Política

Partidos políticos com assento parlamentar buscam consenso para estabilizar a governação

Após a reunião do Conselho de Estado, o Presidente da República Pinto da Costa, reuniu-se com os partidos políticos, para promover o entendimento. O conselho de Estado e o Presidente da República deram ultimato aos 4 partidos, para chegarem a acordo o mais tardar até segunda – feira.

O Presidente da República Manuel Pinto da Costa, está a tentar aproximar os partidos políticos com assento parlamentar, como forma de ultrapassar a crise política que se instalou no país  após a aprovação pela Assembleia Nacional na última semana de uma Moção de Censura contra o Governo minoritário de Patrice Trovoada.

No auge da crise política, em que a maioria parlamentar composta por três partidos da oposição, aprovou a moção de censura contra o Governo, minoritário no parlamento, o Presidente da República convocou no sábado o conselho de Estado.

O órgão de consulta do Chefe de Estado reconheceu que a situação política é preocupante.  «Os conselheiros do Estado pensam que a situação política do país é preocupante, consideram que as instituições devem funcionar regularmente, e que é importante que as regras da nossa constituição democrática sejam correctamente aplicadas particularmente para o funcionamento harmonioso do Estado», afirmou João Carlos Silva, porta voz do conselho de Estado.

Segundo o Conselho de Estado na busca das vias para o apaziguamento da situação política, os conselheiros, recomendaram ao Presidente da República, « o uso da sua magistratura de influência par aproximar os partidos políticos com assento parlamentar num clima de diálogo construtivo e de plena disponibilidade para assunção e cumprimento de compromissos. O que o país precisa é de paz tranquilidade e desenvolvimento», concluiu o porta voz do conselho de Estado.

O conselho de Estado anunciou que o Presidente da República iria se encontrar com os partidos políticos com representação parlamentar, com vista a encetar negociações para resolver a crise parlamentar, o mais tardar até esta segunda – feira.

Por volta das 19 horas de sábado Pinto da Costa, recebeu os 4 partidos políticos no salão nobre do palácio do povo. Eugénio Tiny, porta voz da coligação da oposição, maioritária no parlamento, garantiu que deverá ser criado um novo governo. «O que nós pretendemos é que haja um novo governo, e enquanto partidos da oposição, o que dissemos é que vamos dar sustentação ao próximo governo», afirmou Eugénio Tiny, tendo acrescentado que o próximo governo deverá ser mesmo da ADI, partido vencedor das eleições legislativas de agosto de 2010.

Nota de realce na reunião do Conselho de Estado de Sábado, foi a investidura pelo Presidente da República de Alcino Pinto novo Presidente da Assembleia Nacional, como membro do Conselho de Estado. Só depois de investir Alcino Pinto como membro do seu órgão de consulta é que Pinto da Costa, abriu a reunião do Conselho de Estado.

Abel Veiga

    49 comentários

49 comentários

  1. São Tomé Poderoso

    2 de Dezembro de 2012 as 15:18

    Tudo indica que Pinto esta estudar forma para governo não cair se fosse o mulato já saia decreto há muito tempo..

    • Joao Cravid

      2 de Dezembro de 2012 as 15:44

      Boa tarde Sr. São Tomé Poderoso,

      o Sr. tem alguma coisa contra mulatos?

    • Vai Vem do meu país

      3 de Dezembro de 2012 as 10:23

      Povo abre os olhos. TRAIÇÃO NAS NEGOCIAÇÕES.

      Traição nos partidos da Oposição. Tudo já cheira barulho.

      De dia os três (MLSTP, PCD e MDFM) estão a negociar com o ADI.

      A calada da noite há “bufaria”. Os camaradas de um lado e os Pcedista do outro a tentar negociar com ADI em separado. TRAIÇÃO. MLSTP só quer Assembleia e Negocios Estrangeiros. Humm.

