União dos Sindicatos do sector da Saúde renova as reivindicações de Novembro último

Desta vez é um ultimato. Os 5 sindicatos do sector da saúde, advertem o Ministro da Saúde Leonel Pontes, a agir rapidamente no sentido de pôr fim a uma série de anomalias que segundo os sindicatos têm posto em causa o bom funcionamento do Hospital Ayres de Menezes.

Os sindicatos dos médicos, dos técnicos da saúde, dos enfermeiros e parteiras, dos serviços gerais da saúde e dos administrativos da saúde, falam numa só voz. Estão unidos numa frente de luta, que visa melhorar o funcionamento do hospital Ayres de Menezes.

Apresentam 5 pontos reivindicativos. Primeiro denunciam a ausência de relações humanas e laboral entre o Director Geral do Hospital Ayres de Menezes e os trabalhadores em geral do principal centro de saúde do país.

Segundo ponto tem a ver com a falta de coordenação entre membros do Conselho de Administração do Hospital Ayres de Menezes, o que tem causado alguns constrangimentos na tomada de decisões.

Terceiro aspecto, refere-se a falta de transparência na gestão da verba de recuperação de custos de prestação de cuidados de saúde. O quarto ponto, descreve a ausência de boas condições de trabalho a todos os níveis, o que tem causado inúmeras reclamações por parte dos funcionários.

O quinto e último ponto, adverte o novo ministro da saúde, para a carência de consumíveis, desde medicamentos, detergentes, lixívia, luvas, algodão, sabão, reagentes diversos e outros.

A união dos Sindicatos do Sector da Saúde, pretende que o ministro Leonel Pontes, reaja o mais rápido possível, a tais reivindicações. Paralisação geral do sector da saúde, é uma possibilidade aventada pela União Sindical, caso, medidas não sejam tomadas.

Abel Veiga

  1. img
    Zugú-Zugú Responder

    Ká decê.

  2. img
    Santosku Responder

    Acredito serem reivindicações próprias e boas da classe dos médicos e demais. Creio que devem dar um tempo ao Ministro de Saúde para em conjunto encontrarem soluções para os pontos apresentados. Se em 2 anos o Governo de ADI não fez nada temos que ter em conta o tempo e darmos um estado de graça ao Governo de Gabriel Costa que é no minimo 3 meses.

  3. img
    malebobo Responder

    meus senhores profissionais de saude, por favor o sr.Ministro, ainda não acentou na cadeira, da-lhe um tempo, ok

  4. img
    António Portugal Crisóstomo Responder

    Este gente deste governo não faz nada. O ADI é que estava a fazer um bom trabalho tendo o meu amigo Cubilas como Director deste serviço.
    António Portugal

    • img
      Ora essa Responder

      Oh Tó, sejamos razoáveis não é.
      Que Cubilas seja teu amigo, tudo bem.
      Mas dizer que o hospital esteva bem ou que um governo formado a poucas semanas tenha culpa do atual situação é muito caricato e tira muito do brilho académico e analítico que eu julgava tu tivesses!
      Este comentário vindo de ti me surpreendeste e muito. Ou talvez eu te conhecesse muito menos do que pensava.
      Talvez mudasse de opinião se algum dos teus tivesse chegado do Príncipe e encontrasse os mesmos poucos (para não dizer ausência de) cuidados ali praticados.
      Muito sucesso ao Cubilas. O teu sucesso profissional é uma mais-valia para o povo que precisa de tua dedicação é um orgulho para mim que também sou teu amigo.

      • img
        Monco_Fingido Responder

        Não Acredito que é António. Deve ser um daqueles moncós fingidos e as vezes até é amigo dele que escreveu isso..esse moncós é todos uma cambada de fingidos uns com os outros. A dias vi um Antonio José Canssadra a comentar aqui também..sinceramente!

    • img
      E agora.?!...Falo eu Responder

      Não acredito que seja o António Portugal a dizer um disparate deste.

      • img
        Pão com Chouriço Responder

        Não acredita como??? Ele não é assim tão inteligente como parece. É um miúdo com algumas, para não dizer muitas, limitações intelectuais. Eu conheço a pessoa em concreto até poeque estudei durante largo tempo com a mesma. Basta ver a forma pouco refinada e com erros gramaticais como escreve algumas besterras no jornal Parvo. Enfim, são estes os técnicos e gestores com quem temos que lidar neste nosso S.T.P. Não me admira nada que seja ele mesmo.
        Fui

      • img
        Sem_papas_na_lingua Responder

        Tb não acredito que seje ele. Por essas e por outras que este jornal a cada dia que passa tem perdido credibilidade por causa dos comentários pobres que se fazem por ai e pelos nomes das pessoas usam para escrever asneiras. Deve ser o medo por terem vivido na ditadura durante vários anos. Vcs não sabem viver em democracia até medo de assumir o que falam têm! Palhaços. Já vi e li alguns artigos desse jovem e mal ou bem ele põe nome o que revela coragem de assumir o que pensa eo que escreve. Em tempo atrás foi meu nome e de uns amigos que andaram a usar! Medricas…! Telan non já deu o que tinha a dar. A ideia de comentar no jornal foi genial por parte do Abel mas, não serve para este nosso povo!

    • img
      Cuny Prazeres Responder

      Pq não assumir a identidade e a responsabilidade do que diz e pensa?! Mts vezes fico chocada com a mentalidade das pessoas que dizem querer contribuir para o avanço do nosso STP. Conheço o António desde que nasci, e tenho a certeza que esses comentários básicos e sem sentido nenhum nunca sairiam da cabeça dele. Quem falar? Na boa! Somos todos livres de o fazer, mas seja digno e homem/mulher o suficiente de assumir quem é. Isso é para os fracos como deves ser. Que falta de carácter….

  5. img
    silvestre Responder

    O transitou e sao reinvidicações concretas para melhoria da prestação de serviço a população. Só que deveriam dar um periodo nao mais de seis meses ao novo elenco afim de preparar o OGE 2013, o seu Programa e busca de sustentação financeira pq dependemos maioritariamente do exterior.
    Sindicatos força, para o bem da saude do nosso povo.

  6. img
    Um Elemento do Povo Responder

    Uma preparação para fazerem cair o Cubilas. Oh Cubilas arruma mala! Não esqueçam de fazer cair a equipa da EMAE, esse malandros que agavam luz quando Presidente falava na TVS.

  7. img
    Casca Pau 3 Responder

    Reivindicacoes merecedoras, espero que o novo alenco encabeçado pelo PM têm agendado, uma vez que constitui um sector crucial da vida de um pais. Com uma boa gestao das politicas macroeconomicas seguido com rigor, mesmo com pouco recurso,dara para minimizar. Fazer uma visita ao Hospital julgo ser inprescendivel e urgente.Merci

  8. img
    silvestre leitinho Responder

    boa oportunidade para um dos camaradas aproveitarem ir lá vender alimentação, medicamentos e outros …o mal do hospital ayres de menezes reside no pessoal pouco qualificado, ignorantes e tidos como técnicos, não sabem que a melhor saúde passa por limpeza o hospital precisa de pulso gente de garra, apertar na organização, limpeza, higiene e medicamentos e tratamento são complementos…

    • img
      Amor a Pátria Responder

      Sabes, lí o comentário e fiquei muito triste. Os santomenses têm que começar a deixar de opinar so pra agradar, principalmente quando não conhecem as causas. O hospital Ayres de Menezes, precisa de um Director e não de um feitor. ´
      Os sindicatos, tardaram muito em reagir e o Ministro da Saúde não está em causa, mas sim o que está em causa é a saúde do povo da nação sãotomense, que pode estar em perigo porque a presença do actual director desta instituição tornou a véste branca dos técnicos de saúde négra.
      Sem meios, os técnicos fazem muito. Deixa de ser fingido e fala a verdade. na terra onde estas, es tão bem atendido nos ospitais? Vergonha. Mostra uma mais valia que o Cubilas trouxe ao Hospital Ayres de Menezes.

    • img
      Amor a Pátria Responder

      A Ditaduta já passou. Todos os Directores ou quase todos os Directores que foram colocados pelo ADI, tomaram lição da ditadura.
      Mas é uma pena, que o do Hospital, nem ditadura aprendeu, quanto mais Dirigir uma instituição como aquela.
      Fala sério! no mundo, o único país onde o Cubila podia ser director, é S.T.P, e com o governo do PT.

  9. img
    zeme Almeida Responder

    Por favor nao falem mais do ADI e do Patrice Trovoada porque nao fazem parte do governo!O Pais ja tem um novo governo com homens capacitados, para por este STP a funcionar!Um Pais que so depende de ajuda externa sera que 1.5 ano sera suficiente para tirar-mos este Pais no fosso que se encontra?Meu Deus venha a este STP.

  10. img
    Anderson Responder

    Bom dia,
    Devemos olhar para um hospital como se fosse um Hotel 5*

    O esgoto do HC preciso de ser tratado, sob pena de continuarmos a ter maes na maternidade a conviver com baratas e outros insectos, actual edificio de urgencia cheio de ratos, baratas; e casa dos doentes mentais, na situacao em que se encontra.

    Olhando concretamente para HC, é impossivel um orçamento e n1m ano resolver-ms todos problemas.
    Mas é possivel um orçamento q comece por melhorar o mais urgente, pois tudo é urgente ai.
    O actual ministro esta fresco, cheio de energia, entao vamos aproveitar porque o tempo é muito curto.
    Acho que uma prioridade seria terminar a remodelacao do Servico de Urgencia, que a esta altura deveria estar em pleno funcionamento.
    So sorte aos nossos salva vidas

    • img
      António Portugal Crisóstomo Responder

      Eu acreditei muito no Patrice Trovoada. Atualmente, por aquilo que tenho ouvido desde que cá estou, estou desiludido com Patrice Trovoada. Só vejo disparates cometidos por este senhor e não vejo um rumo definido para o desenvolvimento deste nosso S.T.P. Ainda bem que derrubaram o governo deste senhor. O país tem que mudar. Viva Gabriel Costa.
      Viva Pinto da Costa
      Viva S.T.P

      • img
        C.S Responder

        Mas este rapaz está doido??? Ele andava lá em Portugal a lavar pratos ou desempregado, a pedir a todos os elementos do governo do Patrice Trovoada, de que fiz parte, para arranjá-lo um lugar aqui em S.Tomé para ele vir trabalhar. Agora está a injuriar as pessoas que fizeram parte deste governo!!!! O que se passa com este rapaz??? Cada maluco sua sentença… Ingrato é que tu és como a maioria dos Sãotomenses. Deverias continuar na obra ou a lavar pratos como estavas em Portugal. A culpa não é tua.

  11. img
    Sr. Saúde Responder

    Não sei como o HAM chegou até este ponto de ter um Cubila a dirigir este e único centro hospitalar do país… mas enfim, já agora tenho algumas duvidas: podem me dizer em que universidade este Cubila fez a sua licenciatura em Direito. Pok o homem só vive dizendo eu sou eu sou eu sou jurista e advogado, conheço lei…

Deixe um comentario

*