“Estudantes bolsistas do estado no exterior desejar-lhe o Presidente Eleito sucessos no seu próximo mandato”

Ao Senhor Dr. Manuel Pinto da Costa, Presidente da República Eleito em 7 de Agosto

Excelência

Antes de mais, receba os nossos respeitosos cumprimentos.

Queremos, em primeiro lugar, lhe felicitar pela vitória conseguida na disputa da segunda volta das eleições presidenciais, realizada em 7 de Agosto de 2011. Diante das diversas opiniões a respeito da sua figura como político e falando em nome de um grupo de cidadãos, devemos desejar-lhe sucessos no seu próximo mandato, que começou no dia 3 de Setembro de 2011; que consiga realizar todo, senão, a maior parte do programa que apresentou aos são-tomenses e que mereceu aceitação da maioria relativa.

De uma forma geral, todos também acreditamos que a corrupção, a instabilidade e a pobreza são três dos maiores problemas de São Tomé e Príncipe e que precisam urgentemente de ser minimizados para que o nosso país encontre o rumo certo para um Desenvolvimento Sustentável. Acreditamos na luta por esse ideal e, como cidadãos, estamos dispostos a colaborar da melhor forma possível para que STP viva melhores dias.

A nossa jornada em territórios estrangeiros pode ser vista como uma fase de capacitação para podermos, futuramente, contribuir para o desenvolvimento do país. Um objectivo “apadrinhado” pelos sucessivos governos até então, que sempre assumiram subsidiar todo o processo, enquanto durar o tempo regulamentar das nossas formações. Entretanto, os órgãos responsáveis nunca conseguiram cumprir esse compromisso. Já são históricas as constantes queixas de estudantes são-tomenses no estrangeiro, verdadeiros gritos de aflição por falta de meios financeiros para garantir até mesmo a sobrevivência nos países “acolhedores”. O problema existe há décadas e, perante as fracas condições econômico-financeiras do país, acreditamos, os sucessivos governos não têm conseguido solucionar o problema. Entretanto, a impressão que sempre reina nos momentos de desespero é que exista pouco engajamento dos executivos na resolução deste problema, sendo eles sempre acusados de nos abandonar à nossa sorte. Uma ideia reforçada pelo facto dos pagamentos serem feitos apenas depois que os estudantes o reclamam.

Como deve imaginar, esta situação ocasiona sérios problemas como insuficiência alimentar, despejo por falta de pagamento dos aluguéis das moradias, falta de dinheiro para o transporte, entre outros, que, por sua vez, causam desiquilíbrio físico e emocional, reflectindo directamente no nosso desempenho escolar (cujos resultados, em condições normais, são sempre acima da média dos estudantes das instituições que nos recebem). A situação, ao mesmo tempo, frustra os nossos objetivos como cidadãos e, em muitos casos, põe em causa o nosso patriotismo por causa do efeito moralmente negativo.

Sabemos que, diretamente, a resolução deste problema não é da alçada do Presidente da República. Entretanto, queremos chamar a sua atenção para esta doença crónica, cuja cura ainda não foi descoberta pelo Estado, porque acreditamos que, como futuro Chefe de Estado eleito para representar os são-tomenses nacional e internacionalmente, saberá utilizar os meios possíveis para ajudar o executivo a minimizar este problema, garantindo o pagamento integral e contínuo das bolsas de estudo aos estudantes bolsistas do Estado.

Temos a noção do quão complicado é a situação da parte do executivo, mas devemos lutar pelos nossos direitos e merecemos mais atenção do estado são-tomense. Esperamos que receba esta mensagem como mais um desafio para o seu mandato como Presidente da República de São Tomé e Príncipe e que consiga, de facto, unir a família são-tomense numa só voz para que, através do trabalho e transparência, possamos tirar o país do buraco em que está mergulhado.

Esta mensagem é da autoria dos responsáveis pelo Grupo de Representantes dos Estudantes Bolsistas do Estado São-tomenses no Exterior.

Helton Neves

Hailton Sousa

Miguel Nascimento

Contactos: bolsistassantolas@hotmail.com  / bolsistasantola@groups.facebook.com

  1. img
    Jovem Santola Responder

    Mais um grito de socorro, na esperança de que alguém nos ouça. Só nos restava apelar pela sensibilidade do órgão mais alto da Nação para a resolução do nosso problema. Esperamos que o PR possa olhar para esta questão como amigo, como um presidente de todos os santomenses e que consiga fazer o que estiver ao seu alcance para amenizar este problema. Bem haja!

  2. img
    optimista Responder

    Bem haja. Que Deus ajude os estudantes bolseiros sãotomenses abandonados no exterior.

  3. img
    Estudante Responder

    São Tomé e Príncipe tem três estudantes no exterior. Como podem esses três cidadãos falarem em nome de centenas de estudantes no exterior. Eo jornal também que aceita isso é brincadeira.
    Devia ser: “Fulano, fulano, fula felicitam…”. Vamos parar de puxar saco, tem estudante passando fome e quase morando na rua e esses ai felicitando. Quero felicitar minha bolsa, quando ela estiver regular.

  4. img
    ghadafi Responder

    Epa! Voces de novo? Nance bila bi?

  5. img
    Matabala Responder

    Que título é este pessoal???

    • img
      cumade Responder

      Matabala, este titulo nem merece comentario. Ele vale apenas pela qualidade de erro.
      Vou deixar um grande conselho a estes estudantes: Pinto da Costa nao gosta de “lambe botas” nem de ” caga na saquinha”. Estudem e deixem de bobo.

  6. img
    Matabala Responder

    “Estudantes bolsistas do estado no exterior desejar-lhe o Presidente Eleito sucessos no seu próximo mandato”

  7. img
    JOSE TORRES Responder

    O Presidente PInto da Costa nao ira fazer milagres. Apertem com o Gioverno. Este sim tem dinheiro como vcs poderam ver na campanha. Vamos a luta

    • img
      Estudante Responder

      Fiz um comentário de manhã e até o presente momento não deixaram aparecer. Deve ser censura, de só filtrar os comentários favoráveis a noticias.Ou deixam-nos comentar ou não faz sentido nenhum ter um espaço para comentar.

  8. img
    H. Mandela Responder

    Abel Veiga que título é esse!?

    • img
      Valentim Cravid Responder

      Este título assassinou a Língua Portuguesa!!!

    • img
      mé pombo Responder

      essa vergonha vem do concerteza dos k estao no brazil

  9. img
    San Fulana! Responder

    que horror….!só o titulo, dispensa sequencia de leitura. jovens, estudem e creiam nas vossas capacidades. deixem de lamber botas.

    essa vota instituicao nao existe e se existe é sem o consentimento da maioria dos estudantes espalhados pelo mundo todo, aos quais voces nunca puderam contactar e ademais, um grupo estudantil nao é uma ONG nem nada disso para entrar nesse campo politico de parabenizar seja lá quem for.

    tomem juizo rapazes! estudem e terminem os vossos estudos.

  10. img
    Mário Responder

    Já não há mais nada neste país para informar?

  11. img
    mundo desconhece stp Responder

    Gente…, como é possivel q o Ministro de Educação avisa q será muito dificil pagar a tempo as bolsas dos estudantes no estrangeiro!!????????
    Será que vão morrer de fome?????????
    isso só acontece no nosso país. por isso que digi que STP não existe.

Deixe um comentario

*