Prosseguem as negociações entre o Sindicato dos Médicos e a Ministra da Saúde

Tudo por causa da suspensão do único cirurgião nacional, Pascoal d´Apresentação. O cirurgião que alegadamente terá não comparecido no hospital para atender uma paciente, que acabou por falecer foi suspenso de todas as actividades médicas.

O sindicato dos médicos considera que o procedimento adoptado pelo Ministério da Saúde para suspender o cirurgião não respeita as leis. O médico nem se quer foi ouvido. Por isso, avançou com uma nota de protesto endereçada a ministra da saúde. Nota que não mereceu qualquer reacção da tutelar da pasta da saúde, apurou o Téla Nón,

Por isso na última semana o sindicato avançou com um pré – aviso de greve que forçou a convocação pela Ministra da Saúde de uma reunião de urgência, realizada na última sexta feira.

Pelo que o Téla Nón apurou a reunião da última sexta feira decorreu num bom clima, mas não foi conclusiva. Por isso a ministra da Saúde, Maria de Jesus Trovoada, marcou para a próxima sexta – feira mais um encontro com o sindicato dos médicos, para prosseguir com o diálogo em torno da suspensão do cirurgião Pascoal d´Apresentação.

Abel Veiga

Notícias relacionadas

  1. img
    pascoal carvalho Responder

    tanta embrulhada e nenhuma solução palpável em vista nem a vista.
    tão e tanto se falou e tem falado desse médico que deu nisso. resta apurar a verdade dos factos e ser-se razoável na avaliação do mesmo. prudência é o que se pede.

Deixe um comentario

*