Destaques

Ministros afastados por Patrice “rejeitaram” investidura dos seus substitutos

Os 4 ex-ministros que foram afastados do décimo sexto governo constitucional liderado pelo Dr. Patrice Trovoada, não marcaram presença hoje no Palácio do Povo, na cerimónia de investidura dos três novos ministros e dos ministros detentores de pastas remodeladas.

No salão nobre do Palácio Presidencial, foram notórias as ausências de Agostinho Fernandes, ex-ministro da Economia e da Cooperação Internacional, Salvador Ramos, ex Chefe da Diplomacia são-tomense (Ministro dos Negócios Estrangeiros e Comunidades), Carlos Stock ex-ministro da Defesa e do Mar e de Carlos Gomes antigo ministro do Emprego e dos Assuntos Sociais.

O Líder, Patrice Trovoada, que assistiu o juramento dos novos ministros e dos titulares de pastas remodeladas, disse que os novos ministros têm bastante experiência, conhecem a realidade do país e a administração do Estado. «Por isso estou convencido que esta remodelação não vai trazer nenhuma quebra no ritmo do governo e vamos continuar assim até o fim da legislatura para o bem de São Tomé e Príncipe», afirmou o líder da república.

Ilza Amado Vaz ex-Directora das alfândegas jurou por sua honra cumprir as leis e fazer cumpri-las. É a nova ministra da Justiça, da Administração Pública, e dos Direitos Humanos. Mesmo juramento prestaram os novos ministros Emílio Lima do Emprego e dos Assuntos Sociais e Urbino Botelho dos Negócios Estrangeiros e Comunidades.

Américo Ramos, que a remodelação ofereceu o super ministério das Finanças, Comércio e Economia Azul, também teve que jurar, assim como Arlindo Ramos que doravante dirige todas as forças de defesa e segurança do país, e Olinto Daio que viu a remodelação reforçar o seu ministério da educação, cultura e ciência, com a comunicação social.

Todo juramento foi feito diante do Presidente da República Evaristo Carvalho.

O Ministro Olinto Daio que a partir de 2012, participou no lançamento da primeira televisão privada on line em São Tomé e Príncipe, deverá aplicar a sua experiência privada na melhoria do funcionamento dos órgãos estatais de comunicação social, quiçá devolvendo a liberdade e a pluralidade perdidas. Nos últimos 2 anos os órgãos de comunicação social do Estado, estiveram  nas mãos sufocantes da segunda figura do Governo, o Ministro da Presidência, Afonso Varela.

Abel Veiga

 

 

    31 comentários

31 comentários

  1. ministério das finanças comércio e saco azul

    18 de Outubro de 2016 as 21:45

    A montanha começou a DESMORONAR com a ausência de Agostinho Fernandes, Carlos Stock, Salvador dos Ramos e Carlos Gomes.
    Fez-me lembrar quando caiu o governo de Patrice Trovoada em 2012 que NAO HOUVE PASSAGEM DE PASTAS.
    Pelo visto é que já está na BICHA, ou seja A PRÓXIMA VÍTIMA será o LEVY NAZARÉ .
    Êh bobôôêhhhhhh.

    • AC

      23 de Outubro de 2016 as 11:09

      ADI, MLSTP, Geração Esperança e PCD é tudo a mesma m**** só mudam as moscas.

  2. Vexado

    19 de Outubro de 2016 as 0:15

    Pelas palavras do primeiro-ministro espera-se que o ritmo mantem e não haja bloqueio de cidadãos trabalhadoras e que contribuem para o país.

    Gostava de saber como ficou a relação Varela, agostinho, stock e Levy, depois dos golpes/traição do chefe lol.

    Esse partido é escola. Partido que engana os seus militantes.

  3. explicar sem complicar

    19 de Outubro de 2016 as 8:46

    Infirmações de fontes seguras dão conta que os ministros expulsos do governo irão todos formar uma BANCADA INDEPENDENTE ficando a espera de Levy Nazaré para ANEXAR ao grupo junto ao deputado da UDD
    Ou vai ou racha.
    DUBAI em curso.
    NOTA:
    A TVS e a RADIO NACIONAL nao informaram a população sobre a ausencia dos 4 ministros na tomada de posse.
    PORQUÊ????????

    • FOCOTO

      20 de Outubro de 2016 as 7:24

      Porque TVS e RN são lixos. Nem falam da greve da PIC que dura mais 15 dias. é uma desgraça. Diabo que leve o PT para inferno como ele está tratar este país dessa maneira…o povo que voto ou não aguenta só

  4. Madiba

    19 de Outubro de 2016 as 9:07

    Caros compatriotas

    Lentlada caxêlo tê pógi muntu. saida caxêlu… Quando os ministros entram em serviço dizem sempre para os funcionários que ninguém tem o lugar cativo. Os funcionários que não têm a cara do politico sofrem todo o tipo de vingança. Só nestes momentos é que têm a oportunidade de resolver com rancor uma querela antiga. E tiram sem pudor os funcionários das suas funções de forma mais desumana. Agora estão descontentes porque deixaram os ministérios. Aqui é mundo. S. Tomé e Príncipe é de todos nós. Ninguém é mais santomense que outro. Até porque desconfio muito daqueles patriotas exacerbados, quando um político está no poder. Mas quando deixam o poder desaparecem, como diabo que foge da cruz.

  5. CUIDADO STP

    19 de Outubro de 2016 as 9:22

    Meus caros,

    Quem introduziu a pratica em São Tomé dos ministros cessantes não assistirem a tomada de posse dos novos ministros foi Patrice Trovoada.

    Com a saída do Agostinho Fernandes a geração esperança perde poder e influencia dentro do ADI, pese embora, Levy Nazare continue como secretario geral do partido.

    Começou o principio do fim do ADI.

    Um abraço a todos

  6. EX

    19 de Outubro de 2016 as 10:56

    Clara que eles não poderiam comparecer foram chotados. Tudo nesse Partido de PT e no seu Governo é Empreitada de pouca duração, acabou tomou, é uma e muita pena muitos que ai vão e destroem as amizades, famílias e até convivência para agradar o PT e quando termina a empreitada, ficam com cara de Tacho, e resmungar pelos cantos.

    Uma curiosidade o que é feito do Presidente da Câmara Distrital de Água Grande, que parecia jovem prodígio da Politica São-Tomense, desde que fez aquelas, declarações a quando das comemorações do dia da Independência, pareceu que tomou chá de sumiço.

    Esse PT, só crer destaque pra ele quem tentar destacar mais que ele é alvo a abater.

  7. malebobo

    19 de Outubro de 2016 as 11:29

    o pior está para vir, o partido adi, está na queda livre, quem viver verá

  8. Paulo Andrade

    19 de Outubro de 2016 as 12:32

    Senhor Primeiro Ministro de S. Tomé e Principe, convinha saber que Um líder forte com colaboradores fracos, torna-se num líder fraco….e o senhor está a caminhar a paços largos neste sentido.

  9. poto zanblala

    19 de Outubro de 2016 as 13:10

    Não sei não. Isto esta de mal a pior, mas acho que apesar dwbtodas as críticas feitas se urbino botelho aproveitar oa quadros dos negócios estrangeiros issp podera nelhorar,igualmente se olinto daio não continuar a aplicar a política de exclusão em relação aos quadros senios da comunicação social wle,ppdera se safar. Na realidade e triste ver homens que,contribuiram para uma boa imprensa em stp eatarrm hoje vetados ao abandono e o único culpado não e Varela senão Patrice trovoada.

  10. seef ramos

    19 de Outubro de 2016 as 13:20

    Ja esta estalada a confusão ,ADI não vai ao lado nenhum,os ministros que sairam ja avisaram que irao meter a boca no trombone ou seja desmantelar a rede .

    Américo ramos que poe a pau os trinta milhões que esta em portugal na caixa geral de deposito ja moveu para outra conta .

  11. Eusebio Neto

    19 de Outubro de 2016 as 13:29

    Santo Poderoso, jamais dormiu e por isso acredito que as suas acções em pról da defesa do indefeso povo santomense já arrancaram. Poucos ou nenhum santomense poderia ter imaginado que um partido/governo tão unido que sobrevivera a sua queda no parlamento e ao exílio do seu líder durante 2 anos poderia dar mostras de de tanta desunião tão cedo. As ausências dos demitidos na cerimónia de posse dos novos ministros só traduz o inicio do desmoronamento do grupo. Veja só, nem o Dr. Pinto da Costa que tinha motivos suficientes para não se fazer presente na investidura de Evaristo de Carvalho, marcou a sua solidificada personalidade cumprindo todos os tramites previstos na CR.
    A mensagem que o trio dos “aldrabados” quis enviar com sua ausência pode ser resumida como aviso de uma violenta “guerra” contra o ditador e feudalista político Emery Patrice Trovoada. Não estaria a desvendar nada se dissesse que esse grupo até já deve estar a contar com “escorraçando” Abílio Neto que já começou a dar alguns indícios de estar cansado de ser constantemente mentido elo líder da ADI. O próprio Afonso Varela e o Levy já devem estar a munir-se de “armas” prevendo o seu afastamento. Como se compreende o facto do PT ir buscar quadros supostamente da oposição para integrar seu governo quando o partido anda a “desperdiçar” juristas como Levy Nazaré e outros!? Onde anda Abnildo Oliveira? Tudo indica para aquilo que eu já dizia anteriormente, depois de “arrumar” com MLSTP e outros partidos, o Emery Patrice deu inicio inicio a neutralização dos membros da ADI que, por mais variadas razões poderiam vir a constituir sérios obstáculos ao avanço da realização da sua maior ambição pessoal que é ser presidente de S. Tomé e Príncipe em um regime presidencialista que obrigue o povo a lhe chamar a moda do continente, PRESIDENT QU´IL NOUS FAUT e PAPA FOUNDATEUR. Meus caros compatriotas, estamos perante a execução de um plano cuja meta é “africanização” do pais no seu mais hediondo e selvático molde. Neste o presidente manda, desmanda, faz e desfaz e enriquece a custa de todos e mantém o poder até que a morte o golpeia. Mas nem tudo está perdido porque agora o povo conta ajuda do Salvador Ramos, Carlos Stock, Carlos Gomes e muito possivelmente do Levy Nazaré e muitos outros descontentes da ADI ainda continuam a estudar a situação. Veja só que o presidente Evaristo assumiu publicamente ter sido empurrado para essa coisa de presidente. Ele nunca quis esse lugar mas, a desmedida ambição de um indivíduo, obrigou-o a cumprir as ordens deste, claro com medo de represálias.
    Agora mais que nunca o povo deve redobrar a sua vigilância porque, agora é que são elas.
    Deus nos acuda

  12. Costa Pedro

    19 de Outubro de 2016 as 14:56

    Brevemente o povo santomense, os militantes do ADI e os admiradores da família Trovoada saberão quem é efctivamente a força de bloqueio que o Sr. Patrice Trovoada sempre andou a culpar de não deixar o governo trabalhar. Eu sei quem é a força de bloqueio. A força de bloqueio que não deixa STP desenvolver e tem usado STP para os seus benefícios é a FAMILIA TROVOADA e os seus lacaios Afonso Varela, Vila Nova, Americo Ramos…

  13. Alegria fa.

    19 de Outubro de 2016 as 15:02

    Sei que Abnildo, Levy e mesmo Elísio são pessoas que aguentaram ADI na ausência de Patrice. Agora não servem? Que ingratidão!

  14. Carlos Santos

    19 de Outubro de 2016 as 15:21

    O comentário do homem que diz ser ” depotado” é um sinal de que o Patrice promove incompetência.
    Como é possível um deputado cometer tantos erros num texto tão curto?
    Oh senhor Bala, vai estudar.
    Você escreveu português, Bala?
    esperença?
    depotado?
    cimpatizantes?
    meletantes?
    credibelidade?
    opoziçaão?
    Forsa?
    Até o nome do teu chefe ladrão Patrice, escreves mal.
    Esse país está mal.

  15. Rato

    19 de Outubro de 2016 as 16:08

    O senhor Arlindo Ramos é o deputado mais BURRRRRRRRRRO da história da nossa República.
    Isto só pode acontecer mesmo com ADI, ainda com vontade de vir comentar!

    • FUBA

      20 de Outubro de 2016 as 7:58

      MAS Burrrrrroooooo Ehnnnnn.

      Esse arrumado que é o ministro dos mais letrados do país…..Armado em esperto só porque é lacaio de PT. Diabo que vos leve. Atrasado.

  16. marta pina

    19 de Outubro de 2016 as 16:39

    OS tais eis ministros que acabaram por ser demitidos pelo seus chefe Patrice Trovoada estão a colher frutos que andaram a plantar durante estes anos. Estes senhores andaram a venerar o CHEFE e agora estão a chorar o quê? Eles foram, avisados. Eles não são inocentes. O Salvador Ramos não sabe quem é a família Trovoada em particular Patrice Trovoada? Brincadeira! Agora eles têm que aguentar como os homens de oposição estão.

  17. maria

    19 de Outubro de 2016 as 17:16

    Fico feliz com essas mudanças. Prinicpalmente por termos uma mulher minisitra de justiça de novo.
    So espero que os demitidos se comportem e nao se vinguem porque se foram declarados pessoas não gratas, por esse motivo incompetentes por não saberem desemprenhar as suas funções.
    Desde do Raposo que a pasta da justiça tornou-se chacota quer a nivel nacional quer ao nivel internacional…
    DEus ajude São Tomé e novos ministros..desejo sucessos a todos.
    maria

  18. Jorge Trabulo Marques

    19 de Outubro de 2016 as 19:51

    Fizeram muito bem em se recusar a servir de cabide a um Governo que usa as pessoas como o Judas lavou as suas mãos, depois de trair Cristo.

  19. seabra

    20 de Outubro de 2016 as 9:16

    …uma decadência anunciada! STP no estado de coma,após longos e largos anos de tortura,de suplício. Os grandes criminosos e assassinos,estão livres como o balão. Por prova,o A.Varela,o braço direito,inchado pronto a explodir…estamos a caminho. A cerimônia funèbre,vai custar a muitas vidas,vai ser a primeira verdadeira revolução/rebelião em STP,para permitir que o país arranque, via o PROGRESSO,depois,no bom sentido,onde havera paz e harmonia. É de uma importância capital,de passar-se por esta etapa,que é de limpar,de eliminar,definitivamente,os CORRUPTOS e destruídores da democracia,da paz,do progresso etc em STP. Os Trovoada devem sair de STP,porque não são bons filhos da terra,não são patriotas,mas sim larapios,vagabundos,separatistas…em suma : GENTE de MÁ INDOLA.

  20. explicar sem complicar

    20 de Outubro de 2016 as 9:56

    Patrice Trovoada esta a falar a toa demais até que sem notar confidenciou alguém que ja nao confia nos NAO IRIGINAIS do ADI oi seja os VINDOUROS da Geração Esperança,Levy, Agostinho e Stock, estes que veem querendo assaltar o poder dentro do ADI, os de PCD e MLSTP Carlos Gomes e Salvador dos Ramos.
    Ele afirma tambem ja nao confiar absolutamente nada en Levy Nazaré. Este Patrice é mesmi ingrato. Quando fugiu em 2012 abandonou ADI foi graças a Levy que hoje ADI é poder absoluto. E hoje estao sendo todos ESCIRAÇADOS como cães. Quer dizer usou agora deita fora. Familia Trovoada é assim.

  21. José Ribeiro e Silva

    21 de Outubro de 2016 as 10:17

    Finalmente AG F deixou de ser um peso para o Mecias.
    o Ministro tinha uma reforma do sector empresarial que não andava, tinha o credito de Portugal( 10 milhões), através da Caixa Geral de Deposito para avançar com sabedoria e celeridade o processo e a favor dos ditos empresários do partido ADI em articulação com seus sócios portugueses, e não conseguiu avançar. Isto, e mais coisas, associada as ultimas declarações pouco ajuizada do ex Ministro Agostinho Fernandes aquando da Negociação do Acordo de Pesca com UE, depois da refeição e de ter bebido se calhar um pouco chinho mais de algo que não seja água, fez aborrecer o Mecias e líder da SEITA ADI que lhe mandou para casa pastar Ovelhas.

  22. António Pedro Neto

    21 de Outubro de 2016 as 10:28

    Como é possível, conviver com estas tantas inverdades? O Povo têm que despertar.

    Com tantas dificulidades financeiras, com tanta falta de dinheiro nos cofres do Estado, depois do PT ter dito que não se deve comprar carros por comprar, e que carros para Directores não deviam passar os USD 18.000 , há ministérios a comprarem carros novos para os seus Directores, e que já tinham carros bons? Que falta de respeito é esta? Isto não é cuspir na cara do povo?
    Olhem só para o carro novo do Ministro de Agricultura? Olhem para os PORCHES adquiridos para a Directora do Gabinete do Ministro de Obras Públicas e demais Directores deste ministério,só para citar alguns?
    Isto é sério?

  23. precisamos de pessoas serias

    21 de Outubro de 2016 as 15:12

    Feitiço virou contra feiticeiro…

    Tantas publicidades feita por senhor primeiro ministro entorno da tomada de posse de Evaristo Carvalho, ao qual ele pensava que drt. Manuel Pinto Da Costa não viria para cerimonia, agora são os seus ministros que dão ar a sua graça.
    PT você é astuto mas, não inteligente. Teu erro vive no teu Protagonismo.

  24. FCL

    21 de Outubro de 2016 as 20:50

    Xe , ! .. Eu vi ministra na rua semana passada sem cabelo de repente fica ministra cabelo cresce logo!

  25. seabra

    21 de Outubro de 2016 as 22:12

    Aqueles que outrora defenderam e preservaram o lugar do MADRINHO da ADI,durante o seu bem estar no exílio,serão eles que (por ambição e vingança),vão pôr um termo à presença nefasta da familia Trovoada, e o fim fatal deste mafioso criminoso do PET…bem merecido! Todos os maus actos têm a má consequência. É assim, “quem vai à guerra dá e leva”.
    Ninguem terá pena do que der e vier,porque o PET e os seus capangas,não têm pena de toda uma colectividade…de um povo inteiro…a partir daí,não se vai ter pena de 1 ou de 5 cabeças “qui vont sauter,pour disparaître,définitivement de la scène politique de STP”. A. Varela,prepara-te porque vais saltar junto com o teu MESTRE,o GURU PET.

  26. seabra

    22 de Outubro de 2016 as 1:54

    Gente,ladrão comum rouba : dinheiro,carteiras,automóveis,celulares,relogios,fios de ouro etc.
    Os políticos roubam:
    felicidades,saúde,habitação,educação,pensões e/ou trabalho.
    O primeiro ladrão : escolhe-te.
    O segundo ladrão: foi escolhido por ti.
    Reflexão:
    Analisa, pense nisso e,age em conformidade.
    Escolhe inteligentemente os teus próximos ladrões!

  27. vemu, éee

    22 de Outubro de 2016 as 19:38

    Será que mandar um jurista como Dr. Agostinho Fernandes para ocupar a pasta de Economia e da Cooperação Internacional foi coisa pensada? Isto é como mandar um engenheiro salvar um doente kkkkkk deus nos acudaaaaaa!!!

  28. dinno boss

    30 de Outubro de 2016 as 13:19

    Remodelar um governo não significa fracasso nem falta de competitividade,remodelar um governo faz se democraticamente para todos juntos trabalhar para desenvolvimento,respeito todo comentário,mas não aceito uso de expressão bárbaro mesmo sendo livre de expressão,usemos o nosso intelecto para expressar o devido respeito pela constituição,e pelo órgão da soberania
    falo da minha ideológica politica construtivo
    por ser defensor da democracia peço vos que sejam moderados e educados,obrigado a todos que fizeram parte do governo e os que faram,que em nome do povo santomense haja paz corcodia união competividade e empreendedorismo para desenvolvimento do pais

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo