Destaques

Ministros “barrigudos” em trabalho cívico com “Mão no Chão”

Na quarta – feira 30 de Setembro, feriado nacional, dia da Nacionalização das Roças decretada há 40 anos, o Décimo Sexto Governo Constitucional liderado por Doutor Patrice Trovoada, deu um grande exemplo cívico nacional.

Os ministros, uns mais barrigudos que outros, pegaram em machins e entraram pelo mato do distrito de Cantagalo em trabalho cívico. Parcelas de terra de duas cidadãs nacionais, foram capinadas e os cacaueiros e bananeiras tratados em termos de limpeza.

Numa das parcelas, foram plantados coqueiros, para daqui a alguns anos aumentar a produção da copra. Um grande exemplo cívico dado pelos ministros do “Décimo Sexto Governo Constitucional liderado pelo Doutor Patrice Trovoada”, e que fez recordar os tempos passados, nos primeiros anos da independência nacional, em que os são-tomenses voluntariamente participavam nos trabalhos cívicos nas roças na altura empresas estatais, sob o signo de “ aumentar a produção e a produtividade”.
Uma das proprietárias de terra beneficiada com o trabalho cívico dos ministros, denunciou que tem filhos mas eles não vão trabalhar a terra. Só aparecem para roubar o que a natureza produz.

Os ministros estiveram no mato sob a liderança de Carlos Stock, ministro da defesa nacional e interinamente líder do governo face as ausências do Chefe Supremo Patrice Trovoada e do Vice-Chefe Afonso Varela.

Foi também uma oportunidade para os ministros do “décimo sexto governo constitucional liderado pelo doutor Patrice Trovoada” frase que repetem como se fosse uma oração, em cada momento da sua intervenção pública, queimarem calorias.

É que os ministros estão barrigudos. Excepções feita ao ministro da Juventude e dos Desportos, Marcelino Sanches, por sinal antigo futebolista nacional, e a delgada ministra da saúde Maria de Jesus Trovoada.

Em menos de um ano como Ministro, Roberto Raposo, que tutela a pasta da Justiça e dos Direitos Humanos, é um dos mais barrigudos do Governo, conforme ilustraram as imagens da TVS. Talvez só poderá ser ultrapassado pelo Ministro da Presidência do Conselho de Ministros, Afonso Varela.

bulauêCarlos Gomes do Ministério do Emprego e Solidariedade, também tinha a camisola toda molhada de suor, fruto do trabalho de capinação e limpeza da roça, e via-se que a barriga alargou-se muito.

No cômputo geral os ministros perderam muitas calorias no dia 30 de Setembro, no exercício de uma actividade, que terá também criado “calos” nas suas mãos de pele suave.

Um almoço entre os ministros e os trabalhadores da Roça Água Izé, marcou o ponto alto dos festejos do dia da nacionalização das Roças.

Claro, que não faltou ocasião para dançarem com as “Mãos no Châo”.  O bulauê da actuliadade que distrai o povo, e que por sinal acompanha as activiadades governativas, o “Chão …Chão”, esteve em Água Izé.

Só o Ministro Roberto Raposo sacudia a barriga e o corpo com mais cadência ao som do batuque do Chão….Chão …Chão….

Pena é que o líder do Governo Patrice Trovoada, está ausente do país. Patrice provou ser o melhor dançarino do Mão ..Chão ..Chão… … …-Chão ..Chão.. Chão. Provavelmente se estivesse em Água Izé  mostrava aos seus ministros como é que se faz…. Até a barriga pousar no chão.

Abel Veiga

    20 comentários

20 comentários

  1. santomense

    1 de Outubro de 2015 as 13:53

    Fartei-me de rir com esse artigo, quem não gostou chora.
    Esses barrigudos deveriam trabalhar nas roças durante todo ano, não apenas no 30 de Setembro, assim evitavam aquelas linhas curvas que têm a frente das camisolas. Nos outros país em que os ministros trabalham de verdade, eles não criam barriga, ao contrário, emagrecem e aparecem cabelos brancos na cabeça deles, sinal de que estão a pensar e trabalhar. Num país com tantos problemas por resolver, admira-me os ministros ficarem tão barrigudos. Será sinal de boa vida? Será sinal de que não estão a trabalhar?

  2. São-tomense

    1 de Outubro de 2015 as 14:01

    Grande Abel Veiga. Hahaha
    Na verdade este é o governo de barrigudos, o chefe é o Patrice Trovoada, o líder da barriga

  3. Maiker

    1 de Outubro de 2015 as 14:04

    Hahahaha. Os homens estão todos barrigudos pah. O grave é que não têm altura, são pequeninos e com esta barriga toda patecem um boneco. O primeiro-ministro esta com uma barriga, credo.Este homem trena muay thay Holandês com esta barriga toda? Hahahhaha.

  4. Nenemias

    1 de Outubro de 2015 as 14:45

    O telanon já conheceu dias melhores, no domínio de informação e redação. Sobretudo vindo de um Jornalista que eu respeitava como um bom profissional (Abel Veiga)

  5. Ospibinho

    1 de Outubro de 2015 as 14:53

    Boa tarde caros leitores;
    Pelo menos os Ministro deram exemplo de como trabalhar enquanto que o Presidente da Republica empolgado pela permanencia no poder a qualquer preco nem da confianca a populacao. Talvez deu conta que o povo jah entendeu seus truques de maltratar o povo.

  6. pascoal de carvalho

    1 de Outubro de 2015 as 15:02

    afinal, isso é notícia ou sátira? jornalismo ou humor? meu caro.

  7. Triste

    1 de Outubro de 2015 as 15:51

    Só você para me fazer rir tanto, Abel. Nota Dez!

  8. Ministros Gordos

    1 de Outubro de 2015 as 21:01

    Isto já é uma tradição. Deve ser o único país, no contexto da CPLP, que os ministros, assim que tomam posse, entram num processo progressivo de engorda como se fossem porcos. Este facto traduz, em parte, o papel e essência da política cá em S.Tomé e Príncipe. É mais um centro de engorda do que outra coisa qualquer. Noutros países os ministros ganham um traço grisalho, emagrecem, a face fica esculpida com um traço característico que decorre do esforço, empenho, dificuldades, falta de sono, preocupação com os outros e outras coisas. Cá em S.Tomé os ministros estão todos gordos ou muito gordos (para não dizer obesos) e quase que entram em competição uns contra os outros para ver quem fica mais gordo. Isto reflete o total conforto que encontram nestas funções bem como regalias de todo o tipo em total contraste com a situação de miséria que a população vive. E ainda dão-se ao luxo de gozar com este mesmo povo. Eu até acho que deveriam fazer um concurso de gordura ao nível dos diversos ministérios deste país, do género “Peso Pesado” como fazem na televisão. Os ministros iam para uma quinta, ficavam lá durante algum tempo, com preparadores físicos, para desbastar esta gordura. Iam saindo desta quinta, aos poucos, de acordo com a perda de peso de cada um deles. Quem perdesse mais peso saia primeiro e assim sucessivamente. Iamos ver quem são os preguiçosos que não gostam de trabalhar para perder peso. Os três últimos a sair é que deveriam continuar como ministros. Os outros deveriam ser automaticamente demitidos porque não servem para esta tarefa.

  9. povo magro

    2 de Outubro de 2015 as 1:14

    Esses ministros engordaram com arroz de china taiwan ..aquele que era para o povo mas que mal chegou despareceu e até hoje n foi visto …essas barigas explicam onde o arroz foi parar ….

  10. Ralph

    2 de Outubro de 2015 as 6:55

    Só quero comentar sobre a repetição da frase “décimo sexto governo constitucional liderado pelo doutor Patrice Trovoada”. Noto com frequência este tipo de ocorrência na Austrália, onde ambos os meios de comunicação e os próprios políticos fazem a mesma coisa. Acho que eles acreditam que tal prática sirva para reforçar os feitos e as virtudes do governo (ou as falhas de um governo quando uma oposiçãfala nesta maneira). Mas o que não se apercebem é que a repetição de “slogans” apenas serve para chatear a maioria dos eleitores.

  11. poxaaa

    2 de Outubro de 2015 as 7:28

    Poxa…..este texto reflete a falta de professionalismo de quem o fez
    …embora concorde que a imagem pode prejudicar um politico, pois sao figuras publicas e devem se preocupar mais. Mas, este problema de barriga grande nao e so dos ministros, a maioria dos Homens acima dos 30 na terra esta assim.

  12. POMBO CU AVILINO

    2 de Outubro de 2015 as 8:27

    Obrigado “Ilustre Abel Veiga”

    Gostei Imenso deste teu comentario, fiquei farto de rir
    continua assim a mostrar um jornalismo de verdade sem medo de forma que o povo gosta mais uma vez meus parabens !Grande Abel Veiga. Hahaha
    Na verdade este é o governo de barrigudos, o chefe é o Patrice Trovoada, o líder da barriga Hahaha!!!

  13. Mé-Zochi

    2 de Outubro de 2015 as 9:29

    Isto é um insulto ao trabalhador honesto, se estes senhores fossem para trabalhar de verdade iriam como o ministro de agricultura com botim que custa 180 mil dobras e não com sapatos que custam no mínimo 1 milhão de dobras.
    Não entendi se o MINISTRO AMÉRICO RAMOS, estava a tirar cacau ou a caçar lagartixa. O Sr ministro da justiça andava a capinar espaço seco sem capim que vergonha.
    Na realidade foram para fazer pose para o TVG – Televisão do Governo e para postarem para esta foto, que ridiculo, a ideia foi muito boa, o que me deixou feliz mas pelo menos façam direito, vistam-se como alguém que vai realmente para roça trabalhar, não precisam ter vergonha, e não precisavam tb colocar roupa suja e rasgada, mas um botim faria toda a diferença. Sei que iniciativas destas irão continuar porque é um exemplo para todos nós, mas da próxima vez façam direito.

  14. os kibamzas

    2 de Outubro de 2015 as 9:37

    O telanon esta em queda livre. Isso nao e jornalismo. Dessa materia entendo mal mas tenho a certerza que nao e jornalismo. Porque nao chama-lo de UMOR non digital. Sr Abal Veiga, com respeito, seja profissional, sabemos do seu potencial.STP ficaria-lhe grato. Ante ke dja non ka chieh ni pitencha seh? Que tristeza.

  15. Original

    3 de Outubro de 2015 as 7:13

    Esta exposição em foto faz-me lembrar capangas do Governador Gorgulho.

  16. Honorio Lavres

    3 de Outubro de 2015 as 11:29

    Sem palavras,gostei desta iniciativa,trabalho ,Maia trabalho que o pais pode crescer.
    ESpero a continuidade.
    Um abraco a todos.

  17. leguebi

    4 de Outubro de 2015 as 8:57

    Muito boa iniciativa. isso ajudaria muito para que o nosso pais deichasse de parecer um matagal como no filme “Lost” com muitas terras destratadas. Desafio o Governo a marcar essa limpeza civica uma vez por mês ou mesmo uma vez em cada 2 meses envolvendo toda a populacao; cada familia nas suas glebas incluindo cidades Quem sabe assim o interior do pais deixaria d ser uma jungla e tdos de uma forma geral fariamos exercicio pra deminuir a bariga e o corpo obeso.

  18. Atento 100%

    5 de Outubro de 2015 as 9:41

    Independentemente dos ministros terem barriga grande, o que de facto revela, salvo melhor opinião, pouco desempenho com cargo em se ocupam, mas convenhamos, isso não é um jornalismo profissional, de boa qualidade. É qualquer coisa menos jornalismos de profissionais sérios. Brincadeira tem hora.

  19. NOVA-DITADURA-ADI

    5 de Outubro de 2015 as 10:29

    PARABENS ABEL! Vejo esse trabalho cívico como mais uma palhaçada do Governo dos BARRIGUDOS de Patrice, no seu gozo com os agricultores que os elegeram para engordarem mais as barrigas a custa da miséria deste povo q correu atrás do arroz- 13 conto! A ideia deste cívico só pode partir deste MEIO ANALFABETO, Ministro q tem tudo de AGRI menos de CULTURA!

  20. stp alerta

    5 de Outubro de 2015 as 18:17

    Os membros do XVI Governo constitucional, liderado pelo Dr Patrice Trovoada, Lema de todos “lambebotas”, até os presidentes de Câmara com autonomia administrativa e financeira falam o mesmo, resumenido vergonha total.
    Esses senhores foram obrigados, “ou vão ou vão”! por isso, foram todos fazer essa figura triste. Seria melhor cada um tirar o seu bolso qualquer coisa como 150.000,00 dobras e pagassem alguém para ajudar nessas parcelas, poderiamos considerar de trabalho temporário e facaria mais barato, quantos 4×4 foram para mato? combustível? TVS? comida fina para esses senhores, porque no fim costuma ser a fruta com côco ou peixe salgado com azeite palma.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo