Destaques

António Dias considera que a estabilidade governativa em STP só é possível com o entendimento

Candidato do partido PCD ao cargo de Primeiro-ministro, António Dias Ministro da Agricultura e Pescas, é um rosto que tem feito aumentar de forma surpreendente a falange de apoio ao seu partido PCD com vista as eleições de 12 de Outubro.

Na última sexta-feira a capital são-tomense ficou tingida pela cor amarela. Uma cor comum nas camisolas do PCD e também da ADI. Cerca de 500 metros separavam o comício dos dois partidos. O PCD se concentrou na raça Yon Gato defronte ao gabinete de trabalho do Primeiro-ministro.

pcdOs militantes dos dois partidos se cruzavam nas ruas. Como tradicionalmente sem haver qualquer incidente entre os dois grupos. Pacifismo, é uma marca registada da democracia são-tomense e do homem são-tomense, que não deve ser beliscada por ninguém.

A mistura pacífica dos militantes dos dois partidos em várias artérias da cidade, sobretudo na praça de táxis, é uma das provas de que no seio do povo, há estabilidade e entendimento apesar das diferenças de opinião e de opção política.

António Dias, desvendou o segredo da estabilidade governativa em São Tomé e Príncipe. País que viu cair vários governos de maioria absoluta nos últimos 24 anos de democracia pluralista. «Os dirigentes têm que ser humildes. Numa família quando pai e mãe não se entendem são os filhos que pagam. Temos sua excelência senhor Presidente da República Manuel Pinto da Costa, que foi eleito pelo povo de São Tomé e Príncipe, que é o pai, e eu quero ser a mãe desta população. Como sabe mãe trabalha muito, o pai é para presidir. É preciso que haja entendimento entre a mãe e o pai para garantir o futuro dos filhos. Relaciono-me muito bem com o Presidente da República, vamos formar uma dupla para trabalhar para o futuro de São Tomé e Príncipe. Estamos muito motivados para o efeito», declarou o candidato do PCD ao cargo de Primeiro-ministro.

Com a Praça Yon Gato repleta de apoiantes, António Dias disse que «não sou nenhum milagreiro, mas posso conduzir uma liderança forte no país, uma liderança inclusiva, com o apoio de elementos de outras forças políticas. Afinal somos todos primos. É essa união que tem faltado a São Tomé e Príncipe. Temos que ser humildes», reforçou.

O candidato que liderou com sucesso os sectores da agricultura e pescas, acredita que deu provas de que é possível mudar o rumo do país, que tem terra fértil, mar 160 vezes maior e rico em recursos. «A maior parte da população é jovem. Não é possível ter tanta pobreza», concluiu.

Pobreza, é exactamente o único adversário que António Dias diz querer combater nas eleições de 12 de Outubro.

Abel Veiga

 

    11 comentários

11 comentários

  1. Edmilbe Ramos

    4 de Outubro de 2014 as 22:16

    «Os dirigentes têm que ser humildes. Numa família quando pai e mãe não se entendem são os filhos que pagam. Temos sua excelência senhor Presidente da República Manuel Pinto da Costa, que foi eleito pelo povo de São Tomé e Príncipe, que é o pai, e eu quero ser a mãe desta população. Como sabe mãe trabalha muito, o pai é para presidir. É preciso que haja entendimento entre a mãe e o pai para garantir o futuro dos filhos. Relaciono-me muito bem com o Presidente a República, vamos formar uma dupla para trabalhar sobre o futuro de São Tomé e Príncipe. Estamos muito motivados para o efeito».

    O senhor alem de ser honesto, trabalhador e humilde, e ainda tem o “don da palavra”.
    Eu agradeço a Deus por ver no meu país pessoas como tu.
    Eu ainda vejo uma luz no beco la no fundo da escuridão, essa luz é o senhor A. Dias.
    Mesmo que não venças essas eleiçoes eu te garanto STP nesses 18 meses de governaçao viu um ministro dos sonhos. Nunca tinhamos visto antes…
    A felicidade constantes dos agricultores e das palaies, casas reconstruidas, ilumimnaçao. Epa. So tenho que agradecer. Mto obrigado SR. Ministro. Deus te acompanhe.

  2. Maria silva

    5 de Outubro de 2014 as 1:44

    Senhor Antinio Dias realmente suas palavras sao lindas e o Senhor parece ser uma Pessoa do bem com esperito trabalhista um ser humilde e de boa indole!
    Mas acontece que o povo prefere receber ” banho ” e a esta altura do jogo maldito Patrice trovoada esta a dar banho em EUROS e com um povo burro e ignorante como nosso , infelismente a sua chance ” a probabilidade ” de ganhar é muito pequena, lamentavel

  3. bom sinal

    5 de Outubro de 2014 as 5:03

    Quem é bom temos que reconhecer. Sou da ADI mas desta vez voto no PCD por causa do A. Dias. Devemos começar a ver pelas figuras e não pelos partidos.

    • Mé Zemé

      6 de Outubro de 2014 as 16:08

      Truques de tempo de chuva. Vais votar num homem ou num partido? Você esqueceu quem é PCD…partido comedor de dinheiro. A. Dias é bom ministro de agricultura, mas está rodeado de bandidos e maiores corruptos da nação. Acho que quando ADI formasse o governo, deveria chamar o A. Dias para continuar na paste e aconselha-lo a abandonar este partido dos maiores delapidares do estado. A. Dias não devia estar neste partido, pois o seu curto historial como ministro não tem nada a ver com o historial do partido.

      • Mé Zemé

        6 de Outubro de 2014 as 16:11

        Delapidadores e não delapidares

  4. SOMBRA

    6 de Outubro de 2014 as 8:22

    «Os dirigentes têm que ser humildes. Numa família quando pai e mãe não se entendem são os filhos que pagam. Temos sua excelência senhor Presidente da República Manuel Pinto da Costa, que foi eleito pelo povo de São Tomé e Príncipe, que é o pai, e eu quero ser a mãe desta população. Como sabe mãe trabalha muito, o pai é para presidir. É preciso que haja entendimento entre a mãe e o pai para garantir o futuro dos filhos. Relaciono-me muito bem com o Presidente a República, vamos formar uma dupla para trabalhar sobre o futuro de São Tomé e Príncipe. Estamos muito motivados para o efeito».

    O senhor alem de ser honesto, trabalhador e humilde, e ainda tem o “don da palavra”.
    Eu agradeço a Deus por ver no meu país pessoas como tu.
    Eu ainda vejo uma luz no beco la no fundo da escuridão, essa luz é o senhor A. Dias.
    Mesmo que não venças essas eleiçoes eu te garanto STP nesses 18 meses de governaçao viu um ministro dos sonhos. Nunca tinhamos visto antes…
    A felicidade constantes dos agricultores e das palaies, casas reconstruidas, ilumimnaçao. Epa. So tenho que agradecer. Mto obrigado SR. Ministro. Deus te acompanhe.

  5. Saotomense

    6 de Outubro de 2014 as 8:27

    faço das minhas palavras a sua, “bom sinal”

  6. Reflexão

    6 de Outubro de 2014 as 9:25

    O santo é que está a dar a cara, mas quem realmente manda no PCD são Diabos. Só estão a usar uma boa figura para caça ao voto. É uma estratégia malévola para enganar o povo de STP. Não vejamos só essa figura, temos que ver todas a acçoes que o seu partido tem praticado nos últimos 2 anos e não só. Crea-me, se PCD vencer essas eleicçoes ou ir coligado ao governo com outro partido qualquer, continuará a lezar o povo de forma muito suja e desmascarada como tem feito.

  7. Lódoma

    7 de Outubro de 2014 as 5:29

    Como cidadão nacional na impossibilidade de passar o seu manifesto em relação a eleição que vem ai decorrer aproveito este canal para manifestar por este motivo passarei essa mensagem em várias páginas.
    Patrício Trovoada no seu discurso na campanha disse que ele irá respeitar a constituição tanto como outros órgãos da soberania, este discurso é do crocodilo morde a lagrimar, se povo santomense não tiver memória curta, relembrem que o mesmo com maioria relativa ele nunca respeitou a constituição, nunca prestou conta a Assembleia nacional, é mesmo dizer que nunca prestou conta ao eleitorado, também quero relembrar esse povo que faço parte que durante mandato do pai, com tantos governos que nunca chegaram ao fim de mandato mas nunca fugiram nem tão pouco desapareceram documentos, agora vem dizer que quer maioria absoluta e que ira respeitar a constituição e dar se bem com outros órgãos da soberania, tanto como Presidente da Republica Pinto da Costa, tudo isto é uma mentira do vingador , é uma farsa, ele é um vigarista ele quer poder para vingar de todos ele nunca respeitou órgãos da soberania, abaixo Patrício e os seus lacaios.

  8. Aleluia

    7 de Outubro de 2014 as 8:09

    Por detrás deste menino, está o DELFIM NEVES, BANO, XAVIER MENDES, BIDÃO, ALBERTINO BRAGANÇA e muitos outros corruptos e sem ideias pra este lindo STP. Aconselho o A. Dias a tomar o seu caminho de político que vem sendo bom, mas longe desses aldrabões. Além do mais para ser PM, você vai precisar de fazer mais caminhos… conselho de amigo.Se não queimas-te desde agora…

  9. Antonio Fernandes

    7 de Outubro de 2014 as 18:48

    O Sr Ministro António Dias tem perfil de líder e está realmente a realizar uma optima campanha.
    Mas, no final, será que será ele a mandar ou será mandado pelo dono do partido e vamos voltar a ter o melhor arroz do mercado e as grandes negociatas em primeiro lugar… Tenho que ter cuidado!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo