Sociedade

CARTA ABERTA ao Presidente da República

Estudante são-tomenses em Cabo Verde escreveram carta aberta ao Presidente da República Manuel Pinto da Costa. 

CARTA ABERTA

Excelentíssimo Sr. Presidente da

República Democrática de São Tomé e Príncipe.

Excelência,

No âmbito da iniciativa presidencial em promover debates e discussões em pról do Desenvolvimento da Democracia e em conseguinte do desenvolvimento sócio-económico de São Tomé e Príncipe intitulado “ Diálogo Nacional”, nós os estudantes finalistas bolseiros do governo são-tomense radicados na República de Cabo Verde vimos pela presente com elevada consideração e estima congratular e agradecer a V. Excelência pela iniciativa e coragem que teve para levar à cabo este grande projecto, que em nossa visão servirá de base para criação de uma linha estratégica, empreendedora, com objectivos alcançáveis e quantificados para o nosso querido e amado país.

Nesta esteira de ideia, aproveitamos da mesma forma para apelar as Instituições Públicas e Privadas, Representantes dos Partidos Políticos, ONG, Organizações Religiosas, as Câmaras Municipais e as Diásporas para promoção da boa imagem do país face aos nossos potenciais e actuais parceiros e Investidores, uma vez que estamos num mundo cada vez mais globalizado e competitivo, onde o Marketing e a Oportunidade andam de mãos dada.

Sem mais nada de momento, queira a V. Excelência aceitar as nossas francas saudações e votos de coragens e êxitos nessa longa e fragosa caminhada.

Praia, ao 7 de Abril de 2014

Os Estudantes:

Alexsander M. Afonso Ferreira (Contabilidade e Administração)

Alekse A. Fernandes                    ( Contabilidade e Administração )

Disney Da Silva                                ( Turismo e G. Hoteleira )

Hernane Prazeres                         ( Gestão Ambiental )

Hildilberto de Nascimento Dias (Gestão de Empresa)

    11 comentários

11 comentários

  1. Início

    8 de Abril de 2014 as 7:40

    Coitados vcs não sabem nada. Eu vos dou um conselho quando acabarem os vcs cursos, é melhor procurar outros caminhos porque ali na terra não teram……….já era tempo de deixarem de culto de personalidade.

    • Alfredo

      8 de Abril de 2014 as 8:40

      Eu não percebo porquê que neste caso pode ser considerado culto de personalidade, quando um grupo de estudantes, como nós, que estamos fora do país a estudar ousamos manifestar a nossa satisfação com aquilo que de bom acontece no país, e no entanto, as pessoas que passam a vida a dar graxa ao Patrice Trovoada e família dele, não fazem mais nada senão aparecer no facebock a defender as posições do senhor Patrice Trovoada e família dele, não fazem mais nada senão aparecer nas rádios a defender as posições do Patrice Trovoada e família dele não fazem culto de personalidade. Afinal de contas quando se trata de apoio ao Patrice Trovoada e família dele não é culto de personalidade mas se for em relação a qualquer outro partido ou personagem político já é culto de personalidade?? Olhá se vocês pensam assim como motivo de condicionar as escolhas dos outros tiram o vosso interesse porque não vão conseguir nada. Eu não sou obrigado a gostar da família Trovoada e do senhor Patrice Trovoada. Gosto do meu país e da minha gente.
      Meus cumprimentos.

    • FIM

      8 de Abril de 2014 as 8:43

      Quer dizer,só é culto de personalidade quando se manifesta apoio ao senhor presidente Pinto da Costa ou outro partido qualquer??? O que é que os outros fazem em relação ao Patrice Trovoada e o ADI?
      Se o “Diálogo Nacional” foi uma grande iniciativa que caiu bem as pessoas não podem manifestar o seu apoio?
      Sinceramente!!!!
      É melhor mudarem de tática porque com esta não vão lá.
      Fui

    • santola

      8 de Abril de 2014 as 10:12

      inicio, todos devemo ter as nossas crencas. deixe de tentar infectar os outros com esse teu pessimismo. fique com ele so para ti. e um favor imenso que fazes a todos nos santomenses, que ainda sonhamos na prospeccao do nosso arquipelago.

  2. Maspombo

    8 de Abril de 2014 as 8:14

    Boa iniciativa meus conterrâneos, mesmo na dificuldade pensam bem ao País.
    Deus vos abençoe, filhos da terra.

  3. José Luis Tavares

    8 de Abril de 2014 as 9:31

    Uma das poucas iniciativas tão gratas que raramente nos toca ou pelo menos deveria tocar a todos como filhos destas maravilhosas ilhas, não estou aqui nesta felicitação aos subscritores desta Carta Aberta, pretender seja o que for de cariz político, senão e apenas isso, na ligação de cidadania que nos deve unir a todos, com o vosso positivismo, gostei imenso da vossa atitude, o pessimismo exacerbado que paira na cabeça de muitos jovens e demais concidadãos que não dão um voto de confiança ao progresso e futuro deste país, tenho dito, é comparável (esse dito pessimismo), para mim, pior que uma guerra fratricida num país tão sadio como o nosso. Que Deus vos abençoe Alexsander M. Afonso Ferreira,Alekse A. Fernandes
    Disney Da Silva,
    Hernane Prazeres,e Hildilberto de Nascimento Dias,para que o nosso país com o vosso positivismo venha a somar ao dos muitos filhos de boa vontade destas maravilhosas ilhas com as sinergias de que o país carece para assim catapultar rumo a um futuro risonho para todos os seus filhos. UM BEM HAJA a todos os Santomenses de boa vontade.

  4. ddd

    8 de Abril de 2014 as 10:04

    Estão a preparar poleiros para sentarem, assim que saírem das universidades, devemos ser mais inteligentes meus colegas, essas palavras cínicas já não funciona, por isso que São Tomé esta o que esta.

    • Água Grande

      8 de Abril de 2014 as 12:17

      E quem faz o mesmo em relação ao Patríce Trovoada e o ADI não estará a procurar o poleiro? Sinceramente!!!

  5. CEITA

    9 de Abril de 2014 as 8:54

    Eles vivem a custa de Família Trovoada por isso andam a lamber botas, só falta dia que os Trovoadas vão lhes colocar malagueta na vista. a família mais cínica que conhece durante a minha vida. olha só para conferencia de imprensa que Miguel deu, cheio de rancor até nos olhos. creeeeeeeeeedo, dizem que pinto é mau, mas se calhar é um pouco brando do que Miguel

  6. Uê Béto

    9 de Abril de 2014 as 9:31

    Coitados desses jovens!!! A inocência tem um preço muito alto! Um dia vocês saberão a face real desses encapuzados!! Estudem e pesem no vosso futuro e não se metam nessas politiquices! Diálogo??? Quem dialogou com quem???? Não se deixem enganar!!!!

  7. Nuno Prazeres

    10 de Abril de 2014 as 22:54

    Meu caro jovem Ue Beto, ddd,e Inicio, nos jovens estudantes Santomenses radicados em Cv, nao estamos preocupados com a vossa critica, ainda mas ela destrutiva, seem prespectiva, pobre, nos estamos preecupados com a nossa patria, que tb e sua patria, achamos por bem congratularmos a ininiciativa do PR, que no nosso entender foi boa.,inteligente,proactivo. E so para vos deixar tranquilo nao estamos interressados nos partidos tamos interressados na politica inclusiva. Partido A,B,e C , si optar-mos e nosso poblema e so nosso. Bem haja a todos vcs

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo