Estudantes são-tomenses regressam a Rússia

Quatro estudantes são-tomenses desembarcaram na última quinta – feira no aeroporto Internacional da Rússia Sheremetevo II, para dar continuidade aos seus estudos nas universidades da grande potência internacional. Relato a partir de Moscovo feito por Filipe Samba(na foto). Nos primeiros anos da independência a Rússia e as antigas Repúblicas Socialistas Soviéticas, foram os principais berços de formação de quadros são-tomenses.A ex-URSS – União das Repúblicas Socialistas Soviéticas, foram os principais centros de formação de quadros são-tomenses, logo a seguir a independência nacional. Mais de 70% de quadros nacionais foram formados na Ex-URSS e em Cuba. Mas após a queda do murro de Berlim, o fluxo de estudantes são-tomenses para universidades dos do Leste europeu reduziu de forma drástica.

Mas no passado dia 23 de Setembro, chegaram a Moscovo 4 novos estudantes são-tomenses. Segundo Filipe Samba, quadro são-tomense formado na Rússia desde a década de 90 e que decidiu fixar residência em Moscovo, os novos estudantes são-tomenses chegam a Rússia ao abrigo do novo programa de cooperação entre a Kremlin e São Tomé. «Neste momento os estudantes encontram-se num hotel universitário, onde farão análises clínicas, devendo posteriormente serem encaminhados para diversas universidades do país», explicou Filipe Samba..

Nos próximos 12 meses os estudantes são-tomenses, vão passar por um período de adaptação ao clima e à língua russa. «Gostaria de referir um aspecto que nem sempre é tido em conta pelos candidatos a estudantes e suas famílias. Não obstante o nível de vida na Rússia ter subido significativamente na última década, o valor da bolsa de estudo atribuída pelo Governo russo aos estudantes estrangeiros é manifestamente insuficiente para a sua subsistência. O valor oscila entre os 1.500 e os 2.000 rublos (50-66 dólares) por mês. Ora, o valor mínimo de subsistência oficialmente estabelecido para 2010 na Rússia é de 5.518 rublos (184 dólares) por pessoa e por mês», explica o quadro são-tomense Radicado em Moscovo.

A capital Russa o custo de vida é mais alto. «No caso de Moscovo, onde os salários são superiores e os preços também, este valor era, no segundo trimestre de 2010, de 8.424 rublos. Este é o valor que uma pessoa terá que dispor para conseguir suportar as suas necessidades básicas. Embora os estudantes não tenham que pagar propinas nem habitação, têm que suportar as despesas com alimentação, vestuário, material escolar, transportes e despesas de lazer», sublinha.

O caso fica mais complicado, quando segundo Filipe Samba, a legislação Russa não permite que os estudantes trabalhem. «Segundo a legislação russa, os estudantes não podem trabalhar nos tempos livres, uma vez que o visto de estudo não permite trabalhar. Aliás, nos últimos anos têm sido adoptadas novas leis que restringem o trabalho ilegal por parte de imigrantes estrangeiros, sendo estes e os seus empregadores sujeitos a pesadas multas caso trabalhem sem autorização. O factor étnico também não é de descurar, uma vez que um jovem africano terá dificuldades acrescidas de ser aceite numa empresa russa, especialmente nesta altura de crise internacional, quando tem havido redução dos postos de trabalho», pontuou..

Por tudo isso a vida do estudante em Moscovo, é dura e depende da solidariedade. Filipe Samba, é ao que tudo indica o único são-tomense que reside em Moscovo. «Refira-se que nos anos 2000-2001, tivemos a oportunidade de ajudar os estudantes através da criação de uma empresa de limpezas (Clean The Floor), que lhes permitia trabalhar nos tempos livres. Era uma boa iniciativa, que ajudou muitos estudantes a concluir o curso. No entanto, a empresa foi obrigada a fechar devido às novas exigências e à crescente concorrência por parte dos russos», enfatizou.

Daí a importância segundo Filipe Samba, do apoio financeiro regular que as famílias em São Tomé devem encaminhar para os estudantes na Rússia.

Por outro lado, numa altura em que o Governo decidiu criar e promover a Marca São Tomé e Príncipe no mundo, o quadro são-tomense em Moscovo, diz que é altura do executivo promover o país na praça moscovita e não só. Rússia tem um dos mercados de turismos mais promissor do mundo, e São Tomé e Príncipe deve aproveitar. «Seria de considerar a criação na Rússia de qualquer outra estrutura, talvez uma pequena agência na área do turismo, que permitisse, por um lado, mostrar as potencialidades do nosso país nesta área ao crescente número de turistas russos com posses e, por outro, ocupar ou apoiar os nossos estudantes. Como nós sabemos, o mercado do turismo russo é muito promissor, havendo um grande número de turistas russos a passar férias no estrangeiro», referiu.

Abel Veiga

  1. img
    Matabala Responder

    Não sei se as políticas do Governo chegaram até a Russia..mas como disse e bem o nosso irmão, é o exemplo de mais uma oportunidade para que pode ajudar STP a sair do poço…claro que isso só daria frutos com políticas e estratégias bem montadas…porque nenhum turista quer vir a um país que expulsa pessoas sem decisão Judicial, nem também um país que ora ha luz ora não, ora é um problema ora é outro…
    Portanto, eu quero dizer que o Governo deve estabilizar a governação e a partir dai, criar mecanismos para desenvolvimento do turismo.
    O problema dos estudante que o nosso irmão relatou, é igual em muitos países, acho que nenhum país atribui bolsas que satisfaçam todas as necessidades dos estudantes…é preciso que cada governo ou e cada família tente apoia-los para o seu sucesso.

  2. img
    Zebideu Responder

    Acho que é da responsabilidade da cada País custiar a formação dos seus cidadão, pelo que, o Governo deve tomar iniciativa de apoiar sem condição os nossos, seja nesta e ou noutras paradas..

  3. img
    Madalena Responder

    Muito bem!
    como se costuma a dizer em gira, muita parra e pouca uva. Os estudantes nacionais que regressam de outros paises, até mais pobres de que a Russia e Cuba, nunca fazem tanto alarido como os meus amigos de Cuba e Russia.
    Estes dois paises sempre ofereceram bolsas de estudos em grande nº. Em 1990, salvo o erro Russia ofereceu mais de 400 vagas e bolsas. Sabemos as dificuldades que passam os estudantes nestes paises mas as condições de estudos são de longe melhores do que em varios outros paises. Agora o São tomense quando esta fora do país, quase que esquece as suas raizes, exige muitas vezes algo que nunca teve no seu solo patrio e por isso, muitas vezes sofre. Ora vejamos!
    Muitos querem viajar de ferias, comprar roupas de marcas, e ainda ter dinheiro para comprar carro.
    A comunicação social da muita importancia a chegada destes jovens, quer de Cuba, quer de Russia. Porquê?
    Os de Reino Unido, China, Portugal, França, Etc.
    Muito show man.
    bolo bolo

    • img
      Pumbu Responder

      Camarada Madalena,voce parece estar muito pouco informada da realidade que os nossos estudantes viveram e vivem na Russia. Eu pessoalmente gostaria de ver-te numa das ruas de Moscovo no dia 1 de janeiro vestida (de blusa, saia mini e de sandalhas) igualmente como se estivesses no teu “solo patrio”. Na russia os nossos imaos estudantes nao sonhavam nem sonham em comprar carros mas sim querem comer, querem ter abrigo contra o frio rigoroso. E garanto-te que infelizmente, esse minimo faltou a muitos que hoje sao formados e contribuem para o progresso de STP.

  4. img
    budobaxana Responder

    Torna-se Urgente que o nosso governo pare de enviar estudantes para Russia,Cuba,Brazil e outos paises do terceiro mundo.

    Entendo que Russia nao é um pais do terceiro mundo , mas pergunto.

    Porque enviar estudantes para um pais onde vao receber 50-66 dólares por mês quando realmente necessitaram de 184.

    Ja é hora de se aprender licoes.Os que regressam de Cuba,Russia,Brazil aprendem pouco.Todos eles tem algo em comun : terao dificuldades em prestar serviços nos sectores privados onde se requer qualidade sobretudo no mundo ocidental.

    Engenheiros e economistas feitos a pressa(de meia tigela).

    Acabam-se por refugiar na Politica como e caso do Bidao,Maria Tome,Nando Rita e uns tantos que andam por ai.

    No contexto do terceiro mundo até podem ser considerados bons profissionais.Mas nunca serao capazes encontrar um emprego nas grandes corporacoes simplesmente nao sao capazes de produzir resultados porque lhes falta o Know how.

    Esta é a triste realidade que muitos tratam de ignorar.

    Ja é hora de se ir buscando parcerias no Estados Unidos,Portugal,UK,Hong Kong,Japao,França,Canada,Singapura,Australia,Alemanha,Espanha,Noroega,Suecia,etc…..
    Estudando nestes paises, os nossos jovens bolseiros nao so terao oportunidade de serem bons profissionais mas como também poderao trabalhar a ajudarem-se a si mesmos e aos familiares em STP.

    Fui ……………….

    PS- Desculpe os erros.O meu keyboard nao me permite acentuar as palavras em Portugues.

    • img
      Hélio F. B. Lima Responder

      Você precisa de actualizar:

      1.º Em conformidade aos rankings internacionais, a USP (que é uma universidade brasileira) é melhor do que qualquer universidade portuguesa;

      2.º China também tem muitas universidades boas;

      3.º Não se deve ficar apenas “obcecado” pelo nome do país e/ou universidade. Há muitos jovens formados em São Tomé. Mas têm mais competências do que muitos formados nos países citados por você;

      4.º Para se dizer que uma pessoa é competente, não basta ter conhecimento (Know how) e saber aplica-lo. Isto não é competência, competência é muito mais do que isso;

      5.º As parcerias devem ser feitas baseado da qualidade da universidade;

      6.º Nesta lógica, é muito melhor enviar estudantes para fazer medicina em Cuba do que nas universidades de muitos países mencionados por você;

      7.º A minha tese, é sempre olhar pela qualidade e não pela ignorância. Mesmo em África de Sul tem uma universidade, que em conformidade aos rankings internacionais, está em melhor posição do que qualquer universidade Portuguesa. Mas não quero com isso dizer que em Portugal não tem boas universidades.

      • img
        budobaxana Responder

        Mande os filhos estudarem em Cuba,Russia,Brazil,Nigeria,os Lusiadas etc…. e depois envie o CV a procura de emprego em qualquer empresa privada nos USA,UK,Australia,Canada,França ou mesmo na Africa do Sul.

        Se for medico, para se inscrever no medical council (antes de começar a trabalhar) vai ter voltar a estudar e a fazer exames academicos).

        Se for economista,eng terá submetido a um periodo teste(trial period) que geralmente nao passam dai.

        Sinceramente os meus filhos irao estudar nos USA,UK,Australia ou no Canada e ponto final.

        Que tenham boa sorte com Cuba , Russia e Nigeria …..

        Fui..

        • img
          Hélio F. B. Lima Responder

          A tua intervenção mais uma vez demonstra falta de conhecimento. Olha para o mundo de forma global! Você deveria preocupar mais com a qualidade das universidades.

          Olha os rankings das universidades http://www.webometrics.info/top12000.asp?offset=120

          A Universidade de São Paulo – USP (Brasil) é melhor do que muitas universidades existentes no EUA.

          Estuda apenas no EUA não significa muita coisa. Porque você pode ter estudado em Illinois Wesleyan University; Campbell University School of Pharmacy, etc que, segundo os rankings, não são boas universidades.

          Mas, se você estudou em Harvard University; Massachusetts Institute of Technology, entre outras que estão nas primeiras posições dos rankings ai sim valeu estudar no EUA.
          Olhando os rankings você verá que existem muitas universidades muito melhores do que universidades do EUA, como a seguir menciono:
          - Universidade de São Paulo (Brasil);
          - Hebrew University of Jerusalem;
          - Universidad Nacional Autónoma de México;
          - University of Hong Kong;
          - Chinese University of Hong Kong;
          - National University of Singapore;
          - National Taiwan University;
          - Universidad Complutense de Madrid;
          - Universidad Politécnica de Madrid;
          - Universitat de Barcelona;
          - Lomonosov Moscow State University (Russia);
          - University of Cape Town (Africa do Sul), etc

          Porém, nunca devemos esquecer de melhorar a qualidade dos Institutos de formações técnicas e superiores existentes em São Tomé e Príncipe. Por outro lado, é bom realçar que não é apenas a qualidade da universidade que formam bons profissionais.

          • img
            Hélio F. B. Lima

            África
            Rússia

      • img
        begadanzo Responder

        Meu carro Amigo não sabes o que falas em Dizer que Portugal não tem um ensino de excelência , acompanhas notícia os Rankings, acho que tas desatualizado “Sem ofensa”, Brasil tem ensino de qualidade, Cuba e Rússia. Imagina só que os teus pais não tem possibilidade de te ajudar pelo mesmo com uns 20 euros por mês algo de género. Não tens ninguém para te ajudar ainda um país que a temperatura ronda nos seus -50cº, e por cima nem podes fazer um part-time algo de género. Tu chegas em São Tomé depois de terminar a sua formação, descontrolado fazendo bobagem como os atuais dirigentes que não fazem nada a não ser enganar e enganar . Mas, Portugal ou Espanha, EUA, Alemanha, França e por ai fora, mesmo com toda essa crise que esta alastrar á europa podes fazer um busca-to-zinho para colmatar as tuas necessidades. O carro utilizador “budobaxana”, tem razão em dizer que o nosso governo tem que pensar grande, Portugal tem ensinos de qualidade, estados unidos também, Espanha, Singapura, Holanda, Alemanha, tem ensinos de excelência , pode trazer mais valia para são Tomé, fazendo uma cooperação forte com estes pais, onde os alunos tem liberdade podem conciliar estudos e trabalho.
        Antes de acabar Portugal tem ensinos de elevada qualidade, reconhecida mundialmente, Por exemplo ISCTE(Instituto Universitário de Lisboa), IST-utl Universidade Técnica de Lisboa uma das Melhores, universidade de Minho, Coimbra que acabou de ser congratulada como um das melhores do Europa em Ramos de construção Civil, Direito, Arquitetura, e por falar também Universidade da Beira interior, Universidade Traz de Monte, Universidade de Porto Uma das melhores atualmente no campo da medicina, Universidade de Aveiro está sempre presente em grandes projetos a nível mundial e muitos.
        O nosso governo tem que começar a pensar grande, não só enviar os alunos para Rússia, Brasil e cuba, mas sim outras fronteiras onde os estudantes santomenses podem construir uma carreira.

    • img
      O Deus do céu!!! Responder

      La vem mais um ignorante….

    • img
      sereno Responder

      meu caro budobaxana
      Não obstante teres estudado em França ou portugal., não chegas ao calcanhsr da competencia do bidon( sebastião Santos) eu acho que o teu complexo é não poder seer tão competente como ele. Então tens que lançar as bocas. quando voces falam fica-se com a impressão que são muito inteligentes. Mas quando se vos espreme nem uma gota de agua. Por isso que são sempre anónimos.

      • img
        budobaxana Responder

        Sereno,

        Trabalho para uma empresa Americana.Pelo que eu saiba existem 4 Santomenses na mesma situacao. Nao sou mais inteligente que o bidao nem do que ninguem.

        A opiniao que dei é baseada na minha experiencia profissional.

        Estudei em Cuba e no Ocidente . Trabalho no Ocidente.Conheco as duas faces da moeda.Estou numa posicao privilegiada para dar uma opiniao sobre o assunto.

    • img
      Manga safú Responder

      Concordo

    • img
      Manga safú Responder

      Nós que estudamos nos países desenvolvidos, muita das vezes antes de terminar o curso temos oportunidade de trabalhar em grandes empresas muitas delas multinacionais, com qualidade de serviços e técnicas mais avançadas de gestão e não só.
      Esses quadrozinhos formado no Brasil são muitos fraquinhos, conheço amigos meus que eram alunos muitos e muitos fracos no liceu em Matemática e física e não só, foi a Brasil consegui fazer curso de electrónica e telecomunicação, cá na Europa tenho quase a certeza que esse fulano poderia até fazer outro curso, mais de engenharia referida nunca na vida.
      A Rússia tem uma universidade chamada Patrice Lubumba onde vai todos estudantes africanos e quando chegam é a despachar para regressarem as suas terras, e chegando nos seus países é o que todos nós já sabemos, no Brasil muitas universidades onde vai parar os nossos estudantes não tem qualidade nenhuma sei do que estou a falar, quem tiver a sorte de estudar na universidade de S. Paulo, e de Rio de Janeiro é que sai com alguma coisa na cabeça, resto é o que se vê.
      Já Cuba tem um equilíbrio a nível de ensino superior, tirando um curso ou outro é que eles não preparam bem os alunos de resto são bons mesmo com dificuldades que têm.

      O nosso governo deveria parar de mandar estudantes para esses países estudar, vai procurar outros países para cooperar a nível de ensino superior.
      Vejamos o caso de estudantes que foram estudar na Nigéria chegaram a STP muitos não sabem se são engenheiro ou não outro anda a fazer trabalho de protocolo, sabendo que tirou curso de petróleo.

    • img
      Venâncio Responder

      Meus senhores, cumprimentos a todos

      Respondendo ao senhor que se esconde com nome de BUDOBAXANA

      Senhor por favor não adote discurso dos colonizadores.

      Sabemos que o dominío do discurso europeu se dá pela escravização, exploração e etc… que contribuiram para racialização e controle de tudo que não está na lógica da europa é considerado o outro, como inventaram o oriente, como exploram ainda o continente africano

      a europa está se fudendo para os países africano. prova disso é o contrato de exploração que a união Europeia tem com governo santomense nas pesca. quanto mais instabilidade melhor para explorarem.

      por favor se possível leia a teoria dos pós-colonial, estudos culturais ou ainda o livro que fala da invenção do oriente.

      nada pessoal
      bons estudos pr todos estudantes santomenses independente do país da sua formação.

    • img
      Pumbu Responder

      … Porque tanto complexo e tanta arogancia??? se estas bem equadrado profissionalmente, PARABENS!!! Te recordas desta? Fuba che ni saku ku bissu lentla fono ni bon ja toma colo de bua so… kole bi pia poji cu es ca fe cada mali di n’fono… MICHIKOJI…!!!

  5. img
    Filipe Samba Responder

    O corpo é um instrmento musical e a alma a harmonia que nasce de tal instrumento.
    A emoção não é necessariamente algo negativo.
    Dentro das emoções há tanto emoções destrutivas como construtivas.
    Portanto, o que temos a fazer é eliminar as emoções negativas.
    Todos que nasceram estão sujeitos as dificuldades, por isso, é necessário que mobilizemos o nosso espirito, honestamente e com moderação para ultrapassa-las.
    O futuro dirá.

  6. img
    nelson Responder

    o governo gasta furtunas com estes estudantes.sera que este dinheiro nao dava para construir uma universidade em STP e dar canudo a todos que merecen em ves de dar canudo so a filhos de senhor x ou y ?desde que nassi que vejo tanta gente a ir para estrngeiro tirar curso e o pais esta uma miseria. e o pior de tudo e que os que obtenhen melhor nota nunca regreçao ficao logo nos quadros do pais que os formou.STP precisa de acordar.EM PORTUGAL TEMOS ENGENHEIRO , MEDICOS, ARQUITETOS,E MUITOS ALTOS RESPONSAVEIS DA EX URSS CA EM PORTUGAL A TRABALHAR COMO SERVENTES SERA QUE SAO TOME NAO LHES PAGARIA O ORDENADO MINIMO COM O DINHEIRO QUE SE POUPAVA COM NAO ENVIO DE ESTUDANTES PARA EXTERIOR?SEI QUE MUITOS ESTUDANTES CHEGAO A TER COMO BOLSA MAIS QUE ORDENADO MINIMO DE PORTUGAL,E TEMOS MUITO ESTUDANTES FORA DO PAIS E SO PRECISAMOS DE UNS BOMS PROFESSORES.O PAIS POUPAVA MILHARES DE EURO E A FORMAÇAO SERIA NO TERRENO REAL ESTUDANDO O PAIS ONDE VAO TRABALHAR,POIS ENQUANTO ELES FOREN A PLANTAR BATATA EN VEZ DE YAME NUM PAIS QUE EM NADA TEM A VER COM O NOSSO NEM EM CLIMA NEN EM CULTIVO, SO VAI DAR BARACA,VAO ESTUDAR PARA NAO SABEREN FAZER NADA NO PAIS,QUE DESPERDICIO.TENHO DITO

  7. img
    nelson Responder

    PESSOALMENTE CONHEÇO MUITOS QUADROS DE EMPRESAS CA EM PORTUGAL EM QUE A FORMAÇAO DELES FOI FINACIADO POR GOVERNO SAO TOMENSE E O GOVERNO PORGUES APROVEITOU,ATE QUE SAO TOME E TAO RICO QUE FINANCIA O GOVERNO PORTUGUES.

  8. img
    Zé Maria Responder

    Só lamento o preconceito daqueles que falam do Brasil sem ter ao menos passado um dia nas Universidades Públicas brasileiras.

    Os que acreditam que o governo tem que permanecer a puxar o saco daqueles europeus racistas e preconceituosos.

    Santomenses que moram em Portugal, Espanha ou aqui na França sabem do que estou falando.

    Sabem, do que é entrar no TVG ou ônibus e ver europeus fecharem a bolsa ou se afastar para não ficar perto de um africano. Medo de ser assaltado.

    É triste como algum dos nossos irmãos santomenses adoram dar palpites sem o conhecimento de causa.

    Sejamos construitivos.
    Ai se São Tomé e Principe atingisse o nível de crescimento político e economico do Brasil.

    As pessoas precisam de parar e falar apenas porque ouviram comentários de terceiros.

    • img
      Democratico 1 Responder

      Pois é Zé Maria, as pessoas hoje só sabem dizer o que querem…nem precisava falar de Brasil, só Cv é um exemplo, STP nem chega aos pés…agora vejamos, O Primeiro Ministro de CV Cursou na Universidade Brasileira e é um exemplo e orgulho pra CV…agora os nossa só escrevem palhaçadas…não entendo com base em quê que as pessoas afirmam certas coisas, por isso que o nosso País se encontra em patamar que está, sendo que carregamos um sentimento muito ruim chamado “inveja”…
      Mudam te comportamento meus senhores, deixam de ser ignorantes, por acaso é normar comparar STP, Portugal, Espanha com o Brasil, não tem nada a ver, o Brasil hj é uma potencia, e muitos paises europeu dependem do Brasil, até os Americanos estudam nas Universidades brasileira, penso que esses ignorantes que andam a escrever palhaçadas precisam urgentemente de passar por uma terapia….vos confesso que a situação é grave e terão de passar por um tratamento especial…
      hum bem haja…

  9. img
    sr Responder

    so falaste m pa

    • img
      budobaxana Responder

      Sr diz,

      Falo do que sei.Tive a sorte de conhecer de viver a experiencia que retrato.

      Estudei em Cuba e mais do que ninguem conheco e sei do que falo.

      Depois de ser reciclado(voltar a estudar) ,hoje trabalho e vivo no pais mais desenvolvido do mundo.

      Mer…. so dizem os que nao sabem o que é ser ignorado.

      Se quizer saber do que falo , va estudar na russia e Cuba em depois va buscar conseguir emprego na area que estudante em Franca,Estados Unidos ou Inglaterra.

      Ai sim seras tratado como merda…Emprego sim nas obras,limpeza,prostituicao,vender drogas no algarve,etc…

      Bunch of fucking idiots…….wake up and think big mofos…

      • img
        urâneo-enriquecido Responder

        Sr, Budobaxana, vc provavelmente não estudou em havana (cuba),seguramente es um dos que preferiu ir para o campo de cuba estudar, porque tem medo de coisa dificil. porque se estudasses em havana (CUJAE) ias dizer que é melhor formar na CUJAE em vez de formar em Portugal, Espanha etc… lamento por ti mas foste covarde.

      • img
        Venâncio Responder

        budobaxada

        Por favor põe muitas “””””” no desenvolvido do mundo “”””””” Acredito de vc ter assistido o documentário “O Capitalismo: uma história de amor”. Se não assista.
        até sejamos mais humilde

  10. img
    a Responder

    Sr Budobaxana,
    Estas muito enganado quanto a capacidade dos estudantes de Cuba e Ex Uniao sovietica. Sao esses que tem vindo a gerir o pais. Sao os melhores tecnicos da funcao publica comecando por saude, porto, financas, ensino. Os melhores medicos formaram em cuba e ex-uniao sovietica, os melhores engenheiros vieram daquelas paradas. Matematica, fisica, quimica, engenharia, medicina sao a parte forte desses tecnicos. Alias quase todos regressam ao pais para contribuir para o desenvolvimento. Os de Portugal, Franca, etc, so tem garganta, paleio, tem medo de numeros e por isso ficam na europa a trabalhar para desenvolver a europa( muitas vezes limpando chao ou “jogar tenis de parede” na obra e quando regressam so querem tachos de director ou ministro como o justino Veiga, Gaudencio costa, Orlando Sousa Pontes. esses sao exemplos classicos de fracasso de pais ocidental. Nao arrancam. Pogi vado panha!
    Doeu?

    • img
      ZUMBAKUÊ Responder

      Olá compatriota,
      nem quero perder o meu tempo a ler certas barbaridades.Do que passou pelos meus olhos, só tenho a comentar o seguinte.
      Bons estudantes e futuros profissionais, existem em toda a parte do mundo. Quanto as áreas de formação que o meu irmão refere e diz provenientes dos países do leste e cuba, e que diz tb que são os melhores e que se encontram no país a desenvolver, acho que tem toda a razão. Mas já parou para pensar que quase todos formados nessas áreas a que se refere, não são aceites pelos iguais em S.tomé? Porquê? Dos ditos que refere formados nos países como Portugal, França (citando-o) não vê nenhum a “jogar ténis de parede aqui em Portugal. Pelo contrário, o governo ou entidades privadas absorvem-nos todos.Se o meu irmão parar e observar ou seja fizer um estudo, todos os médicos, técnicos de diversas áreas, estão bem colocados e com direitos iguais aos nacionais. Note que em muitas unidades públicas (caso saúde) encontra muitos profissionais “SÃOTOMENSES” . E se continuar a investigar, muitos deles formaram nos países que referiu e veio fazer reciclagem em Portugal e acabaram por ficar “aqui”. Afinal eastavam tão bem, o porquê do abandono. Alguma coisa está mal. Portanto deixem-se tretas, porque bons existem em todo lado. Para terminar, não basta dizer que sou DRº OU ENGº. É preciso muita dedicação e estudos constantes. Afinal, matemática, física, medicina etc, cada uma dessas ciências têm uma linguagem comum. Os orgãos do corpo humano de um chinês não é diferente do negro,mestiço ou da raça caucasiana. Caberá cada um na sua área, dedicar-se a profissão de acordo com o preconizado pela lei mundial.
      MUNGUÊÊÊ
      PASSÔÔÔ
      kUÁ É NA CÁCA UÁ?

    • img
      nelson Responder

      se estes formando puserao o pais como esta,mais valia nao teren saido do pais,vierao pior….

  11. img
    budobaxana Responder

    Quiz dizer:

    Tive a sorte de de viver a experiencia que retrato.

  12. img
    VERDADE Responder

    Desculpe mas vê-se mesmo que o senhor anda muito engando , russia, brasil ….são paises que produzem tecnologias de ponta pelo visto o senhor é mesmo burrooo!!!! procure informa-se primeiro tem estudantes de paises ao qual o senhor fez mensão a estudar no brasil vç o que vç sabe sobre as universidades brasileiras? tu tens rever teus conceitos andas muito…. informa-te, pelos menos voltamos e estamos aqui a trabalhar onde se encontram aqueles que vão a esses paises “ocidentais” os dentores do saber,
    essa mentalidade nos mata depois falamos mal dos politicos
    abraços a todos quadro que acreditam e lutam por esse país seja de Cuba, Brasil, Russia e tdos outros…
    viva STP.

  13. img
    horacio lucas Responder

    Os senhores ca de sima nao entre em desputas muito menos em conflito dizendo coisas mas procurem opinioes certas para o governo

    na verdade a muito racismo na Europa sabemos muito bem como sao alguns europeus .

  14. img
    Lete Pontes Responder

    Éstudei na Rússia e fico satisfeito pelo facto de ser quadro da EX-União Soviética.
    Para lhe dizer que a Rússia não é um país de terceiro mundo, isto transparece a falta de conhecimento que tens sobre aquele país que é uma superpotência. Os quadros são-tomenses formados na Rússia, Cuba são alicerces da nossa economia. Basta ver todos os ramos da actividades os mesmos estão presentes e com competência a desenvolver as suas actividades.Indepedentemente do país onde cada um ou cada uma formou o valor do bom técnico depende da sua vontade e do seu desempenho.
    Portugal em relação a Rússia é um país de terceiro mundo.
    SE NÃO SABES SEU BURRO PROCURA INVESTIGAR.
    PARA ALERTAR-LHE QUE HÁ INDICADORES QUE CARACTERIZA UM PAÍS SE É OU NÃO DE 3º MUNDO. DOU-TE UM EXEMPLO NO CASO DO INDICADOR – IDH é um dos factor de comparação.

    Primeiro procura saber o que é isso de IDH.

    O único país que consegue travar a EUA é a Rússia.

    Portanto se és formado és um péssimo quadro. Não cinge apenas na tua formação, informar-se. No mundo actual, a internete pode ajudar-te a tirar estas dúvidas e evitar vir públicamente falar de coisas fúteis, a querer passar por um sábio, embora tendo formado em Portugal ou um outro país ocidental.
    ´
    Fui, é só para calar o tipo!!!!!

    Lete, Formada na Ex-União Soviética

    • img
      budobaxana Responder

      Lete Pontes

      Nao entendeste o conteudo do meu comentario.

      Em momento nenhum disse que a russia era um pais do 3ro mundo.

      Volte a ler e tire as suas conclusoes.Falei da minha experiencia.

      Estudei em cuba,fiz posgraduacao nos USA , vivo e trabalho nos USA.

      • img
        celio moreno Responder

        Se fez estudos em Cuba e pós graduação nos Estados Unidos, isso significa que levaste uma base do ensino Cubano.Esás a negar a tua própria identidade. São daqueles filhos que abandonam as mães só pelo facto de ser pobre.Mas esqueceu-se que ela te carregou no ventre durante 9 meses e dias, limpou toda as tuas sujeiras para que hoje estivesses nos EUA.
        Pessoas deste tipo não fazem falta ao país.
        Cuidado os KKK, que gostam muitos destes ingratos.
        Se és tão competente tira a tua mascara e venha ajudar o teu país que necessita crescer e dessenvolver-se. Há muitos quadros competentes em S. Tome e Principe que podiam trabalhar sem complexo em algumas empresas ou instituições que mencionou, mas preferiram dar a sua contribução a sua terra Natal. Respeito os que lá estão , mas respeite aqueles que dão no duro para fazer avançar o país.
        O conhecimento é uma arma e não objectivo.

        Quantos astronautas portugueses foram ao espaço?
        Conheça a sua terra e ponha os pés na terra.

        Viva STP

    • img
      Pedro Sousa Responder

      Já olhaste para bastião da corrupção em STP, Vocês por acaso estão lá até ao pescoço, é única coisa que aprender e trouxeram para STP.

      De facto o vosso nível para praticar auto de corrupção é bastante alto, ah pois é..

      • img
        nelson Responder

        bem dito

  15. img
    Mestre Responder

    Fico bastante satisfeito em saber que finalmente as portas foram novamente abertas para os nossos estudantes formarem-se na Rússia. Quero dizer que também formei-me na Rússia e actualmente sou considerado o último estudante regressado daquele país. Regressei em 2005 e poucos sabem disso. Tenho mais uma irmã formada em Ginecologia que lá está e pretende regressar a STP no próximo ano. Portanto, a ideia de que o dito Filipe Samba é o único santomense residente em moscovo é falsa. Lá também está portanto a minha irmã, casada com Russo e tem dois filhos com o mesmo.
    Sendo assim, ela também pode enquanto lá está, dar o seu apoio a esses estudantes, esses apoios que são: conselhos onde podem andar e onde não, o melhor horário de passear, devem saber que depois de futebol não se anda muito em alguns locais para evitar problemas com os adeptos de futebol, ensinar a vestir correctamente para resistir ao frio, onde fazer compras e etc.
    Quanto a questão de bolsa de estudo, qualquer país é que deve assumira estadia dos seus estudantes e não a Rússia e eu concordo, porque se não será uma grande sobrecarga para aquele país. O país em si já recebe anualmente milhares de estudantes estrangeiros de diversos países do dito terceiro mundo e como pode custear as despesas com toda essa gente? O montante que o Governo Russo disponibiliza para cada estudante, inclusive para os russos, é apenas para compras de materias escolares e não para a sobrevivênvia mensal e isso temos que entender,…é apenas montante para compra de materias escolares como: livros cadernos esferográficas, lápis, fazer fotocópias caso for ncessário, e também para compra de cartão de transporte mensal que até o cartão como tal compra-se apenas uma só vez e é recarregavel para o tempo que a pessoa desejar- se pagou 50 mil dobras por exemplo para 10 dias, pode circular no metro quantidade de veses que desejar até ultrapassar os dez dias.
    No meu tempo o valor que nos davam era de 500 rublos (20 dólares na altura). Estes de hoje ainda dam graça de o montante subir. Pois claro, também subiu o custo de vida.
    Quanto a questão de emprego. Quase nenhum país de mundo aceita estudantes trabalharem porque estes foram para estudar e não trabalhar e o tido de visto que se atribui a estes estudantes é de estudo e só.
    Quanto a questão de turismo, digo que os turistas russos, ou melhor, os russos são grandes turistas. estes têm dinheiro a sobrar para isso. O que devemos fazer é publicitar o nosso país naquela região no sentido de faze-los conhecer STP com objectivo de estes virem cá passear e gastar dinheiro.

    • img
      Filipe Samba Responder

      Ao
      Юре
      Os meus cumprimentos, *Привет*
      Tenho a honra de lhe informar, que já têm contactos da tua irmã e do Alberto.
      Infelizmente tiveram o azar em apanhar um taxista mafioso, cobrando-lhes o quadruplo da tarifa.
      visitei-os,estão com a moral alta, dispostos a cumprir a missão que lhes levou cá vir, não obstante as difuldades.
      Rússia não é um parque de recreação.
      Спасибо
      от филя

  16. img
    Madalena Responder

    Visão
    Não posso concordar de todo o modo com estas afirmações.
    Mesmo aqueles que foram para europa ocidental, mudaram de cursos a torto e ao direito, muitos nem acabaram. O Brasil sendo uma potencia, como pode formar gente mediocre, ao não ser que seja uma vigarice.
    Vejam diferenças de tratamentos entre bolseiro dos Palops, no ano 2000 em Cuba.
    Estudandes de Angola recebiam 1500 a 1600 Dolares mensais, cabo verde recebia 70 dolares mensais, são tomé e principe, entre 10 a 20 dependendo do filho que la estava(Membros do Boreau Politico), Guine Bissau, 0 Zero dolar por mês.
    O Resultado escolar era inverso, muitos medicos formados naquele país, hoje estão a dirigir a saude no mundo.
    ja viram a descrepancia. Conhecimento é universal.

  17. img
    Zeca Jamba Responder

    Coitadinho do budobaxana.
    Posso jurar de pes juntos que formou-se em Portugal. Pois so aqueles eh que tem esse complexo de superioridade. No fundo nao sabem nada porque nunca o demonstraram nem em S. Tomeh, nem em lado nenhum.
    Nao conheco nenhum santomense formado em Portugal a trabalhar numa organizacao internacional. De Cuba, conheco o Agapito que eh um dos Directores do Banco Mundial e o Vera Cruz da OIT. Nem no sistema de PNUD em S. Tomeh so estao a trabalhar maioritariamente os formados em Cuba e na ex URSS.
    Onde eh que ja se viu comparar Portugal com EUA, Franca, Russia…? Serah que o sr nao sabe que ao nivel da ciencia, Portugal eh zero a esquerda?
    Falou que os formados no Brasil, Cuba e URSS entraram para a politica devido a incompetencia e deu exemplo do Bidao.
    Para o seu governo o Bidao eh quimico e o mesmo tem dado aulas ateh agora. Soh mais uma dica; quando encontrares um quimico, fisico ou matematico que se formou na Russia deves tirar o chapeu porque o mesmo eh bom.

    • img
      budobaxana Responder

      Zeca Jamba ,

      Estudei em Cuba.

      Comi arroz com feijao todos os dias.Tomei banho sem sabao e dormi com fome.

      De familia pobre e sem os Dolares como alguns filhos dos Srs. Passei muito mal.Me desenrasquei como pude naquelas circunstancias e jurei continuar a estudar para superar-me profissionalmente.

      Aceitei o desafio ,fui longe , concretizei o sonho.

      A experiencia foi boa , porque ajudou-me a ser forte e ultrapassar as dificuldades.Daria tudo nesta vida para evitar que os jovens passem por aquilo que passei.

      Por favor nao mande os teus filhos ou aconselhe os teus entes queridos a irem estudar em Cuba, Russia, Brazil , Nigeria etc… Ao menos que nao tu nao queiras um futuro melhor pra eles.

      Serao dependentes , autenticos parasitas, com muita dificuldade de se defenderem.Refiro-me a capacidade profissional adaptavel ao mundo ocidental.

      Evidentemente serao bons profissionais no contexto da Africa/S.tome.

      Deixe-lhes sozinhos nas ruas de Paris , Lisboa, New york,DC,London e veras quém é quem.

      Cheers

    • img
      Manga safú Responder

      Agapito foi lá por cunha do MLSTP.
      E sabes que o que ele anda a fazer esse tempo todo? Não sabes, existe um estágio para USA, ele boicota tudo, quando ele não tem amigo para manda fazer o estágio ele não deixa filhos de pobre ir lá fazer.
      Esse senhor é grande oportunista que anda a prejudicar jovens de STP. Alguém que tenha coragem para pôr este homem a correr de aquele lugar.
      Poço vos dar a dica:
      O estágio é para 6 meses, podes levar a família, esse senhor boicotou a ida do meu pai para este estágio, esse estágio é dirigido aos funcionários do Ministério das Finanças ligado ao projecto de Banco Mundial.

      Credo Agapito, Credo Agapito, Credo Agapito, Credo Agapito, Credo Agapito, Deus há de Fazer justiça com esse senhor. Budobaxana……

      VIVA STP, um dia tudo isto vai acabar
      VIVA Drº Patrice Trovoada, peço-lhe que ajude os jovens de STP a crescer, e ser reconhecido no mundo.

  18. img
    Madalena Responder

    Quando é que o efeito KGB chega ao vosso jornal?
    Será que estão vacinados contra a censura?
    Este jornal tende a ser encomodativo para muita gente!
    Qual vai aser 1ª baixa no Governo?
    Não credo !!!
    Ainda é Cedo.

  19. img
    Maria leva leva Responder

    Tirar cursos em algumas instituições Brasileira, é o mesmo que estudar na Universidade Lusíada de STP, no fim dizer ao mundo que tem curso superior, acham que Universidade Lusíada de STP tem alguma qualidade enquanto universidade? Basta olharem para o nível de académico dos professores que lá dão aulas.

    Na minha empresa não trabalho nenhum Licenciado vindo do Brasil. Vocês desculpam-me, gato escaldado tem medo de água fria….
    São muitos fracos em todos os níveis.

    • img
      HugoLima Responder

      Olá Maria Leva leva.

      Pelo que tenho lido sobre seus comentários a nivel de estudanes formados no Brasil.Leva-me a alerta-la o seguinte.
      A senhora como tal deve ser formada, espero.
      Qual a contribuição que tem dado aos estudantes que se sacrificam a pagar 100euros mensais para se formarem, na U.Lusiadas de STP? Uma vez que é quadro do país e reconhe a imcopetência do mesmo deve fazer algo para melhorar o nível dos outros,
      Tem uma empresa?Qual o papel da mesma em STP?
      Forma-se Homem para contribuir com a sua formação para desenvolvimentoda de uma nãção.
      E desenvolvimento de uma nãção inclui também formação ou qualificação de outros homens.
      Não basta vir a praça pública e degrinir países, faculdades, eimagens dos outros.
      O importante é ter atitudes para melhorar a situação.
      Não sou Formado mais tenho irmãos formados na ex União Sovietica, Brasil, ISP(STP)colegas de trabalho, visinhos primos e amigos e são octimos.

      Tinha a nução que quando formamos a nossa linguagem, escrita, também demostra qualidade, mas não é o que vejo de Si.

      Cresce e aparece da melhor forma.

    • img
      Fonseca Responder

      Ara esta! tambem tens empresa? nao tens nada!porque se tivesses estarias interessada no lucro, na viabilidade da mesma perante os teus credores, e nao a discriminar pessoas(que formaram no brasil).
      So contra qualquer tipo de discriminacao. Temos que dar sempre o beneficio da duvida, e aprender a lidar com a difenca.

  20. img
    Osama bin Laden Responder

    Estudar no Brasil!… credo, credo, credo, prefiro ir a Cuba.

    Caso contrario, prefiro ficar sem tirar curso superior…

    • img
      Fonseca Responder

      Pessoas com tu, ou com teu pensamento, por mais que estude, seja la onde for e em qualquer que seja a instituicao academica, continuara bura de raciocinio lento, porque tens uma duenca cronica da burice.
      OH! DESCULPE,a maria leva leva tb sofre do mesmo poblema.

  21. img
    Pedro Sousa Responder

    Tudo menos Brasil… CST está cheio desses fracos vindo do Brasil, resultado é o que se vê, olha vão ver como funciona a nossa Procuradoria da Republica, só consegue agir contra ladrão de galinha..

  22. img
    Edson Moniz Responder

    o mundo mudou e são tomé e principe tem que mudar com ele. para novos tempos exigem novas respostas. estamos num mundo globalizado. ja chegou altura de pensar na aposta do ensino universitário nacional.

  23. img
    budobaxana Responder

    Existe apenas um bem, O SABER e apenas um mal, A IGNORANCIA.

    There is only one good thing in life, THE KNOWLEDGE, and only one bad, THE IGNORANCE.

    Nada mais assustador que a ignorância em acção” (Johann W. Goethe).

    ——————

    Que não sabe é como quem não ve.

    ——————

    Como médico formado em Cuba e agora trabando num hospital privado fora e dentro dos USA , sinto-me na obrigação de explica-los o seguinte :

    Depois de terminares a formacao de medicina geral em Cuba, Russia(comunista),Nigeria,Brazil,Portugal,Grecia(numa lista de 85 paises) e ainda que tenhas trabalhado 5-7 anos na Africa,nao vais conseguir emprego como médico no USA/Canada,Australia e UK e na Europa ao menos que voltes a estudar e aprovar exames que te permitam registar(medical council) e credibilizar-te como profissional.

    Se conseguires uma bolsa ou se tiveres que enviar os teus filhos/familiares para estudar no extrangeiro recomendo faça um esforço e lhes envie para um dos paises que referi no meu comentario.

    Aprenderao mais e ganharao ( tempo e dinheiro).

    Para os mais curiosos vejam os links:

    http://www.ecfmg.org/cert/index.html

    http://www.gmc-uk.org/doctors/licensing.asp

    http://www.gmc-uk.org/doctors/index.asp

    http://www.amc.org.au/index.php/img

    Falo por experiencia propria.

    Aqueles que precisarem de mais informacoes escreva-me para budobaxana@gmail.com que eu terei a amabilidade de responder e prestar todo apoio se for necessario.

    Peace….

    • img
      celio moreno Responder

      E o médico que medicou o celebre medicamento ao Michel Jackson estou aonde meu amigo?

  24. img
    budobaxana Responder

    Quiz dizer:

    Como médico formado em Cuba e agora trabalhando num hospital privado fora e dentro dos USA , sinto-me na obrigação de explica-los o seguinte :

  25. img
    Ser culto,es el único modo de ser libre Responder

    Descula molestar-vos neste forum.Mais voces sabem a quantos meses nao recebem a bolsa,os estudantes de cuba? O bom sucesso academico depende muito mesmo da situacao basica e economica do estudante.Hasta pronto……

  26. img
    a Responder

    RTP 28/09/2010

    Vídeo : http://tv1.rtp.pt/noticias/index.php?t=Prisao-polemica-dita-demissao-do-ministro-do-Interior-de-Angola.rtp&headline=20&visual=9&article=378949&tm=7

    Prisão polémica dita demissão do ministro do Interior de Angola

    O Presidente da República de Angola decidiu exonerar o ministro do
    Interior por considerar irregular e ilegal a extradição de um cidadão
    português de São Tomé e Príncipe para Angola. Jorge Oliveira está
    envolvido num processo judicial com uma empresa angolana, mas não
    havendo acordo de extradição entre São Tomé e Angola o caso é
    classificado pela Presidência como um grave erro do Ministério do
    Interior.

    ONDE ESTAVA A ORDEM DE ADVOGADOS PARA “SACUDIR” POEIRA COMO FIZERAM COM O CASO CAMARONES???

    __._,_.___

    • img
      Maria leva leva Responder

      Nesta sequência disso, o nosso procurador devia tirar as suas ilações e pôr o cargo a disposição.
      Quero o nosso Governo também a agir ao nível interno.

      • img
        De novo Responder

        La vem ela de novo com perseguicoes contra o PG.
        Ja cansas, pensa em stome e deixa de lado a inveja.

        • img
          Maria leva leva Responder

          È mesmo a pensar em stp que eu não quero esse não faz nada na nossa PGR.

    • img
      Manga safú Responder

      A ordem dos Advogado nunca pronunciou sobre esse assunto, isso não os interessava, talvez não havia massa pelo meio a favor desses advogadozinhos.

  27. img
    Filipe Samba Responder

    O nosso nivel de inteligência ou de sabedoria é um factor complementar que vai determinar a intensidade e profundidade da nossa compaixão.

    Boletim Economico da Rússia/08/2010

    1.Moscovo continua a ser a cidade com os hotéis mais caros
    RIA Novosti

    Moscovo está em primeiro lugar na lista das cidades do mundo com hotéis mais caros na primeira metade do ano 2010, com um preço médio de 256,83 libras esterlinas por dia (407 dólares), de acordo com um estudo da companhia britânica Hogg Robinson Group (HRG).
    Segue-se Genebra (199,11 libras esterlinas por dia) e Hong Kong (197,61 libras esterlinas por dia). Em quarto lugar ficou Paris (197,13 libras esterlinas por dia), seguida de Nova Iorque (194,13 libras esterlinas por dia). A primeira dezena incluiu ainda Washington, Zurique, Abu-Dhabi, Estocolmo e Oslo.
    Não obstante, segundo assinala a HRG, Moscovo é uma das poucas capitais cujos hotéis registaram uma redução de preço em 2010 em relação ao ano anterior.
    A capital russa é a quarta entre as cidades mais caras do mundo para especialistas estrangeiros, após Luanda, Tóquio e N’Djamena, capital do Chade, segundo uma lista elaborada pela revista Forbes.
    Segundo a revista, alugar um apartamento de luxo de dois quartos custa em Moscovo 3.600 dólares por mês. O preço de um café ascende a 8,2 dólares, de dois bilhetes de cinema a 26,5 dólares e de um hambúrguer, a 5,6 dólares.
    A cidade mais cara do planeta segundo a Forbes é Luanda, capital de Angola, onde alugar um apartamento de luxo pode custar 7.000 dólares mensais.
    2. O Serviço Federal de Estatística (Rosstat) acaba de publicar os dados referentes ao número e rendimentos dos responsáveis públicos russos no primeiro semestre de 2010.
    O número total de funcionários dos órgãos federais do Estado é de 38.700.
    De acordo com o Rosstat, os funcionários públicos dos órgãos federais recebem em média 50.300 rublos por mês (cerca de 1.670 dólares). No primeiro semestre deste ano, os salários destes funcionários aumentaram 3,4% em comparação com o período homólogo do ano passado.
    Os salários mais altos são praticados no Gabinete do Governo da RF: o rendimento mensal destes funcionários é de 88.500 rublos (cerca de 2.950 dólares). Os mais “pobres” são os funcionários do Serviço de Migração, que recebem somente 29.000 rublos mensalmente (cerca de 960 dólares).
    Os trabalhadores da Administração Presidencial ganham em média 80.600 rublos (2.680 dólares), os do Ministério dos Negócios Estrangeiros, 60.800 rublos (2.020 dólares). Os mais bem pagos são os funcionários da Câmara de Contas. O seu salário médio ascende a 82.000 rublos (cerca de 2.730 dólares).

    3.Os ritmos de crescimento da economia russa são significativamente inferiores em relação aos indicadores dos outros países do Grupo BRIC (Brasil, Rússia, Índia, China), constatou o Serviço Federal de Estatística (Rosstat).
    No segundo trimestre, a economia da China cresceu 10,3% e no primeiro – em 11,3% (em relação ao respectivo período de 2009), do Brasil – em 8,9%, da Índia – em 11,3%, refere o Rosstat analisando os dados actualmente disponíveis. Os ritmos de crescimento do PIB da Rússia são mais modestos – 5,2% no segundo trimestre e 2,9% no primeiro. Mas o crescimento russo é mais seguro no pano de fundo dos países desenvolvidos, destaca o serviço estatístico.
    As principais vantagens das economias do BRIC são os grandes mercados de venda e menores custos de produção. Segundo as previsões oficiais, em 2010, o PIB da China crescerá 9,9%, do Brasil – 7,2%, da Índia – 6,7% e da Rússia – apenas em 4%.
    Os investimentos estrangeiros directos (IED) na economia russa são menores em comparação com os colegas do BRIC: diminuíram no primeiro semestre em 11%, para 5,4 mil milhões de dólares, montante comparável com os IED que chegam mensalmente à economia chinesa – 6,92 mil milhões de dólares em Julho (dados do Ministério do Comércio). Em seis meses, os IED na China cresceram em 20,7% e ao todo em 2010, segundo os prognósticos da China International Capital Corporation, aumentarão em 25 por cento. Por outro lado, ao contrário dos outros países do BRIC, os IED na Rússia são uma repatriação de capitais russos, destaca o analista da Uralsib, Cris Wifer: “O volume dos investimentos estrangeiros autênticos é insignificante”.
    A Rússia é diferente dos mercados em desenvolvimento, apontam analistas da Economist Intelligence Unit: “A crise afectou fortemente a Rússia não tanto por causa da queda dos preços do petróleo em 2009, quanto devido a uma série de factores: atraso das medidas anti-crise do Governo, clima de investimentos desfavorável e gestão ineficaz”.

  28. img
    Mara lindsar Responder

    Defensora da verdade

  29. img
    Elves Reis Responder

    Sr. Budobaxana,
    Basear num elemento para julgar o universo, eu acho uma análise com uma margem de erros acima de 90% e o mínimo aceitável é basear numa amostra para julgar o universo.
    Por outro lado, o facto desses países desemvolvidos não aceitarem ou criar qualquer barreiras não físicas aos diplomas de países de terceiro mundo não implica necessárimente dizer que não inteligentes ou sabem não nada mas sim por uma questão de políticas de cada páis .

    Please do not include me in bunch of idists .rir rir rir rir
    Para terminar gostaria de dizer que respeito as suas opinões – Relativismo Cultural e se as minhas forem entendidas como ofenças retiro-as

    meu E-mail: elvesreis888@hotmail.com
    Quadro formado em São Tomé

  30. img
    Elves Reis Responder

    Elves Reis diz:
    O seu comentário aguarda moderação.

    29 de Setembro de 2010 às 22:51
    Sr. Budobaxana,
    Basear num elemento para julgar o universo, eu acho uma análise com uma margem de erros acima de 90% e o mínimo aceitável é basear numa amostra para julgar o universo.
    Por outro lado, o facto desses países desemvolvidos não aceitarem ou criar qualquer barreiras não físicas aos diplomas de países de terceiro mundo não implica necessárimente dizer que não inteligentes ou não sabem nada mas sim por uma questão de políticas de cada páis .

    Please do not include me in bunch of idiots .rir rir rir rir
    Para terminar gostaria de dizer que respeito as suas opinões – Relativismo Cultural e se as minhas forem entendidas como ofenças retiro-as

    meu E-mail: elvesreis888@hotmail.com
    Quadro formado em São Tomé

  31. img
    Nome Responder

    Avaliação profissional é feita assim!?
    Então, qualquer pessoa que formou (tirou o curso) em Harvard University ou na Universidade de São Paulo é profissionalmente bom!? E, consegue emprego em qualquer canto do mundo!?
    Francamente é lamentável ler esses comentários. Nem parece que são pessoas “formadas” ao escreverem isso aqui para a grande rede de computadores!
    Parem e reflictam, por acaso um óptimo professor em determinada área será bom profissional dentro de uma empresa? Pensem nisso!!

    • img
      budobaxana Responder

      Nome :

      Queres um exemplo !!!!

      O profissional formado no Harvard University tem maior probabilidade de assegurar emprego no London Law Court,Wall Street,Oxford or Sydney Business School do que o formado na Universidade Luisiadas de S.Tome ,Patrice Lumumba,Universidade de havana ou Universidade de São Paulo.

      Queres provar ?

      Va estudar, ou mande os teus filhos estudarem em Cuba,Angola,Russia,Brazil e depois envie o CV pra USA,UK,Australia,Canada a procura de emprego.

      You just don’t get it.

      Quem nao sabe é como quem nao ve.

      Cheers….

  32. img
    Luíz Responder

    Maria leva leva é a formada mas maluca que aparece neste comentário.

  33. img
    Faustão Responder

    Muito bem, onde chegamos? Tanta coisa e nada de aproveitar. É triste.
    Afinal ter curso de França/USD/ Espanha já é bom especialista? Estão bem enganados. Só dizem isso, aqueles que pensam que enganam os inocentes. Muitos dos ditos pequenos ou paizes ditos de terceiros mundistas têm especialistas muitos mais capazes que os portugas e etc. Então não leêm porquê? Informem-se por favor. É evidente que ter diploma de da Inglaterra/ USD, abre a porta a qualquer um, não tenhamos dúvidas, esse é o mundo em que vivemos, escuro e mafioso. Que fazer?
    A competência de cada um depende de cada um, mas o mundo não é assim. O mundo é gerido doutra maneira, por isso ter um diploma de Cuba, no dito primeiro mundo nada serve, mas vão lá tratar da saúde e não só. Aqueles que defendem tanto o Ocidente, um negro e um branco com o mesmo curso e com diplomas iguais, valores iguais, em qualquer parte do mundo, quem terá logo um emprego? Mesmo em S.Tomé? E essa…

  34. img
    mariana salvaterra Responder

    as nossas embaixadas e consulados,deviam prestar maior servico neste dominio,ao país e aos nossos estudantes,em matéria de universidades…no mundo….israel e india em todo tipo de engenharia sao colossos de rodes…medicina fisica e quimica jornalismo usa franca reino unido, cuba e nigéria.a vida de estudante é um sacrifício… boa sorte para os nossos estudantes.

  35. img
    rapaz de riboque Responder

    outra vez russia eles e os cubanos pos independencia com o antigo regime é que distruirao stomé quem sou eu para falar mas ha patricios que dizem que nao precisam nada do exterior como é que vao aceitar o apoio da russia mas também da mao que escreveu nao se espera outra coisa

Deixe um comentario

*