Justiça desmascara autoestrada da corrupção anunciada pela ADI

O Ministro da Agricultura e Pescas António Dias foi em Maio passado, alvo de graves acusações de corrupção financeira, anunciadas pelo partido ADI. Durante 5 meses a justiça analisou a denúncia da ADI e chegou a conclusão que é tudo falso.

Alvo de acusação de corrupção nas negociações de pesca com uma empresa Espanhola, o Minstro da Agricultura e Pescas, António Dias, foi vítima em Maio passado de críticas do partido ADI. Alguns comentadores do Partido ADI, defenderam publicamente a demissão do ministro, tendo em conta a veracidade das acusações feitas  na altura.

Durante 5 meses a justiça, analisou a fundo a denúncia que a ADI depositou no Ministério Público, e não teve dúvidas de que se tratou apenas de uma propaganda política. «Na altura quando esses malfeitores orquestraram esta manobra política para uma vez mais enganar o povo de São Tomé e Príncipe, e manchar um elemento da juventude política são-tomense, o Ministério Público, após uma investigação aturada volvidos 5 meses, não descortinou qualquer acto que pudesse indiciar corrupção da minha parte e decidiu abster-se de me acusar, confirmando assim tudo que eu já tinha dito», declarou o Ministro António Dias, numa comunicação a imprensa esta manhã no seu gabinete.

Segundo o Ministro da Agricultura e Pescas, os senhores Levy Nazaré, Elísio Tixeira e Alexandre Guadalupe, foram os principais obreiros da acusação de corrupção contra a sua pessoa. Uma acusação falsa, comprovada pela Justiça, mas que alimentou a denúncia de auto-estrada da corrupção feita pela ADI na alura. «Pergunto, onde é que está a auto-estrada a corrupção? Brincadeira tem hora. Isto demonstra a forma como esses indivíduos da ADI, fazem política. Sem civismo, sem propostas de solução, somente com difamações e calúnias», pontuou o ministro.

António Dias, que tem sido o ministro mais popular do governo, por causa da dinâmica introduzida no sector da agricultura e pescas, estranha o facto da ADI tendo tido conhecimento da decisão do Ministério Público, em relação a denúncia de corrupção feita pelo próprio partido, não veio ao público, anunciar tal decisão. « O Objectivo era outro, enganar o povo são-tomense, ou seja, tornar a água mais turva para poder pescar. São indivíduos malfeitores, renitentes que não conseguem pescar em água limpa, infelizmente», frisou.

Como tinha prometido em Maio passado, António Dias, avançou com uma queixa crime contra os responsáveis da ADI por difamação. « Espero que com a mesma celeridade com que o Ministério Público, lidou com a denúncia da ADI, contra a minha pessoa, venha também apurar as responsabilidades civis e criminais decorrentes da referida denúncia criminal para que sirva de exemplo aos políticos são-tomenses em particular e à todos são-tomenses em geral», sublinhou

O Ministro da Agricultura, que em Maio passado no Telejornal da TVS, reagiu de cabeça quente, tendo sido intempestivo com a apresentadora do telejornal, aproveitou para pedir desculpas a mesma. «Só quem ainda não viveu situação idêntica é que talvez não tenha digerido o meu comportamento», concluiu.

Abel Veiga

  1. img
    paparazzi Responder

    ok agora e que sao elas.feitiço virou contra feiticeiros.ate o elisio que ja foi ministro da justiça no governo do adi porta se assim tudo atoa.so malaboices
    coragem ministro.segue em frente com queixa crime contra lhes para lhes por direitinho no lugar e pedir endiminizaçoes pelos danos causados a sua pessoa e imagem

  2. img
    a chave Responder

    Parabens, Sr. Ministro.

  3. img
    arroz podre Responder

    Sr. ministro porquê demitiu o director das pescas e chefes de departamento do mesmo sector?
    É porque havia algo errado.
    Mas, parabens, mesmo que, as investigações do ministério público não ser bem feito.

  4. img
    PARABENS Responder

    Mas que justiça? Uma coisa é ser corupto, outra coisa é praticar atos que undicia a corupção. Não falemos da nossa justiça porque sabemos como estão as coisas a esse nivel. Lembrem-se que neste momente confunde-se a justiça com o poder politico executivo. Esta decisão não deve constituir sorpresas para o ADI. Serà que este resultado não tem o objetivo de calar a boca do ADI nas acusações que faz ao Governo?

    • img
      poison Responder

      O Partido ADI deve ir em frente com as suas acusações (oposição), mas com fundamento. Não lançar mãos a qualquer um, sem certeza. Depois que tal vc pedir os mais velhos aquele livro de MATABALA, “undicia” não será que aprendeu mal a palavra indicia, bem seja lá como for valeu o teu esforço…

      • img
        PARABENS Responder

        Pelo menos eu fiz um esforço, como o Sr. diz, para comentar a notícia embora tenha cometido um erro ortográfico por alguma distracção na hora da escrita. Mas isto não é o mais importante e vê-se que o Sr. não tem a capacidade de ler e analisar as notícias e só anda a fazer comentários sobre os comentários dos outros. São pessoas como o Sr. sem capacidade de análise que anda a dar cabo deste país porque só dedica ao “copiar colar” pelos visto o nome de peixe calhou bem consigo.

  5. img
    zeme Almeida Responder

    A nossa justica anda mesmo doentia.A justca só sao para os pobres e nao para os politicos e governantes.É de se notar que todas as queixas crimes contra os governantes e politicos nunca deram em nada.É sempre tudo falso tudo quando parte do ADI,as verdades estao no seio do MLSTP-PSD,PCD e MDFM!A justica nao tardara a todos aqueles que tentam enganar o nosso o povo.Viva RDSTP

  6. img
    malebobo Responder

    quem acredita nessa justiça que funciona a duas velocidades, sr. ministro convenhamos, ok

  7. img
    Estanislau Afonso Responder

    Gostei da posição do Ministro António Dias, deu a cara, e enfrentou a acusação até fim.

  8. img
    pedro Responder

    VIVA PCD

  9. img
    santosku Responder

    Se a justiça desse razão a ADI estas pessoas que hoje defendem o caracter doentio da justiça fariam festa. Mas como foi a contrário estão revoltados. Srs. São Tomé e Principe precisa de Paz e de seriedade e não de brincadeiras. Vamos trabalhar e só assim lá chegaremos.

  10. img
    Santomense Responder

    A melhor decisão que este ministro deve tomar é demitir-se, pois foi claro o seu envolvimento em actos de corrupção com técnicos da direcção das pescas! Tanto é que já foram demitidos no decurso das tais denúncias. Só que essa demissão pecou por ter deixado o ministro de fora! Mas a ver vamos!

  11. img
    poison Responder

    ADI escolheu mal o alvo. Esse se calhar é a pedra mais sólida nesta construção. Até mesmo Gabriel Costa é mais fraco que esse… Ele pode parecer tecnocrata, mas tem os pés no chão e rabo solto, hahahhahaha

  12. img
    Flá Ceto Responder

    De facto a autoestrada da corrupção está aberta: Tem-se esse caso, tem-se o caso arroz podre” envolvendo o ministro do comércio e a ministra dos negócios estrangeiros, que até hoje está nos armazéns a ficar cada vez maios podre, enfim… O que se precisa é que a justiça seja isenta e séria! Se fosse…este indivíduo não teria espaço nem voz para estar ali e acolá, por cima a dar palpites… Só em STP!! E certamente deve haver mais!!!

  13. img
    João Martins Responder

    Por fim, a justiça precisa realmente de reforma, sobretudo o Ministerio Publico

  14. img
    Zona Sul Responder

    Força António Dias. Muita coragem. Dá palmadas aos papagaios.

  15. img
    luz Responder

    ainda k houvesse prova de corrupção envolvendo este e os outros, sempre estariam ilibados ,porque nesta república não existe lei de responsabilidade dos titulares dos cargos politicos

  16. img
    Nú & Crú Responder

    Parabéns
    gostei a sua atitude… força
    desejo sucesso…

  17. img
    HT Responder

    Dou os meus parabéns mais, continuo sempre desconfiado com os nossos políticos porque nada tem sido verdade mais também nada tem sido mentira, assim vamos nós.

Deixe um comentario

*