Vigília por Mandela na praça da independência

Um grupo de cidadãos nacionais organizou na noite de sexta-feira uma vigília na praça da independência, por Nelson Mandela. Com orações e cântigos, a sociedade civil homenageou Madiba, e já programou outras actividades para os próximos dias.

A organização da vigília, agendou para os próximos dias a realização de palestras e debates a nível nacional, sobre “Vida, Obra e Ensinamento de Nelson Mandela”.

O grupo de cidadãos pretende levar os ensinamentos de Mandela para as populações de todos os distrito do país. Rafael Branco, Carlos Tiny e Filinto Costa Alegre, foram os promotores da iniciativa, a que se juntou o Presidente da Autarquia de Água Grande Ekneide Santos, e outras individualidades.

Mandela está no coração dos são-tomenses, que pretendem eternizar a vida e obra do ilustre filho da África do Sul, que marcou África e o mundo.

Abel Veiga

  1. img
    tudo o vento levou!... Responder

    um homem
    uma historia
    uma vida

    Nelson…
    es um fruto insaciavel
    es alegria
    es a tresteza
    es ador necessaria

    dor que vem das profundesas da humanidade
    alegria que aspelha o seu soriso
    transborda para toda humanidade

    a firmesa nos seus ideais
    fez derramar
    sangue
    suor
    e lagrimas

    um homem
    uma vida
    uma historia

    muitos deveveriam
    comer dos teus saber
    beber das tuas instrucoes
    herdar da tua imensa riquesa

    Um home pode fazer a diferensa
    um homem pode salvar o planeta
    um homem muda o mundo

    Nelson
    homem da luta
    homem da paz
    homem do progresso

    es a dadiva devina
    cojo a humanidade
    jamais podera encontrar

    Saontomenses Despertem!

    esta na hora para cada um
    de nos contribuimos para
    mudarmos o nosso pequena
    patria !
    O MANDELA tambem foi pequeno
    diante dos monstros…
    devemos beber dos seus saberes
    para para ilimenar a Monstrozidade
    Politica em sao tome!

    Uma sociedade aonde
    um grupinho de malfetores…
    tenta impor a ditadura
    tentam silenciar o povo
    Devemos ter a liberdade de pensamento.

    Saotomenses nascido em qualquer
    parte do mundo devem ser tratado
    da mesma maneira!
    seja ele branco, preto,amarelo,castanho
    nunca deveremos ter santonenses
    da primeira nem da segunda
    Devemos erdar bons ideais
    e bons costumes….
    que Deus abensoe Sao Tome e Principe

    • img
      gastoso Responder

      Minha gente vocês ouviram ontem (domingo, dia 08/12/2013) o debate Áfricano o sábio e comentador Santomense ABÍLIO NETO a chamar de terrorista, “NELSON MANDELA” o humanista e memorável em que todas as nações O reconhencem como exemplo a seguir.
      Esse rapaz não tem pátria nem humanidade.
      Caiu-lhe a mascara porque não consegue ser igual ao Mandela, ele e o Patrice Trovoada são vingadores e carregam as magoas do passado mal explicado.

  2. img
    verdade Responder

    Iniciativa é boa,embora voces vao ensinar oque n sabem de pratica,o que nunca praticaram nem praticarao pois estao cegos pela desejo de ganancia de mais mais qual de voces tem um ato minimo que seje louvavel para STP.mas obrigado pela iniciativa o facto de nao praticarem o bem n implica que n saibam ensinalo ate eu sei.Ele acabou com o apartaide e voces auto benefíciam com o apartaide entre pobres e ricos.esse sera o vosso legado
    pobre e rico.

  3. img
    Assuncao Responder

    Bela iniciativa, “ensinamento” sobre Mandela e outros ensinamentos também. O meu, nosso povo est’a sedento de um novo rumo, e isso se faz com informação,…Aos mentores, o meu destaque para o P.C,pois os outros são veteranos e provavelmente deixaram ou diminuíram o seu contributo nesta matéria de cidadania,sim,só o fazem muito pontualmente e fico feliz se o k digo’e errado,pk no meu tempo éramos educados e mais esclarecidos, independente/te de ir a escola,eu particularmente já aprendi muito convosco;então forca ai Sr.da nossa maior câmara,V.Ex.est’a bem acompanhado sem duvidas,consiga por favor dar exemplo e contagiar maior numero possível de adeptos,independentemente da filiação partidária,porque ‘e preciso e urgente repensar a educação,um povo educado ‘e a chave para tudo.Aos veteranos,eu gosto muito de vos,são figuras importantes da nossa praça,muito já fizeram e provavelmente continuam a fazer,mas nas vossas intervenções por favor,criem harmonia no vosso seio, e defendam interesse Nacional acima de tudo,nos todos agradecemos. Não me interpretem mal,espero.
    Com cumprimentos.Boas festas.

  4. img
    djattz Responder

    Jésus no 1, Mandela no 2. Amadla!!!b

  5. img
    miguel angelo Responder

    ‘O grupo de cidadãos pretende levar os ensinamentos de Mandela para as populações de todos os distrito do país. Rafael Branco, Carlos Tiny…’francamente. Sem comentário.

  6. img
    Santomense com ESPERANÇA Responder

    Não sei porquê que nós os Santomenses temos mania de aplaudir e elogiar referências, sobretudo as internacionais e nunca somos capazes de pelo menos imitar os seus feitos. Fazemos sempre o cantrário. Com a morte de Nelson Mandela, todo mundo revê-se nele, quando o presidente Obama ganhou as eleições em 2008, algumas pessoas desorientadas de emoção manifestavam-se não aplaudindo a vitória de um cidadão americano que com o seu carisma quebrou o tabu daquela sociedade e do mundo em geral mas revendo-se nele. Alguns políticos nossos, talvez os mais corruptos até adoptaram a marca do presidente Obama pra fazer o seu marchandising político. É o cúmulo de vergonha.
    Voltando ainda a morte do presidente Mandela, o que aproveito pra exprimir a minha tristeza e consternação mas ao mesmo tempo grato pelos feitos desse grande SENHOR para a sua terra e o mundo. O exemplo desse SENHOR deveria servir a toda gente, particularmente a nós os Santomenses. Hoje, nós ainda estamos assim pobres e de mãos estendidas ao exterior parque fazemos precisamente o contrário que o Presidente Mandela fez para o seu País. Algumas pessoas designadas de políticos enveredam-se por ódio, rancor, vingança, inveja sem falar de corrupção, incompetência, segregação social pela cor política enfim. Mas os políticos somos nós mesmos e por isso eu enquanto cidadão fico profundamente triste ao ver o meu País nessa situação. Não quero aqui acusar ninguém, talvez a mim mesmo.
    Porque não tomar a iniciativa de fazer algo pra o meu País como fez o Presidente Mandela? Não vou fazer…Se eu for empresário, o meu negócio será atingido de uma maneira ou de outra. Se a minha empresa for de construção civil, não terei nem oportunidade de participar num concurso público promovido pelo Estado. Recorde-se de que o Estado é o principal consumidor de serviços de construção civil em STP, logo a minha empresa entraria em falência. Se eu for um funcionário público, serei perseguido e mesmo os meu direitos enquanto trabalhador estará ameaçado. Se eu for um cidadão anónimo serei conotado como um demente, talvez um “cocolala”. São apenas simples exemplos…A palavra indignação, hoje é ofensa ao Estado e que pode ser transformado num crime semelhante a um reacionário. Mesmo assim continuo a dizer que sou indignado…
    O que fazer? Digam-me sff.?
    Temos que dar volta a isso.
    Se o Presidente Mandela conseguiu, nós podemos!
    Viva MANDELA! Sempre!

  7. img
    Reflexão Responder

    Mandela de certeza teve uma fonte da qual bebia para ser o que foi.
    Senhores Rafeal Branco, Carlos Tiny, Ekney Santos e outras individualidades, levar os ensinos de Mandela através de campanhas, palestras e reuniões é por vezes aproveitar as circunstancias para, quem sabe, satisfazer os desejos egoístas de ir ao contacto com as populações, mais ainda quando estamos no processo desesperado de “caça aos votos”.
    Querem fazer alguma coisa pelo bem da humanidade assim como fez Mandela?: Sejam como foi Mandela. Descubram em que fonte bebeu Mandela e bebam também.
    Para tornar mais facil a vossa pesquisa, ha Alguém que Se identificou como A Fonte da Agua da Vida e nos convida a ser como Ele foi: Manso e Humilde de coração. Esse alguém é Jesus Cristo.

  8. img
    Reflexão Responder

    Mandela de certeza teve uma fonte da qual bebia para ser o que foi.
    Senhores Rafeal Branco, Carlos Tiny, Ekney Santos e outras individualidades, levar os ensinos de Mandela através de campanhas, palestras e reuniões é por vezes aproveitar as circunstancias para, quem sabe, satisfazer os desejos egoístas de ir ao contacto com as populações, mais ainda quando estamos no processo desesperado de “caça aos votos”.
    Querem fazer alguma coisa pelo bem da humanidade assim como fez Mandela?: Sejam como foi Mandela. Descubram em que fonte bebeu Mandela e bebam também.
    Para tornar mais facil a vossa pesquisa, ha Alguém que Se identificou como A Fonte da Agua da Vida e nos convida a ser como Ele foi: Manso e Humilde de coração. Esse alguém é Jesus Cristo – O Salvador da Homanidade.

  9. img
    Reflexão Responder

    Digo: Humanidade

  10. img
    Sjingo Responder

    Ha muito que tenho procurado fazer parte da politica do meu Pais, porque so assim poderei eu fazer a diferenca. Ocorre na minha mente, o espirito de ajuda a todas as familias em dificuldade no nosso Pais.O objectivo da ajuda consistira em garanti-las o subsidio no valor minimo de, (Euros 5)por mes. O simples gesto, faria enorme difernca; isto e, impulcionava o poder de compras e aliviava a depressao em que apresenta os rostos de cada um santomense.

  11. img
    rapaz de rioboque Responder

    os nossos políticos deviam seguir o exemplo deste grande homem pena não haver algum ca com caracter e honestidade como foi o NELSON MANDELA foi uma perda para todo mundo pena é que nenhum dos chamados poderosos tenham seguido os passos dele DESCANÇA EM PAZ

Deixe um comentario

*