Ex-ministro dos recursos naturais de Patrice Trovoada está tramado

Carlos Vila Nova(na foto) ex-ministro dos recursos naturais, recentemente desmentiu tudo, até o conteúdo da carta que a Stena Oil enviou ao actual Primeiro Ministro. Disse que não assinou nenhum acordo envolvendo barcos que ilegalmente negociavam petróleo nas águas nacionais.  Mas, o Téla Nón teve acesso ao ACORDO que afinal de contas Vila Nova assinou sim senhor. 

«Não há absolutamente nenhum acordo ou contrato que eu tenha assinado em nome do Governo, e que se prende com os negócios da Stena Oil. Seja Stena Oil, seja os negócios ligados às embarcações que se encontram aqui, ligadas a mesma empresa», declaração do ex-Ministro das Infra-estruturas e Recursos Naturais Carlos Vila Nova, no dia 28 de Outubro último.

O ex-Ministro reagiu assim ao conteúdo da carta que a empresa sueca Stena Oil, enviou ao actual Primeiro Ministro Gabriel Costa, informando-lhe sobre a existência de um acordo assinado entre o anterior Governo de Patrice Trovoada e um consórcio nórdico em que uma das partes é uma empresa sueca com ligações à própria Stena Oil. A carta enviada ao Chefe do Governo são-tomense pretendia explicar a razão de ser e a legalidade talvez, da presença dos dois navios considerados piratas que foram capturados pela guarda costeira a operara ilegalmente nas águas nacionais.

O ex-Ministro dos recursos naturais do Governo comandado pelo economista Patrice Trovoada, reconheceu no entanto que pôs sua assinatura apenas e só, num memorandum que iria abrir caminho para as partes sedimentarem acordos ou contratos, e nada mais. «Trata-se de um memorandum de entendimento que assinei com uma empresa nórdica, isto porque durante o exercício do décimo quarto governo constitucional, tentamos transformar São Tomé e Príncipe numa plataforma de serviços».

Carlos Vila Nova desmentiu a existência de qualquer acordo, sustentou o desmentido, e lançou um desafio. «E assim o que posso fazer é lançar um desafio para que torne público todo e qualquer documento de acordo  ou contrato que eu tenha assinado nesta matéria ligado a Stena Oli», referiu o ex-ministro em Outubro último.

Para não cansar os leitores, o Téla Nón exibe a versão portuguesa do memorandum que o ex-Ministro reconheceu ter assinado. CLIQUE – MEMORANDUM

Para sem mais rodeios desmontar a mentira, o Jornal Digital Téla Nón, mostra também ao público a cópia do ACORDO em versão portuguesa, que o ex-ministro Carlos Vila Nova assinou em Junho do ano 2011, com o mesmo consórcio que tem ligações com a Stena Oil, como referiu a mesma empresa Stena Oil, na carta que enviou ao Chefe do Governo são-tomense. CLIQUE – ACORDO SECRETO

A leitura atenta do documento permitirá a cada são-tomense, comprovar que a mentira tem pernas curtas.

O mais grave em tudo isso é o facto das instituições do Estado são-tomense não terem tido conhecimento deste e outros contratos que foram assinados durante a vigência do XIV governo constitucional. Facto que foi bastante reclamado na última sessão plenária da Assembleia Nacional, durante o debate de urgência solicitado pelo ADI, sobre os 2 barcos que foram capturados pela Guarda Costeira. Por sinal o mesmo partido que era poder quando os barcos começaram a entrar nas águas nacionais para fazer seus negócios, alegadamente a luz dos acordos assinados.

O Téla Nón sabe que o Estado são-tomense está a tomar conhecimento sobre os tais acordos, através das entidades privadas que tem se manifestado, informando o actual governo sobre os negócios, contratos e acordos, que também não geraram qualquer dividendo para o país. Isto apesar de os barcos terem invadido as águas nacionais operando e transbordando.

Note-se que para além deste contrato com o consórcio nórdico para negociar petróleo e fazer outras operações petrolíferas nas águas nacionais, o mesmo governo de Patrice Trovoada, assinou acordo com a empresa asiática Bluesky com sede na Libéria, para explorar petróleo e gás nas águas nacionais. A tal empresa de capital taiwanês, também colocou barcos gigantes ao largo de São Tomé, realizava manobras nocturnas e diurnas, e depois zarparam do país sem pagar ao Estado Real(São Tomé e Príncipe), mais de 300 mil dólares em taxas de estacionamento.

Mais tarde o Téla Nón deu a notícia de que a empresa em causa, a Bluesky, que alegadamente estava a criar porto flutuante ao largo de São Tomé no quadro de outro acordo com o então governo, estava falida e os seus barcos estavam a ser confiscados em toda a parte do mundo.

Aliás uma das empresas envolvidas no conflito dos barcos capturados pela guarda costeira denunciou este facto, tendo dito que os tais barcos da Bluesky, que recebiam visita do ex-Primeiro Ministro Patrice Trovoada, estavam escondidos em São Tomé em fuga da justiça internacional, que os procurava para penhorar. Verdade mais tarde comprovada num artigo do Téla Nón que citou uma imprensa internacional especializada em negócios mercantis.

Em dois anos o território marítimo são-tomense, por sinal 160 vezes maior do que a terra do arquipélago,  se transformou numa placa de negócios complexos, escuros e desconhecidos para o Estado, que só via barcos em manobras a ir e a vir.

Abel Veiga

Notícias relacionadas

  1. img
    Fernando Castanheira Responder

    E depois disso?
    Tudo vai continuar na mesma. Isto e a maior verdade. O povo continua sofrendo o Pais nao cresce e alguns vao se safando.
    Ate quando teremos um verdadeiro tribunal que prima pela justica?

    • img
      Sensa Responder

      É de alertar uma vez mais… POVÔ DI SANTOMÉ… biliuêôoooooooo
      Partido nenhum desse País meteu na cabeça dos seus membros em querer melhor de São Tomé e Príncipe…
      Querem sim é ajustar contas, e melhorar suas vidas, isso sim!!!
      Devemos votar nas pessoas, e não nos partidos!!! Biliuêôooooooo

      Bem haja estas Ilhas Maravilhosas
      Bem haja São Tomé e Príncipe

      Sensa Comissário

    • img
      Justiça XXI Responder

      Que jornalismo é este? Isto tudo é caso para dizer: ganda lata! Que sensacionalismo? Eu se fosse o Sr. Vila Nova processaria o jornalista. mas talvez seja melhor esperar quando o ADI ganhar as eleições, porque se o processo for agora, talvez mandem arquivar. Mas como estes tipos de crimes só prescrevem a fim de 5 anos, pode-se sempre esperar, depois das eleições. Isto é uma falta ta de respeito com um homem honesto e ainda por cima um ex ministro do Estado. O Abel Veiga um dia pagará pelos seus males as pessoas deste país, a justiça dos homens é passageira, mas a DIVINA poderá tardar mas será eterna e irrepreensível.

      • img
        Zé Maria Responder

        Caro amigo
        Deixe a imprensa fazer o seu trabalho.
        O Procurador Geral da República, desta feita, se não for cego muito menos surdo deve juntamente com a PIC investigar a denúncia feita apurar devidamente os fatos e oferecer a denúncia para que o acusado possa provar a sua inocência.
        Não conseguindo prová-la deverá ser responsabilizado nos termos do Código Penal e Processual Penal vigente.
        O resto é o resto.
        Ninguém assina um documento sem ler muito menos um Ministro de Estado.Um homem culto que é, devidamente esclarecido.

  2. img
    Mar de STP Responder

    Granda confusão,
    O Vila Nova tinha fama de homem integro mas como reza o ditado “Quem deita com cão acorda com pulgas”
    Todos sabemos que o Sr.Por Conseguinte” ganhava 200 mil dólares por cada barco que operava na nossa ZEE. Vila Nova tb sabia, porquê que continuou lá?

    Deixamu í pesca meu sóooooo antes que fica proibido canoa anda no mar.
    Ahahahahahahha

    • img
      Vai tu Responder

      São dois aspectos que agradecia que o anterior Ministro das Obras Públicas reconhecesse a sua assinatura ou alguém idóneo e que me explicasse onde está a carta
      da STENA OIl.
      Isto é para não perguntar,o que naqueles obrigam o Estado de S.Tomé e aonde aparecem os nomes ou autorizações a estas
      duas últimas empresas envoltas nesta transação em águas territoriais de S.Tomé
      Na minha opinião alguém terá que responder em M. Público, por difamação ou
      por crime contra Economia de Estado.

  3. img
    torresdias Responder

    Mas o vila Nova disse bem que desafiava qualquer entidade relativamente ao acordo direto com a Stena Oil, agora um acordo com um consórcio que se relaciona com stena oil, como diz o Telanónm é outra coisa. Ele está se defendendo através dos aspetos jurídicos como todos advogados e demais políticos desta terra. Mas também não vi assinatura do individuo, ou não a estou reconhecendo.

    • img
      Verdade é para ser dita! Responder

      Torresdias,
      Interprete os documentos em si. Não se pode ver a assinatura dos intervenientes. Mas, se reparar, os documentos apresentados, trata-se de uma tradução do acordo que tem a sua autenticidade, tendo em conta os carimbos do notário onde deu os documentos como autentico. Para existir um documento desse, é porque o acordo existe de facto.

      • img
        Vai tu Responder

        Lamento informar,que o reconhecimento é das
        traduções dos documentos não tem nada a ver com as assinaturas ou as premissas legais dos mesmos.
        As assinaturas têm um tratamento especial que neste caso,conforme escrito nos mesmos
        Carimbo e Assinatura de cada parte.

  4. img
    Parece Mentira Responder

    Contando não se acredita numa coisa desta! Ainda por cima este senhor aparece a dar entrevistas a criticar tudo e todos. Sinceramente!!! Este país está entregue aos larápios. O que será deste povo????

  5. img
    Izaquiel Responder

    Uma caterva de mentirosos e aldrabões. Com que cara esta gente pode aparecer aqui a falar a dizer para apresentarem documentos, etc. Corruptos e mentirosos. Onde é que está o senhor Abílio Costa Neto para falar destas coisas na rádio? Outro corrupto incorrigível. É da mesma família. Depois aparece a querer dar lições aos outros. Uma escumalha de mentirosos e corruptos. Este país está desgraçado com filhos desta estirpe. Só pensam nas suas vidas. Eu até que tinha alguma simpatia para com este Abílio Costa Neto. Agora parece-me um elemento da farinha do mesmo tacho. É triste que S.Tomé só fabrique mentirosos, corruptos e aldrabões.
    Estou muito triste com esta situação toda.
    Izaquiel

  6. img
    Chupu Responder

    Ao ver o documento em anexo, mais uma vez fica claro que a “mentira tem pernas curtas”. Todavia, não esperava isso do ex-ministro Vila Nova, muito embora a existência do ditado popular que diz o seguinte: “Quem dorme com cão sarnento, normalmente, acorda com pulga”
    E agora o que deve ser feito?

    • img
      nada mal Responder

      A onde o ex- ministro cometeu crime? ele afirmou que assinou o acordo com uma empresa nórdica que visa criação de uma empresa. que no meu ponto de vista ao ler este documento vejo que trairia vantagem para o pais, tanto econômico com social

  7. img
    Féla Balía Responder

    Afinal Vila Nova! Quem tá falar verdade?
    Quem por muito seriu que pareça, se mistura com malandro torna malandro.

    Acredito que Agostinho Fernnades tb tem podres. Telá Non bom trabalho, e não se deixa intimidar.

    • img
      abedel Responder

      no meu ponto de vista acho que não crime nenhum na assinatura do ex ministro no tal acordo, nada que se compara com a recente importação do arroz podre com total apoio do actual governo

  8. img
    Angolares Livre e Independente Responder

    É agora, senhor ministro? E agora senhor primeiro-ministro? E agora, senhor Abílio Neto? E agora, senhor Carlos Menezes? O que é que vocês poderão dizer? Nunca vi tanta trafulhice junta.
    Como é possível assinarem um projeto para implementação de uma PPP e ninguém cá em S.T.P estar informada sobre o assunto em causa? Eu que até acreditava nalgumas reclamações que o Patrice fazia, agora estou completamente siderado e envergonhado. Eu que ouvi o senhor Abílio Neto falar de galo, insultar os outros, chamar nomes aos outros, colocar-se acima de todos e de tudo, começo a pensar que este senhor sabia destas trafulhices todas, estava bem informado sobre estas coisas todas e era parte integrante ou projetista-mor destas ilegalidades. Eu nunca vi ninguém dar corpo às balas como este senhor Abílio Neto fazia, insultando os outros que faziam os seu trabalho e apresentavam as suas ideias e informações. Ele também faz parte da quadrilha.
    É muito triste S.Tomé estar a viver esta situação. Não se pode confiar em nenhum governo, em nenhum líder. Todos fazem a mesma coisa. É muito triste tudo isto.
    Eu peço ao senhor primeiro-ministro Gabriel Costa para avançar com este processo doa a quem doer.
    Andaram a dizer que o homem não tinha curso de direito, que era incompetente, que era assado, que era cozido. Eu que não tinha muita simpatia por ele acho que ele é o grande responsável pelo aparecimento destas verdades todas e para a transparência neste processo que o senhor Patrice Trovoada e sua escumalha queriam concretizar. Malditos!!!! Passaram a vida a enganar o povo. Agora está cá a verdade.

    • img
      João Ninguém Responder

      Meu caro sabemos todos que senhor Abílio Neto é um dos pau mandado de governo sessante e até hoje ganha dinheiro por isso não vale apena, ele mesmo com este documento ele vai continuando a defender essa quadrilha de gentalhas e são comparça dele tentaram enganar a nós todos, que somos pobres e filhos sacrificado desta terra que é S.T.P

  9. img
    CEITA Responder

    ó tela non nada disso vai dar resultado, em termos normais tantas acusações com prova evidente as pessoas deverias responder na justiça e não andar por ai a gozar de bens estar social a custa do povo que tanto sofre pra comer Sander love cm fruta. povo esta cansado de tanto escândalo e ninguém faz nada, Pinto da costa quando candidatou prometeu diminuir a corrupção Gabriel idem, o que vemos e auto- Estrada com mais de 4 faixas de rodagem cada lado de corrupção, temos que mudar de atitude e conduzir país a bom porto NB: não estou contra Vila Nova nem qualquer um Politico mas sim estou contra a incapacidade de gerir uma ilhota como essa,

  10. img
    Banana Responder

    Abel, um governo legítimo tem ou não competência para assinar acordos?
    Porquê esta perseguição e campanha difamatória aos membros do Governo de Patrice Trovoada democraticamente eleito?

  11. img
    caos caos caos Responder

    Ê bobô êh ADI cú Vila Nova.
    Todos para Justiça.
    VENDE-PÁTRIA.

    • img
      abedel Responder

      e o delfim, atual ministro do comercio e os anteriores ministros do mlstp

  12. img
    stp Responder

    Mentiras tem perna curta, já chega de bandidagem, sinceramente, mete vila nova na cadeia

  13. img
    observador Responder

    Sinceramente, estamos entregues à bicharada, até o Vila Nova !!!, então esse Governo do Patrice só andou a mamar nesses 2 anos de governação….

  14. img
    Má Plá Miná Responder

    É politica.

  15. img
    zeme Almeida Responder

    A presenca dos policias,ao lado eis ministro ,nao passa de uma grande montagem.Muita gente a ver tais figuras podem imaginar que o ministro está preso.E estou convicto na prestacao deste ministro.Tudo quanto vem passado neste jornal nunca deu em nada e nunca houve alguma acusacao.Falam-se tanto da cadeia,até parece que a cadeia só foram feitas para {RATOS}.Que metam o ministro na cadeia se voces tem provas da acusacao e evitem estar ali a especular.O ministro nunca teve acesso a TVS para prestar as suas declaracoes porque poder nunca o deixou.Forca Vila Nova que povo está do seu lado.

    • img
      caos caos caos Responder

      Palhaço,
      Então não foi na TVS que Vila Nova fez declaração dizendo que desconhece do assunto?

  16. img
    zeme Almeida Responder

    O senhor stp o senhor é que deveria ir a cadeia porque fala atoa.

  17. img
    Trianta Mil Barris de petroleo Responder

    Precisamos de saber se se trata de acordo secreto, protocolo ou contrato.
    Em termos de tradução, deixa muito a desejar, Lucros Netos!!! Português?
    Lucros Líquidos,
    Muito bicharada!!

  18. img
    Mé-zochi Responder

    É uma tristeza só,..como é possível uma coisa dessas, Sr. Vila Nova veio a TVS com palavreados a fim de tentar enganar o povo, em 2 anos de governação do ADI cometeram crimes numa velocidade galopante..até onde vai a ganancia o pensamento corrupto. Se eu fosse Levi Nazaré não dava as caras no parlamento a fim de defender esse partido de gente macabra. Não critico ADI por não gostar do partido, mas sim eles vieram como esperança pra São Tomé, é isso que mais nos decepciona.

    • img
      zangado Responder

      Levy Nazaré não trabalha, fez casa no SATON com corrupção – perguntem ao Antonio Dolores, que fez as obras dele e do Agostinho, qual era o esquema que funcionava Tem carrinha que nunca comprou, recebe salário pago pelo Patrice Trovoada, viagem Patrice Trovoada, toda essa boa vida para ele ficar calado…nunca e como, achas que o gabinete de advogados da tanto dinheiro assim, ainda mais quando se sabe que o mesmo tem divida com banco e deve pagar todos os meses…Só politica mesmo por isso meu caro, ele vai dar cara sempre mesmo sabendo que o que vai dizer não ser verdade.

      • img
        tlabâ sâ lenço Responder

        és mesmo um pelerma, sem cultura, olho cheio,em de coisa dos outros, tu és que deveria ir trabalhar.

  19. img
    Farta de ladroes Responder

    Imagino que como oucupa cargos importantes ,essa historia vai ficar por isso mesmo ,nao vai acontecer nada de nada com ele.

    • img
      Justiça XXI Responder

      Eu não compreendo o porquê de tanto alarido. Mas é incrível como nós nos deixamos levar pelo pensamento dos outros. Alguém já parou para pensar que tipo de crime o homem comeu e onde é que está tipificado? Será que um ministro do Estado não pode assinar acordos? Ainda mais no ramo da sua tutela? Quanto acordos foram assinados em tempos remotos por outros governantes. Estes sim com prejuízos avultados para os cofres do estado e para o suor do povo pequeno. Já se esqueceram dos casos da SINERGIE e das indemnizações que lhe seguiram? Não se trata de encobrir um mal com o outro. O problema é que neste caso não vejo mal algum mas sim um grande indicio de difamação pública de uma ex figura politica.

  20. img
    Banana de STP Responder

    Foi encontrado mais um dos piraaaatas do time do ADI… que tristeza!!! Vamos ver qual será o final da história.

  21. img
    zangado Responder

    Eu nunca confie no Vila Novas – com esse paleio todo de homem serio. Falta os pobres de Agostinho Fernandes, outro defensor/advogado de Óscar Medeiros ladrão de computador de TVS. Todos cambardas de ladrões, aldrabões sem vergonha que usam o partido para estarem bem na vida. Gostaria de ver o que será do ADI se estes escândalos todos derem cadeia para Patrice Trovoada e alguns seus lambebotas.!!! É pena MLSTP não estar sendo inteligente, deveria mandar o Gabriel Costa pra casa indicar o Rafael Branco para o cargo de 1º Ministro e pronto…os de ADI que estão havidos de virem vingar dos outros, saberia o que é trabalhar a serio e onde fica a psiquiatria de STP.

  22. img
    Akeles Responder

    Sr Vila Nova, temos que assumir os nossos actos…..

  23. img
    Martelo da Justiça Responder

    No meu ponto de vista, esses documentos são duvidosos e insuficientes para provar alguma coisa. Seja como for, esses é o resultado de não passagem de pastas do anterior Governo. Quando as coisas do Estado são tratadas como se fossem assuntos privados resulta nessa trapalhada que estamos a observar. Realmente é uma irresponsabilidade de as pessoas que nos querem governar. Começo a dar razão as pessoas que dizem que estar na política em São Tomé e Príncipe é uma forma de resolver os seus problemas pessoais e não os do povo. É muito triste!!!

    • img
      Aurélio Responder

      O senhor tem alguma dúvida sobre isto? Sempre foi assim em S.T.P. A única diferença é que o senhor Patrice Trovoada veio com tanta lata, dizendo que queria acabar com a corrupção, que o ADI era diferente dos outros partidos, etc. Com a ajuda do seu amigo de peito Abílio Neto começaram a arquitetar a estratégia que agora toda a gente conheceu.
      Declararam que não assinaram nenhum documento, que não fizeram nada, etc, agora aparece a prova do crime. Como é possível que um governo que se gaba de ser diferente dos outros, que quer acabar com a corrupção, pode assinar um contrato de PPP e incluir nele um total secretismo sem informar ninguém e o povo não ter qualquer conhecimento sobre o seu conteúdo? Grandes aldrabões sairam-me estas pessoas. O Abílio Neto que andou a defender esta gente como um cão de guarda só espero que ele se retrate ou senão faz parte da quadrilha.

  24. img
    conobia Responder

    Este acordo(documento)0 foi pura invenção, Vila Nova deve pedir autencidade deste acordo, não seria a primeira vez que se forjam provas neste País quero lembrar que os camaradas são especialistas nesta materia. Repara que em nenhum momento se ve claramente a assinatura do Ministro no acordo. E a forma como se cobre a assinatura do Ministro é evidente k se trata de autentica montagem. O Vila Nova em defesa do seu nome deve exigir que se apresente os originais, e processar a empresa por falsificação. Tudo isto porque as eleições vêm ai e vale tudo.

  25. img
    Zona Sul Responder

    Nem tudo que brilha é ouro!!!!

  26. img
    rancataco Responder

    e o ex ministro ja esta detido ?

  27. img
    rancataco Responder

    aguarda remudelacao mais o caraxas

  28. img
    fiá luxinga Responder

    Pelo menos vi acordo, li e esta tudo corretamente ao meu ver, é seria útil para país segundo os pontos descritos e assumida pelas partes, isto porque qualquer país para crescer necessita de uma parceria ( 60% de um lado e 40% da outra parte)a fim de cira posto de trabalho e tentar tirar país deste marasmo.
    Agora, o que não compreendo é porquê que governo escondeu acordo da Assembleia e da população?
    Para governo atual, preciso saber qual valor do prejuízo por governo anterior ter assinado este contrato?
    Por outro lado qual valor do prejuízo por ter rompido contrato?
    Qual é alternativa que governo tem para melhoria da população

  29. img
    tela mu Responder

    Parece mentira um povo que saiu a rua fazendo revolta com manchim e cacete para correr com os portugueses não saiem a rua na revolta vendo como propios os nativos de s.tome estão a desgraçar o País ?Ja era de estranhar muitos bancos ;chales de luxo altos carros e o povo na miseria são assasinos gente sem crebilidade .viva a endependencia total imediata viva .Saiem a rua agora todos fazem revolta kua de bôbô só.

  30. img
    Barão de Água Izé Responder

    Os Governos têm e devem ter liberdade de representar o País em qualquer negócio que ajude a combater a pobreza na nossa Terra e traga desenvolvimento.
    O que é grave, muito grave é o total e permanente secretismo em que esses negócios são desenvolvidos. Negócios estratégicos para vida de todos os nós, mas parece e desde o inicio da eventual exploração de petróleo com Miguel Trovoada e até hoje com a ANP, parece que há interesse do projecto petróleo ser um negócio privado. Pobre STP, com políticos tão gananciosos.

    • img
      ferpenapandopo Responder

      Caro Barão de Água Izé,políticos gananciosos
      é uma expressão muito doce,eu designaria
      “LADRÕES”,que é o nome mais apropriado para quem rouba o que é de todos.

  31. img
    Dias Responder

    Temos que ter hombridade meus senhores e dizer ao certo o que esta escrito no memorado e no acordo. Ela foi assinado com a Stena Oil? Atacamos o que é real: Não esquecemos dos péssimos acordos assinado anteriormente e que foram lesivos ao estado,e que nenhum governo veio a praça pública manifestar.
    com este acordo houve desvio de dinheiro?,
    foi lesivo ao estado?
    Isso é que queremos entender e saber.

  32. img
    Zona Norte Responder

    O problema não é se o acordo é lesivo ou não para o estado. Isto ver-se-á depois. O Problema é: porquê que o senhor Patrice Trovoada. o Vila Nova e toda a equipa do ADI e até o senhor Abílio Neto andaram a dizer que o atual governo está a mentir, chamaram mentiroso ao atual primeiro-ministro e disseram que não existia nenhum acordo e agora dizem que a assinatura não é do Vila Nova.
    A mentira tem pernas curtas. Para quê assinar um contrato num contexto de secretismo máximo só para prejudicar o país? Malditos!!! Deveriam ser todos presos.

    • img
      Credo... Credo... Credo Responder

      A política cá em S.Tomé deixou de ter interesse para mim. Não percebo qual a razão pela qual o ADI e Patrice Trovoada andaram tanto tempo a dizer que não assinaram contrato nenhum, chegaram a chamar mentiroso e mau profissional ao atual primeiro-ministro e, agora, continuam a mentir dizendo que a assinatura no contrato não é do Vila Nova. Eu já tenho idade para ser ponderado nas minhas críticas mas tenho de reconhecer que esta gente é ruim. São maus, porcos e feios. Como é possível que o país tenha baixado tanto ao ponto de deixar que estas pessoas pudessem ser governantes do país? E sem vergonha na cara continuam a mentir descaradamente. Onde está o Gegé Amado Vaz que chamou mentiroso e inculto ao primeiro-ministro? Onde está o Abílio Neto que chamou nomes ao primeiro-ministro e disse que todos eram incultos e mal preparados e só o Patrice é que era bom?
      Deixei de ter confiança neste Abílio Neto. É um aldrabão como os outros. Também deve estar metido nesta trafulhice toda. E não teve a humildade de pedir desculpas a ninguém e reconsiderar a sua posição. Como é possível confiarmos em alguém como este senhor que passa a vida a criticar os outros e é ele mesmo um mestre da quadrilha mais perigosa que o país já conheceu? Tenham vergonha minha gente!!! Alguém ainda acredita em vocês? Só os ADEISTAS que não pensam. É muito triste o que está a acontecer. Triste mesmo!!! O país bateu no fundo.

    • img
      Santana Grande Responder

      Há muito tempo que ando a dizer que este Abílio Neto pertence a quadrilha do Patrice Trovoada desde o princípio. Os meus amigos diziam que não, etc. Agora eles já me dão razão. Este senhor andou a insultar o atual governo, chamando nomes às pessoas, dizendo inclusive que o governo atual andava a inventar porque não tinha provas documentais para apresentar contra o Vila Nova nem contra Patrice Trovoada e agora ele enfiou o rabo entre as pernas e desapareceu. Onde é que está a credibilidade deste senhor? O Gegé Amado Vaz é outro da mesma equipa. É triste porque são pessoas com alguma qualidade intelectual e profissional que andaram a se degradar arranjado argumentos inqualificáveis para criticar os outros e agora não sabem o que fazer e vão arranjado outros argumentos mais desqualificáveis para continuarem a apoiar o Patrice Trovoada. Como é possível que pessoas cultas se deixam degradar nesta teia de mentiras e contradições só para apoiarem um projeto político? Ganham alguma coisa com isto? Têm alguma recompensa financeira ou material? Eu não consigo perceber isto. Uma coisa é a pessoa apoiar um partido político ou as ideias de um partido político outra coisa é ser apoiante incondicional ao ponto de estar a inventar argumentos em defesa de crimes que foram praticados por estes políticos. Eu tenho muitas dificuldades em perceber este ADI.

  33. img
    Alfredo Gentil Responder

    O mister Por Conseguinte é um bandoleiro disfarçado de político muito ganancioso. Sempre viveu a mamar nas tetas da vaca. Corrompe tudo e todos, uma verdadeira praga. Tornou cidadãos impolutos em verdadeiros corruptos e mentirosos. Custa a crer mais os seus seguidores que têm o nome na folha do Bala (moço de recados do PT) são capazes de agredir alguém que fale algo sobre o seu grande PAPA. O Abílio Neto é um grande intelectual, mas está ao serviço do Homem. Perdeu a vergonha e o tino para apenas defender o seu precioso tacho. O Vila Nova pagou uma nota preta no casamento da sua filha que teve lugar há três meses na Marina do Hotel Praia. Lagosta e outros manjares dos Deuses vieram em vôo fretado de Angola. O pessoal só quer mordomia, viver bem e regado com bom champanhe. E quem esteve nesta festança? Os pequenos do ADI? Não. Os manos Levy, Fernandes, Varela e outros. Abra o olho Povo.

  34. img
    HT Responder

    Sempre assim nesses pais nada é verdade, também nada é mentira, ainda a qualquer momento ele será ministro…

  35. img
    filho da terra Responder

    tudo isto devido ódio, que tenhem Pelo Patrice Tovoada, e o ADI..

    • img
      Matabala Vermelha Responder

      Mas qual ódio mau amigo!? O Patrice Trovoada mais o Vila Nova andam a assinar contratos secretos que mais ninguém conhece no país cujo conteúdo estava nos maiores dos segredos e agora que é descoberto ainda vens dizer que é ódio contra o Patrice Trovoada? Isto parece uma brincadeira. Eu como um simples cidadão é que estou muito revoltado com tudo isto. Eu tinha confiança neste senhor, participei em campanhas pelo ADI, acreditei no projeto político do ADI e estou muito desiludido com estas porcarias todas. Sinceramente que isto me dá uma grande raiva. Não se pode confiar em ninguém neste país? Para onde iremos assim? Da forma que eu ouvi o senhor Vila Nova a falar e mesmo o Patrice Trovoada a falar mais o senhor Abílio Neto na rádio eu estava totalmente convencido que de facto era uma campanha contra o Patrice Trovoada. Cheguei a discuitir com amigos e familiares meus que tudo isto era uma campanha. Agora aparece-me uma coisa desta? Sinceramente!!!! Nunca esperei por esta desilusão e falta de confiança. E ainda por cima não ouvi ninguém do ADI vir falar nada sobre isto para pelo menos justificar o que se está a passar. Ainda continuam a mentir outra vez.
      Toda esta história faz-me lembrar aquele ministro do interior do Iraque que mesmo quando as tropas americanas já estavam a entrar em Bagda ele dizia aos jornalistas que on Iraque estava a ganhar a guerra. É isro que está a acontecer com o ADI, o Patrice Trovoada, o meu amigo Vila Nova e mesmo o nosso comentador Abílio Neto. É muita pena tudo isto.

      • img
        nada mal Responder

        que documente secreto meus amigo, uma coisa é não ter conhecimento,outra é segredo. o documento esta no ministério e havia tanta individualidade presente na sua assinatura.
        Ainda mas este documento não tem nada de ilegal é mais como tantos outros assinado pelo diverso governo.

        • img
          Lima Responder

          Mas se o documento não é secreto porquê que o Vila Nova disse que não assinou documento nenhum para além do memorando? Sinceramente. Vocês continuam a mentir. Tenham dó… Já chega! Eu já ouvi o Vila Nova dizer, de formas clara, que não assinou documento nenhum para além do memorando. Todo o povo de S.Tomé ouviu isto. Agora vem o senhor dizer-me que o documento estava no gabinete. Quer dizer eu sou palhaço não é????? Se estava no gabinete e toda a gente sabia da sua existência porquê que o Vila Nova disse que não assinou documento nenhum para além do memorando? E para quê tanto secretismo no conteúdo do referido documento? E porquê que as próprias pessoas do ADI andaram a dizer em entrevistas, o próprio Abílio Neto e o Vila Nova, para que o governo atual apresentasse documentos que comprovariam a assinatura do referido contrato? Tenham dó! Isto já cheira mal. Tenham vergonha.

  36. img
    MQ Responder

    Olha essas trapalhadas publicadas nos jornais é só para por os filhos da terra que estão fora malucos sem saber a realidade do país concretamente, isto porque quem encontra mesmo em STP não estão a ver nada porque estão sempre a serem enganados ou seja os santomenses.
    Alguma vez nesse país ouviu-se que os ex-ministros ou políticos desse país foram presos?
    Acho só serão presos se o país ser governado por jovens com 18 anos e menos dos 30 anos, porque ao menos mesmo roubando já não seria as mesmas cara podres e ladrões que fazem dos palácios e ministérios de casa mãe joana sai e entram.

  37. img
    Verdade Responder

    Não há explicações que venha a convencer-me do contrario, o ex-ministro afirmou categoricamente que não assinou acordo nenhum e que apenas assinou um memorando de entendimento. Agora querem me dizer que não é a Stena Oil que assinou o acordo, mas também não foi a Stena Oil que assinou o memorando. Não venham confundir este Povo. Aqueles que dizem que explicam sem complicar, afinal só querem é confundir ao povo.
    Vi comentários dizendo que este acordo não é prejudicial ao País, só mesmo quem não entende nada de negócios neste ramo de petróleo pode dizer isso. Dar preferências a uma empresa na prestação de serviços, é eliminar a concorrência num negocio tão competitivo e cheio de vantagens para o País é benéfico? Parece que não aprendemos com os erros, estamos sempre a dar preferência e exclusividade a empresas que muito pouco aportam para a economia nacional.
    Por outro lado, porque razão se manteve a sete chaves esse acordo, chegando mesmo a dizer que o Gabriel é mentiroso e que não existia acordo nenhum? é por ser benéfico ao País?
    A bancada do ADI desafiou ao Governo a Apresentar prova da existência do acordo e ai esta ele. o que farão agora? dizer que a assinatura não é valida? Sejamos sérios. O Problema de STP é que as pessoas vivem dos partidos políticos e não são honestos, são capazes de manter mentiras, injurias, difamação, etc.. só para defender o seu ganha-pão (partidos políticos)
    O problema deste País está nos seus homens.

    • img
      Rui Responder

      Gostei senhor Verdade! Bem dito. O problema do nosso país são os homens. Eu que vivo em Inglaterra e não sei muito bem o que se passa no interior do país estava absolutamente convencido que o Gabriel Costa e o atual governo não tinham razão naquilo que diziam. Até chamei nomes a este pessoal convencido que, de facto, estavam a perseguir o Patrice Trovoada e o ADI. Peço desculpas públicas ao Gabriel Costa e ao atual governo. Estou completamente desiludido com tudo isto.
      Ainda por cima ouvi várias vezes o comentador da R.D.P- África, senão me engano o senhor Abílio Bragança Neto, dizer que não existia contratos nenhuns, que era uma invenção do atual governo e outras coisas. Não o conheço pessoalmente mas parecia-me uma pessoa de bem. Agora estou desiludido e percebo melhor os porquês que acontecem certas coisa em S.T.P. Não se deve confiar muito em certas opiniões e comentários, sobretudo politicos. Até onde chegam as pessoas e as ambições???

  38. img
    zeme Almeida Responder

    Matabala vermelha faca a sua campanha do outro lado.O senhor pertence aos partidos da troika e esta querendo confundir a malta do ADI.Tenha vergonha e apareca

  39. img
    Justiça XXI Responder

    Gentes das ilhas!

    Ilhas verdes, pintadas por imponentes coqueiros
    Ilhas verdes, onde abençoadas sementes se impõem ao poder da gravidade

    Ilhas verdes, Ilhas verdes, Ilhas Verdes

    Ilhas verdes, onde suas gentes se enfrentam, mutilando toda a esperança

    Ilhas verdes de homens maquiavelismos, mentirosos, aldrabões, manipuladores da verdade, construtores da mentira

    Ilhas verdes, onde a terra germina natureza e seus homens proliferam a impureza

    Ilhas verdes onde a ânsia pelo poder provoca destruição, desonra, humilhação de suas próprias gentes

    Gentes da terra contra gentes da terra

    Ilhas verdes, Ilhas verdes, Ilhas Verdes

    Ilhas verdes de homens cinzentos
    homens cinzentos que destroem a sua profissão, que deitam no lixo sua honestidade para simplesmente fazer o jogo político da mentira

    Ilhas verdes de homens cinzentos que se deixam enganar por todos estes artefactos.

    Ilhas verdes um dia seus homens serão verdadeiramente verdes, como a cor da esperança.

    In S. Tomé 14:44 H de 13/11/2013

  40. img
    Coisa Feia Responder

    Não sei se a coisa é mesmo esta.
    Li o memorandum, mas não vi o nome da empresa Stena Oil. Esta confusão entre estes 4 partidos só nos deixa mal. É o nosso país que está em causa. A gente fica sem saber quem fala a verdade. Que desgraça estamos nós. O que devíamos mas é nos preocupar-nos é com o nosso hospital. Desenvolver a agricultura e a Educação que está em perda de qualidade. O país não pode existir sem pessoas, seja de que partido for.

    • img
      Matabala Vermelha Responder

      Mas eu não percebo porquê que esta gente continua a arranjar mais desculpas que só contribui para enterrar mais a posição do ADI. O que é que interessa o contrato term ou não ter o nome da empresa Stena Oil? O que o Vila Nova claramente ao país é que não existia nenhum contrato assinado por ele para dar cobertura aos atos praticados pelas embarcações ao largo de S.Tomé. Garantiu isto na televisão e desafiou o primeiro-ministro a mostrar os referido documentos. O senhor Abílio Costa Neto também apareceu a dizer o mesmo.
      Agora vêm com desculpas que o documento não tem o nome da empresa Stena Oil. Isto já uma brincadeira para enganar as pessoas. As pessoas não são burras ou estúpidas. O problema é: o Vila Nova assinou ou não um contrato? Ele disse que não e desafiou o primeiro-ministro a mostrar publicamente o referido documento. O documento apareceu agora e no entanto arranjaram outra desculpa agora que é que o docimento não é original ou que floi forjado e agora que não faz referência a Stena Oil ou ainda que estava no gabinete. Em qual destas justificações eu devo confiar?

      1- Que estava no gabinete e toda a gente sabia?

      2- Que não faz referência a Stena Oil?

      3- Que foi forjado?

      4- Que não tem assinatura do Vila Nova?

      AQual destas versões é verdadeira afinal? É tanta desculpa que as pessoas já começam a desconfiar das próprias justificações.

      Se toda a gente sabia do documento e ele foi público porquê póem em causa a credibilidade da assinatura do ministro Vila Nova? Se ele foi forjado porquê razão dizem que foi público a assinatura do mesmo?
      Preparem a defesa com calma e não comecem a entrar em sucessivas contradições. Assim perdem toda a credibilidade que já não é muita.
      Acreditem que é com muita dor que digo tudo isto contra um partido que ajudei a crescer e contribui para o seu sucesso eleitoral e político. Nunca esperei tanta descoordenação e desorientação.
      Atentamente

      • img
        Bruno C. Responder

        Olhe voce mesmo o contrato e tira a tua propria duvida. Não se esqueça de ver as assinaturas.

      • img
        Justiça XXI Responder

        Caso sim para dizer é tanta a ânsia de acusar que até se começa a duvidar das provas que não afinal não provam nada.

Deixe um comentario

*