Política

Ministro das Obras Públicas anuncia investimento forte na reabilitação e construção de estradas

Osvaldo Abreu, que tutela o sector das Obras Públicas visitou dezenas de estradas e comunidades do país, tendo anunciado o investimento de 5 milhões de euros, para reabilitação e construção de mais de 20 troços de estradas em todo o país.

Umas serão reabilitadas, outras construídas e outras reconstruídas, disse o Ministro das Obras Públicas, após visita a uma série de estradas e comunidades do interior de São Tomé, carentes em vias de comunicação.

O Governo tem nas mãos 5 milhões de euros, para iniciar com o projecto que pretende rasgar o país com estradas transitáveis e de valor económico. Segundo o Ministro, vários parceiros internacionais, colaboram com o Governo na melhoria das vias que ligam diversas comunidades do interior entre si, e entre elas e os centros urbanos. «Falamos de Taiwan, do Banco Mundial, a União Europeia, Angola, Nigéria, a República da Guiné Equatorial, o BADEA, e estamos a conseguir outras fontes de financiamento, que a partir do segundo semestre deste ano, virão reforçar a execução de uma série de obras de infraestruturação que o país precisa para arrancar», declarou o ministro.

As estradas principais numero 1 para o norte, numero 2 para o sul e 3 para a zona centro, já contam com projectos de reabilitação. Por isso a maior parte das vias a serem contempladas com o pacote financeiro anunciado pelo ministro, são as secundárias, que ligam diversas comunidades às vias principais. «Estamos determinados e empenhados a fazer com que a população de STP tenha melhores meios para a sua circulação», reforçou o ministro.

Osvaldo Abreu apresentou outras contas, relacionadas com dívidas herdadas pelo executivo e que já começaram a ser pagas. Situações em que o anterior Governo, não pagou as empresas que realizaram algumas obras. A dívida ronda os 80 mil milhões de dobras(1 euro – 24.500 dobras). O Ministro garantiu que o seu governo começou a pagar tais dívidas. Pelo menos 1/3 dos 80 mil milhões já foram pagos, e prometeu que ficará completamente liquidada no próximo ano.

Abel Veiga

    30 comentários

30 comentários

  1. HLN

    24 de Maio de 2013 as 15:39

    Façam que é o vosso dever, e deixe de anunciar coisas,ja estou farto de anuncios.Propaganda barata, façam obras e a gente vê.

    • cidadão

      24 de Maio de 2013 as 16:47

      concordo…, e espero não me decepcionar, com o Osvaldo D´Abreu, que pra mim tem feito uma boa governação.(penso)

  2. Democrata

    24 de Maio de 2013 as 16:23

    Caro ministro, mais do que palavras, queremos acçoes concretas. Uma vez que ja ha financiamentos.
    Tenho dito.

  3. cidadão

    24 de Maio de 2013 as 16:44

    não se esqueça da estrada que liga Madre de Deus á Almeirim(nomeadamente no depósito velho), poderia facultar muito a população

  4. bostoner

    24 de Maio de 2013 as 18:24

    e para construir boas estradas nao essas que estao habituados a fazer em stp estrada para turismo nao estrada para carros estrads que impressionam estrada nao e so para carro estrada e beleza do pais tambem

    • ARNALDO

      25 de Maio de 2013 as 11:34

      Concordo as estradas é um factor importante não so para os habitantes mas também para o desenvolvimento do turismo, assim mostra quanto mais belo nosso país é.

  5. ARNALDO

    24 de Maio de 2013 as 19:28

    Faz tempo que não vejo uma notícia dessas, espero so não me decepcionar com o sr. ministros das obras públicas. que continue para o desenvolvimentos das estradas em nosso STP.

  6. madalenas

    25 de Maio de 2013 as 0:38

    O Ministro, antes, especialista também tinha no programa, portas abertas que em 2013 seria a contagem decrescente para exploração de petróleo no bloco 1, de 100.000 barris, dia. Espero que morcegos não atrapalhem a sua previsão.
    ou podemos esquecer estas palavras ditas e gravadas.

  7. madalenas

    25 de Maio de 2013 as 9:17

    Mas, sinceramente. Estamos a falar de qual Território? 964 km2?
    Imaginam um território, tao exíguo, faz-se a nomeação de vários países e instituições, desta maneira. Alguma coisa funciona mal neste nosso STP. Afinal, estamos a falar de uma extensão de quantas redes de estradas?
    Estradas tem sido um negocio, fraudulento e duvidoso. As empresas de fiscalização, não fazem o trabalho como deve ser, num coluio com o empreiteiro, razão pela qual sempre ficam mal construídas.
    Qual é a garantia, destas obras. Cuidado com o novo PGR, este não admite corrupção.
    Credo estrada!!!
    Todos estes países?
    Nem Metropolitano de porto, Lisboa, Moscovo, foi envolvido tantos países e instituições desta natureza.
    Viva 25 de Maio, dia de Africa.

  8. Sisone

    25 de Maio de 2013 as 9:23

    Sr. Ministro, que não fique no sonho.
    Reforço o parecer do Cidadão ” que não se esqueça da estrada que liga Madre de Deus à Almeirim”. A mesma atravessa o rio Água Grande.

  9. madalenas

    25 de Maio de 2013 as 9:31

    R P de Angola, com terra batida dentro da cidade de Luanda, quando chove transforma Luanda em Não ANDA. Estamos a falar de que estrada para STP. Convenhamos. Poe os pés no chão, atenção. Concentra, antes de falar. Falta-vos palmares, ser formado, não significa ser dirigente ou governante.
    Falta dicção, articulação e clareza.

  10. giginbre e cola

    25 de Maio de 2013 as 10:17

    Estes países podem ser convidados para investirem no turismo,e o governo pode fazer escolas de formação profissional, com critério, que sirva o desenvolvimento. Invista na formação, reforma da A. Pública, faz reformas profundas, Basta. Educação tem retorno rápido. Agora transferir verbas para as empresas privadas em meu nome, para vir pagar mais tarde, uma geração toda.
    Os 2 novos ministros(PCD e MLSTP), estão em permanente campanha, agem a mando dos seus partidos, que não acontece com os demais, porquê. Falam muito atoa. Havendo remodelação ambos devem dar lugar a gente mais idónea.
    Como o governo não resulta de eleições, cada um faz ao seu belo prazer as coisas. Fica muito mal , uma vez que o senhor Dr Gabriel Costa, como 1 ministro, deve pilotar o navio, sob pena de bate-lo na encontra.
    As promessas desajustadas demais, para um governo resultante de litigio no parlamento, alias sabemos.

  11. Nana

    25 de Maio de 2013 as 17:35

    O Ministro está a falar da dívida deixada por anterior Governo? Mas todos os dias os Ministros estão a inaugurar as obras que foram iniciadas por outro Governo. Até este momento o atual governo ainda não iniciou nenhuma obra com o seu orçamento, mas o Ministro de Agricultura, Ministro das Obras Públicas e outros estão todos os dias a visitarem e inaugurarem obras. Então queriam andar a inaugurar obras sem pagar? Estas são as dividas das obras que vocês andam a inaugurar e a dizerem que este Governo está a fazer, que este governo está a lançar etc. Diga-me qual é a obra até agora da sua iniciativa. Onde estão as 400 casas do Ministro de juventude. Onde estão os 1000 empregos prometidos por este governo Onde estão os 3000 atletas formados por este governo, cuja promessa foi feita na comunicação social.
    Caro Ministro Osvaldo
    Não vale a pena estar a anunciar obras, porque o próprio vosso Primeiro Ministro disse que os seus ministros são jovens e falam a toa, por isso não se deve tomar em conta o que eles dizem
    Estamos todos lixados
    Nana

  12. N.C

    25 de Maio de 2013 as 19:18

    Mais progectos para morrerrem pelo caminho,por falta de verba como sempre.Falam de progectos de construcao e remodelacoes,mas o que se ve na pratica sao progectos de tapar buracos e obras sem qualidades,pois depois de reabilitadas as estradas ficam onduladas,sem murro de proteccao nas curvas perigosas,sem valas e sem esgotos

  13. Вера )

    25 de Maio de 2013 as 19:49

    Mais uma obra anuciada
    para 5 milhoes de euro
    mas que sera sera aplicada
    5 mil euro ! )

  14. Toni

    25 de Maio de 2013 as 23:56

    Sr Ministro, gosto de anuncio de obras publicas, as quais promovem o desenvolvimento, criam receitas para os cofres do Estado através dos impostos das Empresas que as vão realizar, cria-se postos de trabalho e a economia de STP avança . Sr Ministro se for assim estamos no Céu .
    Agora tem orçamento para pagar as obras que esta a contratualisar , ou estamos a preparar a fuga para a frente , isto êh , vamos mostrar que estamos a fazer algo. O Povo esta atento.
    Caso tenha tudo em ordem , os meus Parabéns

  15. morcego

    26 de Maio de 2013 as 9:22

    pois é

  16. germana alves

    26 de Maio de 2013 as 11:15

    Fla So…

  17. bmw

    27 de Maio de 2013 as 9:43

    para além das estradas,espero que façam o passeio e iluminem as estradas.ao longo de muitas estradas em stp,as luzes das estradas fundiram e tudo ficou a Deus dará.será que os presidentes das camaras nao veem isso,nem os senhores ministros?

  18. Telavive

    27 de Maio de 2013 as 10:45

    Sinceramente falando não acredito que cinco milhões de euros dão para reabilitar e construir mais de vinte troços de estradas. Mais falar é fácil. O grande problema dos pliticos está nas estradas. Estradas é apenas um meio para o crescimento economico, não cria desenvolvimento. Os cinco milhões bem aplicados na economia real, sim, teria efeitos imediatos no desenvolvimeto.

  19. Budo dáuá

    27 de Maio de 2013 as 12:10

    Noticia 1. Está na forja o surgimento de mais um partido político em S.Tomé e Príncipe. Fazem parte: Filinto Costa Alegre, Secretário Particular de Gabriel Costa (wando), Tozé Cassandra, Antigo Assessor de Pinto da Costa (Aldo-filho de Natália Umbelina) e outras figuras oriundas da UDD, do PT de Anacleto Rolin, etc.
    Noticia 2. Pinto da Costa envia Gabriel Costa à EMAE para evitar escândalo. Existe uma revolta dos funcionários porque a nova direcção decidiu perdoar todas as dívidas que os funcionários/militantes do MLSTP têm para com a EMAE.

  20. Budo dáuá

    27 de Maio de 2013 as 12:15

    Osvaldo Abreu, abra os olhos.

    Deixe de campanha. Cuidado com muito falar. Bô bê quá cu dá cu Tóni non de Pimêro de agricultura. Flá passa.

    Mano, nan toma pêtu bála enh. Não anda a anunciar coisas atoa.

  21. Ké, di Vá plegá cú pávu.

    27 de Maio de 2013 as 13:22

    Coragem, Osvaldo Abreu. Você é jovem ainda. Dê tudo o que teu coração puder acompanhar as linhas que estão traçadas no Plano de Acção para o desenvolvimento do País. Não acompanha o blá,blá blá do ADI e dos seus comparsas. Siga em frente.

  22. Curagem

    27 de Maio de 2013 as 17:14

    Caro Ministro Osvaldo,
    Estas num Ministério complexo, onde muitos esquemas funcionam já a vários anos e não é fácil combater já que envolvem empresas, fiscais e funcionários do Ministério, mas tu és jovem, determinado e com coragem suficiente para tal. É preciso combater estes esquemas para que as obras sejam realizadas com qualidade e com valores aceitáveis. É certo que depois de vários anúncios de obras, vários lançamentos da primeira pedra que se viu durante anos neste Pais e que não deram em nada, as pessoas ficam reticentes com estes anúncios, mas tenha calma e sabedoria suficiente para lidar com estas reacções. Faça o teu trabalho e quando os resultados começaram a chegar, calarás as más bocas e os cidadão voltaram a ter confiança nos dirigentes. Só jovens como tu podem mudar esta relação Cidadão-Governantes e resgatar a confiança dos cidadãos. No entanto tenha cuidado com os inimigos, mas tenha mais cuidado ainda com os falsos amigos e o teu ministério está cheio deles.

    Força e Êxitos, não te deixe abalar pelos Mercenários do contra. Muita gente conhece o teu valor, a tua competência e a tua honestidade e é isso lhes incomoda

    Força, Jovem Ministro

  23. horacio semedo

    27 de Maio de 2013 as 17:29

    O P M Gabriel Costa disse os meus sao jovens, empolgados e com vontade de fazer as coisas e por isso que anunciam os “impossiveis”. Nao façam caso. Viva UDD!!!

  24. horacio semedo

    27 de Maio de 2013 as 17:30

    …meus ministros…

  25. Cautela

    27 de Maio de 2013 as 17:41

    Sr. Ministro,
    Muita coragem, sei como deve ser difícil a sua missão, só quem já teve cargos de responsabilidade sabe o que estás a passar, mas seja determinado, o Pais precisa de Gente como o Sr. depostas a servir com dedicação e abnegação trabalhando em prol do colectivo.
    Muitos gostariam que Sr. desistisse para dar lugar a aqueles que entram nos esquemas. Sabe-se que mesmo dentro do seu partido o Sr. não é desejado, mas isso é porque estas no caminho certo.

    Vá em frente Sr. Ministro

  26. madalenas

    27 de Maio de 2013 as 21:30

    morcego ou fanalixi

  27. Helder Leitao

    29 de Maio de 2013 as 6:10

    Meu caro colega aconcelho que faça visita periodica nessas obras, nunca confies na fiscalização.

  28. Trinta Mil

    26 de Dezembro de 2013 as 12:36

    Mais um governo de iniciativa presidencial. Se angola desbloquear verba nesta situação clara de usurpação de interesse, corrupção, deve o governo de Angola arcar com as consequências. A verba de 180 M de dólares está a levantar fumaça.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo