Destaques

Rádio” Yogo” une 4 comunidades pobres do sul de São Tomé

Na última semana a região sul da ilha de São Tomé, viu nascer a sua primeira rádio comunitária. As populações de Porto Alegre, Vila Malanza, Ilhéu das Rolas e Ponta Baleia começaram a escutar e a interagir com o único meio de comunicação social, que entra e fica nas suas casas.

A programação da rádio montada numa das salas do antigo hospital da Roça Porto Alegre, privilegia questões ambientais, da saúde e sobre a educação. Uma rádio cuja frequência, cobre a baía Yogo no sul do país. «O nome Rádio Yogo tem uma essência. É que as 4 comunidades são banhadas por uma baía de nome Yogo. Portanto achamos que é o nome que se enquadra com todas essas comunidades», explicou Alexandre Santos, director da Rádio Yogo.

RÁDIO YogoPobreza extrema é um dos males que enferma as 4 comunidades, consideradas como sendo uma das mais pobres do país.

A Rádio Comunitária instalada com apoio da União Europeia, da UNICEF e outros parceiros, é uma iniciativa da Federação das ONG de São Tomé e Príncipe. «É um ganho para essas comunidades. Antes as pessoas viviam fechadas sem onde exprimir as suas ideais. Aliás esta rádio nasce para unir as comunidades, que estão distantes da capital. A união das comunidades, vai permitir as populações trilharem melhores caminhos para o progresso», destacou o director da Rádio.

A FONG – STP que teve a iniciativa, diz que escolheu a região sul após a realização dos trabalhos de elaboração do projecto “ Sociedade Civil para o Desenvolvimento”. «Aqui em Porto Alegre verificamos que havia muita falta de comunicação. A rádio nacional não chega aqui e outras rádios também não, algumas chegam mas com muita dificuldade. Assim avançamos com este projecto da rádio Yogo para a comunidade de Porto Alegre, Malanza, Ponta Baleia e Ilhéu das Rolas, para que a informação fosse realidade aqui», sublinhou Jorge Carvalho Presidente da FONG – STP.

A Rádio Yogo,quer unir os agricultores, pescadores e vinhanteiros da região sul da ilha de São Tomé, para lutarem juntos contra a pobreza. Uma rádio comunitária que se abstém da propaganda política.

Abel Veiga

    3 comentários

3 comentários

  1. paulina

    26 de Agosto de 2015 as 10:30

    Meus parabens a todas esas comunidades, parabens tamben o director tenha afinco nos trabalhos dessa Radio..

  2. Claudino Monteiro Tavares

    26 de Agosto de 2015 as 13:53

    Muito parabens , meu Porto Alegre , Força ai meus irmãos e colegas

  3. ANCA

    21 de Agosto de 2017 as 23:09

    Muito bem

    Uma conquista para a promoção para informação comunicação interação intercambio partilha de ideias, entre diversas comunidades, abertura congregação de esforços.

    Se se queres ver o País(Território/População/Administração), bem

    Pratiquemos o bem

    Pois o bem

    Fica-nos bem

    Deus abençoe São Tome e Principe

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo