Jovens da Igreja Nova Apostólica reforçam stock de sangue no Hospital Ayres de Menezes

Cerca de 50 jovens da igreja Nova Apostólica realizaram este fim-de-semana mais uma acção de solidariedade e amor ao próximo, através da doação de sangue. Com stock esgotado o banco de sangue do hospital Ayres de Menezes, diz que conseguiu recolher sangue para 15 dias.

Emílio Soares responsável adjunto do banco de sangue, explicou que o stock está esgotado. Segundo o responsável adjunto do sector, em caso de urgência cabe aos familiares dos pacientes, doarem o sangue, ou então pagar a alguém para doar o líquido da vida.

Em crise o banco de sangue do hospital Ayres de Menezes, recebeu este fim-de-semana dezenas de litros de sangue doados pelos jovens da Igreja Nova Apostólica. Uma iniciativa que segundo Filipe Leite líder da juventude apostólica, «é uma forma de manter a postura eclesiástica», sublinhou.

Amor ao próximo é o cerne do mandamento cristão. «A iniciativa está programada nas nossas actividades anuais, é a segunda vez que o fazemos. São no total 53 jovens. É uma forma de manter a postura eclesiástica. A juventude nova apostólica pretende trimestralmente doar o sangue», acrescentou.

Uma iniciativa que salva vida, sobretudo de crianças. Nesta altura do ano com a estação seca prolongada, casos de diarreia e vómito estão a castigar as crianças. A desnutrição é a anemia são consequências imediatas. Daí que a procura de sangue aumenta. «Com esta recolha de sangue vamos aguentar mais 15 dias», explicou Emílio Soares do banco de sangue.

As acções de solidariedade dos jovens das igrejas cristãs, tanto evangélicas, apostólicas, como adventistas, têm sido a principal fonte gratuita de sangue do hospital Ayres de Menezes. «Não temos stocks de sangue. Graças ao gesto humanitário de solidariedade dos jovens das diferentes igrejas que tem nos ajudado. Caso contrário não teríamos sangue», frisou o responsável do sector de sangue.

Abel Veiga

  1. img
    Dasafrica Responder

    Boa iniciativa.Parabens….

  2. img
    ze cabra Responder

    nao vao agora também fazer negocio de sangue humano isso é pecado

    • img
      cristiano Almeida Santos Responder

      O banco de sangue nunca vendeu sangue
      o sangue é gratuito até este momento.
      É uma prática que nunca praticamos o que temos são as garantias familiares de reposisão, e esforços tem sido feito de forma a reduzir a dependecia deste tipo de dadores , que nada beneficia a saúde da nossa população.

  3. img
    Matabala Responder

    tUDO INDICA QUE A SOCIEDADE SANTOMENSE ESTA VENDO COM BONS OLHOS OS NOVOS GOVERNANTES…O PAÍS JA COMEÇÕU A GANHAR…

  4. img
    análise Responder

    por outro lado, pois há que analisar-se bem as consequencias de poder ser infectado com outros virus de outrém, sejam eles quais forem, na medida em que hoje em dia, por precariedade de condicoes e nao obstante ser fálivel a medicina, pois, há o risco de transmitir outras doencas a um potencial donatário.

    ademais, antes, e segundo se sabe, o que se necessita aquando das operacoes é o expansor do plasma, na medida que medicamente falando, o que o corpo necessita é de liquido e nao netamente de sangue.

    por fim, antes de tomar uma actitude dessas, consideraria outras vertentes realistas de amor ao próximo que a Biblia narra em: levitico 7:6;
    levitico 17:11,13,14;
    actos 15:20;
    actos 15:28 e 29.

    queria que me ajudassem a interpretar e entender e por fim, poder cumprir a mensagem presente nesses textos Biblicos.

  5. img
    jose manuel Responder

    pois é de louvar a atitude destes jovens é sinal deque os jovens stomenses querem contribuir para o melhoramento do pais espero que surja novas iniciativas como por exemplo a limpeza e higiene nas ruas e muitos mais coisas e que nos stomenses que estamaos ausentes podemos formar uma corporativa para angariar fundos para que possa esses jovens tarbalhar em prol do desenvolvimento edo pais e ajuda aos mais necessitados eu por mim estou pronto a contribuir e ajudar tudo que for necessario estive ai de férias no passado mes de julho a 6 de agosto estive hospedado no hotel miramar falei com varios jovens artesaos vi que havia muitos jovens com talentos na nossa terra mas que faltava iniciativas e ajuda se todos contribuirmos com alguma migalha e for bem gerido ai podemos ajudar muito espero que este apelo nao caia em saco roto aqui em portugal propriamente na regiao autonoma dos açores sou policia ja a 28 anos trabalho na area do transito e estou pronto a ajudar se alguem tomar iniciativa em formar uma corporativa ou associaçao AJUDA A S:TOMÈ todos juntos podemos ajudar a muitos que precisam

  6. img
    lolo dedo Responder

    todos criticam mas vejo ai um comentario muito util ninguém responde

  7. img
    poder estatal como meio de coersão e sansação... Responder

    Hum… Esse bem precioso é de serventia para muitos. pois ” dar sangue é dar vida”
    um dos principios basico de todas as nações,ter amor ao proxímo e ser solidarios.

  8. img
    Ad. Fontes Responder

    Caros jovens, mantenham neste caminho porque o vosso pais saotomenses precisas desta iniciativas.porque ha tantos que lutam para libertacao da patria, e porque nao dar o sangue pelo seu irmao, ou seja a vida pelos outros. Sou um caboverdiano de ilha do fogo

Deixe um comentario

*