      PCD quer Obras Públicas, Recursos Naturais.Hummm

      MDFM está a dormir. MAs será que os riboquinos sabem da TRAIÇÃO do PCD?

      Será que PCD sabe da TRAIÇÃO do MLSTP.

      Cada coisa que desce. Depois dizem defender o Povo. Estão a defender os tachos.

      E assim vai o nosso S.Tomé e Príncipe.

      • Estou Feliz...!

        3 de Dezembro de 2012 as 11:55

        Sr/Sra. “Vai Vem do meu país” CALA-TE. Militantes do ADI como tu, inconformados com burrada que partido cometeu, quer agora vir semear desconfianças no seio da Inter-Partidaria. Mas, fique sabendo que os membros da inter-partidarias são pessoas adultas. Prova disso, foi a forma firme como não se deixaram intimidar pelas sucessivas ameaças, inclusive, algumas delas de morte, em público e em privado, feitas pelo MIÚDO E INCONSEQUENTE LEVY NAZARÉ, numa tentativa galopante e desesperada de impedir que os Deputados da Oposição, aquando da votação da Moção de Censura, fossem ao Parlamento. O ADI deve fazer cedo e SAIR pq o País tem que AVANÇAR. Deixa quem respeita as regras democráticas (e que sabe, que quando são minoritários, para uma boa convivência democrática, devem dialogar e negociar com os outros) trabalhar.

      • Quase lá

        3 de Dezembro de 2012 as 12:37

        Pode até ser verdade e não me espanta nenhumas que assim queiram, tendo em conta a qualidade dos políticos que temos.

        Mas também pode ser uma boca do Sr. Vai Vem do meu país na tentativa de dividir a oposição e a opinião pública. O famoso “Dividir para Reinar”.

  2. JOSE CARLOS

    2 de Dezembro de 2012 as 15:18

    A solução ideal seria;
    Os Partidos se entenderem e sustentarem o novo Governo que teria por missão conduzir o País até as próximas eleições, até lá deveriam alterar a lei eleitoral por exemplo proibir o banho, alterar a Constituição etc.. etc… só assim estariamos a dar passos firmes rumo a estabilidade e desenvolvimento

  3. leveleve

    2 de Dezembro de 2012 as 15:24

    Muito bem. Parabéns Pinto da COSTA, PARABÉNS S.tomé e Principe. Novo governo mas sem Patrice Trovoada.

  4. pássaro de campo

    2 de Dezembro de 2012 as 16:04

    O que tens contra os mulatos,o que esta em causa n é mulato nem preto mas sim STP que é de todos nós.Quantas vezes o tal mulato tb reuniu o conselho para evitar crises?Preucupe com estado actual do pais.
    Bem aja.

  5. Eusebio Neto

    2 de Dezembro de 2012 as 16:18

    Maus e facistas sao aqueles que das suas bocas cheias de virus so saem acusacoes e intrigas com o chefe de Estado. Santomenses (?) como Abilio Neto queaproveitando-se da apatia grossa e surpreende das autoridades portuguesas encarregues da comunicacao social, esconde-se sob a capa de comentador usa e abusa da RDP Africa para, bem longe do cenario de “guerra”, veste-se (prejucialmente para o primeiro ministro, diga-se)atirar babuzeiras contra tudo e todos que nao estiverem desligados do Patrice Trovoada. Nos que realmente somos apartidarios e super-santomenses (entenda-se pro-unidade nacional, temos o elevado dever de sermos sobejamente coerentes e tudo fazer para solver a presente situacao. Quero dar os meus parabens ao Conselho de Estado, orgao do qual tambem faz parte Miguel Trovoada, pai do sr. PM pelo sabio conselho que deu ao Pinto da Costa. Quem leu o meu comentario sobre a opiniao do Emilio Pontes tambem publicado neste grande jornal, viu que a minha posicao era/e a que a ADI forme outro governo mas sem Patrice Trovoada e Afonso Varela. A ADI tem o legitimo direito de concluir o seu mandato mas, porque o governo de PT e AV sofreu uma mocao de censura tambem legitimo, eles NAO poderao reaparecer. Senao nao valia a pena essa mocao! Nada de eleicoes antecipadas e nada de governo de iniciativa presidencial ou de salvacao nacional. E repiso, e indespensavel que o proimo governo da ADI seja mais visionario e mais responsavel, que nunca se esqueca de que nao tem maioria pois, o povo nao lhe deu essa forca e que procure governar para o exterior da ADI privilegiando as necessidades do povo santomense em detrimento das ambicoes pessoais dos seus militantes e “admiradores” que nada mais, nada menos procuram se nao conseguir realizar as suas ambicoes atraves do partido. Viva o Conselho de Estado e Viva S. Tome e Principe.

