Trabalhadores da TVS apelam a Assembleia Nacional no sentido de activar o Conselho Superior de Imprensa

Numa petição endereçada ao órgão de poder legislativo, 21 trabalhadores quadros da TVS, que denunciam arbitrariedades, indícios de corrupção financeira, e violação da liberdade de imprensa, na única estação televisiva do país, apelam a entrada em funções do Conselho Superior de Imprensa.

Exmo. Senhor Presidente

Assembleia Nacional

S.TOMÉ

PETIÇÃO

Excelência,

Como é do conhecimento de V.Excia, a situação reinante na Televisão Santomense chegou a um ponto de rotura, o que levou um grupo de quadros, a exigir o afastamento do actual coordenador da estação.

Excia, para além de comportamentos que violam todas as normas de relacionamento humano, está em causa a própria liberdade de expressão e de pensamento neste órgão de comunicação social que é a televisão. Liberdade que se enquadra no direito fundamental dos cidadãos a uma informação livre, isenta e imparcial como um dos princípios fundamentais da democracia, paz social e progresso em S. Tomé e Príncipe. Fazemos alusão a censura na TVS.

O que nos preocupa também, é a inexistência do Conselho Superior de Imprensa, como Alta Autoridade para a Comunicação Social e promotora da liberdade de imprensa, do pluralismo e da independência na comunicação social. Órgão independente que funciona junto da Assembleia Nacional que perante a situação já espelhada na TVS, deviria se pronunciar.

Por se tratar de um órgão de extrema importância no Estado de Direito Democrático e porque a nossa luta se enquadra na salvaguarda da liberdade de expressão e do pensamento, vimos pedir a V. Excia se digne diligenciar no sentido de por em funcionamento o Conselho Superior de Imprensa o mais depressa possível

Reafirmamos, Excia que a luta do grupo nada tem a ver com política. O que nos move é a devolução de todos os ingredientes que nortearam o surgimento da TVS, como órgão de comunicação social. Facto que só será possível com o afastamento do actual coordenador, Óscar Medeiros, porque com ele nunca mais haverá clima de entendimento e desta forma nunca mais a TVS cumprirá com o seu importante papel de contribuir para o fortalecimento da democracia nesta ilha de nome santo.

Pela liberdade de expressão e do pensamento e contra a censura e ditadura na TVS;

S. Tomé, 30 de Outubro de 2012

Cc: Presidente da Republica

Primeiro-ministro

Ministro Secretário-geral do Governo

Supremo Tribunal de Justiça

Partidos Políticos c/ assento Parlamentar

Órgãos de Comunicação Social

Nós abaixo-assinado:

  1. img
    mudança Responder

    Segundo dizem, o Sr. PR da Assembleia nacional estaria protelando o empossamento desse órgão de imprensa há muitos meses.
    E já repararam no silêncio ensurdecedor do tribunal de contas? Ê çá Kaká!!…
    Fui

    • img
      Mimi Responder

      Tribunal de Contas? Este existiu e funcionou, para satisfazer interesses, durante algum tempo. Agora está a hibernar para talvez acordar quando lhes convier.

    • img
      védé Responder

      O governo não quer que o CSI funcione. Já foi indicado o presidente e os demais órgão de soberania e maioria dos partidos políticos já indicaram os seus nomes, apenas falta o ADI indicar o nome do membro de forma a ficar completo o conselho e este poder entrar em funcionamento.
      È mais uma vez o ADI a criar entraves ao bom funcionamento dos orgão e do próprio sistema.
      Credo partido!!!

  2. img
    ANCA Responder

    Mais Formigas, para o trabalho árduo, para o desenvolvimento e modernização Social, Cultural, Desportiva, Política, Ambiental, Económica e Financeira, do País, e menos Cigaras.

    Casa onde jamais há pão, todos ralham e nínguém tem razão.

    Pratiquemos o bem

    Pois o bem

    Fica-nos bem

    Deus abençõe São Tomé e Príncipe

    • img
      ANCA Responder

      Se os Profissionais, da Televisão Pública SãoTomense, jamais sabem ser, estar e fazer, na função de prestação de um serviço Público de Televisão, tratando-se de imposto dos cidadãos SãoTomenses, que contribuem, para o funcionamento deste Orgão Estatal;

      Há que fazer uma Triagem, Limpeza, Demissões, Rescisões de Contratos, a mais profissionais de Comunicação, cidadãos SãoTomenses capazes de prestar um bom serviço e contributo a modernização do sector da Comunicação Social Nacional.

      Na tarefa, de modernização, do desenvolvimento e crescimento social, cultural, desportivo, político, ambiental, económico e financeiro, nenhum cidadão nacional deve ser insubstítuivel.

      Se jamais serve, jamais saber ser , estar, fazer, perante a coisa pública, substitui-se.

      Se a cabeça jamais presta o corpo é sinónimo.

      Pois deve-se encontar outra cabeça, outro corpo.

      Pratiquemos o bem

      Pois o bem

      Fica-nos bem

      Deus abençoe São Tomé e Príncipe

  3. img
    mundu té pésu..... Responder

    Para que os actos de corrupção terminem deve o Sr. Oscar Medeiros ser imediatamente afastado da TVS.
    Como é que numa estação onde não há boa convivência com os trabalhares possa se impor uma figura a todo o custo?
    Isto é que devia ser feito em primeira mão….só depois deveria haver inquéritos e sindicancias ou mesmo intervenção do Conselho…..
    Fui

  4. img
    O Analista e Censurador Responder

    Se a Estação da TVS, não é propriedade do Sr Coordenador em exercício;
    O referido sr deveria ser suspenso das actividades, até apurar o resultado do inquérito,evitando assim mais polémicas no seio dos trabalhadores da Estação em causa.
    Se estou errado, peço desculpas pela minha ousadia.

  5. img
    Carlos Jorge da Silva Responder

    Deve-se começar pela Cabeça. Jornalista da RDP/África, Jornalista São Tomense, Director da TVS, Comissário Político e militante do ADI, Responsável de Imprensa do ADi é muita incompatibilidade… motivo de confusão

  6. img
    "Haver Vamos" Responder

    Senhor “Analista e Censurador” não estás errado mas sim, ” Certíssimo “.

    Concordo plenamente consigo…

  7. img
    "Haver Vamos" Responder

    Já deu pra ver que esses dentes pra fora é uma falsa.
    Até o senhor Varela “abriu os dentes” Ele o PT parecem irmãos gémeos.
    “Dênti béto, só…”
    É SÓ PRA ENGANAR O POVO PEQUENO…..

  8. img
    gostoso Responder

    Meus Srs. simplesmente colocar um responsável dum sector na rua, não é solução do problema. O melhor é saber a razão desse sussuru todo. O que está por detrás disto? Já pensaram nas manobras politicas? Por favor deixem o governo trabalhar.

  9. img
    vestucio de almeida Responder

    Este é S.Tome e Principe que o MLSTP e PCD querem. Nada de ORDEM e DISCIPLINA. Quanto mais ANARQUIA melhor pra eles. Aproveitam-se da confusão pra poderem roubar. Deixem de POLITIQUICES seus é preguiçosos. Vão trabalhar e esperem 2014 pra verem como serao derrotados. Basta ver os curriculos dos vossos actuais lideres. Palhaços…

  10. img
    PIRES Responder

    Abel Veiga esta formado em que Universidade mesmo??

  11. img
    DIASPORA Responder

    NAO SEI ONDE VAI PARA ESSE PAIS

  12. img
    Imparcial Responder

    Na minha humilde opinião, acho que o director da TVS deveria por o seu cargo a disposição, não sei por que carga de água o leva a remar contra marés, tenha juízo amigo. Não ha clima para o trabalho na TVS. Quanto ao inquérito deveria ser feito por uma empresa externa e credível porque os resultados esperados desse acto pelo governo todos já sabemos “ilibar a cabeça do Óscar como bom gestor” e os técnicos da TVS como os maus da fita e depois cair-lhes em cima com processos disciplinares e etc. HAVER VAMOS!

    • img
      E.Santos Responder

      Se o Óscar se demitir neste momento vai estar a assinar a sua culpa. Acho que se ele acredita que está a fazer um bom trabalho para a TVS, se não tem rabo preso com qualquer conta da TVS, então deve permanecer, assumir o inquerito, a sindicância ou o que quer que seja até ao fim.
      Este sim, é o comportamento de pessoas com dignidade. Não se esconder porque anda tudo revoltado.
      Aliás é bom perceber porque anda tudo revoltado. A TVS tem muitos vícios que já vêm de longos anos. Já tive oportunidade de descrever alguns dos que tive conhecimento (via boca a boca) aqui. Por isso acredito que seja esta a razão da resistência dos trabalhadores a mudança.
      Mas se for para fazer sindicância, concordo consigo que se deva fazer uma coisa como deve ser e não apenas para ilibar uns e acusar outros sem fundamento. E isso é válido quer para o coordenador e quer para os funcionários.
      Aproveito para deixar uma dúvida a quem for fazer a sindicância para começar por investigar para onde foram as chapas de zinco ou a móbilia que compraram a HB e nunca entraram na TVS. É simples, basta ir as contas da HB fazer o levantamento da sua facturação e verificar se existe de facto alguma coisa em nome da TVS e depois ir verificar “in loco” as coisas compradas estão de facto na propriedade da TVS. Bom trabalho a todos e que a verdade venha ao de cima. Porque a verdade vence sempre.

      • img
        Bingo Responder

        ‘Imparcial’, ANCA e E. Santos são a mesma pêssoa….já ripararam usteds? heheheh!

  13. img
    PIRES Responder

    Imparcial vc que deveria de deixar de falar atoa e deixa a tua vida a disposição!!

  14. img
    Bernardino Monteiro Responder

    Somos livres de expressar, mais e preciso ter prova, usar palavras etico com sentido, embora tenhamos razoes,em stp nao existe politica social nao ha direitos de igualdade existem classes previlegiados, o pobre rouba leva tiro e condenado,os ricos estao acima da lei,em que pais vivemos

  15. img
    Vane Responder

    STP precisa de pessoas empreendedoras e trabalhadoras!

  16. img
    jardineiropobre Responder

    Aproveito para deixar uma dúvida a quem for fazer a sindicância para começar por investigar para onde foram as chapas de zinco ou a móbilia que compraram a HB e nunca entraram na TVS. É simples, basta ir as contas da HB fazer o levantamento da sua facturação e verificar se existe de facto alguma coisa em nome da TVS e depois ir verificar “in loco” as coisas compradas estão de facto na propriedade da TVS.

  17. img
    Pidu Mamon Responder

    Deviam fazer uma sindicancia das anteriores administrações da TVS também.

Deixe um comentario

*