Trigésimo sétimo Aniversário da Republica de Angola festejado em São Tomé

Aos 37 anos como país livre e independente, Angola derrotou mais de 30 anos de guerra e regista progressos a nível económico e social. O embaixador   Republica de Angola  assinalou este domingo  o trigésimo sétimo aniversario  da sua independência.

Agostinho Neto  o primeiro presidente de Angola foi quem declarou a África e ao mundo a independência do povo angolano a 11 de Novembro de 1975.Em São  Tomé e Príncipe  a celebração da data contou com um cocktail organizado pela embaixada de Angola em São Tomé.  No acto o embaixador de Angola em São Tomé e Príncipe Manuel Mingas, ressaltou  os progressos que a Angola tem alcançado.« A organização das nações unidas reconheceu que Angola tem alcançado bastantes progressos  no cumprimento dos objectivos do desenvolvimento do milénio sobretudo na redução da fome e da pobreza  extrema», afirmou.

Por sua vez o ministro dos negócios estrangeiros e comunidades Salvador dos Ramos, sublinhou que a solidariedade entre os dois países,  visa a congregação dos esforços  para que os respectivos governos vêem satisfação nas necessidades  comuns e básicas das populações « Garantir as nossas populações estradas  em condições, habitações , saúde de qualidade , agua potável ,energia o enquadramento da juventude segurança defesa e salvaguarda das nossas soberanias nacionais » Declarou Salvador dos Ramos  Ministro dos Negócios Estrangeiros e Comunidades .

Uma exposição que retracta a história da nação angolana, marcou as festividades que decorreram num dos hotéis da capital são-tomense. Danças angolanas também animaram a festa do trigésimo aniversário da República de Angola.

Sónia Lopes

  1. img
    observador Responder

    alguma duvida que somos provincia de angola?

  2. img
    Argenezio Antonio Vaz Responder

    Devido a incompetência dos nossos derigentes ou outra coisa, nunca tiramos proveito da cooperação com Angola. Vejam so, durante o periodo de partido unico, STP apoiou Angola e por essa razão Africa de Sul resolveu fazer um aeroporto em Cabo Verde. Hoje com financiamento de Angola estamos a fazer o quê? Nada, so besteiras, estamos a fazer obras no aeroporto que é uma vergonha. Onde esta o fruto da cooperação com Angola, Club Nautico, ENAPORT, Porto Alegre, nada. Mesmo ENCO, estamos acumulando dividas e nada mais, francamente.

  3. img
    Gentes rascas Responder

    Essa gente nossa quando vê beber e comer, até são capazes de vender o nosso país. È basta coloca-los a proposta em cima da mesa!

    • img
      ÔSSÔBÔ Responder

      Meu amigo, evita opiniões sem cabimento!
      Fui!!

      • img
        A luta continua Responder

        Ossobô, sabes que eu penso que “Gente rasca” ficou trizte por não ter sido convidado à festa que marcou o 37º aniversario da Indipendencia de Angola.

  4. img
    Felisberto Bandeira Responder

    Na minha opiniao o estado S.tomense e que nao tem sabido tirar o proveito desta cooperacao, e nao tem feito nada em prol dos S.tomense na diaspora ,em particular os S.tmenses em Angola, os nossos ditos derigente so querem isufruir dos beneficios da govenacao mas nao querem assumir as suas responsabilidade perante o povo que lhe escolheu ,perante o livro da constituicao e perante DEUS ,PORQUE ELES FIZERAM UM JURAMENTO,defender a contituicao,ser fiel, e sevir a nacao ,mas o que se ve, e so tristeza e o sentimento e de arrependemento e de revolta.

  5. img
    ANCA Responder

    O processo de inseminação artificial, consiste no depósito artificial do espematozoide selecionado, de um Porco, ou de um Boi, um Bode no aparelho reprodutor de uma Porca, uma Vaca ou uma Cabra, de modo a fazer aumentar a produção animal, dos efectivos animais atrás referidos.

    Nesta acepção estamos a falar de aumento da quantidade dos efectivos animais.

    O aumento da qualidade, implica outros processos, que tem haver, com a selecção dos efectivos, o processo de cria, alimentação e pastagem, o peso dos efectivos, anos de idade dos animais, higiene dos animais, a vacinação e controlo das pestes, as condições climaticas, a transformação dos productos animais de acrescentar mais válias económicas, a formação dos criadores de efectivos animais, etc, etc…

    São processos que requerem, a Organização/Formação, o Planeamento, e Investimento, nos sectores Agricóla e Pecuário…

    Neste sentido, se torna urgente organizar os sectores Agricólas e Pecuários, tanto a Montante quanto a Jusante, de modo a permitir obter, ganhos de Económia de Escala, ganhos de eficiência productiva, económica e financeira.

    A avaliação, investigação, estudos, esclarecimento, á elaboração e delineamento de políticas, á elaboração de legislação adequada, para a implementação de processos de aumento de produção na sua quantidade, qualidade e sustentabilidade futura, tanto no sector Agricóla como Pécuário, é indispensável para o crescimento e desenvolvimento social, cultural, económico e financeiro do País(Território, Mar, População), na comercialização interna, no aumento da exportação, aumento do PIB, a criação de postos de Trabalho, á redução da Pobreza.

    Um exemplo, se prende com a Organização/Planeamento de inspecções Vetérinárias, Transporte, Higiene, Certificação e o Abate dos efectivos animais, aos processos de conservação dos produtos animais, pós Abate,(se têm camâras frigorificas adequadas, á temperaturas adequadas de conservação e transporte).

    Organição/Planeamento de Locais de Venda, Talhos equipados, com equipamentos de conservação dos productos animais.

    Adequação dos Locais de Criação, Reprodução dos Animais, mediante a Legislação, etc, etc.

    É preciso mais disciplina, maior rigor, melhor Organização e Planeamento, mais investimento, mais parcerias estrátegicas para o desenvolvimento, muito gosto pelo trabalho árduo, entre agentes de execução e productores.

    Pratiquemos o bem

    Pois o bem

    Fica-nos bem

    Deus abençoe São Tomé e Príncipe

    Bem Haja

  6. img
    Bingo Responder

    Tanto a montante como a jusente, ANCA = E. Santos é uma toupeira do governo. Que, uma e outra vez, diz coisas interessantes.

  7. img
    Bingo Responder

    …embora eu não veja muito bem onde está a relação entre o emprenhamento artificial dos porcos e o trigésimo aniversário de Angola.

    P.S. – Onde escrevi ´jusente´ler jusante.

Deixe um comentario

*