  6. zeme Almeida

    2 de Dezembro de 2012 as 16:34

    Congratilation nosso presidente Dr.Manuel Pinto Costa e asssim e que um presidente deve ser.Quem ganhou as eleicoes e que deve governar o Pais e cumprir o seu mandato que o povo os conferiu.Gostei imenso da tomada de posicao do nosso n-1.Estou de acordo com a remodelacao do governo com novas caras,nao um governo formad pelos partidos de coligacao{oposicao.Nota 100 para Pinto da costa

  7. Danilo Xavier

    2 de Dezembro de 2012 as 16:34

    O concenso deve ser encontrado e todos devemos rezar que isto acontece. Na realidade, o sr presidente tem sido muito cauteloso e acima de tudo inteligente em gerir esta crise. Espero que os partidos com acento fazem o mesmo formando um novo governo, devolvendo a tranquilidade e a ordem ao pais. O povo deve estar atendo mais isento do desenrolar politico, esparando que os srs parlamentaristas encontram a estabilidade na instabilidade criada por eles. Neste momento nao podemos culpar este ou aquele atraves da ofensa, mais sim utilizar a deplomacia a chave que vence todo e qualquer desacato politico.Muito obrigado.

  8. fresquinho

    2 de Dezembro de 2012 as 16:58

    Ate quando vamos ter um Governo que governe ate o fim do mandato??? Para que tanto dialogo a volta desta crise!!! Tudo pra nada muda-se governo ou primeiro Ministro vem a dar no mesmo, porque apos um ano ou mesmo menos de um ano volta acontecer o mesmo cenario. Por isso que o Pais esta como esta…nao anda nem desanda!!! Estamos cheios de Ideologos politicos no nosso Parlamento! Tentem arranjar solucoes e ideias de forma ajudar o governo e o Pais sair no estado que se encontra, nao e com derrubes constantes do governo que resoveremos problemas.

  9. O Revolucionário

    2 de Dezembro de 2012 as 17:29

    Nota-se que o Sr Presidente da Republica é um homem com conhecimentos inovadores, a cada dia que passa tem demonstrado que é sim um homem integro, um homem que cumpre com a sua palavra ao contrario de Patrice Trovoada. Garantir a paz, tranquilidade, segurança e acima um desenvolvimento social, economico e politico tem sido desde sempre as palavras chaves do Sr Presidente da Republica. Queira Deus que tudo venha a se resolver, que os malfeitores sejam afastado e que o bom senso reine nessa pátria. Força Sr Presidente da Republica Democratica de STP Manuel Pinto da Costa, o povo está consigo..

  10. J.Rosário

    2 de Dezembro de 2012 as 18:52

    Decisão que poderá reunir maior consenso passa pela reformulação do governo mas excluindo a partida algumas pedras do xadrez executivo ainda em funções. Na impossibilidade outra decisão terá lugar,mas trará maiores encargos para o país ja fragilizado.O país não pode viver mergulhado numa crise sem solução imediata.Espero que se encontre uma saída na base do diálogo,em paz e que o pensamento seja unânime,priorizem os interesses da nação em detrimento de outros obscuros.Bem haja,João do Rosário.

  11. maribel

    2 de Dezembro de 2012 as 19:13

    Governo novo sem Patrice Trovoada, para que o povo passa viver em Paz.

  12. ÔSSÔBÔ

    2 de Dezembro de 2012 as 20:26

    Este é o tipo de presidente que queremos nas ilhas verdes. CONSENSUAL!!
    Fui!
    VIVA PINTO!!!

  13. Barão de Água Ize

    2 de Dezembro de 2012 as 21:10

    Seria mais útil que o Conselho de Estado abordasse a necessidade da revisão da Constituição para o Prseidensialismo (Democrático).
    O regime actual já mostrou que não serve.
    Novo Governo no mesmo modelo politico é a continuação da pobreza.

  14. Barão de Água Ize

    2 de Dezembro de 2012 as 21:18

    Presidencialismo (Democrático) significa, entre outros, impossibilidade de mais de dois mandatos 4 anos cada); impossibilidade de familiares até ao 3ºgrau se candidatarem; criminalização com pena de prisão por apoio directo ou indirecto a golpes de Estado que subvertam a Constituição; criminalização civil e penal por não respeitar o Orçamento de Estado.

  15. Neves

    2 de Dezembro de 2012 as 22:03

    Esses depotados querem tacho, até quando vamos estar nisso, pena, realmente PINTO está de parabens.

  16. Nascimento Dias

    2 de Dezembro de 2012 as 22:59

    Gostaria que o senhor Tiny soubesse que se o governo cair ele ja nao tera chansse em ser nada porque o presidente do seu partido o (Fradique) quer ser o governo ou ministro de negocio estrangeiro com vinha antes,e senhor Eugenio Tiny o senhor ja deu o que tinha pra dar ja mostrou o teu grau de incopetencia e nao deu resultado entao fica fora disso Senhor Bruxo!juntou tantos problema ai na Assembleia kem pagou a bandeira foi o cuetado do senhor Francisco Silva!
    O Nosso Presidente ja vos conhençe e ja sabe qual e a vossa altimanha por isso que ele nao vai aceitar isso!

    Pelo bem estar do nosso pais e pela bandeira de nosso pais ja estamos cansado de ser identificado nos estrangeiros como Estado Faliado!

    Por isso Mais uma vez viva Democracia
    Viva STP
    VIVA Pinto da Costa
    Viva Patrice Trovoada
    Viva o Povo de STP

  17. zeme Almeida

    3 de Dezembro de 2012 as 0:35

    O meu comentario do 2/11/2012 as 16.34 ainda se encontra em banho maria!Porque?Jornal Tela-Non, so facto de ter apoiado a decisao tomada por presidente Pinto Costa?Sejemos claros senhores jornalistas!O comentario esta mal,diga-me algo.

  18. Joe Dinis Rocha

    3 de Dezembro de 2012 as 3:21

    presidente do parlamente eleito ilegalmente com assento no conselho de estado, nao ha palavras…

  19. santosku

    3 de Dezembro de 2012 as 8:05

    Caros irmãos, no meu entender a melhor via para este momento é que o ADI forme o Governo sem o Patrice Trovoada. Patrice Trovoada foi o primeiro 1.º Ministro e dirigente que ameaçou lançar o país ao caos este individuo nunca se preocupou com os santomenses e São Tomé.Ele tem que ser ruado do Governo.

  20. Eliseu Viana

    3 de Dezembro de 2012 as 8:14

    Sera que o Pinto não esta tapando sol com peneira?

