Destaques

EMAE ameaça DUBAI

Aos poucos a crise no fornecimento de energia eléctrica foi evoluindo nas últimas semanas, até atingir o ponto em que as autoridades, já não podem camufla-la.

A EMAE veio anunciar que está aberta mais uma crise no fornecimento de energia a população, alegadamente por causa do aumento do consumo de electricidade motivado pelo aumento do calor no país.

O número de residências equipadas com ar condicionado no país é muito pequeno, mas a EMAE, admite que seja essa uma das causas do apagão nacional. Avaria num dos grupos de geradores também é apontada como causa do racionamento do fornecimento de energia a população.

Um cenário que contrasta com a principal política do Governo, que consiste na extensão da rede eléctrica a todo o país. Várias comunidades do interior da ilha de São Tomé estão a ser electrificadas pela primeira vez.

Uma acção que o partido do Governo, a ADI, anunciou no seu conselho nacional, e pela voz de Isabel Domingos, líder do braço feminino do partido, como sendo o Dubai, que está a ser realizado na vida das populações mais isoladas da capital. Aliás São Tomé e Príncipe tem a promessa do Governo de se transformar num Dubai Aficano.

No entanto a crise cíclica no fornecimento de energia eléctrica que São Tomé e Príncipe vive há cerca de 40 anos, parece estar longe do fim.

Desta vez a empresa de electricidade, EMAE, ameaça a ousadia e falta de humildade do poder político instalado em São Tomé e Príncipe, em anunciar repentinamente o nascimento do “Dubai”  num país económica, social, e mentalmente desestruturado.

Abel Veiga

    28 comentários

28 comentários

  1. explicar sem complicar

    1 de Março de 2016 as 21:36

    “É pela primeira vez” durante 40 anos que S.Tomé e Principe está a tornar país desenvolvido igualzinho a DUBAI!!!!!!!!

    Ah esqueceram-se também dos morcegos……

    Também é DUBAI!

    ADI meteu a vida da população na MER……….
    E para ADI e Isabel Domingos isto é DUBAI.

    • Quem é o pai da facção ADI, DUBAI?

      2 de Março de 2016 as 8:45

      Isto é típico de uma facção.
      Neste caso concreto, a facção ADI que todos nós já sabem quem é o pai, variadíssimas vezes, veio ao público no ano passado dizer que, com comprar de dois geradores que comprar ainda naquele ano, o país teria a partir do mês de Setembro, “energia a sobrar”.

      Gastaram 5.000.000 de dólares para compra de dois geradores que está funcionar ao meio gás e já está avariado.

      Conclusão:
      – só cheira corrupção nesse negócio que a facção ADI não consegue sustentar o DUBAI enquanto a mesma facção vai matando o povo lentamente com mentiras.

      Recomendações:
      Demitir o Director-Geral da EMAE por várias razões.
      1. Com a energia da EMAE muitos electrodoméstico estão a queimar,
      2.muitas escolas não tem curso nocturno, repartições do Estado não se trabalho porque não há luz,
      3. nas roças só se bebem cerveja quente
      4. os pais vão muito cedo à cama com consequências graves para nossa educação de ter muitos filhos como disse o senhor deputado dente bulhão Levy Nazaré.

  2. dubai a maneira de adi

    1 de Março de 2016 as 21:45

    ADI e EMAE não quer EXPLICAR SEM COMPLICAR à população.
    A questão REAL é que a ENCO/SONANGOL resolveram não continuar a FIAR EMAE/GOVERNO combustível enquanto não liquidarem a dívida dos 42 MILHÕES DE DÓLARES que deve,. Constataram que as receitas da EMAE ao invés de pagar o combustível depois de sair os 100 e tal milhões para o Diretor Geral o restante terá primeiramente que sustentar TODOS OS VÍCIOS DO GOVERNO e CORRUPÇÃO que instalaram neste país, incluindo a actual CHAMADA MÁFIA DO ADI.
    E sabem qual tem sido o papel desta MÁFIA?
    Muito brevemente vira ao público.
    Nome dele É PONHA BÔCA NÃO TIRA!

  3. Democratic

    2 de Março de 2016 as 6:54

    Esses gajos têm cara de pateta Alegre,sugam o Estado, viajam toda semana e vêm com cara de pau à televisão dizer que está tudo bem e estamos a construir Dubai- sóis cabardas de patetas….

  4. Cundú Muâlá Vé

    2 de Março de 2016 as 8:44

    Essa ainda é a ponta do iceberg… Meus caros compatriotas, quem não tem não pode dar. O atual governo, quer dar o que ainda não tem. só espero que essa situação não volte a ser igual a décadas de 80 e 90 em que fornecimento de energia era programado dias alternados para os Zé povinho enquanto que os grandes tinham energia direta.

  5. Povo pequeno

    2 de Março de 2016 as 8:58

    Ya Dubai ehhhhhh. Bem feito para esse povo burro.
    Este governo esta a saber de vida dele, esta a se lixar p o povo. O que lhes interessa sao as mordomias, as viagens, os altos subsidios, e muito mais.
    Essa Isabel Domingos devia colocar um alicate na lingua antes de gozar com o povo dizendo que postes, chafarizes é Dubai. ADI carrega uma cambada de bandido, incopetentes.STP vai de mal a pior.

  6. jojo

    2 de Março de 2016 as 9:21

    A política do Governo que consiste na extensão da rede eléctrica a todo o país.

    Várias comunidades do interior da ilha de São Tomé foram e estão a ser electrificadas.

    As razões da crise eléctrica estão todas elas justificadas e claramente compreendidas…

    Quem não tem não pode dar…

    Fui….

  7. Vexado

    2 de Março de 2016 as 9:29

    Mais uma vez, o muito aclamado e anunciado Dubai, pelo actual Primeiro ministro, Isabel Domingos, Abnildo, está com duas pernas cortadas.
    Dubai virou Bubai.

    Mas o governo está trabalhando muito para bubai…está perseguindo pessoas nos locais de trabalho, em casa, escutam pessoas, está cortando electricidade, não paga salario a tempo, não limpam cidade, viajam com aqueles perdiemes exorbitantes, embora o país seja pobre, todos podem roubar porque combate a corrupção deixou de ser lema neste governo.
    Estão a trabalhar em como colocar o povo um contra outro, o dito caos, intrigas…

    Estão a trabalhar na criação de perfis falsos para o primeiro ministro sair como vitima desses comenatrios…quem sabe mais da vida do primeiro ministro que não ele e o seu motorista?

    Tvs passa documentarios sobre violencia, depois querem acabar com gatunos e criminosos, não se entende. Pode-se fazer uma anologia com a igreja universal reino de Deus, em que na radio e na tv falam de feiticaria para os ouvintes. Estes, com medo, vão a dita igreja rezar.

    Tvs só futebol, programas chatos. Hoje não se consegue ver os noticiarios porque a desprogramação é tanta que tarda e há que dormitar porque existe trabalho no dia seguinte.

    Será que isto não é propositado para o povo ficar revoldado para o governo lançar a Estação Adim live como um canal alternativo, como necessidade?

    O governo está trablhando nos panfletos “explicar sem complicar”. MAs o primeiro ministro faz questão de dizer viva voz na tvs que há pessoas que espalham panfletos para denigrir o governo.

    O primeiro ministro gosta de inaugurar infraestruturas, receber barcos, ir ali e acola, aparecer na TVS e ser razão do comentario do abilio neto pelos melhores motivos.

    Quem não quer estar no auge…sem ter problemas?
    Esqueceram-se que isto é um País, um Estado e uma Nação com diversos problemas e dificuldades.

    O problema de energia é uma delas e não se viu o ministro de obras publicas, que é muito interventivo, reagir sobre o problema…nem o dito primeiro ministro pronunciou sobre o problema.Este, é daquelas pessoas que só quer ter louro sobre todos os acontecimentos, o seu nome cravado em todas as placas de inagurações. Deve abordar a questão, assumindo o “proto” naturalmente.

    O actual partido no poder está assente em toda a estrutura do Estado, desde de camara, direcções, projectos, dominam todos os concursos públicos realizados, tudo ADI.
    MAs, mesmo assim a cidade anda suja, esburacada…mal cheirosa…e nem se dão o luxo de recolher cães mortos vitimas de atropelamento de carros.

    O deputado Pedro Carvalho, vive num dos bairros mais celebre de stp. Quem não se lembra daqueles versos longos com emoções, apontando problemas aqui e ali? Hoje vive parede-meias com lixo na sua localidade e nem sequer fez um post sobre o assunto. Pergunto, anda na Assembleia fazendo o quê? Olhe que ele é jovem…podia mudar o país, começando de lá, mas não o faz. (éum facto assente)

    Falar de electricidade é um dos problemas…á água é outro. Agora, há que acordar de madrugada para apanhar aguá…ou ir aos chafarizes.

    O governo anunciou que iam criar um diploma sectorial para investidores. Onde está o dito diploma ou investidores para aquelas areas?

    o actual primeiro ministro já facturou uns 10 milhões com o negocio do Estado.

    Senão vejamos:
    Vendeu a casa de benfica por 2.500 ao Estado. Em seguida, emprestou o mesmo dinheiro ao Estado através da venda da divida publica que o banco BGFI ganhou…em que o Estado pagará com juros…depois diz que é perseguição.

    Adjudição directa em stp virou moda…no Estado e na camaras distritais…depois é só fazer adendas…

    Prestação de contas, transparencia, publicitação dos documentos Estatais, nada.

    Pela primeira vez e em 40 anos estamos regredindo para os 40 anos anteriores.

    • Ney de Carvalho

      2 de Março de 2016 as 13:34

      Bom Tarde,

      Desculpe lhe fazer esta pergunta.
      Você é Santomense?

      Cumps.

      Ney Carvalho

  8. Salamon Tomé

    2 de Março de 2016 as 9:58

    Caros Leitores:

    Se venho a esta Página, é simplesmente para aclarar a cabeça dos que ja tomaram o Banho e dose do PT, e não conseguem enxergar mesmo sem ver que o DUBAI não foi feito de manhã para Noite mas de gentes com mentes abertas, com envolvimento de todo o Povo, desde Presidente da República, Presidente da Assembleia, Tribunais, 1º Ministro, Sociedade Civil organizada, empresários ONGs e a População… e o verdadeiro DUBAI tinha e tem Riquezas…
    Tiram energia das zonas que ja tem energia para dar a outras concordo, mas tem que se criar condições básicas desde condução de energias e capacidade de fornecimento que tem que aumentar…
    Sem comentários… ISTO É DUBAI???
    É SIM CASTELO NO AR, SONHO DE BRANCA DE NEVE…
    S.T.

  9. Dubai A.D.I

    2 de Março de 2016 as 10:00

    Nón molé… nón molé….
    Assim vai o nosso DUBAI…. DUMERDA…

    Povo, cego da nisso…. abaixo, abaixo, abaixo DUBAI….. Abaixo, abaixo, abaixo DUbai…… Abaixo A.D.I, abaixo Patrice Trovoada….. Abaixo Jacaré…. Abaixo Varela……. Abaixo Olinto Daio.. Abaixo Americo Ramos….. Abaixo Agostinho Fernandes…. Abaixo todos aqueles que estão a destruir esse País….

  10. Arroz Subistancia

    2 de Março de 2016 as 10:50

    So acho muito estranho tantas coisas boas feitas em beneficio da populacao como polis desportivos feito em diversas localidades sonas que nunca tiveram luz passaram a ter os Barcos novos comprados pelo esse governo para ligacao Principe S.tome nao sao noticia neste Jornal Tela Non.
    Basta esta crise energetica surgir para virem dizer que o Dubai esta amiacado nota-se bem a dendencia deste jornal mas a situacao inergetica infelismente nao e um caso novo em S.tome mas tenho a certeza que este governo sabera dar resposta para ultrapassar isto.

  11. STP

    2 de Março de 2016 as 12:33

    Maus gestores = Má gestão

  12. Ney de Carvalho

    2 de Março de 2016 as 13:24

    Coros camaradas,

    Todos os vossos comentários estão certos, e alguns verdades e outros nem tanto, mas é a vossa opinião e estamos em uma democracia.

    A pergunta é, como era são Tomé a 2 ou 3 anos atrás e como é agora. Gente para e pensem, São Tomé é um país pobre que vive de ajuda externa, nunca tivemos um PIB tão bom como agora, estamos a receber elogios de todo o lado, subindo de ranking africano e entre outros feitos, vive em são Tomé 19 anos e nunca vi tal mudança de uma hora para outra.

    São Tomé precisa de investidores, precisa de pessoas para investir no sector privado, eu moro em Portugal e as empresas de água e luz em portugal não são todas públicas, e para conseguir isso, temos que nos focar em criar condições para que os futuros investidores possam sentir seguros a investir em STP.

    Isso não acontece de um dia para outro, o Patrice Trovoada e a sua comitiva, são visionários e empreendedores, estão neste momentos a fazer o que mais nenhum governo ousou em fazer, estipulamos pela primeira vez o salário mínimo no país, isso vai ajudar muito no combate a exploração, melhoramos imenso na educação, houve apenas 4 mortes por causa da malária no ano passado, mesmo 4 MORTES, somos o 1º país africano a atingir este feito no sector da saúde, no turismo nem falo, vocês podem ver.

    Gente vamos ajudar e arranjar solução, o país não é do ADI, chega de confusão, vamos lutar para uma estabilidade política, assim atraímos mais investidores, e deixa ele mandar e cumprir o seu mandato, e depois na hora do voto, vocês decidem quem faz melhor, mas neste momento, ajudem apenas.

    JUNTO POR UM SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE DESENVOLVIDO

    • Explicar semcomplicar

      2 de Março de 2016 as 16:00

      INVESTIDORES?
      Investidores estão com NOJO de S?TOMÉ E PRÍNCIPE devido o nível de corrupção DESENVOLVIDO pelo PATRICE TROVOADA e seu governo.
      Muita corrupção.
      Quem vai investir neste país com um corrupto como PATRICE TROVOADA?

      • Ney de Carvalho

        2 de Março de 2016 as 22:57

        Sim investidores.

        O País precisa é de estabilidade política, e não é assim que vão conseguir. O que você quer? Mais um golpe de estado?

        Me indique alguém que fez melhor do que ele?

    • Vexado

      3 de Março de 2016 as 8:42

      Sou filho de santomenses, nascido e crescido em stp.

      Qual a razão dessa pergunta?

      A cidade acordou, hoje, com panfletos do ADI criticando negativamente o Pinto da Costa (Não sou pintista).

      Agora,
      Num pais em que os partidos politicos apelidam-o de pobre, constuma-se gastar toneladas de papeis, tintas, recursos humanos para escreverem baboseiras, combustiveis, carros para distribuir e espalharem baboseiras para criticar uma pessoa ou partidos politicos.

      Porquê que, em vez de gastarem toneladas de papeis A4 com aquelas escritas inuteis não fizeram candernos A4 com linhas corridas para os miudos filhos de, segundo patrice trovoada, “povo pequeno”?

      Ou podiam espalhar boas noticias, sobre os projectos que querem implementar em stp, mas não o fazem porque querem caos na sociedade, desorientar o povo pequeno.

      O senhor levy nazaré tem um prédio no riboque e esta fechado há anos. Ele como politico, que quer ver o povo bem, porquê que não cede o edificio para fim sociais, dado que não precisa do mesmo?

      Há coisas que não batem certo, há duvidas que ninguém quer esclarecer.

      Dizem por aí, que o actual primeiro ministro tem condições de sobra e que não precisa de stp. Porquê que ele não doa o seu salario como primeiro ministro ao tão afamado povo pequeno? Fazer um gesto?

      Perseguir pessoas é o que sabe fazer, censurar é o seu ex-líbris, intimidar, criar perfis falsos na net para ser vitima (mulher é que gosta dessas coisas, com devido respeito as verdadeiras senhoras e mulheres)…e ser comentado pelo abilio neto na rdp africa, que fofo…que romantico.

      Os Ministros do escritorio de advogados SVNF não são pobres, ganham imenso dinheiro encaminhando todos os investidores para o seu escritorio, fazem corrupção aos olhos de todos. O ministro americo que ganha balurdios com viagens, estes todos não doam o seus vencimentos porquê?

      Em italia, um primeiro ministro fez isso.

      País é podre, mas são todos dedo duros.

      Como que um governo traça a sua acção para fazer isso e aquilo mas ao mesmo tempo no governo há ministros que oferecem, a titulo pessoal, isto e aquilo as escolas primarias, como acção de boa fé. Que grande lata

      Ele como governante não podia fazer esta acção em nome do governo? Mas o individualismo para se promover eleitoralmente e agradar ao chefe é tanto que não se mede os meios.

      Vem ver com os seus proprios olhos

  13. Aurelio Silva

    2 de Março de 2016 as 14:08

    Palhaços invejosos,
    Deixe-nos mais é trabalhar e não nos atrapalha.
    O país está a desenvolver e a a crescer.
    Estamos a acabar com a pobreza.
    Pela 1ª vez durante 40 anos apareceu um governo que está a melhorar a vida dos Santomenses.
    E podem contar comigo,que no CSI Conselho Superior de Imprensa irei dar também o meu máximo.
    Aliás é por isso que o meu partido ADI me tem lá.
    E como vós podeis observar,já acabei com a censura na TVS.
    À prova disto é que a minha companheira TÂMARA ÁGUAS,continua como Chefe do Departamento de Informação da TVS,como forma de haver uma maior liberdade de expressão a nível da TVS,para não dizerem por aí de que há censura no país.
    Com o ADI vamos chegar ao nível de DUBAI.
    Já estamos a resolver problemas de água, energia, internet, emprego e vamos melhorar o nível de vida da população.
    Aos licenciadose deixo uma palavra de encorajamento:
    Podem continuar a contar comigo.Ainda não afastei.
    O Dr Patrice Trovoada prometeu-me e em breve vai desbloquear todo INKI dos licenciados.
    A.S
    /Kauike/

    • Carlos Alberto

      2 de Março de 2016 as 18:40

      Tamara Águas continua Chefe de Departamento da TVS!!!!!!!!!!!

      É DUBAI.
      Mais um membro do Conselho Superior de Imprensa não pode ocupar cargos de direcção na função pública por causa da imcompatibilidade!
      Ainda mais na TVS casa de Censura?
      PATRICE Trovoada VAIS PAGAR CARO por querer nos tratar de IDIOTA.

  14. Costa Da Glória

    2 de Março de 2016 as 15:38

    É deveras muito intrigante os comentários aqui feitos, e acredito que na maioria pelos santomenses, Só insultos ao governo e instituições. Ha muito que se fazer no país, não sejamos ignorantes pois não é da noite pro dia que ocorre o chamado “desenvolvimento”, isso leva tempo e para um pais cujo o orçamento de estado é feito em maior percentagem a base de donativos e empréstimos exteriores, isso dificulta ainda mais o processo. Mas se formos analisar bem, o povo tem de se envolver nesse trabalho para o desenvolvimento, temos medo de investir, somos impacientes e ostentamos ser igual aos outros, porque achamos que se formos igual aos outros então estaremos bem, mas quero dizer que melhor é desenvolvermos a nossa auto suficiência do que num espaço de tempo termos muitos carros e euros a circular no pais mas ser sempre um mendigo que não sabe quando a torneira se lhe ha-de fechar e os nossos filhos terem uma corda no pescoço chamada divida externa que amanha terão de lidar com isso. É humilhante e vergonhoso os comentarios acima escritos… só sabemos criticar e pior é que não são criticas de carácter construtivo, antes alguem se for entendido se apercebera logo que estes comentarios são vazios e pobres de argumentos que eduque, motive, ou construa um novo e bom entendimento para encorajar o povo. Um bem haja ao meu povo, minha terra e seus lideres, pois, não somos todos perfeitos e bons, a jornada não é facil, nem todos nesse barco estão remando MAS os que acreditam mesmo não sendo dos melhores, esses sim triunfaram, pois entenderam que o elogio da multidão é vazio e hipócrita, porquanto na hora do aperto são os primeiros a murmurar.

  15. seabra

    2 de Março de 2016 as 18:10

    Costa da Glória,ou você se cale “caladinho”,ou então reflita antes de dizer baboseiras,porque está a induzir os tão ignorantes como você a um enorme êrro de análise.
    Diga-me,quanto tempo é preciso para se aperceber que o país está sendo dirigido em boas vias(se é capaz)? Há quanto tempo está o PT- ADI e os seus LABREGOS no poder (não data só das últimas eleições)?
    Quando é que o país vai arrancar rumo desenvolvimento (há já + de 40 anos indepente)?
    Quem são responsáveis destes dirigentes políticos? É o povo que vota,livremente.
    Onde estão os empréstimos,as ajudas e outros investimentos atribuidos para o país? Estão nas contas estrangeiras e nos bolsos de um grupinho de dirigentes,que fazem deste dinheiro de STP o seu bem privado…comprando e construindo casas,carros,mulheres …..enfim,um verdadeiro “MONANGABE” que continua e desta vez com os negros contra NEGROS . Quem diz melhor,que responda. Quando o Rui Mingas denunciou esta injustiça e escravatura coloniais,de certeza,não pensou que uma vez as colônias independentes,continuariam a viver a mesma situação,ora que a luta/guerra teve por objectivo de libertar os nacionais,de permitir uma vida sem injustiça,exploração de toda a ORDEM.
    Quando é que se obtera a verdadeira LIBERDADE sem exploração,nos nossos países independentes.? Até quando teremos que suportar tal injustiça?

  16. jacare

    2 de Março de 2016 as 19:10

    O país tem que avançar..
    Pra isso:
    1º Acabar rigorosamente com a corrupção; e fazer aumento salarial aos empregadores nacional;
    2º A sociedade em si, e também a mente do povo;
    3º Acreditamos que temos investidores para investir de forma rigorosamente no país;
    4º Falta da concorrência entre as empresas no país;
    5º Baixar impostos no país;
    6º O país tem possibilidade para arranjar solução de meter outros tipos de energias;
    7º Construir mais empresas para que haja mais empregos;
    8º URBANIZAÇÃO;
    9º Investir rigorosamente na camara para que haja meios de fazerem limpeza no país;
    10º União de povo, deixar de ser ignorantes, não aceitar banho dos políticos.

    E assim será um ” DUBAI”

  17. Salmarçar 2

    3 de Março de 2016 as 10:03

    ora bem.

    Tenho visto e acompanhado um conjuto de pessoas que falam, falam e nada dizem. Primeniro, quando critica-se deve apresentar solucão. As pessoas querem ver mudança económica, Social e Politica num país que não tem riqueza natural, onde os Santomenses não trabalham nada.Devemos trabalhar mais, respeitar mais as pessoas. Acham que um País que tem um Orçamente de 180,000.000 dolares (200 milhoes de euros)crescerá a numa velocidade do sol? claro que não. Exemplo, Angola, País com muita Riqueza natural,tem para seu orçamento 4.083 mil milhões de euros. este valor é quase todo ele financiado pelo governo de Angola. isto sim é orçamento com valores suficientes para mudar rumo das coisas de froam rapida. São Tomé Tém oque para render os milhoes de Dolares? vão é trabalhar, trabalhar e trabalhar, deixar de boa vida. quem o Governante faça Milagre em 2 anos, quando a quanrenta anos, não se fez nada.

    Vão trabalhar meus irmão, cada um no seu lugar, na sua condição e forma.

  18. inglaterra

    3 de Março de 2016 as 11:21

    voces nao sabem nada o povo santomense tem que abrir a vista voces tem que viajar para ver com a propria vista o que e disenvolvimento na europa . a pessoa para levar esse país afrente tem que ser o senhor doctor Gabriel Costa ele sim eu vou apoiar na Europa..eu vivo em inglaterra vou apoiar gabriel costa ele sim pela primeira vez na historia deste pobre pais e povo ele ajudou no seu mantado e as nacoes unidas reconhnseu o seu trabalho povo abri os olhos eu se tivesse o numero de telefone dele ligara a ele para diser que o meu voto esta nele

  19. precisamos de pessoas serias

    4 de Março de 2016 as 15:23

    Esse país está fodido, agora EMAE está a confundir a opnião pública. não sabia NÓS Por Cá defensores dos fracos e oprimidos, pensava que vocês dramatizava o que AFRO MEN cantava. Já fazem teatro de falsidade.
    FALKIN não sabes a quanto tempo viste tanta água, vai para Praia.

  20. STP Real da TVS

    5 de Março de 2016 as 12:54

    É pela primeira vez durante 40 ANOS QUE:

    1-O povo esta vivendo assim tanta pobreza e miséria

    2-Que surge um Governo envolvido e corrupto assim até ao pescoço

    3-Que a prostituição aumentou tanto ass no país

    4-Que o consumo e negócio de drogas aumentou tanto no país
    5-Que a delinquência aumentou e alastrou pelo país

    6-Que o país e a sua população está vivendo este martírio da falta de água potavel e energia eléctrica

    7-Que gente está matando gente para sobreviver

    8-Que um 1º ministro gasta assim TANTO DINHEIRO DO ESTADO com viagens sem qualquer benefício para S.Tomé e Príncipe

    9-Que TVS e Radio Nacional tornou sede de um partudo pilitico o ADI

    10-Que aparece um 1º Ministro Patrice Trovoada tão corrupto,mentiroso, aldrabão, mafioso e com todos os tipos de vícios possíveis e imaginários.

    Em resumo:

    Tudo isto sim :

    “É pela primeira vez durante 40 anos”

  21. Juropiga

    26 de Abril de 2016 as 14:15

    È muito estranho haver criticas constantes de alguns ou digamos 15% desta populacao ao partido do Governo ADI mas nao vejo nesteS comentarios, opiniao para solucoes, ja estou nos meus 40, Nasci neste Pais, e que eu saiba nenhum dos Partidos que estiveram no Governos anteriores, resolveram o problema energetico, a minha pergunta aos senhores leitores e criticos do ADI è: nao sou de partido nenhum mas com que moral venhem voces criticar este Governo sobre a situacao electrica neste Pais? Tenhem estes senhores problemas de memoria, na minha opiniao deveriam è ficar calados.

  22. Juropiga

    26 de Abril de 2016 as 14:32

    Inglaterra, nao facas comentarios tristes, faça a sua limpesa, receba alguns Trocos de beneficios, com calma e nao escreva asneiras, edentificas como Inglatera e sertamente estas la ha muito pouco tempo e deixas muito mal a quem la esta ha mas de 20 anos, Gabriel Costa, foi a pior desgraca deste Pais.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Recentemente

Topo