Taiwan celebrou 102º aniversário

A Embaixada da China Taiwan celebrou no Hotel Pestana o 102º aniversário da sua soberania, na presença dos membros do governo, deputados, responsáveis da Administração do Estado e o corpo diplomático.

Nesta celebração o Embaixador taiwanês agradeceu o apoio diplomático que São Tomé tem dado no plano internacional e prometeu fazer tudo ao seu alcance para defender esta cooperação, que soma e segue a sua marcha triunfante entre os dois arquipélagos afro-asiáticos.

« Quero expressar categoricamente a vontade dos dois governos continuar a cooperar a favor dos respectivos povos para ultrapassar os desafios e alcançar um futuro melhor no plano internacional na vida dos nossos dois povos,» afirmou o Embaixador.

Em resposta a Ministra dos Negócios Estrangeiros Cooperação e Comunidades, Natália Umbelina, manifestou a sua alegria pelo crescimento desta cooperação exclusiva no seio de Africa Central com uma motivação crescente de realização a longo desses anos; com resultados claros na melhoria da vida da população na área do índice do desenvolvimento humano a saber: saúde, educação, formação, agricultura e a dimensão cultural do desenvolvimento.

« Taiwan tem dedicado a sua equipa de especialistas no seu saber e fazer com a aposta do quadro nacional e junto a outros parceiros internacionais para inverter o estado palúdico em São Tomé e Príncipe que é um flagelo inquestionável no decurso do nosso desenvolvimento nacional,»” defendeu a Ministra Natália Umbelina.

A chefe da Diplomacia Santomense, garantiu que vai continuar apoiar os esforços da ilha Formosa de Taiwan na arena internacional e no quadro da sua soberania como também ao mesmo tempo defende a continuação de bom diálogo com a Republica da China popular da situação política no estreito de Taiwan para uma ação pacífica nesta região e felicitou o Embaixador e todos outros cooperantes que operam em São Tomé e Príncipe.

Em seguida a celebração passou-se pelo brinde alusivo a cooperação, corte do bolo catalogado nos 102 anos da existência do arquipélago taiwanês e depois o grupo cultural de Ferro Gaita de Caldeiras na empresa Agostinho Neto, animaram a festa junto a dupla dos cantores Dico Mendes e Ailton Dias arrastando os presentes para a sala de dança do Hotel Pestana.

Ao longo desta cooperação Taiwanesa, fundada pelo ex-Presidente, Miguel Trovoada, nos meados dos anos 90; tem-se notado umas infraestruturas de peso tais como: o Liceu regional da Trindade, Biblioteca Nacional, novo «Banco de Urgência» diversas estradas, o desenvolvimento da pecuária e agricultura, a sua grande aposta técnica e financeira na luta o paludismo em São Tomé e príncipe entre outras iniciativas e desta-feita pretende explorar a área cultural.

Inter Mamata

  1. img
    Barão de Ágau Izé Responder

    Sabem como Taiwan conseguiu a Independência e é um País rico, comparado com muitos outros?
    Aplicou um modelo económico, desde a sua fundação, totalmente oposto ao aplicado em STP no pós independência. E Taiwan conseguiu vencer até agora, um “inimigo” bem poderoso, seu vizinho, que não tarda muito será a 1ª Economia Mundial.

    • img
      stp Responder

      TELA NON,Um Cidadão santomense radicado em portugal, de 32 anos de idade,foi no passado dia 10/10/13,barbaramente assassinado à tiros em sacavém-portugal. tela non não teve conhecimento

  2. img
    luisó Responder

    Ao longo desta cooperação Taiwanesa, fundada pelo ex-Presidente, Miguel Trovoada, nos meados dos anos 90; tem-se notado umas infraestruturas de peso tais como: o Liceu regional da Trindade, Biblioteca Nacional, novo «Banco de Urgência» diversas estradas, o desenvolvimento da pecuária e agricultura, a sua grande aposta técnica e financeira na luta o paludismo em São Tomé e príncipe entre outras iniciativas e desta-feita pretende explorar a área cultural.
    Nota: Caro Abel este jornalista sabe escrever?

  3. img
    Francisca CL Responder

    Parabéns Tawian, continuação de uma boa caminhada rumo ao progresso.

    Enquanto isto, mais um santomense recebe a seguinte mensagem do nosso famoso hospital.
    Digníssimo,
    Recebemos os resultados do exame a mancha na sua perna.Era apenas vestígio de alcatrão. Lamentamos a amputação.
    Cumprimentos
    Dr- Matança

  4. img
    Ze Carlos Responder

    Um exemplo a seguir por nós. A única forma de alcançarmos o nível de desenvolvimento deste pais é enviarmos para ali os nossos dirigentes

    • img
      servo de Déus Responder

      O Sr. zé-Carlos, peço desculpas, porque, a minha intenção não é ofender ninguém, mais a verdade é que se enviarmos para onde referes os nossos dirigentes seria mais um passeio, ainda que esta não seria a primeira viagem que os mesmos fazem, pois não?
      E nem a primeira viagem que os mesmos fazem para um país desenvolvido,
      Eu diria que viagem para os mesmos: seria por a mão na consciência, pensar no bem estar santomense.

  5. img
    Volto Já Responder

    carissima D. Francisca se comentario feita por si que relata amputação de uma perna a um paciente só de facto de se ter observado uma mancha de alcatrão,na perna depois de acidente isto é muito grave.se isto for verdade o cirurgião deve ser chamado a responssabilidade . e tambem se não for verdade a senhora deve ser chamado a responssabilidade pela calunia e defamação. isto é um assunto de extrema gravidade.

  6. img
    malebobo Responder

    muito, obrigado tela non, jornalismo de imparcialidade. força

  7. img
    ricardo Responder

    sinceramante kuanto a outra polémica ninguem diz nada .. parabens ao tela non

Deixe um comentario

*