  21. Féde ká Dóxi

    3 de Dezembro de 2012 as 8:40

    O Pinto está agindo bem.
    Esses deputados do SADI, têm que ser educados e se comportarem bem. Novo Governo sem Patrice Trovoada.
    Perguinto; Porque razão o Patrice não quer prestar contas? Está escondendo o quê?
    Dinheiro dos Barcos? Dinheiro do Kozovo?
    Oh homem de Deus! Embora vc seja Muçulmado, home sem alma, que não escolhe quem matar. Abra o jogo. Vai ao Partalemnto mentir para o povo. Qual o Político que não mente ao pôvo?
    Até hoje só vi um: Leonel Mário d’Alva.

    • não te interessa

      4 de Dezembro de 2012 as 10:55

      Sim aí tens razão o Leonel Mário D’alva tem escrúpulos e tu não és um cão……
      tchau ê.

    • não te interessa

      4 de Dezembro de 2012 as 11:12

      Povo de São Tomé já pararam pra pensar?
      No meu ponto de vista é uma estupidez ou é interesse pelo poder,perguntam porquê?
      Porque numa sociedade bem organizada quando alguém pede demissão ela tem um prazo que te ser dado pelo orgão máximo ouvir depoimentos do demissionário porquê pedido de demissão e só depois o orgão máximo aceita ou não e lança o cadidatura.
      Mas tal não aconteceu isto porque logo que o Sr Evaristo anuncia a sua demissão na comunicação social no dia seguinte o outro é eleito.
      A lógica é esta primeiro demite-se oficial mente depois lança a candidatura ou nomeia seja quem for o vencedor do escrutínio.
      Quero deixar uma alerta a todos opositores que já conhecemos estas jogadas e já estamos cansados deles é assim quando já têm dinheiro para ir as putas e vinho verde começam inventar falsas confusões isto quando não estão no poder ou numa direcção que tem gimbulo nas gavetas.
      Um scá bé mú púnda numigo sá mato scá lodja tchauêêê…

  22. ê sá focótó

    3 de Dezembro de 2012 as 8:56

    Pinto da Costa está a demonstrar o bom ou seja o maior politico que STP, ja conheceu.
    E demonstrara sua personalidade não aquela que muita gente criou dele.
    Este é que é o verdadeiro democrata e patriota.

    Primeiro o pais e só depois o resto

    Força Pai Grande
    Muita força e sucessos nas suas funções
    Um bem haja a todos

    Viva STP
    Viva a democracia

  23. Cidadão

    3 de Dezembro de 2012 as 9:05

    Muito bem, Pinto da Costa. O senhor está a demonstrar aos seus opositores de que de facto és um sábio, e não aquilo que muitos palermas pensam e falam de si.Haver vamos.

  24. Anjo do Céu

    3 de Dezembro de 2012 as 9:26

    Não é de mulato mas sim PInto tem por obrigaçao de cumprir restitamente a constituição.ADI ganhou as eleições e tem todo poder de governar mesmo que não gostam de A ou B.SEjam prudentes a tomar medidas que não vão de encontro com aspirações da constituição.

    • Cidadão

      3 de Dezembro de 2012 as 10:26

      Senhor Anjo do Céu. Ninguém esta a dizer para que o ADI não Governe. Governa sim, mas com respeito para com os outros órgão de soberania. Queremos que o ADI e os seus compassas nos mostre nestes um ano e meio de governação que falta o que é que vão fazer

  25. Jacinto Novaes

    3 de Dezembro de 2012 as 10:15

    Meus caros leitores do Tela Non. Por favor me ajudem a compreender o que se passa de facto no nosso S. Tomé e Principe. Se todo o processo que levou a eleição do Sr. Alcino Pinto como presidente da Assembleia Nacional está viciado – a data de apresentação da sua candidatura, a convocatória de plenária pelo Sr. Albertino Bragança, que, na altura não estava investido de poderes pra tal – como é que o Presidente da República pode investir o Sr. Alcino Pinto como Presidente da Assembleia? Sabem me dizer se o Tribunal Constitucional já se pronuncio sobre a matéria? Um muito obrigado antecipado. Bem haja à todos.

  26. prestem atenção

    3 de Dezembro de 2012 as 10:18

    não queremos parice trovoada a governar, e acabou a brincadera

  27. Vai Vem do meu país

    3 de Dezembro de 2012 as 10:18

    TRAIÇÃO NAS NEGOCIAÇÕES.

    Traição nos partidos da Oposição. Tudo já cheira barulho.

    De dia os três (MLSTP, PCD e MDFM) estão a negociar com o ADI.

    A calada da noite há “bufaria”. Os camaradas de um lado e os Pcedista do outro a tentar negociar com ADI em separado. TRAIÇÃO. MLSTP só quer Assembleia e Negocios Estrangeiros. Humm.

    PCD quer Obras Públicas, Recursos Naturais.Hummm

    MDFM está a dormir. MAs será que os riboquinos sabem da TRAIÇÃO do PCD?

    Será que PCD sabe da TRAIÇÃO do MLSTP.

    Cada coisa que desce. Depois dizem defender o Povo. Estão a defender os tachos.

    E assim vai o nosso S.Tomé e Príncipe.

    • Armindo

      3 de Dezembro de 2012 as 12:25

      Cada coisa que gente ouve. ja estao no mato mato a procura de cargos. Podem vir estamos aqui para ver o que vao fazer. Podem gritar esperniar, mudar tudo nada vai mudar. o pais nao tem saida com esses tipos que por la ja passaram. vao ver as caras que vao aparecer. coisa de rir.

  28. Kebla

    3 de Dezembro de 2012 as 12:10

    Estas reuniões vão resolver o quê????? que haja outro “GOVENO”. E quem serão os membros deste futuro “Goveno”???????? Os mesmos Ladrôes e analfabetos de sempre.

    Ora, pergunto? que expectativa tenho eu em relacção ao futuro governo? Muito sinceramente, nenhuma. São sempre as mesmas pessoas, ainda por cima um bando de delapidadores de fundos públicos, salvo excepção, se houver.

    Que o País seja Governado por MLSTP, ADI, PCD ou MDFM, diga-me gente boa…. que diferença faz? Estes partidos já Governaram. Resultado, estamos piores que em 1976.
    Alguém consegue distinguir a Ideologia de cada um destes partidos? Claro que não, porque não existe. No entanto o ponto comum entre todos é “Cêbê vida bô, e o povo que se lixe.”
    Até quando, gente boa???? Consequência : roubo generalizado no País, maior fosso entre ricos e pobres, cada vez os ricos constrõem vedações mais altas e o aumento da miseria.

    Podemos encontrar outras soluções de Governação e estiverem abertos ao diálogo.
    Garanto-vos que STP tem solução se o povo quiser. Tchauê……

  29. Alberto Trovoada

    3 de Dezembro de 2012 as 12:10

    Nao quero ouvir falar de coisa, eleicoes ja. Nao ha possibilidades do ADI se juntar aos corruptos. Quem se junta aos corruptos corrupto sera. Atencao que e mesmo isso que eles andavam a procura a muito tempo. Nada de coligacao com corruptos.

  30. pantufas

    3 de Dezembro de 2012 as 13:21

    o que me preocupa,mesmo não sendo jurista é a forma viciada como o Sr.Alcino Pinto foi eleito sem ter em conta o Regimento?

  31. Graça

    3 de Dezembro de 2012 as 13:35

    Para muitos que desejam eleições é a forma de ter dinheiro à mão.Devido a sociedade de miséria, pobreza, de desemprego,sofrimento, actual de S.Tomé e Príncipe. E não porque o POVO quer boa ou má governação liderado por Executivo Governo de (P.E.T). Se não vejamos ser mãe(Governo) porque deu a luz(pariu) mas não dar assistências é melhor madrinha(Oposição) que preocupa com afilhados(POVO) lembla cuma kua cá dá ni wuÊ lixi cá colê aûa.

  32. E. Santos

    3 de Dezembro de 2012 as 14:34

    O consenso será o Pinto da Costa mandar de volta todos para a Assembleia fazer as coisas como deve ser e em respeito da lei.
    A eleição de Alcino Pinto e a mocão de censura estão feridas de erro de forma, o que a partida implica a sua nulidade.
    Tiveram tanta pressa em ocupar o lugar (garantir o seu futuro vitalício de vida a custa do estado) e demitir o Governo que acabaram por não fazer nada. E obviamente Pinto da Costa não pode legitimar uma coisa destas, sobe pena de estar a abrir precedente para cada um fazer o que quer neste país em desrespeito da Constituição e das leis.
    Por isso a saída é única: mandar todos de volta para a Assembleia fazer a eleição cumprindo os trâmites legais, apresentando a moção de censura de acordo com o que a lei lhes permite e o ADI defende-se (se conseguir) como puder. Se não conseguir vai-se a eleições antecipadas. E ponto.
    Governo de unidade nacional(diga-se, amigos que devidem tachos entre si) o povo não quer. Obrigado.
    A oposição está aflita porque deixou de ter acesso ao herário público para continuar a delapidar. Acabou-se os negócios forjados com o estado (como aquele em que o Delfim vende arroz para o estado mais carro depois compra do estado mais barato e ganha sem fazer nenhum a diferença de preço, e depois ainda vai vender a um preço alto para o povo e põe o povo mais mísero do que já estava), acabousse o assambarcamento aos pobres são-tomenses pela via da especulação dos preços dos bens de primeira necessidade, acabou-se a água, a luz, o combustível, o telefone pago com o dinheiro do Estado a um bando de desoucupados só porque passaram pelo Governo (e ainda por cima geriram mal o país nesta passagem). Acabou-se uma série de “facilities” que estes senhores tinham e obviamente estão aflitos porque deixaram de ter fonte para sustentar os seus vícios.
    Pinto da Costa sabe de tudo isso (embora a gente nunca consiga provar porque eles próprios destroem as provas e seus amigos do Tribunal ainda os ajudam contra o povo e o Estado, acabando nós por ficar reféns de todos eles sem poder vê-los pagar pelos seus crimes), por isso não pode de forma alguma pactuar com esta falta de vergonha que reina no país. Ele prometeu. Caso contrário vai estar a por em causa a confiança e a esperança que o povo depositou nele.
    Não nada para pensar muito. A situação é clara para todos nós.

    • E. Santos

      3 de Dezembro de 2012 as 14:42

      Aliás, quem deveria levar uma MOÇAO de CENSURA do POVO é a Oposição interpartidária que até hoje só anda a correr atrás de Patrice Trovoada a ver se salvaguardam os seus interesses pessoais e até hoje não foi capaz em nome do POVO de apresentar uma única alternativa a política do governo para ser votada no Parlamento.
      Querem é mudar a constituição a ver se salvaguardam os seus interesses futuros. O que interessa mesmo ao povo até hoje não mexeram uma palha. E querem que o povo confie em vocês. Se vocês tivessem vergonha na cara, pediam a vossa própria substituição.

    • h silva

      3 de Dezembro de 2012 as 19:50

      Lol,por parte ate concordo contigo…Mas sempre falta algo no texto que escreves!porque sera sr E.Santos?Sei que essa oposicao cometeu erros atras de erros!E porque nao julgas esse governinho meu amigo?Achas que a constituicao da direitos ao Patrice nao prestar contas na Assembleia Nacional, por razao que ningem sabe porque?Concordas que governo privatiza a imprensa para atacar aqueles que querem e mas ninguem a nao ser gente como tu,ligado a eles o direito que por normas muitos deveriam ter?Basta de sermos estupidos que fomos n passado.Vamos ver a politica sem cores da camisola!Porque sei que desejo de todos os santomenses sao os iguais…Acho que Pinto teria que ser franco com PM,e aproveitar esse momento pra ele esclarecer a opoiscao tudo que ando a fugir durante esses 2 anos.e depois manda-lo trabalhar com transparencia e prestar contas a assembleia quando for chamado a faze-lo.Tambeu sou um do que estou contra eleicao antecipada ou a formacao de um governo de unidade nacional.Ganhou ADI,governa ADI,mas sempre respeitando a constituicao da republica e os representantes do povo.A ADI sempre disse que o ultima palavra pertence ao povo,mas sempre esqueceram que nunca respeitam o representantes dos mesmo.Patrice pode estar onde esta desde que respeita a constituicao da republica e direito a imprensa.(espero ver em breve o funcionamento da directoria da comunicacao social,como sempre foi durante muito tempo em STP)Unidade,Disciplina e Trabalho,isso sim povo agradece.

  33. PASSOS COELHO

    3 de Dezembro de 2012 as 14:58

    Não deve haver negociações com os CORRUPTOS.

    AO associar-se aos corruptos, também vocês toranarão corruptos.

    Abre os olhos jovens.

    Vão às eleições antecipadas, e ponto final!

  34. Gabonne´ 50/

    3 de Dezembro de 2012 as 15:01

    Gostaria k meu patricio patricio trovoada convocava um debate peto a peto com um dos elemento da oposiçao na televisao publica a tevisao de todos no´s pelo menos para exclarecer algumas duvidas. para k os seus apixonado fossem
    mais exclarecido.

  35. Pantufo

    3 de Dezembro de 2012 as 15:31

    O novo Governo não terá Primeiro-Ministro. Deverá ser comandado pelo presidente Pinto da Costa. Assim o Plácio terá coisa para fazer. Tenho estado a ver os acessores muito desocupados. Temos muitos vadios no actual sistema de governação: Presidência, Governo, Autarquias Locais, Região Autónoma. Assim não dá. vamos mudar a constituição.

  36. Zugú-Zugú

    3 de Dezembro de 2012 as 16:30

    Eleições legislativas antecipadas. Quer dizer, fuga de responsabilidade do próprio Patrice Trovoada e do seu Partido, em fugir de prestar contas, autocriticar-se nas acusações que foram apresentadas na Moção de Censura. Porque se for lido para o Pôvo, as asneiras que foram cometidas pelo 1º. Ministro e Chefe do Governo do ADI, seria uma bomba. Deveria publicar-se a referida Moção de Censura para o Povo conhecer quem é o Patrice Trovoada. Mais perigoso de que o Pai dele.

  37. Zemacúlú

    3 de Dezembro de 2012 as 17:13

    È isso mesmo man PINTO! Permita que o governo cumpra o seu mandato até o fim. As eleições antecipadas é um passo atrás ao nosso desenvolvimento. Todos os dossiers têm que ser renegociados e além disso não leva boa imagem do País para o exterior. Toda hora eleições! Até quando saimos dessa?

    • A lesada

      4 de Dezembro de 2012 as 9:11

      Caros Senhores políticos, pensem um pouco no povo. Vocês devem primeiramente defender os interesses do povo acima dos vossos. Esta situação já se vem arrastando semanas. Que será do salário do povo este mês? que será a aprovação do orçamento? já estamos na miséria não nos põem a fome. O nosso sustento provém do parco salário que auferimos. Acabem com contendas, deixa o governos acabar estes poucos meses que faltam.São Tomé e Príncipe não pode passar a categoria de “TERRA DE NINGUÉM” onde todos cães lutam por um pedaço de carne. Enquanto não decidem, está tudo parado. ISTO É DEFENDER OS INTERESSES DO POVO? QUE POVO DEFENDEM?

  38. bobo

    4 de Dezembro de 2012 as 23:32

    PINTO FICA
    PATRICE VOLTA PA GABAO. Deixa de enganar o povo com teu sorriso seco e falso. A abanar mao mao pa povo a toa,,

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo