Política

“O MLSTP/PSD lança um veemente apelo ao Sr. Patrice Trovoada para não fazer-se de vítima, pois a luta vai continuar”

O maior partido da oposição congratula-se com a aderência da população a manifestação de sexta-feira, apesar da chuva torrencial. Avisa o Chefe do Governo que a luta em prol da transparência e pela defesa da democracia, não acabou.

O Povo de São Tomé e Príncipe uma vez mais, deu prova evidente que está pronto a qualquer combate político para impedir no seu solo sagrado, a instalação de vícios da ditadura e da tirania”, afirma o MLSTP/PSD, após reunião do seu Secretariado Permanente que analisou a manifestação da última sexta – feira.

.

A manipulação da informação através dos meios estatais para enganar o povo, é denunciada pelo maior partido da oposição, que aproveitou para lançar um apelo ao Chefe do Governo. «O MLSTP/PSD lança um veemente apelo ao Sr. Patrice Trovoada para não fazer-se de vítima, pois a luta vai continuar. Não está em causa a luta pelo poder gratuito, a oposição sabe esperar; Não está em causa as contrapartidas de Cargos ou benesses da corrupção que vêm sendo distribuídos pelo poder, a luz do dia, para alguns dos seus militantes: O que está em causa é a luta para impedir a implantação da ditadura e da tirania em São Tomé e Príncipe, e que a única Televisão do Estado, não esteja ao serviço do Sr. Patrice Trovoada que manipula informações e vende ilusões, mentindo descaradamente ao nosso povo», refere o Secretariado Permanente do MLSTP.

Combate contra a perseguição, política anima as hostis do MLSTP nesta luta que segundo o partido não termina agora, também porque o Procurador Geral da República, Roberto Raposo, posiciona-se como um serviçal do processo persecutório. «O que está em causa é a luta para que no País, reine a democracia, para que ninguém seja perseguido simplesmente por expressar o seu direito de opinião e de religião, para que o Procurador-geral da República não seja um mero instrumento de perseguição ao serviço de um Governo que pretende alterar a ordem jurídica e Constitucional», frisa o comunicado.

O leitor pode ler na íntegra o comunicado do MLSTP/PSD / Clique – COMUNICADO DO SECRETARIADO PERMENENTE

Abel Veiga

    39 comentários

39 comentários

  1. Almeida Paquito

    22 de Outubro de 2012 as 11:16

    vamos vér quem vai sair bem no fim desse puxa , puxa.

    Essa coisa ainda podemos assistir Jorge Amado e o Patrice num ring na praça.

    Quem vai ganhar e o que vai ganhar

    • Augusto Silva

      23 de Outubro de 2012 as 5:58

      É com pena que vemos o maior partido político são-tomense, o partido da Independência e da abertura para a Democracia, o MLSTP/PSD, e nomeadamente o seu líder Jorge Amado, conhecido na sociedade como político de terra queimada, a ir por um caminho tenebroso que vai levar o MLSTP/PSD e Jorge Amado para o abismo. Jorge Amado está a ser muito mal aconselhado e ainda não percebeu que, no seio do seu próprio partido, como é hábito no MLSTP/PSD, está a ser empurrado para assumir posições radicais que têm como objectivo manchar ainda mais a sua imagem e consequentemente criar um clima de instabilidade e insatisfação no partido (muitos militantes e antigos líderes não estão de acordo com o que Jorge Amado anda a fazer), permitindo assim criar ambiente para que os seus detractores peçam para o ano 2013 um congresso extraordinário para eleição de um novo líder. Jorge Amado infelizmente ainda não percebeu isto. Não sei se já repararam que todas as últimas iniciativas levadas a cabo pelo MLSTP/PSD têm falhado. Nenhumas delas tiveram consequências políticas que efectivamente pudessem fazer tremer de forma assustadora o governo de Patrice Trovoada. E como fazer política, e ainda mais em São Tomé e Príncipe, é preciso ter dinheiro, nem o MLSTP/PSD e nem Jorge Amado têm verbas suficientes para realizar acções de esclarecimentos e manifestações contra o governo. Já o mesmo não acontece com Patrice Trovoada. É preciso também ter em conta que na cena política são-tomense, não temos líderes, dirigentes que possam ir para o estrangeiro em busca de verbas para financiar os respectivos partidos políticos. O MLSTP/PSD tem como fonte o MPLA que, nesta altura da crise internacional, não está a soltar dinheiro como antes. A última fez que o MPLA soltou dinheiro para o MLSTP/PSD foi parar aos bolsos de Rafael Branco, como se ouve dizer no seio do próprio partido. Os líderes do MLSTP/PSD, PCD e MDFM/PL (Fradique só se for na Guiné-Equatorial) será que são conhecidos na cena política internacional e serão capazes de fazer viagens para o estrangeiro a fim de arranjar dinheiro para ajudar os respectivos partidos para acções políticas, agora, então, que nada se faz sem haver comes e bebes, sem dar algumas dezenas de dobras aos participantes nestas acções? Por outro lado, e isto foi devidamente destacado por Patrice Trovoada, os parceiros internacionais, os países amigos, as instituições estrangeiras que trabalham no nosso país -embaixadas, empresas, organizações ligadas às Nações Unidas etc – sabem que o país está com problemas mas não ao ponto de ser necessário salvar a Democracia com uma manifestação. Enfim, a incapacidade política, a falta de ideias, a ausência de um programa político convicente e alternativo e ainda a falta de dinheiro são motivos que estão a travar os partidos da oposição a conseguir os seus objectivos.

  2. Carlos Jorge da Silva

    22 de Outubro de 2012 as 11:21

    Muito bem MLSTP/PSD é preciso partir as cristas deste Primeioro Ministro Patrice Trovoada. Antidemocrata e Tirano. Maldiçoado, Mulçumano. Aldrabão

  3. Carlos Jorge da Silva

    22 de Outubro de 2012 as 11:40

    É Claro que Jorge amado vai Vencer este jogo de Box e vai nocantear o o Patrice Trivada, com dois socos no rosto esquerdo. ahahhhhh

    • democracia

      22 de Outubro de 2012 as 17:13

      nunca substeme a capacidades dos outro.

      quem é Jorge Amado para julgar quem quer que seja. Nem o PCD, MLSTP, ADI, MDFM, são todos farinha do mesmo tacho portanto mantenham se no lugar de corruptos que são e sem demagogias.

  4. malebobo

    22 de Outubro de 2012 as 11:45

    Jorge amado, não será capaz de conduzir o mlstp/psd, aos seus verdadeiro destino, acreditas,porque so o que aconteu dá sensasão que estais desperados, os teus aliados estão a te rir

  5. Herminia

    22 de Outubro de 2012 as 11:54

    Meus Senhores, gostaria que me informasse de facto o que está passando, de verdade, percebí que o problema está entre Jorge Amado e Patrice Trovoada, portanto, o MLSTP é muito digno para meter nisso.O glorioso MLSTP não pode cair nesta armadilha de ser utilizado por Jorge Amado e alguns interessados. Se assim for, o problema já está na justiça, que esperemos a resolução. MLSTP não é propriedade de Jorge Amado, por favor dignifiquem por favor o meu MLSTP. Não usem por favor o nome do MLSTP para este tipo de politiquece.
    Para bem de todos nós.

  6. pantufas

    22 de Outubro de 2012 as 12:17

    Se a nossa ALDA estivesse viva,vendo o MLSTP neste rumo…..

    • Deus Afonso

      22 de Outubro de 2012 as 18:30

      POis nao é!

  7. Assuncao

    22 de Outubro de 2012 as 12:32

    Os saotomenses tem de mais vezes sair a rua e dizer basta,e basta e basta, lembrem’se de ha algum anos a voz do povo ecoou naquela frase inesquecivel do “povo poe povo tira””bora laaaa!!
    Com cumprimentos.

  8. Tiago Santos

    22 de Outubro de 2012 as 13:33

    É uma pena ver o MLSTP a entrar no jogo do Jorje Amado, esse senhor ainda vai fazer MLSTP perder toda a credibilidade. O povo não esta a dormir prova disso foi o fracasso na mainfestação de sexta feira, k embora MLSTP/PSD andou a pagar pessoas para irem a manifestação mas mesmo assim n teve sucesso.
    VIVA POVO DE S.TOMÉ

    • Bragança

      22 de Outubro de 2012 as 14:36

      SR Tiago Santos

      O MLSTP/PSD ainda tem credibilidade? Têm tanta credibilidade que há inumeras dificuldades em encontrar figuras que representem o partido e que formem o elenco governamental.
      Se calhar não deves estar a falar do mesmo MLSTP/PSD que eu.

