Maior central sindical saúdou governo e prometeu combater actos de perseguição contra trabalhadores e sindicalistas

A ONTSTP saudou o governo no dia internacional dos trabalhadores, por ter resolvido um dos problemas mais antigos dos trabalhadores do sector da saúde. Trata-se da implementação da carreira profissional. No entanto prometeu luta dura contra actos de perseguição que são ciclicamente movidos contra os trabalhadores.

Cerca de 1000 trabalhadores que garantem o funcionamento do sistema nacional de saúde, conseguiram na véspera do dia internacional dos trabalhadores, uma das suas maiores conquistas. Trata-se da implementação da carreira profissional, que aliás, recentemente provocou uma greve geral no sector da saúde. No dia 30 de Abril, o executivo e os sindicatos dos diferentes sectores da saúde, assinaram o memorandum de entendimento que resolveu um problema antigo. «Conseguiram aquilo que vinham lutando há muitos anos,  que é a questão da carreira que foi aprovada incluindo os salários de base. Isso é uma conquista dos trabalhadores e do sindicato. É uma conquista também para o Governo, que sendo um governo de 100 dias, conseguiu resolver um problema que há cerca de uma década os outros governos não conseguiram resolver. O que é bom temos que dizer. Queremos felicitar o governo pela capacidade que teve de resolver esses problemas. Queremos dizer o senhor ministro que não deixe cair o bastão do diálogo», declarou João Tavares no acto de celebração do dia internacional dos trabalhadores, que decorreu no parque popular da cidade capital.

O Governo através do ministro da saúde e dos assuntos sociais, Leonel Pontes, também realçou o entendimento alcançado como uma das grandes conquistas da classe trabalhadora da saúde nos últimos anos. O ministro apontou outras acções que representam conquistas importantes para os trabalhadores de São Tomé e Príncipe. «A assinatura do programa de trabalho docente para o período 2013 à 2016, que se assenta nos eixos da promoção do trabalho digno para homens e mulheres e reforço das capacidades relativamente ao diálogo social para melhoria e aplicação das normas internacionais de trabalho. Também de salientar a adopção pelo governo da estratégia de luta contra o trabalho infantil até 2020, e a eliminação das piores formas de trabalho infantil até 2016» detalhou o ministro.

No entanto nem tudo é mar de rosas, a ONTSTP, pediu união dos trabalhadores, para combater as pressões e perseguições que são impostas aos sindicalistas nas empresas públicas e privadas. João Tavares secretário geral do sindicato prometeu luta. «Se começam a perseguir os trabalhadores ou a perseguir os dirigentes sindicais, isolando-os das suas actividades, descriminando os sindicatos, passaremos a denunciar essas empresas, desses serviços que estão contra a liberdade sindical», enfatizou.

A ONTSTP é a primeira organização sindical são-tomense. Agrupa no seu seio trabalhadores de diversos sectores públicos e privados. Tem assento noconselho de concertação social, sendo assim um interlocutor válido entre a classe trabalhadora e o Estado.

Abel Veiga

Notícias relacionadas

  1. img
    Armindo Responder

    Parabens as partes. Em especial ao senhor Ministro.Como médico estou satisfeiro. Nota Dez para o Ministro e o governo que integra.

    O que é bom é de louvar.Uma decada para se encontrar saida. Mais tarde do que nunca.

    • img
      Mufino Responder

      Parabens em especial aos sindicatos. Pois se nao fosse a pressao da classe medica trabalhadora, exercida em tempo oportuno, o senhor ministro nao teria agido em nada.

      • img
        Armindo Responder

        Meu caro, agora vamos todos por a máo na consciencia e trabalhar. Muitos colegas entran as oito e saiem as 12h.Parece que foram a cazerna passar revista.

  2. img
    HLN Responder

    Pelo que conheço o João Tavares,promete e cumpre, força João.Trabalhadores santomenses presisam de um lider assim como o Senhor. Para Lionel Pontes, um Ministro de cabeça tronco e membro, espero que ambos dêm a volta a certas situações tão simples, que os homens torna-os complicadissimo.

    • img
      Faustino Responder

      Este João Tavares não sabe fazer outra coisa na vida a não ser sindicalista??? Desde que eu nasci que este homem é sindicalista….Credo!!!

  3. img
    Besta Responder

    Também, é verdade que a carteira dos promocional da saúde tem que ter a sua presença;quero assim dizer que os profissionais têm um instrumento fundamental que toca a vida das pessoas,eles têm que exigir do Governo condições de trabalho ;medicamentos para cada deles inserção os seus trabalho .

  4. img
    desta terra Responder

    Esse Ministro não sabe o que está a fazer.

    Terá ele feito um estudo de impacto orçamental dessas medidas?

    Ou ele não sabe o que é isto?

    Pergunto eu:
    A onde vai o Leonel Pontes ou o Gabriel Costa buscar receita para dar sustentabilidade a essa medida?

    Num país que não produz quase nada, onde a exportação anual ronda os 4 milhões de USD, e a importação anual cerca de 100 milhões de USD?

    Num país onde os politicos são um bando de preguiçosos e só querem delapidar os fracos recursos do Estado, será que este governo conseguirá recursos necessários para satisfazer essa medida de garotice?

    É sempre bom resolver os problemas de trabalhadores, mas, de uma forma sustentada que não coloque em causa a sua continuidade no tempo.

    Pergunto:
    1- Que medidas de saneamento economico este governo de Gabriel Costa está a tomar para relançar a economia?

    2- Que medidas de combate ao desemprego este governo está a tomar?

    3- A onde este governo irá buscar a receita para cumprir com os ingentes compromissos financeiros que o país tem?

    4- Que medidas de fortalecimento do sector privado (aquele que cria riqueza) este governo já tomou ou está a tomar?

    Penso que, nós enquanto santomenses temos o direito de saber, porque o nosso futuro parece agora estar muito incerto…, pelo menos, não se vislumbra melhoria a médio prazo, porque nenhum indicador mostra isso.

    • img
      Gente da Terra!!! Responder

      Desta Terra, vc é a pessoa mais triste e estupida que ja postou alguma coisa nesta pagina interativa.
      Como podes ter a cara de pau ao ponto de pôr em causa esta conquista dos trabalhadores da saúde?
      Ah tá, como o teu Dr. Patrice não deu atenção à saúde e não resolveu este problema que vem arrastando a decadas…o governo que o fez é insano?
      Em realação a outro comentário que postaste sobre a central de Bobo Forro…Que coisa, né?!!! Entre 2011 e 2012, diz o artigo, o governo (do ADI e do vosso Dr. Patrice) não pagou a empresa o que fez a divida aumentar para 700 mil euros. E tu tiveste a cara de pau de reclamar dos apagões que vieram em consequencia desta burrice do teu ADI e o seu lider?
      É bom lembrar que esse vosso lider, no governo que graças a Deus, durou três meses recebia da EMAE 200 litros de gasoleo por dia para abastecer o seu motor lá na Praia das Conchas.
      Sabe, gente como tu deveria voltar para escola não para aprender a ler e escrever…mas sim para aprender a pensar…
      Santa Paciência

    • img
      Almeida Paquito Responder

      Santomense como vocé ja conhecemos. Por isso o país que temos. Ja náo sabemos o que realmente vos agrada. Eu ainda me recordo que tudo foi feito com base num despacho conjunto entre o Ministro das Finanças e o da saude.
      Se assim foi é porque existem condiçoes para satisfazer.
      Deixa o nosso Ministro trabalhar.Sai rua pergunta por ai desde Batepá até onde entenderes se o nosso Ministro náo sabe o que esta a fazer ou náo conhece a casa que governa.

  5. img
    migo povo Responder

    é preciso dar cesar o que é de cesar,quem mais trabalha mereci sim melhores condicoes,e para quem pergunta onde o governo vai aranjar dinheiro para sustentar isso deveria perguntar onde aranja dinheiro para dar tanta mordomias aos derigentes e os ex derigente apertos tem que começer de cima para baicho nao de baichon para cima num pais como nosso,estado santomense nao tem tambem dinheiro para comprar carros porque ex ministros sairao com carros,onde queremos chegar assim

  6. img
    agua viva Responder

    esclarecimento:
    está publicada nessa noticia que:” a ONTSTP saudou o governo por ter resolvido um dos problemas mais antigo dos trabalhadores do sector de saúde – trata-se da implementação da carreira profissional, bem como o salário de base”, no meu entender o governo assinou um memorandum de entendimento para implementação da carreira médica, enfermeiros e técnicos de laboratório.
    o que a ONTSTP não sabe é que o sistema nacional de saúde é composta por outro pessoal- carreira que foram negligenciada no âmbito do tal memorandum …..
    congratulo com êxito alcançados pelos médicos e enfermeiros, mas para um sistema nacional de saúde mais coeso é mais rentável( e trará menos custo ao estado) que haja um quadro privativo com as suas adaptações. agora resolver o problema de uma classe – médicos e enfermeiros e esquecer dos outros,….. hummmm acho haverá desmotivação no sistema ……..

    • img
      Ké, di Vá plegá cú pávu. Responder

      Congratulo consigo,oh, água viva. Mas, Dê um poucochinho de tempo que o tempo também irá dar o seu tempo. Estou convicto que o Ministro, Leonel Pontes, o humilde, poderá encontrar melhores caminhos para o colectivo, digo o colectivo, porque a classe administrativa vem sofrendo muito. Os benefícios de greve não atingiu essa classe. Até parece um irmão a pedir boleia ao outro irmão no carro do seu próprio pai, sem saber que ele também tem o direito de andar no carro. Fui.

  7. img
    Vida boa Responder

    Pois é,
    Concordo com a conquista dos profissionais de saúde.

    Mas, as perguntas do Sr ou Srª Desta terra tem todo o mérito, se nós quisermos analisar a situação de cabeça fria.

    De facto a onde vai este país buscar dinheiro para suportar essas medidas?

    Para nós os trabalhadores, não nos interessa onde vai o Gabriel Costa buscar o dinheiro.

    Interessa-nos sim que os nossos salários da função pública sejam pagos e mais nada.

    Portanto DESTA TERRA, este assunto não é nosso, mas sim, do governo.

  8. img
    Almeida Paquito Responder

    HLN, o mundo é um amontuado de oportunistas. Vocès náo prestam. Incompetentes. O Ministro é competente e humilde.

  9. img
    HLN Responder

    Almeida Paquito, penso que não percebeste a minha ideia, em momento nenhum disse que o Ministro é incopetente. Eu sei quanto presto, mas tu não faço ideia, nem me interessa. Passar bem.

    • img
      Almeida Paquito Responder

      Náo estamos aqui para saber quem é quem. Se és bom parabens. Eu tambem sei o quanto val o meu cerebro. Quando vieres a Suiça encontras o teu conteranio Paquito Almeida bem sentado aqui na OMS de onde saiu o Ministro que conheço bem.
      Ponha o teu saber em pratica e ajuda o pais a desenvolver.
      Um abraço.

Deixe um comentario

*