Desfalque de 14 mil milhões de dobras ameaça financiamento das eleições de 2014

O montante equivalente a  572 mil euros, foi desviado em abril de 2011 do fundo de contra-partida resultante da venda do arroz ofertado pelo Japão. É através deste fundo que tradicionalmente São Tomé e Príncipe financia os actos eleitorais. Japão quer saber para onde o dinheiro foi, e o Governo já pediu auditoria externa.

Desde Março de 2013, que Pires Neto, deputado do partido MDFM-PL alertou o Governo sobre o desvio de 14 mil milhões de dobras o mesmo que 572 mil euros, do fundo de contra-partida resultante da venda do arroz ofertado pelo Japão. O dinheiro foi desviado do referido fundo em Abril do ano 2011, segundo as facturas e outros documentos que sustentaram a denúncia do deputado.

Numa altura em que o governo começou a alocar meios à Comissão Eleitoral Nacional, para realizar o recenseamento de novos eleitores para às eleições autárquicas, regional e legislativas em 2014, surge uma grave ameaça ao processo.

Japão que tradicionalmente financia a realização das eleições através do fundo de contra-partida, condiciona a ajuda até que fique esclarecido o destino que foi dado aos 14 mil milhões de dobras. «O Japão condicionou este financiamento à regularização da situação a nivel dos fundos de contra-partida do arroz, relativamente aos quais o meu governo não tem qualquer tipo de responsabilidade. O que dissemos ao Japão é que vamos fazer auditoria externa, para se apurar efectivamente o que se passou com a gestão das remessas de arroz que foram enviadas nos últimos anos», explicou Gabriel Costa.

Para já o Governo diz que avançou algum dinheiro para a Comissão Eleitoral iniciar os trabalhos de actualização dos cadernos eleitorais. « O Governo colocou a disposição da Comissão Eleitoral Nacional os meios que ela carece para poder estar a postos para a realização das eleições. Uma coisa é todo o processo de actualização dos cadernos, e outra coisa é o financiamento das eleições em si mesmas», acrescentou.

Para financiar o exercício real do poder político pelo povo, o Estado são-tomense gasta cerca de 1 milhão de euros. Japão tem sido o grande financiador dos actos eleitorais.

Seguro para já é a actualização dos cadernos eleitorais através da inscrição de novos eleitores. Processo que está em marcha, e com o financiamento exclusivo do Estado são-tomense. «O quê que a prática veio demosntrar-nos? Contrariamente a aquilo que se dizia não havia recenseamento eleitoral. Na base de quê se iria fazer as eleições autárquicas e regional neste ano de 2013, se desde 2010 não havia actualização dos cadernos eleitorais? Agora já começou.», frisou o Primeiro Ministro.

Abel Veiga

  1. img
    jay barros Responder

    pq agora? Gostaria saber em que valor munitario esta classificado, o meio posto a desposicao da cumisao electoral para realizacao das eleicoes
    ?

    • img
      nada mal Responder

      alguen poderia dizer-me quem era o diretor nesta altura. não é o atual diretor

  2. img
    Féla Balía Responder

    Se houve desfalque em 2011, quem era Governo é a ADI, só não entendo como é que a ADI no poder desde 2010 até Dezembro de 2012, não realiza a actualização do caderno eleitoral, ainda por cima é responsável pelo desvio de 14 mil milhões de dobras, vem reclamar da realização das eleições. Certamente este montante entrou no partido ADI como garantia de compra de consciência as populações mais baixas de mé-zochi e Cantagalo.
    O Governo de Patrice trovoada deveria ter a vergonha tal como o seu partido ADI e os seus lacaios.
    Comprometem as eleições e depois vem as reclamar. CREDO MEU DEUS, AONDE ESTAMOS E PARA ONDE IAMOS COM ESSA GENTE.

    • img
      de Ceita Responder

      Esta afirmação que estás a fazer está comprovada onde? Se está, gostaria que fizesses a amabilidade de apresentar as provas.

  3. img
    forro da terra Responder

    Francamente,

    1- O arroz quando foi vendido, ou quando é vendido, para onde se deposita o dinheiro?

    2- Não é numa conta especial no COBSTP ou noutro banco comercial qualquer?

    3- Trabalho simples! É apenas o Telanon tentar saber quem são os assinantes da conta. É verdade e simples ou não?

    4- Ao invés de dar ouvidos a um deputado analfabeto que fala “atoa” no parlamento.

    5- Deve se investigar. Esse dinheiro de fundo de contrapartida está sob a tutela do governo particularmente a direcção do tesouro público.

    6- Para dinheiro sair, o tesouro teria que autorizar.
    A partir daí já se saberá para quê e para onde foi o fundo de contrapartida de venda do arroz.
    7- Mais ainda, pelo que eu saiba só o conselho de ministros poderá autorizar a utilização dessa verba mediante a autorização do governo Japonês.

    8- Solicitem à Direcção do Tesouro e terão respostas fundamentadas.

    • img
      Abdel Santos Responder

      De tudo quanto está a volta desse processo é preciso esclarecer o seguinte:
      A denúncia feita pelo deputado Pires Neto é um dever dos cidadãos em defesa de coisa públçica.Até proque que eu saiba ele não acusou ninguém e o MP, devia ter entrado na cena em tempo oportuno.Os dirigentes do ADI são peritos na denúncia ao ponto de terem introduzidos va processo no MP, algum deles até com objectivo apenasjar lamear as pessoas. Porquê que quando se trata das denuncias feiats pelos dirigentes do ADI contra os seus opositores são normais e quando são contra os seus dirigentes já é coisa de outro mundo? Chegam ao ponto de insultar o deputado chamdo-o de analfabeto.Costuma-se dizer que mais vale um estupido que decide que um intlecutual que só passa a vida a cumplicar ao invés de explicar e decidir.
      De qualquer modo, julgo que não há nada que temer, o director de então foi o famoso Amadeu o chamado doutor que não concluiu sequer a licenciatura, o Ministro foi o Santo Padre Agostinho Fernandes, só estes dois senhores dirigentes do ADI podem explicar o paradeiro do dinheiro.
      Se o produto foi vendido há que aparecer o dinheiro! Se foi fiado ou ofertado alguém terá que assumir!
      Quanto a questão deste fundo ser movimentado pelo Tesouro Publico e/ou com autorização do Conselho de Ministros é verdade mas, isso só acontece quando se deposita o produto de venda na conta e no banco devido, porque de contrário vende-se o produto e levasse dinheiro para casa dos dirigentes ou ainda depositar numa conta alheia ou ainda que tenham distribuido o produto na campanha presidencial em apoio ao Evaristo Carvalho é claro que escapa ao controlo das intituições competentes autorizadas para controlar e gerir o fundo.
      Agora vamos aguardar os resultados da auditoria externa recomendada pelas autoridades japonesas.
      Penso que nada disso tem a ver com as eleições nem o recenseamento se bém que tem sido prática o governo japonês financiar estas operações com este fundo. Ao meu ver isto não irá impedir de modo algum as eleições porque o dinheiro terá que aparecer de uma forma ou de outra. Se compraram casa ou caros de luxo com dinheiro alheio voltam a vender, se foi para campanha peçam ao Patrice, se foi vadiagem ( catrozinhas, viagens, malas, telemóveis e computaores de alto grito, olha o caminho é este, quando a cabeça não regula o corpo paga ” justiça será feita.
      Bem haja.

      • img
        PARABENS Responder

        Sr. Abel Santo;
        Tudo o que disse seria muito bonito se o Sr. Fosse imparcial. É pena que o Sr. não se manifesta da mesma forma com outros roubos não menos importantes para a vida desse povo. Todos os corruptos do ADI, MLSTP, PCD, MDFM e outros devem vender os bens que adquiram com o dinheiro do povo e devolve-los ao cofre do Estado. Agora parece que os corruptos do ADI destroem o país mas os da TROIKA não. Pense no belo pais que o Sr. tem.

      • img
        Quá isca bÍ... Responder

        É verdade, que os desvio de fundo do cofre do País, está assim desde há 30 anos atrás. Porque se não vejamos, o porquê que os deputados não vão aos círculos eleitorais para serem eleitos?
        Principalmente os que andaram a desviar os fundos de tesouro durante todo este tempo? Será que estão a pensar no País ou nos seus Bolsos?
        É tempo para que os jovens pensem e repensem porque a coisa não está boa para os jovens…O País é de todos os Santomenses e não da meia dúzia dos dirigentes de MLSTP; PCD; MDFM.

  4. img
    Jornalista Amador Responder

    Não seria mais sensato governo e entidades proprias averiguarem os facto e decidirem as coisas com minimo sigilo possivel? ADI, MLSTP, MDFL, PCD ou seja quem for, é preciso ter sentido de estado, ser pessoa seria, estes teatros todos não ajuda em nada o desenvolvimento do pais. Não é assim que vamos a lado algum…ou seja quem for vai ser considerado pessoas serias, tudo isso so ajuda em duas coisas:
    - Denigrir imagem no pais ( no etrangeiro principoalmente)
    - Criar odio entre as pessoas menos esclarecidas, quando os da elite, se relacionam e fazem negocios em cumum.
    Por favor, se houve desvio de dinherio, se actualização de cadernos não foram feitos….. façam tudo com sigilo. Se houve mesmo desvio de dinheiro, acham que é dificil saber quem desviou e para onde foi? Para que serve os mestrados e doutoramnetos que muitos exibem? O cerebro não funciuonam, quando se trata de tentar afastar adversario a qualquer custo?
    Meus senhores seja adultos pelo menos uma vez na vida.

  5. img
    Magalhães Responder

    Não seria melhor, o governo ir a público dizer que não queremos eleições, queremos sim continuar no poder, em vez de buscar desculpas, para justificar mais uma vez o adiamento das eleições?
    Francamente, se houve desvio, prende as pessoas que desviaram, para que existe tribunal de contas?
    Fui!

    • img
      papagaio Responder

      Se vcs pensam que é com essa trafulha que vamos mais uma vez ter que adiar as eleições, estão bem enganado, pois dessa vez saímos para rua, ninguém mandou-vos escolher democracia, agora temos é que obedecer a regra democrática, fuiiii

  6. img
    Pv Responder

    STP é um pais democrático, por mais que tentem encontrar motivo para fugir as eleições não vão poder fugir delas. Quer queira ou não, terão que enfrentar o sufrágio. É bem mais fácil saber o paradeiro de dinheiro do que convencer os eleitorados com essa desculpa.

  7. img
    Calibre Doze Responder

    Timbora ADI!!!
    É por isso queeles todosficrambem gordinhosem doisanos de governação. O Levy Nazaré até fez prédio em Lucumi.
    Uma coisa é certa, ADI sabia roubar e depois rgitar 2pega ladrão”, pondo-se em fila a procura de um ladrão inexistente.
    Bandidos!
    Nunca mais esses macacos do Divão ganhar eleições em STP. Só conseguiram mesmo o poder em 2010 por causa da ingenuidade politica do MDFM. Ao menos que seja verdade a história de que alguémficou com contas bem gordinhas em Portugal ao decidir direcionar votos do MDFM para ADI.

  8. img
    Vai tu Responder

    Se o Sr. Deputado Pires Neto,apresentou facturas e outros documentos,penso que a não
    responsabilização deste acto (desvio de fundos)só não será feita se o MP não o quiser fazer,(ou se houver interesses politicos).
    Sr. Abel Veiga não haverá a hipotese do Sr.Pires Neto,facultar esses documentos de
    modo que sejam do conhecimento público.

    • img
      Vai tu Responder

      O repto está lançado SR PIRES NETO.
      Ou não interessa divulgar?

  9. img
    Wadson Almeida Responder

    Mais uma vez fica demonstrado a vontade deste Governo em permanecer no poder a todo custo, sem querer que haja de facto a realização das eleições conforme esta previsto na lei e a única forma do povo poder expressar-se livremente e escolher quem deve dirigir os destinos do País.
    Sr. Gabriel Costa, faça todos os contactos possíveis para que de facto haja eleições em 2014 pois só assim o Sr. poderá sair com a sua cara um pouco mais limpa.
    Como jurista de formação e advogado de profissão, sei que tudo fará para honrar e brindar o povo Santomense com estas eleições.
    Como já disse o nosso PR, o povo só tem voz nas urnas, então deixem-se de fitas e dêem ao povo essa “VOZ”.
    A democracia é consolidada com a realização de eleições dentro do prazo estabelecido na lei.
    No seu OGE de 159 milhões de USD, espero que tenha incluido todo o trabalho desde o recenseamento até a realização das eleições para o ano de 2014.
    Os seus amigos de Angola, Nigéria e da Guiné Equatorial que o Sr. próprio disse no programa “Cartas na Mesa” que iriam financiar o OGE de 2013, vão com certeza ajudar-lhe a financiar também as eleições de 2014. Portanto, agora é começar a trabalhar e deixar de falar do passado, apresentar soluções, dar ao povo alguma esperança de um dia melhor.
    Obrigado pela vossa atenção.
    Um bom dia a todos!!

  10. img
    srº pedro Responder

    Porquê agora tanta reclamação por parte deles.

  11. img
    Barão de Água Izé Responder

    Arroz e pântano de corrupção na politica.
    Há alguma razão que todos os negócios ou ofertas de Arroz ou outros produtos que envolvem o Estado e governo, não sejam por sistema publicitados na TVS, com abertura de concursos públicos?
    Por que razão, está sempre a mesma pessoa privada a ter o monopólio desses “negócios”?

  12. img
    António Silva Responder

    Não percebo o que faz o Tribunal de Contas neste país? Para que serve esta instituição?
    Ele não está ali para fiscalizar e controlar dinheiros e valores públicos?
    Desde 1975 que andam a desviar o dinheiro e coisa pública neste país! Já que criaram o tribunal de contas, que façam alguma coisa.

  13. img
    Alfredo Gentil Responder

    Só nos faltavam mais esta. Então o senhor Patrice Trovoada e os seus seguidores da ADI meteram à mão no dinheiro do Japão. Isto já cheira ao descalabro. O que me parece ridículo é que os lambe botas do partido que utilizam este espaço, estão a pedir sigilo para não difamarem mais o seu chefe. Tenham vergonha na cara. Cambada de sanguessugas.

  14. img
    Jorge Amado Responder

    E sempre a mesma historia com o primeiro ministro Gabriel Costa. Fala mas obras concretas= “0”. Provas do que diz=“0”

  15. img
    Fra nmb« Responder

    o que eu acho é que STP é Príncipe tem um negocio aqui que povo ainda ñ sabe. é por isso k tem tanta confusão em STP. Tem um provérbio que diz país vale o que vale seus homens. STP ñ vale porque os políticos são todos……. principalmente ADI é o mais Assassino.

  16. img
    zeme Almeida Responder

    Brincadeira Brincadeira,que pretexto tao desastroso,agora é que da para perceber que este governo e os da troika tem medo das eleicoes de 2014.Querem pegar neste desfalque para se defenderem e se esconder a cabeca de baixo da areia?Só em S.Tome

  17. img
    zeme Almeida Responder

    Que grande e absurda desculpa.Está provado que este governo e os seus deputados nao estao interessados que se realize as eleicoes no tempo previsto e possivelmente quererem ganhar mais tempo no poder.Só em STP

  18. img
    Truque Velho Responder

    Houve desvio, sim! pode não significar roubo!!
    Deixem de confundir a opinião publica.
    Desvios, para Japão significa, por exemplo, pagar bolsas de estudo, ou enviar doente para exterior, se a verba for destinada para eleições. Basta esse procedimento.
    não enganem mais esse povo, marca eleições!!!

    • img
      Verdade é para ser dita! Responder

      O Sr. TRUQUE VELHO,
      O que Senhor se refere, está fora do contesto. O Senhor quer dizer que no 14º Governo de PATRICE TROVOADA teria pago bolsas aos ESTUDANTES? Não entendo como é que durante esse 14ª GOVERNO, os ESTUDANTES no exterior passaram bastante mal, fato de o GOVERNO do então nunca pagou bolsas aos estudantes. Se pagou a algum estudante, só se foi ALGUNS FAMILIARES e AMIGOS PRÓXIMOS do então Governo de PATRICE TROVOADA. Uma coisa é verdade, pergunte ao Sr. AMÉRICO RAMOS, o Ex- Ministro das Finanças e Cooperação Internacional, como é que o mesmo justificava, de BOLSA ATRIBUIDA a SUA SOBRINHA, que nem sequer ESTUDAVA, mas tinha lhe sido atribuída uma BOLSA. A mesma sobrinha, é CASADA, com um jovem, NETO do SR. Américo Morais, o Ex-Comerciante de SANTO AMARO. A gente sabe disso e de outras. Mas esta é evidente e investiguem, das arbitrariedades cometidas pelo anterior Governo.
      Espero que o TELA NON,deixe passar Comentário, para não acontecer com outras publicações que o TELA NON deitou por terra, não a troco de quê. Esse é um fato que não deve ficar escondido e obrigado.

  19. img
    Floribela Responder

    Eu não entendo esse povo! Quando a verdade vem à tona, acusam o governo de estrategistas para a fuga das eleições. Eu pelo menos, não interpretei no que acima está descrito, a falta de interesse na realização das eleições. Entendo que o pessoal do ADI estão ansiosos para a chegada das eleições convencidos de que ganharão com maioria absoluta, como têm dito, só quero alertá-los para uma coisa: assim como estão preparando champanhe, preparem também medicamentos para curar hipertensão e cuidem-se para não terem um AVC (Acidente Cárdio Vascular – Tombrósio)porque do contrário…….. tenho medo até de imaginar o desfecho.
    Não estou dizendo também que o MLSTP/PSD será o vitorioso absoluto e muito menos, PCD ou outro partido qualquer, mas sim, chamo atenção das pessoas, para não brincarem com coisas sérias.

    O Patrício Trovoada e todo o seu comparsa da ADI desviam dinheiros da conta do tesouro público e as pessoas simplesmente, acham que o actual governo está fugindo às eleições???????
    Tomem cabeça pelo menos agora…

  20. img
    José Antoniodrade Responder

    E o que é feito dos 46 bilhões de dobras (2 milhões de dólares) do fundo do Japão dado ao senhor Delfim Neves para a compra de arroz de emergência.
    Só nos foi dado uma pequena parte de arroz podre. Onde está a totalidade da verba dada a este senhor deputado.
    O Governo fala de verbas utilizadas em 2011, e onde está aquela que vocês deram ao senhor Delfim em 2013.
    Marca as eleições, financia as eleições, compra os medicamentos para o hospital, e deixa de blá blá blá.
    Bem Haja
    Jose

    • img
      Rui Barros Responder

      Senhor José António,
      Acho que embora neste espaço cada um pode utilizar o nome fictício não dá direito de se difamar as pessoas nem devemos ser irresponsáveis, olha que o Abel tem e por dever sabe as origens de todos dos e-mails, por isso chamo-lhe atenção para não estar a dizer algo que não tenha certeza e que não corresponda a verdade, porque se alguém processar telanon por estas mentiras é natural que o Abel e a CST saberá a origem dos comentários para se defender!Tu achas se o Governo da Troika tivesse dado ao Delfim este valor 46 bilhões como dizes para compra de 3000 toneladas de arroz e só trazer as 900 toneladas os ADISTAS iriam deixar isto em branco?
      Pergunta ao Américo Ramos ex ministro e funcionário das finanças que montante foi desbloqueado e para que quantidade. Se não fores esclarecido fale com o Elísio Teixeira o ex ministro de Justiça e atual celebre das denúncias e se fores satisfeito pergunte também ao Levy ex funcionário das finanças e que ainda la tem muitos amigos e atualmente exerce as funções de advogado dos diabos. Investigue antes de falar para não caíres no ridículo.Fui!!!

  21. img
    luisó Responder

    SEM COMENTÁRIOS……..

  22. img
    anonimo Responder

    Os politicos sao as maiores pragas de Sao Tome e Principe, nunca houve e jamais havera um politico serio em STP,

  23. img
    conobia Responder

    Mais uma vez estamos no campo das suspeitas com a intenção de descredibilizar os adversarios. Por é que ninguem fala dos 2 milhões de usd que foi dado ao DS Neves e que até agora não aparece o arroz. Este montante tambem saiu dos fundos de contrapartida, ou sera que estão buscando trafulhas para não se realizar eleições. O Sr PM tem que começar a agir como homem de Estado, parece que vive em contante odio aos opusitores, se o Sr tivesse tido os poderes de Pinto da Costa durante o partido unico, mandaria matar uns quantos, acalme-se, governa, espera odia pra o Sr sair, depois de se STP vai continuar a existir.

    • img
      conobia Responder

      Quis dizer” por que é que”

  24. img
    Truque Velho Responder

    Não entendeu o exemplo, apenas isso. Autodenominou-se Verdade seja dita, mas de verdade fala pouco. Tentei demostrar, o que é para os doadores desvio de verbas. Qualquer uso, que não seja o previamente estipulado, é desvio!! Ok. Não falei de ninguém , nem citei nomes, sou daqueles que respeita o bom nome das pessoas. Com muito respeito, tenha um fim de semana bom. Estamos aqui para explicar a opinião pública, alguns conceitos!!

  25. img
    manuel lima Responder

    Infelizmente este povo já esta habituado a ver seus dirigentes a roubarem e depois dizer vamos fazer o inquérito, mais já sabem que não vai dar em nada, que vergonha.

  26. img
    dezanove Responder

    ai se fosse um jovem quadro que tivesse posto mao nesse dinheiro.

    ha muito que teria sido julgado, condenado e proibido de trabalhar para o estado.

    Esta caso vem uma vez mais, mostrar, que a corrupacao em STP nao tem fim enquanto os corruptos nao vao presos e veem seus bens arrestados, etc.

    Quantos casos de corrupcao foi julgado com exito em STP?

    Houve alguem que no passado preferiu que houvesse uma lei muito simples: pena de morte para corruptos.
    Mas infelizmente ele foi mal visto.

    Dizem que o pais ]e democratico. Sera esta a demacracia pela qual lutaram os antepassados?
    Delapidar tudo a todo o custo?

    NAo seria melhor fechar os tribubais e dar ao povo a forca para julgar com as suas proprias maos?

    Qauntas familias nao sofrem por causa de ma conduto desses corruptos?
    At]e quando minha gente?

Deixe um comentario

*