  9. zita

    22 de Outubro de 2012 as 14:10

    Maldita hora k Jorge Amado saiu de Embaixador para ele ir a S.Tomé criar instabilidade pulitica.Pinto da Costa faz algo por favor custa acreditar k com tudo isso o Sr não pronucia nada. Ha um ditado k diz que cala consente. Sera k o Sr tem algo a ver com tudo isso?

  10. Votei ADI

    22 de Outubro de 2012 as 14:48

    Oposição por favor!
    TOMEM POSIÇÃO.
    Patrice está a ABUSAR.
    O que está passar na TVS não é legal.
    SR Presidente o Sr não diz nada?
    Faça uma Visita à TVS.

  11. Bragança

    22 de Outubro de 2012 as 15:24

    Cara Hermínia,
    Eu apenas concordarei consigo se a sua intenção foi a de referir apenas ao MLSTP (Movimento de Libertação de São Tomé e Príncipe), sem conotação com qualquer força partidária ou seja PSD (Partido Social Democrático).
    Porque se assim for não vejo razões para qualquer santomense glorificar-se com o trabalho desenvolvido pelas pessoas que fazem parte dessa força partidária, a não ser uma pequena elite que delapidaram os bens públicos, pessoas que serviram-se do país e não estiveram ao serviço dele, pessoas que construíram fortunas, essas sim podem faze-lo. A não ser que de alguma forma tirou algum dividendo dessas práticas, sem querer ofende-la.
    Eu não defendo nenhuma força partidária, e nem pretendo transparecer que o atual Primeiro-ministro seja um “santo”, mas a verdade seja dita que já se nota ligeira mudança, coisa que nunca se viu enquanto o seu “glorioso” esteve no poder.
    Eu sou um defensor da democracia, onde as pessoas são livres de expressar os seus sentimentos, os seus ideais, criticar, ect. Mas estas mesmas pessoas têm que estar na altura de se responsabilizarem pelos seus atos, e responderem a justiça quando a esta forem chamados. Não é quando isto acontece, serem empossados deputados, por este serem” beneficiados” com a imunidade parlamentar.
    Eu faço um apelo aos decisores desta “rica pobre nação”. Meus senhores se for em diante o processo de revisão constitucional, sugiro que prestem uma atenção especial ao artº 95º da CRPSTP com o seguinte texto “Nenhum Deputado pode ser incomodado, perseguido, detido, preso, julgado ou condenado pelos votos e opiniões que emitir no exercício das suas funções; Salvo em caso de flagrante delito e por crime punível com prisão maior ou por consentimento da Assembleia Nacional ou da sua Comissão Permanente, os Deputados não podem ser perseguidos ou presos por crimes praticados fora do exercício das suas funções.
    Pelo que temos assistido os deputados não têm usado essa prerrogativa para o fim a que se destina, antes têm usado para escapar a prisão e ficarem na impunidade.

    As pessoas que têm apoiado acusações que foram feitas ao Primeiro-Ministro, concordam com a forma como as pessoas que prefiram estas acusações “fugiram” a justiça? Acham que se essas pessoas estivessem na posse de qualquer prova, elas não viriam ao públicos exibi-las?
    É claro que já traziam ao público, e digo mais, elas fariam na comunicação social, convocando todo tipo de imprensa.
    Para os que são militantes ou simpatizantes do MLSTP/PSD, procurem uma forma de aconselhar os dirigentes do vosso partido a delinearem uma estratégia válida e convicente para voltarem ao poder, por ser isto que esta na base dessas acusações. Organizem-se, arrumem a vossa casa, os dirigentes do MLSTP/PSD parecem estar desnorteados, e isto não é nada bom para a democracia e por conseguinte para o povo santomense ver o maior partido da oposição sem norte, parecendo crianças birrentas que quando os pais tiram um doce das mãos fazem birras de todo tipo para voltar a tê-lo.
    Por outro lado, percebi pelas declarações do secretário-geral do ADI, que provavelmente irão manifestar em prol do governo, seguramente isso seria compactuar com a “palhaçada”, manchar o nome do país em relação a opinião pública internacional.
    E não se esqueçam que vocês (todos) não criaram condições para a sobrevivência do país, sem ter que estender a mão, por isso tenham muita cautela com cada ato, cada passo, cada declaração que fazem.
    Um bem-haja a todo povo santomense que almejam um futuro melhor dessa nação.

  12. Verónica

    22 de Outubro de 2012 as 15:29

    Não se esqueçam que o Jorge Amado é filho do Riboque, criou e treinou no Barros Vermelho na Luta de Arco e Pedra do cimo da Montanha para baixo. Nem com Polícia Militar, PIDE, nada. O Patrice que pergunte ao seu paí quem são os filhos do Barro Vermnelho.
    Tiago Santos, meta no teu buraco. Come tuas migalhas sossegado.
    O MLSTP está a fazer seu papel. OPatrice que mude de atutyde. O Jorge tem os seus defeitos e se foi escolhido é porque os militantes do MLSTP querem. Este não é Gibela.A Zita é um medricas. Cala boca.
    Já é hora do Pai Grande pedir um relatório sobre essa denuncias. Para se saber de que lado está a verdade. Constitua uma equipa de inquérito, composta de gente séria (MLSTP, PCD, MDFM e dois representantes da Presidência, o meu amigo Bernardino não pode faltar. É Conselheiro de Sexa Presidente o Pajó tb é bom nessas coisas, é imparcial, conheço-o bem. Embora um bocado …,mas nessa coisas o filho do Sr Américo, gente séria, não brinca).
    Sr.Presidente,já é hora de agir.

  13. nelson leite

    22 de Outubro de 2012 as 15:48

    Nao des cabo do mlstp…nao aproveites da situacao sabemos quem es… faz coisa pra oce te razao…

  14. Abaixo Corrupção

    22 de Outubro de 2012 as 18:44

    Jorge Amado esta é Frustrado ele quero ir ao poder para “Arco Ires funciona” ele mais outros do MLSTP estão todos pobre não têm mais como roubar pois a vida é mesmo assim quem castiga outro será castigado!!

  15. João Carlos

    22 de Outubro de 2012 as 21:53

    ADI, está a espera da “luta”…estamos preparados..

  16. ANCA

    22 de Outubro de 2012 as 23:24

    É preciso muita serenidade, clareza de espiríto, sentido de responsabilidade pública e política, sentido de Estado de todas as figuras, Orgãos públicos, Políticos e Social, desde o Presidente da República, do Primeiro Ministro, do Governo, do Governo Regional do Príncipe, dos Presidentes das Autarquias Locais, dos Partidos Políticos, tanto do que sustenta o Governo, o Partido ADI, do que sustenta a oposição os Partidos MLSTP/PSD, PCD/GR, MDFM/PL, dos Partidos que não têm assentos na Assembleia da República, bem como dos cidadãos e sociedade civil Sãotomenses, pois é preciso ter, fazer, saber tirar ilações, olhar para os desafios futuros que o País, tem pela frente, desafios árduos na actual conjuntura e estrutura económica finaceira mundial, é necessário apresentar propostas, fazer uma boa leitura do que se passa no mundo a nossa volta, bem como no que se passa internamente no País,(Território, Mar, População), á nível Social, Cultural, Desportivo, Político, Ambiental, Económico e Financeiro, que passos ainda devem ser dados, “QUÊM?”, “O QUÊ?”, “ONDE?”, “QUANDO?”, “COMO?”, “PORQUÊ?”, para delinearmos juntos, mediante a UNIDADE, DISCIPLINA, TRANSPARÊNCIA, DIALOGO CONSTRUTIVO, e gosto pelo TRABALHO ÁRDUO, caminhos de CRESCIMENTO e DESENVOLVIMNTO SUSTENTÀVEL, para sairmo da fome, da pobreza, da miséria em que nós encontramos a mais de TRINTA E CINCO ANOS.

    Tenhamos a responsabilidade, tenhamos a clareza discernimento do espírito, nas nossas acções, nos nossos modos, de ser estar e fazer.

    A crise económica e financeira mundial, tem impacto e consequências sérias profundas e marcantes, no presente e no futuro do País, o nosso São Tomé e Príncipe, que ao longo destes anos nada produziu e vive de braços estendidos a migalhas de produtividade e rendimentos dos outros povos, e tem vindo cada vez mais a baixar a sua produtividade, enquanto Estado, Estado este da qual todos fazemos parte, que todos somos responsáveis pelo tal Estado, enquanto cidadãos SãoTomenses, como exemplo, assim foi e é o caso da produção do Cacau, da Copra, do Café, do Pescado, da Produção Hortícula, etc, etc.

    Pois gostamos pouco de trabalhar, de construir, de imaginar, de criar, de pensar, de agir, de organizar, de planear, de investir no País, de encontrar soluções, para o bem de todos os cidadãos SãoTomenses.

    Gostamos mais de festas, comes e bebes, mulheres, manifestações, críticas destrutivas do que construtivas, gostamos mais de dividir para reinar, do que unir para construir.

    Pois é hora de mudar-mos tais estados de espiritos e da alma, tais comportamentos.

    Quem nos dá dinheiro, nos estende o Braço, quem nos ajuda, quem nos empresta dinheiro, apercebe-se rapidamente, de tais comportamentos infantis da nossa parte.

    Temos mais de trinta anos como nação, tempo suficiente, para termos e sermos mais responsáveis nas nossas atitudes, enquanto sociedade, enquanto País,(Território, População).

    A conjuntura Internacional, é de Trabalho, de Rigor, de Transparência, de Previsão, de Planeamento, de Organização, de Estabilidade, de Compromisso, de Responsabilidade e sentido de Estado, de Ordem, de Justiça, de todos os actores e orgãos de Soberania.

    Jamais a tempo para patetices e infantilidades políticas, sociais, culturais, desportivas, ambientais, económicas e financeiras.

    Jamais a tempo para perca de tempo com acções e manifestações com Intuito de Ludibriar e Enganar a População, de modo a alcançar o poder, e usurpar e delapidar os bens públicos, é preciso sentido de Justiça, Crescimento e Organização do Estado.

    Pois nos proximos tempos enquanto Estado Democrático, enquanto País,(Território, População), teremos que produzir, de ganhar gosto pelo trabalho, gosto, imaginação, criatividade, para encontrar soluções para resolvermos os nossos problemas, como o problema da pobreza que afecta mais de metade da nossa população, nosso território, nosso País.

    Pois nos proximos tempo, jamais poderemos estar somente de braços e mãos estendidas a Ocidente ou á Oriente, á Norte ou á Sul, pois é tempo TRABALHO, de PRODUÇÂO, e jamais de perca de tempo com contradições, intrigas, mentiras, manifestações para tirar benefícios eleitorais, tanto da Oposição como do Governo, com intuito de manipular a população.

    Devem ensinar a nossa população a produzir, dar intrução, ferramentas de produção e produtividade, em vez de fomentar ódios e intrigas, que em nada nos valerá enquanto País(Território, Mar, População), enquanto cidadãos Sãotomenses.

    Pratiquemos o bem

    Pois o bem

    Fica-nos bem

    Deus abençõe São Tomé e Príncipe

    • ANCA

      22 de Outubro de 2012 as 23:41

      “O MLSTP/PSD lança um veemente apelo ao Sr. Patrice Trovoada para não fazer-se de vítima, pois a luta vai continuar”

      Pois á luta, deve ser exercício, o esforço, o envolvimneto de todos os cidadãos e orgãos políticos e públicos, bem coma a sociedade civil Sãotomenses, para vencer a Pobreza, o Subdesnvolvimento.

      Tenhamos como País, como sociedade, capacidade de descirnemento, sejamos altruístas e empreendedores, na construção de um País(Território, Mar, População), onde se possa viver e trabalhar condiganamente, em paz, em estabilidade, social, cultural, política.

      A Luta deve continuar, em prol do trabalho, da produção, do crescimento e desnvolvimento, a modernização, social, cultural, desportiva, política, ambiental, económico e financeira sustentável, do País.

      A Luta deve continuar, no combate a pobreza, ao analfabetismo, ao desenvolvimento humano sustentável, das crianças, jovens, adultos e idosos, das Famílias Sãotomenses.

      Nesta tarefa, nínguém deve ser
      insubstituível, todos podem e devem dar seu contributo, ao bem do País.

      Pratiquemos o bem

      Pois o bem

      Fica-nos bem

      Deus abençoe SãoTomé e Príncipe

  17. Santa Rosa

    23 de Outubro de 2012 as 0:55

    A unica coisa que eu afirmo categoricamente é que em STP não há partidos políticos mas sim familias que defendem unica e exclusivamente os seus interesses e vou mais além a noção da verdadeira essência da politica escapa a muitos homens ditos ” Inén Sungu”.Mas um dia a de chegar homens de cabeça que levantarão este país…mas farão com legitimidade.O elevado nível de analfabetismo é que põe em risco o funcionamento do Estado, afomenta o orgulho pela governação parcial e não pela nação e atrasa o país.

  18. Santa Rosa

    23 de Outubro de 2012 as 1:08

    Outro problema na sociedade santomense e que é comum a outra sociedades é fato de cada um não saber o seu devido lugar.O mal da democracia é que ela incuti nas pessoas a ideia de que todos os homens são iguais e no entanto a natureza trata de mostrar que os homens naturalmente não são.Se todos querem ser governo quem será a oposição pra garantir a efetividade do exercício democrático?

  19. malesantomense

    23 de Outubro de 2012 as 8:52

    Jorge Amado não soube gerir um talho o que podemos esperar deste senhor? Patricio tem que mandar tomar casa do estado que ele tomou e não pagou nem esta interessado em pagar, “não só ele” e entregar a quem mais precisa. Mais 5 anos para Patricio Trovoada e daí aparecer outro Patricio para tomar conta de S- tomé, pk no Principe temos outro Patricio. Que Deus nos abençoi.

  20. deixagotra

    23 de Outubro de 2012 as 11:15

    Mais 5 anos para Patricio Trovoada e daí aparecer outro Patricio para tomar conta de S- tomé, pk no Principe temos outro Patricio. Que Deus vos abençoi.

  21. peter

    23 de Outubro de 2012 as 13:42

    Se quizer escolher boms politicos no mundo para formar uma equipe de politifofosurdos vai a Sao tome.
    no principe que e muito pequeno nao se houve de tanta baguncas como sao tome.
    ate ja da noju pah. nada sabem fazer so barulhas, mas a diferenca com a guine bissau e o a guine sao serious e em sao tome sao pacados.

  22. Gregorio

    23 de Outubro de 2012 as 13:58

    Como santomense, não me revejo neste primeiro Ministro, por favor respeitam a minha vontade, acho que mereço esse direito porque nasci e cresci ali………de repente as coisas mudaram…que pena

  23. estabilidade politica

    23 de Outubro de 2012 as 15:27

    São Tome e Príncipe já mudou vinte 1º Ministros desde a Independência.

    Cabo Verde: mudou 4 Primeiros Ministros desde a Independência.

    É Facil perceber porque, está sendo dificil o meu Pais iniciar o seu desenvolvimento economico, que só acontece na vida de alguns, que gostam de mudar constantemente de 1º Ministros.

  24. Menezes

    23 de Outubro de 2012 as 15:40

    a uns anos atrás, não era preciso MLSTP juntar a outros partidos para fazer politiquice, hoje em dia ajunta até com partidos que estão na posição zero, a mas de 20 anos na politica São Tomenese para derrubar outros.

  25. Zé do Camargo

    23 de Outubro de 2012 as 15:48

    Quem é o MLSTP para lançar apelo à alguém.
    Na realidade esta manifestação não foi mais do que um fiasco, conforme disse o Patricio.
    Eu estive na manifestação, e recebi 300 mil dobras para partcipar juntamente com a minha mulher. A minha vizinha recebeu 150 000,00. A orientação que ela teve, foi de chegar ao campo de futebol de Riboque e começar a gritar Patricio Quidalê.
    Apesar de Sangazuza, Discotecas e outros sons de musica, na realidade não acredito que havia mais de 300 pessoas naquilo. Isto quado vinham viaturas yaces carregados de velhos das roças para receberem 150 mil dobras. Na realidade uma manifestação organizada por quatro partidos e ter aquela aderencia, é mesmo um cumulo de pouca vergonha.
    Estou de acordo que a oposição exija transparencia na gestão da coisa pública, estou de acordo que se critique, mas não estou de acordo com politicas baixas, de acusações sem fundamento, de esconderijo na ssembleia Nacional, de espantar aos investidores nacionais, de assaltar o poder antes do tempo, tudo isto é mau e é bandidajem porque não sabem viver fora do poder.
    Aprendam a trabalhar

  26. João Rodrigues Serôdio

    23 de Outubro de 2012 as 16:11

    Alguém um dia irá escrever a história deste País.Mais do que discutir partidos políticos,teremos que saber,que Modelo de Sociedade queremos ser.Quanto maior for o grau de instrução e formação de um Povo,maior será informação sobre Democracia Participativa e melhor será a sua escolha sobre os políticos que querem para os destinos do País.Isto começa nos bancos de Escola.Talvez assim S.Tomé e Príncipe possa progredir e se torne numa verdadeira Republica Democrática.Também porque ainda acredito que existem Homens Bons,é preciso é que Eles falem mais alto.

  27. Carlos Jorge da Silva

    23 de Outubro de 2012 as 17:22

    Agora vão ver o que se está a fazer com um pobre coitado Jornalista Patrice está a criar ditadores no Pis um dia eles ão de virar com os seus projenitores

  28. venicius santos

    23 de Outubro de 2012 as 18:52

    Xêêêê, Patrice não faz isso não. O sr pode estar a criar uma instabilidade pra o país sem necessidade. Dá o homem FERRO dele. O homem fez negócio dele, assinou e até tentou justificar o injusticável e até acusou de terem falsificado sua assinatura (vergonha). Comissão dele nem chega $500.000,00. É alguma coisa pra o país? Insignificante. Mas pra ele é muito FERRO. Acredite, o sr não vai ter descanço se esse Ferro não sair pra ele. As casas sociais que ele tomou está a precisar de reparação. Talho faliu. O homem está mal, sr 1º Ministro. O sr não conhece Jorge Amado. Esse é só documentário, filme está a vir. Dá ele FERRO dele e confusão acaba. Vai ver que tenho razão. Viva MLSTP/PSD (Movimento de Ladrões de S.Tomé e Príncipe / Povo Sabe Disso). Assim seja.

  29. venicius santos

    23 de Outubro de 2012 as 18:59

    Sr Abel, meu comentário está a ser censurado.
    Ponho aqui o meu nome e endereço. Confirma. Não sou do MLSTP, ok?

  30. gualter almeida

    23 de Outubro de 2012 as 20:15

    pois o lúcio Amado também faz-se de vitima e tem bons amigos dentro do mlstp mas como agua corre para agua ninguém fala desse malfeitor assim como a direção deste jornal que por vezes não publica comentários relacionados com esse LÙCIO AMADO que ja devia estar amofado na cadeia

  31. Féde ká Dóxi

    24 de Outubro de 2012 as 8:23

    Ien Sunguê ê!
    A coisa não é assim. Inteirem-se melhor. O país está mto mal.
    Já não temos reserva financeira que garanta a estabilidade do Euro. Informem-se bem.
    Cuidado, mais tarde saberão.
    Há gente, fora do Governo que tem essas informações, mas ela tem medop de falar, para não ser posto narua.
    A situação económica actual de S.Tomé e Prícnipe é precária.
    O Partlamento o OPresidente da República trem que chamar o Governo para prestar contas. Dizer como está o país (Estado da Nação).

  32. pantufas

    24 de Outubro de 2012 as 9:48

    Os detalhes da fracasada manisfetação,está vindo a superfice.A guerra entre comadres vai desvendar muita coisa.Agora já sabemos o q levou o Anacleto Rolim a manisfetação,não foi patriotismo mas sim dinheiro……
    A minha dúvida agora é saber quanto o PCD recebeu do MLSTP para participar na marcha de diversão……..

  33. Olho_Vivo

    26 de Outubro de 2012 as 9:00

    Sinceramente!
    Nisso tudo, preciso entender o seguinte:
    1 – Por que motivo o MLSTP/PSD apoio o Patricio Trovoada nas eleições presidencias de 2006, quando já “sabia” que o mesmo era tudo isso que descreve.
    2 – O que realmente se passou para que de repente as coisas mudassem, com guerras intestinais a esse nível.
    3 – Ser´´a a melhor estratégia ir disparando por tudo quanto é lado, quando na verdade do outro lado existe um escudo muito forte.

    Enfim, se alguém me puder ajudar, desde já agradeço.

  34. jorceley afonso

    27 de Outubro de 2012 as 11:49

    espero que esse fracasso sirva de lição ao MLSTP/PSD e só ñ condeno as pessoas que praticiparam porque pesso que estão mal informadas e por cauza da gorgeta que prometeram…fico triste em saber que os politicos ñ são patriotista,ñ lutam em prol do desenvolvimento e enteresses do país mais sim só para defeza dos seu intereces e do seu partido…deixando o povo na pobreza para manipularem a sua maneira ñ esperava isso de um partido que lutou para a libertação de STP e espero também que o povo comece a tar mas a par da iformação relativo aos problema do país para poderem tomar bem as suas dessizões

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo