Destaques

Acidente aparatoso na Ribeira Afonso provoca 4 mortes

Um Jeep de marca sport wagon, caiu numa ravina na noite de quarta – feira perto da Vila da Ribeira Afonso, mais concretamente na curva de Alto d´ouro. O acidente terá acontecido por volta das 22 horas, e só as 5 horas da manhã de hoje os populares deram conta do sucedido, por causa das marcas do despiste que ficaram na estrada.

O jeep que vinha da cidade de São Tomé, embateu no muro de protecção da estrada, num ponto mais alto que antecede a entrada na Vila da Ribeira Afonso. O carro precipitou-se para o mar. A corporação de bombeiros e a guarda costeira já conseguiram recuperar 3 corpos e um quarto corpo foi identificado a instantes no mar.  O colaborador do Téla Nón que está no terreno, indica o corpo do motorista vulgo Kiki já foi retirado do mar, assim como de uma menina que aparenta ter 10 e o corpo de uma mulher.

A instantes, foi visto no mar um corpo sem vida de uma menina que aparenta ter 7 anos de idade.

Os Ministros da Administração Interna, da Defesa e do Mar, e da Economia e Cooperação Internacional, respectivamente Arlindo Ramos e Carlos Stock e Agostinho Fernandes, estão no local a acompanhar in loco, o processo de busca em curso.

Segundo o colaborador do Téla Nón, a Vila da Ribeira Afonso está de luto, por causa do aparatoso acidente que vitimou, 3 dos seus filhos.

Abel Veiga

    13 comentários

13 comentários

  1. Aranca Rabo

    23 de Abril de 2015 as 10:25

    Muito triste parta o país e muito triste para as familias muito particularmente.
    Lamentavelmente ainda continuamos a ter em S.Tomé autenticas estradas de morte.
    Mais casos de acidente só não acontecem porque parece existir da parte dos motoristas santomenses alguma cautela.
    É de lamentar este triste acontecimento. Sentomenses de pesar aos familiares.
    Que os nossos motoristas particularmente os mais jovens façam atenção na condução. A minha chamada de atenção particular vai para os jovens motoqueiros que continuam a desafiar a policia dirigindo sem capacetes e sem carta de condução.
    Aproveito a oportunidade para chamar a atenção do governo para rever alguns procedimentos de segurança rodoviária. Quando o senhor Patrice e seu bando andaram por ai dizendo que estão a fazer o levantamento do orçamento do cidadoa, deveriam sim e colocar barras metálicas de protecção que ainda faltam nessa estrada recentemente reabilitada. Só com o dinheiro que se gastou com combustíveis e outros consumíveis nesse teatro de orçamento do cidadão daria para garantir melhor segurança quer aos automobilistas como aos transeuntes.
    Senhor Patrice, regresse ao seu país e procure se inteirar melhor do país que lhe continua sendo estranho, mas que no entanto o senhor se assume como chefe do seu governo.

    • seabra

      23 de Abril de 2015 as 20:29

      Muito bem analizado, Ranca…o seu comentário é excelente, pelo seu conteudo. Eu diria exactamente mesma coisa, porque o acidente deve-se a negligencia dos dirigentes politicos (MLSTP,UDM, ADI…),quanto a segurança rodoviária, construção de estradas adequadas para a circulação (sem buracos etc).
      O último eleito, PT-ADI, muito prometeram fazer nesse sentido e já lá vão 6 meses…e nada de feito.
      Duvido que foi por distração ou por imprudência que houve o terrível acidente, por cima com 2 crianças e uma mulher no carro.
      A situação é idêntica à da negligência do hospital Aires e dos fantasmas nas escolas .
      Quando um próximo, um ente muito querido de desses marmanjos (Varela, Lévy,Fernandes…..) , for victima de um acidente fatal, talvez aí começarão à pensar a melhorar as estradas e os circuitos perigosos.
      Quanto aos hospital e as escolas, os homens no poder, podem ir tratar-se no estrangeiro ou país vizinho (q tem + condicoes),os filhos estudam fora de STP !
      Assim vai a situação no país.
      Desgraça como esta, é muito grave, porque há negligência da parte dos governantes e é do nosso dever de denunciar e chamar atenção, entretanto , compadecer com a familia, que aliás, envio as minhas mais sinceras condolencias…e paz as almas dos acidentados!
      Denunciar, é evitar que tal acidente volte à acontecer.

      • Secretaria

        24 de Abril de 2015 as 8:31

        Meus Deus, Seabra, quem és tu? que raios de rancor, Odio! afinal perder chupeta é assim? o senhor nem consegue enxergar mas. Deus muda o coração dos Santomenses , Um acontecimento destes o Sr. está preocupado com o ADI, com o PT? Francamente!
        Isto é mesmo amor a terra? ou amor ao poder?

        AOS FAMILIARES OS MEUS SENTIMENTOS, DEUS CONSOLA ESSA FAMILIA.

        • seabra

          24 de Abril de 2015 as 22:46

          “Boquita” dos ADI, dita secretária, qual é a sua? Leu bem o texto? Compreendeu que retomo o que foi dito pelo comentário precedente (bem comentado), do Aranca R.?
          Não me surpreende, absolutamente,de jeito nenhum que sou uma ameaça, porque denuncio sem rodeios tão pouco receio, do que vai mal nessa política calambacheira e corrupta do seu parceiro das horas vagas da noite….a noite é vossa, mas STP é nosso.!
          Enfim…venham mais ataques contra o Seabra, que vos apuguenta e vos desarma, pelo peso das suas palavras , fere-vos como uma bala.
          A luta continua e triunfaremos no fim. Está escrito….

  2. Jaime Toancha

    23 de Abril de 2015 as 13:53

    Meus sentimentos para a familia enlutada, enfim……

  3. Ou vai ou racha

    23 de Abril de 2015 as 16:35

    Numa horas destas o sr. vem com questões ligadas a políticas? Convenhamos. Acredito que o Tela Non quando publicou esta notícia não foi com a intenção de relacioná-la com coisas de política. Vamos juntos com os familiares partilhar a nossa dor e não misturar as coisas. Quando queremos nos desabafar procuremos outro espaços para tal e não neste momento. Não tenho filiação partidária mas acredito que o sr Patrice Trovoada não tem nada a ver com os acidentes em particular este que aconteceu. O sr quer tirar proveito com desgraças dos outros? O Tela Non nem deveria publicar o seu texto. Falta de sensatez e sentimento.

    • keids ching

      23 de Abril de 2015 as 20:08

      Eu acho que isso tem a ver se com a politic porque quando querem votos ate pagam enqunto isso os nossos continuam a morrer por falta de seguranca rodoviaria nao foram so esse mais sim muitos outros sinti muito pela perda e mi ponho no lugar dos familiares meus sinceros pesames

  4. Maria silva

    23 de Abril de 2015 as 22:54

    Meus profundos sentimentos de pêsames a família enlutada ( é difícil seguir em frente , por experiência própria ) desejo muita força e coragem à família !!!

  5. Agostinho Viegas

    24 de Abril de 2015 as 0:01

    …simplesmente lamentar um acidente deste tipo ou enviar as habituais condolências não basta, é preciso funcionarmos com mais seriedades: Reparei que a noticia não fala da segurança do automóvel acidentado.

  6. Adilson

    24 de Abril de 2015 as 9:16

    Que a paz de Deus conforte os corações enlutados e dê força para seguir…

  7. Demócratico

    24 de Abril de 2015 as 10:07

    Não é fácil aceitar e conviver com essa triste notícia, uma mãe perde 3 filhos e o marido. Que Deus interceda e console a família nesta hora de dor e de luta pela perda física e irreparável.
    Por parte, os nossos governantes são culpados desta e outra fatalidade e desgraça. O cidadão contribuinte (sujeito passivo) paga imposto, sobretudo o Imposto Sobre Veículo (ISV) para fazer face as melhorias rodoviárias, criação esgotos, de barreira (lancil) ao logo da estrada, eliminação de buracos, sinalização da rodovias, construção de pontes para descongestionar as vias etc… Parece-me que nenhum governo são-tomense sabe disso ou gozam com cidadão contribuinte e/ou talvez a sociedade não tem acesso a informação para se organizar e reivindicar seus direitos no que concerne a aplicabilidade deste imposto.
    Todos os dias estão a esburacar as estradas, não informam o cidadão, não existe cronograma de trabalho. Ex: A estrada de Madre Deus foi esburacada pelo governo no mês de Janeiro de 2014, ele (o governo) remenda (tapa furo) no mês de Março 2015 e em final do mesmo mês torna a esburacar novamente. Logo, uma viatura não terá o princípio de vida útil devido a as condições das estradas, o cidadão contribuinte tem de comprar amortecedor, tem de pagar pela vida etc…
    Estas e outras coisas…
    Abençoai o Senhor o vosso povo. “Cansado de esperar!”

  8. verdade

    27 de Abril de 2015 as 16:07

    com PT e ADI tudas pode acontecer esto não é supresa mais para ninguen , com outro governo nunca tinha acontecido esto

  9. seabra

    27 de Abril de 2015 as 21:54

    “Boquita”-do PT, dita Secretária, despache-se, há mais um comentário do Verdade, que diz a verdade sobre o seu “companheiro das horas vagas da noite….”. O comentário fala únicamente dele.
    Bem lhe dizia eu, que vai ter muito a responder, sobre o homenzinho ! Força….

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo