China deu lição a STP no capítulo de ética e moral na política internacional

Lin Songtian, Director Geral do Departamento dos Assuntos Africanos do Ministério dos Negócios Estrangeiros da República Popular da China, visitou São Tomé na última semana e reuniu-se com o Primeiro-ministro Patrice Trovoada.

A saída da reunião de mais de 2 horas com o Chefe do Governo são-tomense, o Director Geral do Gabinete Político e Diplomático da China para África, fez declarações contundentes a volta do reconhecimento de Taiwan por São Tomé e Príncipe no ano 1997.

chinêsLin Songtian(na foto), considerou que o acto de São Tomé e Príncipe gerou muito mal-estar no seio do povo chinês. «As nossas relações foram estabelecidas em 1976, e o momento em que se reconheceu Taiwan gerou muita complicação», declarou no átrio do Palácio do Governo são-tomense.

Para a China, São Tomé e Príncipe tinha violado um princípio internacional, ao reconhecer Taiwan. «No mundo só existe uma e única China. Taiwan é parte indivisível do território chinês. É um princípio universalmente reconhecido. Inclusivamente os Estados Unidos, a França, o Reino Unido e o Japão o reconhecem. É um princípio internacional», afirmou Lin Songtian.

O discurso de lição em termos de ética na diplomacia e de responsabilidade política a nível do reconhecimento de Estados soberanos prosseguiu. «Taiwan não é membro da ONU nem tem assento nas Nações Unidas. Como é que vocês foram manter, a chamada relação diplomática com eles? Como é que eles podem em instâncias internacionais defender os vossos interesses?», interrogações feitas por Lin Songtian no Palácio do Governo de São Tomé e Príncipe.

China, deixou claro no Palácio do Governo são-tomense, de que as relações entre povos e Estados, não podem ser trocadas ou alteradas como se de uma camisa se tratasse. Nem as razões financeiras devem justificar ou sustentar rompimento de relações antigas entre Estados.

Por isso Lin Songtian, detalhou o progresso económico e financeiro alcançado pelo seu país durante o tempo em que São Tomé e Príncipe, deixou de reconhecer o princípio de uma e única China.  «No ano 2000, o PIB da China era apenas 3,3 vezes maior do que o de Taiwan. Mas a partir de 2014 o nosso PIB passou a ser 20 vezes maior do que o de Taiwan. Actualmente das 31 províncias da China, 5 têm um PIB superior a de Taiwan. E nos próximos meses mais 10 províncias da China terão um PIB superior a de Taiwan», enfatizou Lon Songtian.

O Director Geral dos Assuntos Africanos do Ministério dos Negócios Estrangeiros da China, defendeu as relações entre os dois países, num quadro de necessária promoção de confiança mútua.

Abel Veiga

Notícias relacionadas

  1. img
    explicar sem complicar Responder

    Estas notícias TVS e Radio Nacional não fazem.

    • img
      Mau Sinal!! Responder

      Pois é…Esses jornalistas da TV e Radio estatais são uns autênticos serviçais. Falta de brio profissional. Exercem a auto censura apenas para agradarem ao Ministro e o Primeiro Ministro. Se calhar não tiveram instruções para não passar essa noticia. Tudo para defender TACHO. Assim não dá.

    • img
      FOCOTO Responder

      Eles são merdas. Pessoas sem escrupulo que até envergonha a sua familia que certamente não são como eles. DESGRAÇADOS

  2. img
    EX Responder

    O Homem deu Miguel Trovoada uma bofetada de palavras, e o Sr. PT não se vai gabar que k foi senhor que fez milagre em trazer a China de volta, porque o Sr. só veio emendar o erro do seu pai. Como Deus é justo ele permitir que o Sr. limpasse o nome da sua família nesse aspecto.
    A China não gosta de família trovoada e todos sabemos, mas como eles têm moral e ética estão a preparar tudo e aceitarem tudo para uma boa parceria com STP, mas sem família Trovoada, por isso eles fizeram daqui a 3 à 5 anos, já fizeram as contas nessa data o PT já não será o PM de STP. Eles não metem bedelho nos assuntos internos de nenhum país. Mas se o Povo fizer porcaria em Votar no ADI de novo todos possíveis projectos vão ficar no banho Maria.

    Povo acorda e olha para o futuros das crianças e não votem no PT por dinheiro, ele é bandido e mafioso demais, um autentico enganador. Chamo os outros de Colonos Negro e ele e suas corja estão colonizando tudo, a radio Nacional a TVS e todos os serviços desse pais para servir apenas ao seus interesses.

    • img
      Mau Sinal!! Responder

      Naquela altura, o Patrice Trovoada era Assessor do Pais e os chineses sabem muito bem disso

  3. img
    Gerardo Costa Responder

    O chineses são famosos pelo seu sorriso amarelo e certamente os resultados desta ingratidão serão conhecidos brevemente.

  4. img
    Xico Responder

    Meus Caros,
    Independentemente do reconhecimento de Taiwan não ter sido um acto político revestido de grande inteligência estratégica, as lições de moral entre dignitários a este nível, num contexto de reaproximação diplomática é perfeitamente dispensável.

  5. img
    ANCA Responder

    Este género de notícias em nada esclarece ou contribuí para o crescimento,análise da política internacionais, política interna pelos cidadãos nacionais.

    Insinuar críticas somente a pessoa do Primeiro Ministro, para colher louro político.
    Todos os partidos políticos em São Tomé e Príncipe, reflexo de baixa qualificação, análise, diálogo interno, têm deficiências a nível de definição de estratégias para o crescimento desenvolvimento sustentável do País(Território/População/Administração), a nível Social Cultural, Ambiental, Político, Económico e Financeiro. Assim é que o País até hoje jamais, dispõe de planos de crescimento, de desenvolvimento, planos de ordenamento do território, plano de políticas internacionais,sócias culturas, ambientais, desportivos, Político, económico e financeiro, que deve ser de curto, médio e longo prazo.

    A China, é um gigante asiático de séculos, tem o seu plano delineado, tem a sua estratégia no mundo, somos um País(Território/População/Administração), pequeno, estamos na periferia dos grandes centros decisão económica financeiro no mundo, sofremos de dupla singularidade, economia pequena que pouco ou nada produz, somos independentes a 40 anos com vários erros cometidos pelo caminho a nível social cultural ambiental desportivo político económico e financeiro, temos um péssimo jornalismo ou Cultura e deontologia jornalística.
    Temos instituições fracas e precisamos de nos organizar melhor, temos jovens com baixas qualificações, quer a nível de competência quer de análises,precisamos de quadros bem formados, para desempenho de funções de direção, saber e saber fazer, expressamos escrevemos mal a língua portuguesa, imagem do ensino que temos da mesma e do próprio nível do ensino onde devemos investir mais e melhor.

    Se se queres ver o teu país bem

    Acredita em ti

    Pratiquemos o bem
    Pois o bem
    Fica-nos bem
    Deus abençoe São Tomé e Príncipe

    • img
      FUBA Responder

      Outro lambisbota do PT que quer falar e nada dizer para se safar e agradar.

  6. img
    ANCA Responder

    De tudo isto, a grande questão de falta de ética e moral, falta de postura, ser estar, cingi-se com a atitude que Presidente do MLSTP, teve no congresso do PAIGC, a quando do convite de participação no mesmo.

    O Presidente do MLSTP, discursou dissecando mal do seu País(Território/População/Administração), que falta de visão, que falta de estratégia politica, falta saber estar, devia ver a volta, e se conter….!!!!!

    Num congresso de um partido externo ao País!!!!!

    Ainda por cima nem se quer teve intuição, de apontar o que pretender para o futuro, as alternativas ou construções de soluções, para resoluções de questões de fundo no País, depois de criticar.

    Quando se esta fora do País, deve-se ter, contenção na divulgação dos problemas internos, pois que a roupa suja lava-se em casa, há que ter sentido de responsabilidade, postura e sentido de Estado, estado de que todos fazemos parte integrante.

    Manchou a imagem dos SãoTomenses

    Sem perceber, fez o reflexo daquilo do que pretende para o País,, pois que quem critica sem apresentar soluções, sem se aperceber está apontar o dedo a si próprio, logo jamais constitui líder, jamais tem assume alternativas.

    O vice Presidente do MLSTP, segundo notícias veiculadas nos jornais nacionais, em suspeita de que está envolvido no esquema dos vistos de serviço a favor de um sobrinho que lesou, descredibilizou o País no passado.

    É este tipo de figuras que queremos para assumir responsabilidade no País(Território/População/Administração).

    Estar na oposição deve serve de meio de cultura para apresentar projectos de soluções, leis, alternativos, planos na assembleia a governação, ajustando na construção de discurso, pontes na construção do País, que se quer desenvolvido.

    Vimos alguma vez o MLSTP/PCD ou MDFM, assim agir…?

    Somente criticas, mais criticas, para montanha parir um rato…miséria pobreza material e mental.

    O País necessita de mudar de paradigma, há que coordenar exigir mais e melhor na administração.

    Há que melhorar as Instituições Nacionais, requalificar, qualificar, reformular, mudar como se faz.

    Ser critico em relação a realidade, se a um problema a que agir hoje e agora, sem esperar por nada nem ninguém, se se tiver que pedir ajuda, então que o façamos juntos, organizada mente.

    Há que organizar coordenar melhor sectores administrados, para resultados.

    Muito está-se a fazer como nunca, mas o caminho ainda é longo, há que ter coragem energia vigor, forçar, jamais desmoronar.

    A inversão dos números dá-nos confiança no futuro.

    Abramos os olhos, vejamos a realidade

    Se se queres ver o País(Território/População/Administração) bem

    Acredita

    Juntos somos capaz

    Juntos conseguimos

    Acredita em ti

    Jamais pertences a um partido, uma religião, ou a alguém

    Tu pertence a ti, caro compatriota, pensa e analisa.

    Agi começa a fazer por ti hoje e agora

    Acredita somos capaz de mudar a realidade do País

    Pratiquemos o bem

    Pois o bem

    Fica-nos bem

    Deus abençoe São Tomé e Príncipe

    • img
      VM Responder

      ANCA, não há dúvidas de que andarás sempre para trás. O teu lambebotismo tresanda ao mau hálito de tudo o que purgas pela boca e de todo o excremento para passa pelo teu hilariante e minúsculo cérebro. Mas talvez o que te anima é a guarda das migalhas que ganhas dos bandidos que se servem do país, em detrimento dos santomenses. Contudo, a culpa é de quem te dá espaço e oportunidade para dizeres, insistentemente, disparates. Haja paciência!

  7. img
    Nuno Miguel de Menezes Responder

    China deu lição a STP no capítulo de ética e moral na política internacional.

    Qual a gravidade da poluição do ar na China? Gostaria de saber…ética e moral deu licao a STP,quem sabe assim o povo de Sao Tome e Principe aprenda com ética e moral na política internacional.E a Politica da poluicao os mesmos dando em Sao Tome e Principe a ética e moral na política internacional sentem bem porque assim STP temos melhor qualidade de AR.

    Nuno Menezes
    Reino Unido,Lincoln

    • img
      VABU Responder

      Atrasado! o quªe que poluição tem a ver com moralidade de se se está a falar….outro lixo de trovoadistas

  8. img
    lede di alami Responder

    Alguem no paraiso ….REINO UNIDO…fala da poluicao da china,,nao se compara uma gota de agua com oceano,,,muitos outros paises poluem a terra, incluindo o seu REINO UNIDO, USA e chefe de destruicao e muitos outros grandes, os governantes de STP tem que ser apenas responsavel, VIVA CHINA, OBRIGADO PINTO da COSTA.

  9. img
    Martelo da Justiça Responder

    O Pinto da Costa fez tudo para corrigir o erro no momento próprio, inclusive fez uma visita privada a China Popular. Outro sinal foi de não ter visitado Taiwan durante o seu mandato. Apesar de tudo isso, o Patrice sabotou a ideia para não perder protagonismo. Logo que o Pinto saiu, o Patrice tomou a mesma medida que o Pinto quis tomar em momento próprio. Acham que os Chineses são tão parvos para não fazerem essa leitura?? Acham que tudo isso não terá consequências??
    O facto de dizerem que vão transformar STeP daqui a 3 a 5 anos é um sinal a ter em conta.
    Na minha opinião seria mais benéfico para o Pais se fosse o Pinto da Costa a protagonizar esse processo como é obvio. Não esqueçamos que o Patrice foi assessor do Pais Miguel Trovoada quando ele rompeu as relações diplomáticas com a China Popular.

  10. img
    ANCA Responder

    Sr. Presidente da República, Sr. Primeiro Ministro, Senhores Ministros da Nação,Sr. Presidente do Governo Regional, Sr. Presidente da Assembleia Nacional, Senhores Deputados da Nação, Senhores Responsáveis dos Partidos Políticos, caros cidadãos;

    A aposta na educação de base, modo de ser estar, fazer a escolarização,formação qualificação, massiva, de cada extrato social na nossa população(crianças, jovens, adultos, idosos), é de extrema importância se queremos que a engrenagem do crescimento desenvolvimento sustentável, aumente de velocidade, a nosso Território/População nativa, sofreu de efeito colonização Colônia durante cinco séculos, a politica do colono metropole na era somente justificava a população razão nativa como bem de razão trabalho económico, após independência os esforços foram efetuados, mas o contexto político económico internacionais na altura, bem como a nossa falta de leitura interpretação de mudança daquele momento jamais nos permitiu organizar em termos de sector educação, formação, qualificação, massiva interna descurando que foi logo hoje as consequências visíveis neste sector internamente, com reflexos como sabemos, nos vários sectores da vida Social, Cultural, Ambiental, Desportivo, Político, Económico e Financeiro, bem como a perda de competitividade distrital nacional, regional, mundial a nível económico e financeiro, nalgumas vertentes sociais culturais.
    Daí se torna urgente quer por parcerias nacionais internacionais organizar investir sustentar solidificar massificar o setor educativo formativo qualificativo nacional que se pretende de excelência.

    Outro sector de extrema importância o sector bancário financeiro e fiscal.

    É preciso robustez destes sectores, organização, coordenação, investimento, atração de capital, confiança, modernização, solidez.

    Sem esquecer o sectores produtivos da economia,o sector primário, o sector secundário e o sector terciários serviços e tecnologias de informação comunicação o Turismo, a economia do mar, a diversificação econômica, de modo a permitir garantir mais postos de trabalho, maior melhor produção exportação, aumento da competitividade distrital nacional regional, mundial.

    Ainda temos muitos cidadãos incultos com falta de Cultura do ser estar saber e saber fazer, apesar do nível da escolaridade ou formação média ou superior.

    Se o Português é a língua d comunicação muitos dos nossos concidadãos escrevem e falam mal a língua portuguesa, basta acompanharmos o telejornal nacional, ou mesmo alguns comentários aqui descritos, sendo também suspeito nesta matéria, condição que nos remete para questão cultural familiar educacional, de formação, qualificação.

    Se se queres ver o País Território População Administração bem

    Acredita juntos somos mais fortes, juntos somos capaz de fazer mais pelo nosso solo hoje e agora.

    Pratiquem os o bem

    Pois o bem

    Fica-nos bem

    Deus abençoe São Tomé e Príncipe

    • img
      VM Responder

      ANCA, não há dúvidas de que andarás sempre para trás. O teu lambebotismo tresanda ao mau hálito de tudo o que purgas pela boca e de todo o excremento para passa pelo teu hilariante e minúsculo cérebro. Mas talvez o que te anima é a guarda das migalhas que ganhas dos bandidos que se servem do país, em detrimento dos santomenses. Contudo, a culpa é de quem te dá espaço e oportunidade para dizeres, insistentemente, disparates. Haja paciência!

    • img
      FOTOTIPO Responder

      Está a escrever para agradar o PT e EVARISTO, asssim como o GEGE fazia e deixou de fazer. Tudo isso é blablablá para consolar os trovoadas lampioões que desgraçam este povo

  11. img
    Sensa Responder

    Se os santomenses tiverem a preocupar tanto com falar bem Português… não sabemos o que será desde País na desengrenagem de outras preocupações maiores! O problema de STP não é o Português gente… é corrupção e pouca inteligência… Estados Unidos não falam como os Britânicos, mas é inglês, e foram os ingleses que mantiveram ali!!! Agora viram quanto os EUA estão hoje no mundo! Não me digam que o inglês norte americano atrasou alguma coisa!
    Deixa a China entrar, que a aposta em Taiwan foi o maior erro rectificado (faltando inteligência para investir o que Taiwan nos deu).
    Bem haja STP

  12. img
    Gregorio Responder

    Amados devemos agradecer a Deus que interviu para que China aceitasse de volta ao S. Tomé e Príncipe, Senhor Manuel Pinto da Costa Lutou muito para que china voltasse a ter cooperação com S. Tomé, na viagem privada que ele fez par la ele entrou em contacto com o chefe do estado e manifestou esse interesse eu conversei com Pinto da Costa antes das eleições presidenciais ele disse a me que temos que fazer todos os possíveis de trazer china de volta, Ele tinha visão o chineses são capazes para S. Tomé

  13. img
    Luis Responder

    Deixem de fazer politica rasteira
    Mas qual lição, qual quê?
    Num acordo , para haver acordo têm que ficar todos a ganhar, e é o que aconteceu. E qual é a novidade dos Chineses de Pequim apostar em África?!
    é o que eles têm feito desde os fins do Sex XX e como em STP não falta peixe…. e é menos 1 no lado de Taiwan….todos ficaram a ganhar
    Parem de desejar o mal de quem Governa, pois será o mal de todos nós.

  14. img
    INHE PÊ Responder

    As razões da história. Esses desgraçados de Trovoadas lampiões pai e filho, fizeram bandidagem pata ganhat diehriro para o pai estar agora repousado e o filho criar negócios em tudo quando é canto,mamando dinheiro de Taiwan abandonando China Popular e agora limpar a face e voltar para China Popular. Pior familia que STP conheceu.
    NÃO CONHEÇO POLITICO QUE FOI ODIADO COMO ELES. O PT ENTÃO é o mais odiado dos politico que conheci. Ou melhor é o único odiado, ele e o pai, sem vergonhas

  15. img
    Madiba Responder

    Caros compatriotas!
    Nós temos o péssimo hábito de comentar as notícias de acordo ao seu título. Não importa o objectivo do autor da notícia. Eu vivo e trabalho em S.T.P. E também vi e ouvi todas as declarações do diplomata chinês. E tanto a TVS como a Rádio Nacional passaram todas essas informações, sim. Só não ouviu e viu quem não quis fazê-lo. Esta notícia não foi censurada. Pelo menos as que O TELA NON agora publica.
    Somos um povo ignorante, faminto e acima de tudo arrogante. Hoje Taiwan já não presta. Quantos dos nossos compatriotas não viajaram de “borlas” para Taiwan. Hoje a China é o menino querido. Daqui a pouco vai ser o diabo. Nós santomenses somos mesmo assim. Assim, desde sempre. Incluindo com os colonos!

Deixe um comentario

*