Sociedade

STP vai lançar o projecto de alerta previo sobre mudanças climaticas

O Instituto Nacional de Meteorologia (INM) já começou a trabalhar no projeto de alerta prévio sobre as mudanças climáticas. O  documento preliminar, elaborado esta semana  num seminário que  serviu para colher subsídios para a elaboração deste  projeto.

«Este projeto consiste na aquisição de alguns equipamentos que nos permitirá dizer o que se passa realmente no nosso país», disse João Vicente Lima, presidente do INM.

O projetocontara com o financiamento do programa nacional de adaptação às mudanças climáticas, que é financiado pelo Programa das Nações Unidas para Desenvolvimento, avaliado em quatro milhões de dólares.

Na cerimonia de abertura do seminario, o Governo admitiu a vulnerabilidade de STP aos efeitos das mudanças climáticas. «São Tomé e Príncipe é um país vulnerável às mudanças climáticas e temos imensas dificuldades em atenuar e adaptar aos fenómenos das mudanças climáticas»acrescentou Hélder Paquete, secretário-geral do Ministério dos Recursos Naturais.

Em representaçao das Nações Unidas, António Viegas garantiu a disponibilidade da comunidade internacional em continuar a ajudar os países, como São Tomé e Príncipe na criação e financiamento de projectos estratégico para permitir adaptação dos países às alterações climáticas.

O seminário que decorreu na sala de conferência do PNUD foi considerado de um passo muito  importante para que num futuro próximo o instituto nacional de meteorologia possa beneficiar de meios humanos e materiais para levar informações prévias à população sobre o estado do clima em S.tomé e principe.

Sónia Lopes

    1 comentário

1 comentário

  1. pv

    21 de Setembro de 2012 as 22:13

    Ai esta uma informação um pouco vazia mais muito útil. Fala-se muito em mudanças climáticas e não se tem qualquer informação cientifica do estado actual do clima em STP.
    Invistam no equipamento sim, mais ao mesmo tempo capacitem os técnicos intervenientes neste processo, se não, será o mais do mesmo, venha equipamento que vier.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo