UDD – “Deriva antidemocrática do ADI”

O partido UDD que tem 1 assento no parlamento, já reagiu a proposta de lei da ADI para criação de uma nova Comissão Eleitoral. «A UDD repudia com toda a veemência essa deriva antidemocrática do ADI de querer ganhar administrativamente as próximas eleições e, apela aos amantes da democracia e dos valores e liberdades já conquistados em S. Tomé e Príncipe, de todos os quadrantes, incluindo por isso os que militam no ADI, que se oponham com toda a firmeza a essa tentativa de destruição do Estado de Direito Democrático instituído», diz a UDD num comunicado distribuído a imprensa na última semana.

A situação é feia. «O mais gravoso e inaceitável na proposta do ADI, é a sua pretensão de que o Presidente e o Secretario da citada Comissão Eleitoral Nacional, sejam indicados pelo seu grupo parlamentar. Com efeito, diz o projeto Lei o seguinte: “O Presidente e o Secretario são indicados pelo maior grupo parlamentar», reforça a UDD.

UDD esclarece ainda que «sem se referir de que forma são eleitos os membros da referida Comissão, se por maioria simples, absoluta ou qualificada de dois terços, propõem mais: “Em caso de não preenchimento do lugar pelo grupo parlamentar que tem direito, este é preenchido pelo grupo parlamentar a seguir, e sucessivamente até ao último” – “ Caso não for possível, este direito reverte automaticamente para o grupo parlamentar que tenha apresentado outra candidatura».

O jogo político eleitoral, pode ficar viciado. «Tão simples como isso – bastará ao ADI chumbar na votação, que seguramente pretendem que seja por maioria simples ou absoluta de votos na Assembleia Nacional, para ficarem com o “árbitro e os dois fiscais de linha”. Belo jogo a moda do ADI», frisa a UDD.

No jogo de cartas de São Tomé e Príncipe, diz-se que “as cartas estão remadas”. Se o jogador adversário não for atento apanha “Solfão”, ou seja, perde todas as cartas.

Lei n íntegra o comunicado da UDD para conhecer outros aspectos – COMUNICADO DA COMISSÃO POLÍTICA DA UDD – AGOSTO DE 2017-00 (3)

Abel Veiga

Notícias relacionadas

  1. img
    Maria Silva Responder

    Esta desgraça toda deve-se a falta de coragem , pouco patriotismo ( um por todos e todos por um ) de única e exclusivamente do senhor Pinto da Costa ainda lá atras , ainda nos anos 70!
    E agora vamos todos pagar com juros e correções monetarias.

  2. img
    ADEUS A ULTIMO SUBREVIVENTE Responder

    Abnildo fez discurso Infeliz, Eu enquanto elemento do Povo, só estou a espera de Partido de Oposição organizar Mega manifestação com Palavra de Ordem “Não queremos voltar ao regime monolítico, abaixo o Tribunal Constitucional porque não serve o interesse do povo pequeno que é tão propalado pelo 1º ministro, eu alertei vos que ele quer fugir. atenção atenção

Deixe um comentario

*