Sociedade

Bispo da Diocese de São Tomé visitou Taiwan

Ao convite das autoridades Taiwanesas, Dom Manuel António Mendes dos Santos, chefe da igreja católica em São Tomé e Príncipe chegou a Taiwan no passado dia 3 de Maio, acompanhado pelo padre Remualdo da Igreja de Bombom.

Numa nota enviada ao Téla Nón a embiaxada de São Tomé e Príncipe em Taiwan anuncia que durante a estada em Taiwan o Bispo de São Tomé e Príncipe visitou as duas crianças que foram evacuadas para tratamento no hospital Wan Fang.  «As duas crianças foram submetidas à diversas intervenções cirúrgicas, de forma a recompor todos os tecidos e nervos atingidos por queimaduras e estão a recuperar bem», diz a nota do embaixador Jorge Amado.

No mesmo hospital e durante a visita do Bispo de São Tomé, foi realizada uma Video Conferência, que reflecte a situação pós cirúrgica das duas crianças.

O Chefe da Igreja Católica em São Tomé, coneheceu também a Universidade Católica Fu Jen. Um centro de ensino superior de grande importância para os estudantes estrangeiros em Taiwan, em especial para os estudantes são-tomenses. Segundo o embaixador Jorge Amado, é nesta unidade de ensino onde os estudantes aprendem o mandarim-língua chinesa- antes de ingressarem no curso universitário.

Dom Manuel António Mendes dos Santos, encontrou-se também com altas individualidades taiwanesas, com destaque para o vice ministro das relações internacionais, e o Bispo de Kaohsiung.

A Igreja católica são-tomense que desempenha papel importante no apoio aos isodos, teve a oportunidade de conhecer in loco a experiência de Taiwan, durante a visita ao lar de idosos San Camillo de Lellis, acrescenta a nota da embaixada de São Tomé e Príncipe em Taiwan.

A delegação da igreja católica que deixou Taiwan no dia 7 de Maio, reuniu-se também com os estudantes são-tomenses no edifício da embaixada nacional em Taipé.

Abel Veiga

    1 comentário

1 comentário

  1. cesario verde segundo

    17 de Maio de 2010 as 20:15

    Ó senhor manuel antonio…ve lá se o jorgito amado ali ao teu lado, que foi desalmado em angola pelos nossos patricios, nao te deu a comer ali em taiwan carne de cao( embora que quem mais coma isso sao os chineses), ou por outro lado, se nao te deu a comer “palha de cavalo”, como dissera há um grupo de estudantes há 5 anos atrás, que havia comido “palha de cavalo” na uniao soviética. a ver vamos se nao gostou e te convidou a comer isso….

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo