Programa de Alimentação Escolar financiado por Brasil inaugurou novas cantinas escolares

As escolas básicas das vilas de Conde e de Santo Amaro contam com novas cantinas escolares. Foram reabilitadas no quadro do programa de alimentação escolar. Já na cidade de Neves foi as crianças contam com uma cantina construída de raiz.

São centenas de crianças que doravante fazem refeições em condições condignas. O programa de alimentação escolar, financiado pelo Governo brasileiro, reabilitou as cantinas das escolas básicas de Santo Amado e Conde, e construiu de raiz a cantina da escola de Neves. «Estamos entregando 3 cantinas reformadas e uma inteiramente edificada em Neves, dentro do programa de alimentação escolar. Já fizemos o mesmo em outras localidades», referiu o embaixador do Brasil em São Tomé.

Para além da construção e reabilitação das cantinas e cozinhas das escolas básicas, o Governo brasileiro apoia na formação das cantineiras, de forma a melhorar a dieta alimentar nas escolas.

Um contributo importante para a melhoria da qualidade do ensino. O Ministro da Educação, Cultura e Formação, realçou a alimentação escolar como um dos elementos fundamentais para a qualidade do ensino. «Em primeiro lugar temos que cuidar da saúde física das crianças, Por isso mesmo elas precisam de uma alimentação saudável equilibrada. Não é comer muito, mas comer bem. Essa alimentação escolar vai permitir a melhorar outras saúdes, que é a saúde espiritual cognitiva, para que elas possam assimilar os conhecimentos que são transmitidos», enfatizou Jorge Bom Jesus.

O Ministro anunciou que todas as crianças são-tomenses em idade escolar estão inseridas no sistema de ensino, mais concretamente da primeira à sexta classe.

Abel Veiga

  1. img
    Arnaldo Responder

    Nossas crianças precisam ter um boa alimentação equilibrada, obrigado pelo apoio do brasil.

Deixe um comentario

*