Povo já começou a devorar o arroz de 13 contos

O Governo assumiu os custos pela distribuição do arroz ofertado pelo Japão a toda a região do país. O produto muito consumido, chegou ao mercado por 13 mil dobras o quilo. Bichas, um pouco pelas lojas da cidade capital e não só, marcam a venda do arroz de 13 mil dobras. Um preço popular, fixado pela ADI ainda na campanha para as eleições legislativas de Outubro último.

Alguns comerciantes, estão a aproveitar a grande procura do arroz de 13 contos, para forçar a venda de outros produtos. Por exemplo, em algumas lojas e quitandas, o arroz de 13 contos está a ser vendido casado com caldo, etc.

No entanto, o Japão que oferece a São Tomé e Príncipe, várias toneladas do tal arroz por ano, já ameaçou, suspender o fornecimento, caso as autoridades são-tomenses, não esclareçam situações anómalas que ocorreram nos anos 2007 e 2008.

Certo para já é o corte do fornecimento em 30% na remessa que será enviada ao país para o ano 2016. Tudo segundo o Governo, por causa de mil toneladas de arroz, cujos sacos terão alegadamente rasgado no ano 2013.

Abel Veiga

Notícias relacionadas

  1. img
    Pumbu Responder

    “O povo já começou a devorar o arroz….”
    Mas será mesmo o verbo “DEVORAR” o mais indicado ao contexto?

  2. img
    Triste Responder

    Fico triste. Nao se aceita situacoes como estas acontecer num pais de uma dimencao tao reduzida como a de Sao Tome e Princepe alem de ser uma terra desabitada. Caso se venha a confirmar a suspencao do apoio provindo do Japao , ai sera a linha final da cooperacao ARROZ TREZE MIL DOBRAS – VITORIA DO ADI com a maioria absoluta. Vendo de um lado mais abrangente e seguro ,”De que vivera povo sem a ajuda do Japao?” Sendo Sao Tome e principe duas ilhas com um recurso terrestre bastante agradavel para o cultivo , a plantaco e a aposta na cultura de cultivo deveria ser a prioridade para qualquer governo que queira ao minimo melhorar as aspiracoes deste povo que tanto lamenta e procura infrutiferamente pela melhora de condicoes de vida. Eu pessoalmente para nada entende o discurso do senhor Patricio Trovoada aquando da sua chegada a STP. Uma pergunta muito directa para ele ” Sera que oferecendo os jovens internet 2G ou sei la o que disseste ajudara o desnvolvimento de Sao Tome e Principe ou isso foi uma promessa mal medida para alcancar a vitoria ?”
    Logicamente , sendo o nativo Sao Tomense uma pessoa pouco esclarecida ,com uma promessa daquelas todos a maioria parte da populacao jovem , sendo ela a maioria iria votar em ti , pois nao ? Nao querendo alongar este comentario , deixo uma visao opinista “Vejo o povo Sao Tomense bem zangado em alguns anos com o percurso do ADI” Atencao : O mesmo outrora ja aconteceu com o MDFM/ PL apos a vitoria de 2006, que com o presidente da republica ao seu lado em nada valeu. Bem a diferenca e que desta vez temos um ADI com a maioria abssoluta. bem .. veremos(((

  3. img
    militar Responder

    É triste um país como são Tomé que é rico naturalmente, os nossos governantes não aproveita desta dádiva para desenvolver está terra. Só estamos apoiado na ajuda e ofertas, como disse Sr.primeiro M que um dia ajuda vai acabar,ainda bem que sabem,um país com quarenta anos de independência não tem uma fonte de riqueza…

  4. img
    Lalaquema Responder

    Com Bolos e Doces se enganam os TOLOS …o povo falhou no voto,o povinho merece o que tem. Não é preciso ir á Lua, para saber que ela existe…sem ser um povo esclarecido, já teve experiencia da política e dos actos daquele para quem ele (o povo ),votou. Agora que aguente…e muito bem feito!
    Por instante é só um “cheirinho”, porque o “cheirao” vem aí.

  5. img
    Sensa Responder

    Primeiramente quero lamentar a forma como escrevem no Téla Nón “Povo já começou a devorar o arroz de 13 contos”, principalmente quando vem de alguém que acreditamos ser responsável. Mas uma coisa é certa, queremos estar informados, e é de lamentar profundamente como este País tão pequeno que é, tão poucos que somos… mas existe tanta bandidagem de um grupinho, que não sabemos a quem acreditar na verdade.
    Pois sempre procurei estar informado da situação do “nosso” São Tomé e Príncipe, e é o Téla Nón que procuro sempre as informações.
    Meus caros, informadores do Jornal Téla Nón, mais cuidados com aquilo que escrevem, porque tão passando má imagem do “nosso” País além fronteira, porque lê-se o Jornal em Londres, em Cuba, no Brasil, em Angola, em portugal, e muitos muitos outros lugares do mundo, onde existe Santomense.
    Bem Haja SãoTomé e Príncipe
    BOAS FESTAS MEUS SENHORES

  6. img
    Josias Umbelina dos Prazeres Responder

    Só não gostei do termo-verbo “Devorar”. Parece-me muito pejorativo!

  7. img
    Gust Responder

    Kê lôçô? esse arroz que receberam e esconderam? ou a vender c enormes filas? gostaria que me dissessem a onde posso comprar.

  8. img
    Santomence Responder

    Santomence e muito obiscuro, Atrevido, e Mentes Vao, Meus senhores deixem ADI Governar, parem de julgar a razao que levou o povo a lhes dar vitoria, parem de criticar primeiro ministro, parem de demostrar um comentario como se foce desejando insucesso do pais com esse governo, Todo mundo sade que as promessas do eleictor, nem tudo se cumprira, e nem tudo sao as melhores promessas, cada Partido e livre pra usar sua flosofia dentro da liberdade democratica, com finalidade em sem mais acreditados, me diz qual partido que ganhou eleicoes sem fazer promessas ou me mostra qual deles que cumpriram todas promessas feitas, Parem de choram nas redes sociais, so quem nao tem inucao e que nao percebe, que Maioria dos comentarios ca nesse Jornal sao dos Fans dos partidos DEROTADOS. Poxa, da um Silencio, aprende com o adiversario, Ve o que Patricio Fez, em vez de estar ca a criticar acao do Governo Osurpador do Poder Dele, Deu um Sumisso de 2 anos, e voltou Retomando o que era Dele, Chorando assim nas redes sociais so mostra que voces nao tenhem competencia mesmo, Bandos de Encopetente. viva aros tornado menos 12 mil dobras, Os cabraos estao com medo pra outras promessas nao se realizar, e levar o povo a confiar ADI mais 4 anos, mas estar a chorar ca e perda de tempo.

Deixe um comentario

*