente da democrácia.

  42. SOS

    11 de Setembro de 2012 as 9:11

    Caros compatriotas,
    Este fórum é uma oportunidade que todos temos para dar o nosso contributo/criticas as boas e as mas acções dos Políticos e Responsáveis deste País, no entanto o que se vem verificando é que este fórum tem-se transformado num espaço de ofensas pessoais e de comentários de baixo nível, que em nada contribui para melhorar o Estado do nosso País.
    Gostaria aqui de chamar a atenção dos que comentam neste espaço para que tenhamos uma atitude mais construtiva sub pena deste espaço vir a perder interesse por parte dos leitores. Agradecia ainda ao Sr. Abel Viegas que fosse mais selectivo nos comentários que deixa ser publicado neste espaço, como moderador, deveria criar lista de critérios para que os comentários fossem publicados.
    Espero que esta chamada de atenção venha a contribuir para que este espaço seja realmente um espaço de opiniões validas e de interesse dos leitores, contribuindo assim para a Liberdade de Expressão e de Opiniões com Responsabilidade em prol da democracia e do desenvolvimento de STP
    Com a contribuição de todos, podemos tirar STP do estado em que se encontra
    Viva a democracia
    Viva a liberdade
    Abaixo a perseguição Politica
    Abaixo o Autoritarismo
    Abaixo a irresponsabilidade
    Que Deus nos Ilumine

  43. Kanimambo

    11 de Setembro de 2012 as 11:47

    MDFM/PL só tem um deputado. O Senhor Adelino Lucas é e só portavoz do partido. Não é deputado. Esse assessor de comunicação da presidência da Républica que compila algumas noticiaso com o Abel, deveria investigar um pouco mais. Lololol

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo