Destaques

Expulsão de portugueses e romenos caiu

O sobe e desce dos cidadãos portugueses e romenos na capital são-tomense na última quarta – feira, acompanhados pelo seu advogado Carlos Stock, ex-Ministro da Defesa Nacional, acabou por desembocar já no final da tarde no edifício do Supremo Tribunal.

O órgão judicial competente para decidir sobre a expulsão de cidadãos estrangeiros no território nacional, chumbou a possibilidade de os cidadãos portugueses e romenos, abandonarem o país na noite de quarta – feira.

Os cidadãos portugueses e romenos, chegaram a São Tomé há 10 dias como homens de negócios. No entanto foram apanhados em serviço de campanha eleitoral da ADI.

Abel Veiga

    26 comentários

26 comentários

  1. Dama blindada

    2 de Outubro de 2014 as 13:29

    Gostei! Arbitrariedade tem limites!

  2. janota

    2 de Outubro de 2014 as 13:37

    Num país onde existe uma economia aberta e de mercado, qualquer indivíduo, grupo ou empresa pode contratar pessoas ou empresas para prestar serviço… Isto aplica-se a todos, penso eu. Qualquer partido pode contratar os serviços deste ou daquele. Quem trate do som, iluminação, alimentação e tudo o que diz respeito à campanha. Até à redação dos textos. É evidente que não poderão discursar. Mas poderão fazer parte do staff dos partidos. Economia livre de preconceitos para com estes e aqueles. Lei da oferta e procura deste ou daquele produto. Neste caso, parece-me UMA SIMPLES PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS. Cumprimentos.

  3. Maria Madre Deus

    2 de Outubro de 2014 as 13:37

    Em S. Tomé e Príncipe tudo é possível. Até quando seremos um país independente amenos políticamente? Só com Cristo.

  4. Arroz Subistancia

    2 de Outubro de 2014 as 13:54

    Doutra maneira nao podia ser fez-se a justica.
    Na pagina do facebook do MLSTP PSD esta um vidio onde aparece Kaysha (cantor) a fazer campanha e dizer que ama MLSTP e gostaria de perguntar Kaysha e Santomense?
    Por essas tretas e por isso que S. Tome nao vai para frente parem de enganar os mais destraidos.

  5. rui neto

    2 de Outubro de 2014 as 15:21

    boaexpuçao serve exemplo para outros

  6. Graça

    2 de Outubro de 2014 as 16:09

    Olha desde a lei mãe(Constituição da Republica) se o governo tivesse um pouco de atenção já visa um reprovação da expulsão mesmos Portugueses e Romenos. O Governo motivado na luta de sim ou não. Atrapalham logo se o pré-aviso de greve dos Professores originou filosofia do Governo em anuncia que devido as eleições suspenderão as aulas. Outro caso é pré-aviso da chegada de maior Dirigente Perseguido desde momento da Democracia até hoje o “Dr. Patrice Trovoada” A.D.I o Governo também decreta critérios de perseguição ao aviões e as pessoas, como a expulsão dos tecnicos.

    • Joia

      3 de Outubro de 2014 as 21:52

      Graça, saia na pessoa do Afonso Varela, o ex JOTA fanático do Manuel Pinto da Costa, militante número 1 do MLSTP.
      Senhores, que o pequeno Varela mudou completamente…quem diria!

  7. Vai tu

    2 de Outubro de 2014 as 17:55

    E agora se eles pedirem uma indemnização por, difamação e,
    perda e danos, a “vários”.
    Quem se trama é Povo Santomense, que perde em todos os as-
    pectos.

  8. nacionalista

    2 de Outubro de 2014 as 18:19

    Patrice Cadeia vai a PRG e esclarece sobe o q

  9. António Menezes

    2 de Outubro de 2014 as 18:28

    Pouca vergonha meus senhores dirigentes: Afinal STP é de quem? Então quantos estrangeiros não vieram já pra diversas campanhas? Tenham vergonha…Deixem disso e trabalhem uma vez para STP. Então esse é o Pais que os dirigentes dizem que é democrático? Só com Cristo…Mas sabem de uma coisa…isso não vai continuar assim, pra quê tanto ódio?Estamos a criar o QUÈ?

  10. Fia Luxiga

    2 de Outubro de 2014 as 19:14

    Vivemos num mundo Globalizado e da Economia do mercado, por isso somos um mundo sem fronteiras e também possuímos Leis como qualquer outro estado livre a nível mundial. Pois pegaram os cidadãos por serem estrangeiro e a prestarem serviço para um determinado partido politico.
    Agora solicito ao autores destas detenções quais foram as Leis que estes cidadão estrangeiros violaram?
    2- Porque que tinha ser no dia 30 de Setembro feriado?
    3- Porquê que ninguém do governo deu explicação até então?
    sabemos que muitos dos nossos dirigentes são ditadores e possuem pouca escolaridade hoje o nosso país é outro

  11. António

    3 de Outubro de 2014 as 0:05

    hehehehehehhe

  12. António

    3 de Outubro de 2014 as 0:08

    Nunca tinha visto tamanha má gestão de site… Brincadeira

  13. PETER

    3 de Outubro de 2014 as 5:11

    parvisse, isto tudo e trabalho do senhor Oscar

  14. Dia

    3 de Outubro de 2014 as 7:28

    Oh meus senhores! basta todas essas tretas. Se o tal Patrice vier ganhar essas eleições, é porque Deus queria que ganhasse.
    Porque com todas essas pouca vergonha que existiu e foi criado a volta dele se fosse qualquer um desses nossos políticos sem convicção já teria desistido antes do tempo. Deus é quem sabe tudo. Deixam que tudo aconteça meus senhores sem esforçar nada. Aprendam isso

  15. Munõz

    3 de Outubro de 2014 as 7:30

    De facto, nada como o tempo. Se a expulsão dos portugueses e romenos é ilegal,o que dizer da expulsão do cidadão Camaronês pelo governo de Patrice Trovoada, que invadiu a casa do homem que tinha mulher grávida e filhos pequenos e apontou uma arma à cabeça. Não satisfeitos levaram o homem para o aeroporto e queriam que ele assinasse um papel a dizer que saía de S. Tomé de livre vontade. De facto é preciso ter memória curta. Mas como aquí é mundo, o Stock, que óntem queria expulsar, hoje é advogado e já sabe o que é uma decisão ilegal e arbitrária.
    Está a ver como é bom Stock? Se a decisão do Stok enquanto ministro era ilegal, esta também é!!!!!!

    • luisó

      3 de Outubro de 2014 as 9:24

      Muito bem dito e escrito.

    • culpado

      5 de Outubro de 2014 as 15:12

      Alguém ainda se lembra disso
      Supremo Tribunal de Justiça chumba Ministro Stock Publicado em 24 Set 2010 Comentários: 113
      O acórdão número 35 do Supremo Tribunal de Justiça tornado público quinta – feira, suspende a decisão do ministro da Defesa e Segurança pública Carlos Stock, em expulsar do país o cidadão camaronês Pierre Marie N´Dé.

      No documento que o Téla Nón teve acesso os juízes do Supremo Tribunal de Justiça dizem que o Serviço de Migração e Fronteiras, tutelado pelo Ministro Carlos Stock, «nos termos da lei não tem poderes para formar um processo para efeito de expulsão de estrangeiros, mas sim encaminhar esse mesmo processo ao poder Judicial para decisão».

      http://www.telanon.info/sociedade/2010/09/24/5342/supremo-tribunal-de-justica-chumba-ministro-stock/

  16. PITEU

    3 de Outubro de 2014 as 7:38

    Esses indivíduos que ordenaram a expulsão não conhecem a Lei do seu próprio país?

    É pena como é que estamos a ser governados por um bando de indivíduos totalmente desnorteados.

    Este é um país democrático, onde prevalece o primado da Lei, acima de todo desejo dos políticos mal intencionados.

    • culpado

      5 de Outubro de 2014 as 15:13

      Supremo Tribunal de Justiça chumba Ministro Stock Publicado em 24 Set 2010 Comentários: 113
      O acórdão número 35 do Supremo Tribunal de Justiça tornado público quinta – feira, suspende a decisão do ministro da Defesa e Segurança pública Carlos Stock, em expulsar do país o cidadão camaronês Pierre Marie N´Dé.

      No documento que o Téla Nón teve acesso os juízes do Supremo Tribunal de Justiça dizem que o Serviço de Migração e Fronteiras, tutelado pelo Ministro Carlos Stock, «nos termos da lei não tem poderes para formar um processo para efeito de expulsão de estrangeiros, mas sim encaminhar esse mesmo processo ao poder Judicial para decisão».

      http://www.telanon.info/sociedade/2010/09/24/5342/supremo-tribunal-de-justica-chumba-ministro-stock/

  17. Pau Sabão

    3 de Outubro de 2014 as 9:57

    5 (Cinco) partidos no poder: MLSTP/PSD-PCD-MDFM-PLATAFORMA DO PINTO-UDD de Gabriel, não conseguem trazer um palco de qualidade para campanha. Que vergonha! INVEJOSOS

  18. marco

    3 de Outubro de 2014 as 10:13

    patrice casdeia bem vido ao seub lugar

  19. Jacob Z

    3 de Outubro de 2014 as 15:40

    Povo Santomense é como relógio sem cabeça,que qualquer um com dinheiro governa,só pensa no presente tenho pena do meu povo.

  20. Camarada

    4 de Outubro de 2014 as 11:06

    O povo saotomense vao arrepender se votarem no ADI. O pai de Patrice Trovoada nao deu provas suficiente como presidente da republica. O poder do Patrice e Pinto da Costa e so vinganca nao e amor a patria. Lembram o passado recente das conversas do Patrice.O Pinto da Costa nem qualquer outrose primeiros ministros anteriores governos nunca lancaram ameacas de caos ao pais.Patrice e um grande mentiroso.

  21. Furtado

    5 de Outubro de 2014 as 21:11

    Carro amigos, os dirigentes do nosso pais nao tem tenhem moral nem para espulsar os estrangeiros inlegal,porque se eles pensaci realmente no futuro de stp muitos dos saotomenses nao taria no pais do outro inlegal a procura de vida melhor.Quanto ao politica eu quero voz pedir nao se enganan mas uma vez,porque quem diz que sempre amou nunca abondona,patrice trovoada2anos?porque?este e o amor?esplica agora para o povo o teu amor,esplica sem complicar a tua raiva vai te destruir,vaz ganhar a eleicao mas a maioria e impocivel mano,porque o sao tome e o Deus vivo e vai nos proteger dos teus odios,forca sao tome.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo