MLSTP/PSD e o MPLA estão reunidos em Luanda

A imprensa angolana dá conta que o Presidente do MLSTP/PSD Jorge Amado, reuniu-se terça – feira em Luanda com o vice-presidente do MPLA, Roberto de Almeida. Os dois partidos no poder tanto em São Tomé como em Angola, estão a reforçar as suas relações.

Reforço das relações de amizade entre as duas forças políticas, é segundo  Afonso Van-Dúnem “Mbinda”, responsável pelas Relações Exteriores do MPLA, o principal objectivo do encontro entre o MLSTP e o MPLA. «Os dois partidos têm fortes ligações desde a luta contra o regime racista e colonialista de Portugal. Esta é a altura de reforçar o sentimento de camaradagem e de cooperação entre o MLSTP/PSD e o MPLA» declarou Afonso Van-Dúnem “Mbinda”, em entrevista ao Jornal de Angola.

Jorge Amado, Presidente do MLSTP/PSD, considerou que é um encontro de partidos irmãos, «Conhecer os problemas e arranjar formas de mutuamente nos ajudarmos para que possamos ser cada vez mais forte e nos posicionarmos melhor na arena política nacional», disse o líder do MLSTP.

Troca de experiências entre os dois partidos é outro exercício em curso. «É importante que possamos beber da experiência do MPLA. Temos uma tarefa grande pela frente, de gerir a coisa pública e o destino do povo», sublinhou, Jorge Amado, na declaração a imprensa angolana.

Abel Veiga / Fonte Jornal de Angola

  1. img
    malebobo Responder

    foram resolver problemas de grana, não é

  2. img
    GABONNÉ 55% Responder

    Bonito.esses os partido juntos!!!! O ADI também vai reunir com os TALIBAN em Mali vao via Gabão

    • img
      Nação Santomense Responder

      Caro cidadão não brincas com coisas sérias, porque a situação do Mali é um perigo para toda região da África e damos graças a DEUS que estamos cercado pelo MAR.

      Os paises Africanos devem UNIR-SE para banir esta ORGANIZAÇÃO perigosa do Território Africano, e para isso é necessário que os dirigentes politicos distribuiem a riquesa para toda população de forma ordeira evitando minséria extrema em que vivem as pessoas.

      A COOPERAÇÃO com Angola é fundamental para RDSTP na elaboração de um Acordo Mútuo de Capitais para financiamentos das Obras de Desenvolvimento Económico e Financeiro do Pais , isto é definir politicas estratégicas ao longo praso, o que permite a confiança e cridibilidade do país aos investidores.

      Todos CIDADÃO deve desempenhar o seu papel com vigilante no uso do dinheiro público para que seja usado para bem da população que anda á anos a espera desta fatia,nem poeira do bolo cai-lhes na boca,
      por essas razões há que haver um controlo reguroso no uso desses capitais.

      • img
        paquito Responder

        ESTAMOS TODOS DE ACORDO, QUE FAÇAM ISSO SEM ESCLUSÁO.

        JÁ EXISTEM ALGUNS CHICOS ESPERTOS A DAREM PASSOS DE INTERESSE PESSOAL.

  3. img
    Barão de Água Ize Responder

    Desde que o MPLA não queira colonizar STP, tudo bem. Agora cooperação económica é bem vinda e especilmednte investimentos estruturais.

  4. img
    inteligencia Responder

    1º- o senhor Abel Veiga como jornalista, são-tomense, residente, etc., deve informar com verdade:
    O partido MLSTP não é poder em São Tomé e Príncipe Vs MPLA em Angola. MLSTP sustenta o Governo Liderado pelo UDD.

    2º Jorge Amado diz bem: “Conhecer os problemas e arranjar formas de mutuamente nos ajudarmos…”
    O problema do MLSTP é a falta de dinheiro e foi pedir dinheiro
    3. Se não fosse a falta de dinheiro os altos dirigentes deste partido não condicionaria a continuidade do “seu Governo” com a colocação dos mesmos nalguns postos da direcção em substituição (caça as bruxas) daqueles que ali estão que tecnicamente têm demonstrado a competência

  5. img
    Féde ká Dóxi Responder

    Gabonné 55%, tu vês mto longe.
    O Patrice foi reunir com os Talibans, receber aulas para golpes mais altos e com outra técnica. Qdo regressar! Mta massa para banho.
    Têm é que ter cuidado.

  6. img
    Féde ká Dóxi Responder

    Correcção. Temos (pôvo de STP) é que ter cuidado. Vai ser matança

  7. img
    Armindo Responder

    La em Angola, encontro que val é só com o pai grande de lá. Esses encontros com Roberto de Almeida e figuras intermédias é só palmas e bater as costas.

    Depois há um outro problema, esses senhores quando váo para lá só falam blá, blá blá.
    Ninguem os entende, depois falam de dinheiro.Recebem massa, dáo virgulas uns aos outros, náo prestam contas aos amigos angolanos.
    Vocès receberam bastande de massa que nem vossa sede conseguiram dar outra imagem de dignidade.
    Se náo fizerem coisas escondidas, e deixar de passarem pernas uns aos outros, pode ser que façam algo.
    Esperamos que para semana náo siga a Luanda outro camarada que va estragar o molho deixado a refogar.Tem sigo assim sempre.
    Cada camarada do MLSTP tem seu amigo la no MPLA e basta um email ou telefonema para queimar os seus, pensando que vai ganhar algo. Em troca muitas vezes de migalhas.

  8. img
    blagapetema Responder

    Avante MLSTP!
    Força Dr. Jorge Amado!
    És um grande lider, por favor dinamize essa cooperação no sentido de tirar o povo na miséria q se encontra. Essa deligência até devia ser feita pela Ministra dos N.E., mas ela é muito para, não entende nada da dinâmica de diplomacia e de relações internacionais.
    Só sabe é falar bonito. Falar bonito não conta, o que conta é ação, é isso k povo quer já e agora!

    Força XV Governo, esperança q dias melhores virão!

  9. img
    verde Responder

    Esta noticia serve de uma grande bofetada para estes seguidores do ADI, Senhores Levy, Oscar Medeiros, Agostinho FGernandes e outros que andam pelos bairros e Luchans em reuniões propagando mentiras dizendo que o MPLA cortou relações com MLSTP e que no MLSTP ouve cenas de pancadarias e muito mais mentiras. Aqueles gajos do ADI não valem nada. São mesmo terroristas politicos e têm mesmo que ajuntar aos TALIBANS do MALI, terra da dita esposa do Patrice Trovoada.

    • img
      Nom scá pia Responder

      Coitadinho defensor do MLSTP. PALHEÇO CEGO

      • img
        Nom scá pia Responder

        Quiz dizer: PALHAÇO CEGO

  10. img
    binóculo seculo XXI Responder

    Força a cooperação entre o MLSTP/PSD e MPLA.Bem haja os partidos que lutaram para a libertação dos nossos Povos, para que parasitas do ADI ganhem avultadas somas sem trabalhar.

  11. img
    João Carlos Responder

    Foram mendigar, deixa de pedir…

    • img
      Bobuwabo Responder

      Olá meu caro amigo João Carlos, quem não chora não mama,esse é o choro com trans parencia, ha outros de chorou escondide e levou td dos outros. força

      • img
        cua lumado Responder

        Até parece que se conseguirem alguns trocos estes entrarão no cofre do Estado. Pobre povo que tem miupia intelectual.

  12. img
    Armindo Responder

    Verdades náo se pode dizer.

  13. img
    CASSUMA~ sofredor~GMF Responder

    Ora, se o Mlstp vai a busca de melhor relações para ajudar financeiramente o seu partido que sustenta o governo entre as razoes que esta na base de tudo isto são crise financeira no seio do partido mlstp e o governo composto bem como desemprego, mizeria e pobreza estrema que ja toma conta dos Santomenses acompanhado com o crescimento das populações nas cidades/êxodo rural sem uma politica seria e coerente em por fim o sofrimento deste povo fico a comparar que estamos a viver um 3 de Fevereiro sem armas e chicotadas por malvados políticos que desde 1975 nada pareceu que os manteres da liberdade e da independência lutou em defesa do povo santomense ja se ve muitos desempregados que são filhos da terra que esforçou para formar mas que hoje o mesmo XV governo ainda não disse como será o emprego ou qual será a politica para acabar com o desemprego no meu ponto de vista seria bom que o governo descentralize as oportunidades nas roças e capacitar os filhos da Ilhas, de forma possa diminuir frustração dos muitos que tenham diplomas na gaveta porque a sociedade governativa não lhe conhece. O presidente dizia 1 eu 2 eu 3 eu mas agora em S.tome se diz tudo eu e vc nada pode ter a politica de entregar diplomas cá em s.tome não \e bom porque não vale apena sabendo que o governo nao esta preocupado com a classe jovem principalmente na zona de Cassuma Batepa energia continua ser impossível para minha zona Cassuma mas o salário base de cada deputados na Assembleia Nacional são de 11 milhões sendo com acréscimo pode ainda chegar 14 milhões minha gente fazem um calculo de 11milhoes vezes 55 deputados por ano ou por mês muito dinheiro. Quando ha necessidade de fazer uma lavandaria, colocação de energia eléctrica,criação de um chafariz que custa quase nada la vem televisão ou diz que o governo não tem dinheiro eu sou e falo por Cassuma senhor Presidente de Autarquia de Me Zochi devolva os moradores a constituição que contem dever e direitos do Presidente e da população estamos a ser engajados de varias exploração. Em Batepa para ter electricidade no Mercado património do Estado se calhar precisa de televisão que brincadeira se assim for quando será um posto Sanitário.

  14. img
    Põe boca não tira Responder

    Estão a trás de granaaaaaaaaaaaa, equnto MLSTP reuni em Angola com MPLA, ADI reune com os Talibnas e Alkaeda em Afeganistão………

  15. img
    malebobo Responder

    MLSTP/PSD, cresça e apareça, deixa de estar sempre com a mão estendida sempre a pedir,até que um dia voces irão vender stp

  16. img
    João Rodrigues Serôdio Responder

    O SR.Jorge Amado,deve estar arredado da realidade ou desconhece o País onde vive.Conforme declarações à Imprensa Angola,diz que quer conhecer os problemas,pois é importante beber da experiência do MPLA/PSD,pois tem uma tarefa grande,de gerir a coisa pública e o destino do Povo.Se olhar-mos para a realidade Angolana,onde poucos têm tanto e muitos nada têm,concerteza é gerir bem a coisa pública.País onde jornalistas livres,são calados por denunciarem escândalos da Elite governante,etc.,etc.Já agora,será que lhe disseram o que fizeram aos milhares de milhões de dólares da venda do petróleo, que nunca entraram nas Contas Públicas Angolanas? SE são estas ou outras experiências que quer beber,estamos conversados,mas não tome o Povo Santomense por tolo ou parvo.Por último,mas não menos importante,por ironia do destino os Senhores até são Sociais-Democratas.

  17. img
    Meninos Eu Vi Responder

    O Embaixador de Angola em S.Tomé e Príncipe, confirma que Angola nunca prometeu dar dinheiro algum a S.Tomé. Confirma a entrevista no ADI Digital.

    Abel, por favor. PAsse o meu comentário, porque mentiras tem pernas curtas.

    Viva democracia.

  18. img
    JOSE CARLOS Responder

    O folhetim O Parvo diz na sua página online que o Dr. Gabriel Costa terá apresentado a sua demissão…. Será ? A ver vamos, se não for verdade esta noticia só contribuirá para descredibilizar ainda mais o folhetim O Parvo

  19. img
    José Frota Soares de Barros Responder

    Boa tarde.

    É pena que este país esteja a ser líderados por individuos incompetentes, que só lutam pelo interesse do grupo e não do coletivo.
    Ora vejamos o líder do tido partido MLSTP tem comprimetido o futuro que todos os santomense desejaria, não passa de monstro sem capacidade inteletual não tem condições governar uma casa quanto mais um país, isto é um absurdo este individuo só tem 8º ano do curso da escola agrícola da Paiã-Portugal.
    Independente de ter feito um curso dito superior na ex- União Soviética,não reune condições para chefiar qualquer tipo de governação,por não possuir base sociologicas,psicologicas nem de gestão e administração de coisa pública.
    Santomense abram bem olhos, esta é das ultimas oportunidades que voces teem para salvar desta teia de bandidos.
    Revoltem-se não fiquem com braço cruzado a espera que algo caia de céu para vos salvar, o país é nosso temos que lutar pela nossa dignidade.
    Dê um cartão vermelho a todos aqueles que destruiram o nosso futuro e futuro dos nossos filhos.
    Boa tatde.
    Até breve reencontro.

  20. img
    Obama Responder

    Mais uma vez fica confirmado o desespero de alguns dirigentes do MLSTP. Foram uma vez mais, procurar resolver os seus problemas. Nenhum partido estabelece acordos com outros partidos internacionais para resolver os problemas do País. Foram sim procurar encher os seus bolsos.
    Mas desta vez, as coisas poderão n ser como antigamente pois até os camaradas angolanos já se sentem cansados das aldrabices desses mesmos fulanos.
    O País neste momento está mergulhado numa grande crise política e esta situação é bem visível. No sábado passado o MLSTP esteve reunido na sua sede, através da sua comissão política, onde se verificou discussões bastante acesas e como consequencia, mandaram os tipos pa Angola pa acalmar os ânimos.
    Honestamente, faz-me confusão como é que ainda há pessoas q defendem esses tipos?!
    Esse “Des”governo n tem pernas pa andar. O EUA enviaram o seu Embaixador pa falar com os partidos políticos e alguns orgaos de soberania pois já se aperceberam da fragilidade deste “Des”governo e do clima de instabilidade que se vive no País.
    Um bem haja ao povo de Sao Tomé e Príncipe que merecia bem melhor do que isto.

  21. img
    O Analista e Censurador Responder

    Sem comentário:
    Apenas quero alertar aos que fazem avaliação dos comentários, para serem mais cuidadosos nas avaliações. Porque certos comentários não têm objectivos para ser publicado. Entre outros comentários as avaliações não têm compatibilidade com a noticia publicada.
    Peço desculpas pela minha ousadia.

  22. img
    Zé do Camargo Responder

    Estes é que são negócios escuros
    Quem deve reunir com as autoridades angolanas seja quem for, é o primeiro ministro e não Jorge Amado.
    O dinheiro que este senhor foi mendigar é para MLSTP e não para o Governo. Este é que é um golpe baixo. Por isso é que choravam tanto quando estavam na oposição, pois não tinham mecanismos para este tipo de malabarismo.
    Este sim é que é negócio escuro e de bandidos. Se são partidos históricos, não têm necessariamente que estar no Governo para depois terem encontros. Porque é que não houve este encontro a mais tempo.
    Gabriel está fodido com esta parceria.
    A ver vamos até onde vai chegar isto
    Camargo

  23. img
    Bengue Doxi Responder

    Não sei porque essa informação é notícia em São Tomé e Príncipe. Senão vejamos. A fonte da Notícia é “Fonte Jornal de Angola”, isso quer dizer que o Presidente do MLSTP/PSD viajou na “calada”. Nem ele queria que os Santomenses soubessem desse encontro. Isso quer dizer que a visita e o assunto eram particulares. Como os Angolanos estão a “ajudar”, decidiram publicar a notícia de forma a ganharem mais uma vez o mérito de ajudar nós Santomenses, mas essa ajuda é sempre desencaminhada para endereços errados.
    Estamos habituados, mas um dia irá acabar. Obrigado jornal de Angola por nos manter informados das manobras e visitas clandestinas dos nossos compatriotas.

  24. img
    santa catarina Responder

    O gabriel Costa esta na iminencia de pedir a sua demissão. Os governso de retalhos sempre acabam assim não têm um chefe mais sim varios(PCD, MLSTP,UDD,MDFM).Estamso a ser burros e não inteligentes. Os inteligentes só cometem erros uma vez e este filme já conhecemos.
    Coitado do nosso povo.

  25. img
    Milagrosa Responder

    Temos de aprender a resolver os nossos problemas, nós ja somos crescidos com mais de 30 anos de país libre. Senhores tenham a vergonha na cara, sob pena de continuarmos assim, por toda a vida.
    Democracia, podemos aprender com paises africanos como: Gana, Africa do Sul e Cabo verde.
    Na EUROPA,PODEMOS VER iNGLATERRA, HOLANDA fRAÇA, DINAMARCA, sUECIA, SUIÇA, ETC.
    mAS COMO SE TRATA DE GRANA, TEM QUE SER MESMO ANGOLA. FORAM 2 MILHOES PARA ASSISTIREM A DERROTA DA EQUIPA DE FUTEBOL. 9 MILHÕES AO TODO. VA LA VAI.

  26. img
    MLSTPENSES Responder

    Força meu camarada.

    Só não faz como Rafael Branco que voltou de Angola com a mala contendo mais de 500 mil USD e deixou em casa para o segurança particular levar.

    Faz diferente e seja diferente!

    Arranja massa para nós darmos banho nas autarquicas e legislativas, meu camarada.

  27. img
    Eng Bernardino Monteiro Responder

    Temos que pedir temos que mendigar,temos um pais pobre onde nao cria riqueza, nos dependemos da ajuda externa,e preciso cooperar procurar soluçoes pedir que os parceiros nos ajuda a encontrar soluçoes para o problema do pais, como diz o velho ditado, nao me de peixe mais sim ensina me a pescar

  28. img
    Eng Bernardino Monteiro Responder

    EU tenho 37 ANOS sempre conhenci esse povo a criticar nos cantos lamentando atras da porta somos um povo timido e oprimido,temos uma constituiçao que ninguem respeita os governantes juram e nao cumprem a DEMOCRACIA faz de conta que existe,temos um tribunal arbitrario os poderosos estao acima da lei existe um sistema maldosa que so previlegia os senhores da republica nao existe estado social mais vos digo com todo respeito um dia isso vai acabar sao tome e principe e de todos santomenses nao e dos senhores republicanos, eu sou da geraçao democratica nao vou permitir nao vou deixar nao vou calar, porque nao tenho medo dos republicanos nem dos senhores de ma fe senhores materialista

  29. img
    Atanasio Gomes Responder

    Eu pensso que o MLSTP/PSD e MPLA sao dois irmaos batizados por mesmo padrinho é muito normal que esses irmaos se encontrem umas vezes a outra para falar do passado e preparar o futurro porque dois adultos, sentado a converssar os mais novos nao devem ovir essa converssa honde existe rispeito,todos aqueles que estao a imaginar mil coisas sao distruidores eles nao querem bém para STP e seu povo ,coragem senhor prisidente de MLSTP/PSD ;si o senhor der ouvido a tudo isto nao vamos para longe força!!!!

  30. img
    João Carlos de Sousa Responder

    Sou Angolano, nunca conhecia estes lado dos Santomeses, em vez de parabenizar a visita são todos contras? Como que querem que o vosso País desenvolve? Roberto de Almeida é vice presidente do MPLA, e é Partido que sustenta o governo e tem peso. Por isso vocês tem que ser um povo unido independentemente do filiação Partidária de cada um.

  31. img
    O Analista e Censurador Responder

    João Carlos de Sousa, congratulo o seu comentário. Nós Santomenses somos assim, não sabemos o que queremos. Eis a razão que vai nos custar sair no fundo do poço. Porque não se admite que um País Independente a + de três décadas, continua mergulhado na obscuridade. A mentalidade arcaico continua,juntando a ignorância, propotência, vingança, corrupção e deixar andar. Maioria dos empresários só são de nome. Porque não se vê nenhum empreendimento no país criando emprego nem desenvolvimento social realizado pelos ditos empresários. A única coisa que têm feito é, andar na Campanha a enganar os elementos do povo mais carenciados, importar para país carros top de gama, andar no parlamento a discutir coisas insignificantes em vez de analisarem o problema do país que se encontra no estado lamentável. Falando da Democracia, só existe no Ilhéu das Cabras onde não tem população. Ora vejamos, um país deste tamanho com tanta besteira, qual será o nosso futuro!… Espero bem que…

  32. img
    Zé do Camargo Responder

    Senhor João Carlos devia ter vergonha de dizer que é angolano. Com tanto dinheiro que a natureza vos deu, do petróleo, do diamante, do ouro, da madeira da pesca, o povo angolano é um dos mais miseráveis do mundo.
    A esperança de vida dos angolanos é de 45 anos. A educação é a pior da África. A saúde é uma lástima, no hospital popular não existe cama, não existe medicamento. Ainda à dias vimos oas antigos combatentes que deram toda a sua vida para libertar angola contra o jugo colonial, a fazerem manifestação, porque muitos estão a morrer de fome, palavras ditas por eles mesmos. Enquanto os senhores do Governo e da Assembleia estão a arrebentarem na cintura devido a gordura.
    Por isso, se você é angolano, aconselha os seus dirigentes a cuidarem primeiro o seu povo, pois de lá, não há nada de positivo que se pode aprender.
    Cresça depois apareça

  33. img
    João Carlos de Sousa Responder

    Amigo Zé Camargo, vergonha na cara eu nunca!… Sou Angolano e tenho orgulho de o ser… Em relação ao seu comentário foste infeliz creio que sabes muito pouco sobre Angola. O meus País viveu quase 3 décadas de guerra., tornou-se progressivamente a partir de 2002, umas das economias com crescimento mais vertiginoso no Mundo, atingindo nos últimos cincos Anos uma media de expansão do seu produto interno bruto PIB na ordem dos 9% ao Ano. Em termos de infra-estruturas foram construídos de raiz novas centralidades em todo o Pais, institutos médios, politécnicos, agrários. a nível do ensino superior a universidades em todas as 18 províncias. Apartir do 1 de Fevereiro todo cidadão poderá ter acesso uma residência nos moldes de uma renda resoluvel no período de 20anos e a casa ser sua. Reabilitou -se todos aeroportos com tecnologias de ponta, o comboio já circula de Benguela ao Luena. Transportes aéreo: A taag, comprou dez Aviões Boeing novos. Cinco 737-700, três 777-200 e dois 777-300. Hoje acabou de adquirir mais três 777-300 com opção para mais três em 2019. Nos somos quase 9 milhões de habitantes onde tbém estão inclusos os irmãos Santomeses que por cá residem, e evidente que alguma coisa escapa. Foram trinta anos de guerra fratricida nao fácil reintegrar toda população. São dez Anos de paz, mais de dez seremos que nem o Dubai. Tenho dito Sr. Zé do Camargo .

Deixe um comentario

*