Conselho Superior de Imprensa de STP e a ERC de Portugal reforçam cooperação

No âmbito da plataforma das entidades reguladoras da Comunicação Social dos Países e Territórios de Língua Portuguesa, Jesuley Patrick Lopes(na foto), Presidente do Conselho Superior de Imprensa de STP, assinou com o seu homólogo português Carlos Magno, acordo de cooperação que dá atenção a formação de quadros.

Formação de membros do Conselho Superior de Imprensa de São Tomé e Príncipe, assim como jornalistas e técnicos da comunicação social do arquipélago, é o principal alvo do acordo de cooperação assinado no passado dia 6 de Junho em Lisboa-Portugal, entre as duas instituições reguladoras do funcionamento da comunicação social, nos respectivs países.

Jesuley Patrick Lopes, Presidente do Conselho Superior de Imprensa de São Tomé e Príncipe e Carlos Magno, Presidente da Entidade Reguladora para Comunicação Social de Portugal foram os subscrtores do protocolo de cooperação. «O acordo reporta a formação dos membros do Conselho Superior de Imprensa de São Tomé e Príncipe, e quadros da comunicação social de São Tomé e Príncipe. Visa encontrar caminhos para que tenhamos em São Tomé e Príncipe uma imprensa adornada pelos princípios da legalidade, isenção, transparência e credibilidade, para contribuir para o desenvolvimento do país», enfatizou Patrick Lopes em entrevista dada ao Téla Nón.

O Conselho Superior de Imprensa de São Tomé e Príncipe, esteve moribundo durante vários anos. Reanimou-se este ano com a nomeação de novos membros.

O órgão fiscalizador da imprensa nacional, já visitou alguns órgãos de comunicação social, para se inteirar do funcionamento dos mesmos. «Estamos numa fase de inspecção. Notamos que falta o bom funcionamento dos órgãos de comunicação social. A formação é essencial e entendemos que com a formação contínua os quadros estarão mais bem preparados para termos uma imprensa de qualidade», reforçou.

O comentador de política portuguesa Marcelo Rebelo de Sousa, também marcou presença no encontro de Lisboa em que o Conselho Superior de Imprensa de São Tomé e Príncipe encetou parceria com a sua congénere portuguesa.

O leitor tem acesso ao conteúdo do acordo assinado pelas duas instituições fiscalizadoras da Comunicação Social -ACORDO

Abel Veiga

  1. img
    Edy Black Responder

    “eu não quer esperteza éééé” palavras do nosso professor de química. Lembras?
    Muita força meu colega Patrik. S.Tomé precisa de nós.

Deixe um comentario

*